História My secret dark side - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aparências, Drama, Secretária
Visualizações 35
Palavras 1.735
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


olá unicornios fabulosos como vocês estão,vamos lá para mais um capitulo,espero que goste,comentarios são bem vindos.

Capítulo 7 - Pleasure


Depois daquela conversa com o V, eu não consegui dormir, me revirei 50 vezes na cama e o sono não veio e logo o amanhã se tornou hoje, enquanto não conseguia dormir fiquei pensando na minha decisão e só confirmei que sou trouxa, acreditem quando a gente monta uma relação baseada em sexy nunca é só sexo sempre tem algo a mais nunca é algo sem compromisso agora tem que saber qual é a parte que ficou com o algo a mais e nesse caso fui eu,o ser humano nunca aprende quanto mais a gente se fode mas a gente se entrega e foi isso que eu fiz,eu sempre fui diferente, meus pais não me aceitavam nem o meu estilo mas eu sei que eles me amavam nossa quem já perdeu algo sabe a saudade que eu sinto antes eu questionava a Deus, por que ele me deixou sem ninguém?, por que ele me abandonou?,por muito tempo eu neguei sua existência, dizia que era Ateia, mas no fundo eu tinha fé, porque quando eu tava sozinha, chorava, gritava, mas tudo isso conversando com Deus, muitas coisas aconteceram na minha vida, Boas e ruins, eu tive que aprende a me virar muito cedo e isso não é facíl, como uma amiga me disse uma vez,eu sou uma menina que aprendeu a ser mulher muito cedo e como eu sempre digo idade não define nada e nunca definiu,efim,segunda-feira é meu aniversario e finalmente faço dezoito e no dia do meu aniversario tem show do Justin Bieber, juro a vocês que morri ,muitos me perguntam por que o Justin é meu cantor favorito e hoje eu vou responder, como eu já disse passei por poucas e boas então um dia quando eu resolvi desistir de tudo,ou seja,me suicidar, estava pronta pra pular da varanda do prédio e acabar com tudo,eu escutei uma musica sua que estava tocando na radio, LIFE IS WORTH LIVING ( A vida vale a pena ser vivida), assim que ouvi me pus a chorar e cantarolando ela desci da varanda e lutei pra chegar onde estou , a vida minha gente realmente vale a pena ser vivida, nós depressivos nunca queremos realmente morrer só queremos que a dor acabe e a minha ainda está cicatrizando, eu gosto de sexo,do prazer,do calor,do toque,podem me chamar de devassa eu não ligo, sou quase uma nifomaniaca,um dia conto todas as minhas aventuras e no fim eu ainda quero alguem para me abraçar,para me proteger,apoiar e roubar as roupas dessa pessoa,alem de perfume masculino,gosto de algumas roupas se eu achar bonito eu compro,são 17h da tarde e eu to no tédio esperando dar 20h para ir ao paraiso/inferno,eu prefiro não criar expectativa porque a gente sempre quebra a cara quando cria expectativa, mas uma pergunta não sai da minha mente, será que vai ser bom?,sinceramente não sei se quero saber a resposta,como mulher geralmente demora a se arrumar,deu 18h comecei a me arrumar, tomei um banho relaxante,esfreguei todas as partes para ficar tudo cheirozinho se não o Boy corre,terminei o banho,comecei a depilação,odeio pelo no corpo,tiro tudo ate do braço,já nos boys eu não gosto de pelo na barriga ,peito e costas,os resto pode deixar,nas meninas gosto que tirem tudo também mas é opção das pessoa aceitar ou não,terminei de me depilar e comecei a passar um hidratante pois geralmente a pele fica ressecada então é bom passar,terminei de me hidratar, Meu celular estava tocando KISS ME do Ed Sheeran, a música quem V tocou pra mim no seu quarto ao ouvi-la meus pelos se eriçaram todos, o universo não faz isso comigo, dei uma aparada no meu cabelo pois as pontas tavam muito ressecadas,agora ele ta um chanel acima dos ombros mais não tão curto,também to pesando em fazer mais três tattoos,um peixe oriental nas costelas,uma rosa vermelha no peito esquerdo e Game Over nos dedos,pentei o cabelo,passei desodorante,perfume,inclusive na perseguida acredite ajuda,vesti uma calcinha de renda preto,um short jeans curto,um moletom grande cinza e um all star branco,passe so base corretivo e pó so pra esconder as olheiras e imperfeições,escovei os dentes,peguei a chave de casa,da moto e o celular,durante minha conversa com o V trocamos de número de telefone para ficar mais facil a comunicação,não coloquei sutian ,olhei o relogio 19:30,mandei mensagem pra ela dizendo que estava saindo de casa,ele respondeu ok,sai do AP,fechei o mesmo,desci o elevador até a garagem,subi na moto e me encaminhei para sua casa.

(...)

40 MINUTOS DEPOIS

estava parada na frente da sua porta,nervosa e exitada ao mesmo tempo,num dilema se tocava ou não a capainha,Tik Tok,é agora,a porta não tardou a ser aberta revelando um Viktor só de calça moletom cinza,exibindo seu taquinho e a tatuagem de borboleta,seu cabelo estava bagunçado e havia algo novo no seus nariz,era um piercing no septo quase igual ao meu sendo que o meu é prata e o dele azul.

-Você colocou um piercing?-.eu e minha curiosidade nunca aprendemos até filtro falamos e fazemos o que nós da vontade.

-oi lice,tudo bom com você também?-.nossa.

-desculpa-.

-não precisa se desculpar e não,na verdade eu já tinha esse pircing faz tempo mas não uso pra trabalhar-.

-ahh! entendo-.nossa lice como você é apombaiada.

-vamos entrando ta frio a fora,você quer guarda a moto na garagem?-.

-precisa não,obrigado-.ele me deu passagem e eu entre,ele me encaminhou para a sala,eu me sentei num sofa e ele  em outro de frente para mim.

-já que vai ser uma relação baseada em sexo deveríamos estabelecer regras,o que acha?-.ele começou.

-acho uma boa ideia,você já pensou em alguma?-.

-já,1 não quero tornar nossa relação publica pois isso é algo só nosso,2 não me peça um futuro não posso te dar isso,3 eu posso se pegar outras garotas assim como você pode pegar outros garotos,4 não faça perguntas sobre minha vida pessoal e 5 não vamos ser um casal então não vamos agir como um-.odiei todas as regras dele mas aceitei,fiquei 1 minuto calada pensando em tudo,tetando absorver tudo e no fm cheguei a uma conclusão.

-eu concordo com as suas aqui vão as minhas,1 não me de falsas esperanças,2 não me iluda,3 não pergunte sobre a minha vida,4 não me force a nada,5 não me proiba e não ouse por um segundo sentir ciumes de mim ou achar que manda em mim,6 não vamos sair para lugar nenhum . se caso alguma das partes querer mudar algo as duas tem que conversar e entrar em um conssenso e por ultimo se alguma das partes quebrar algumas das regras,a relação acaba-.

-ok,estou de acordo,antes de começarmos vou te fazer duas perguntas que sempro faço as minhas fcantes-.

-ok-.

-quantos anos você tem? e se você é virgem?-.odeio isso.

-tenho 17 anos e não sou virgem-.ele não expressou nada,ah v sempre frio e indiferente.

-eu não transo com menor de idade Lice,eu posso ser preso-.

-primeiro idade não define nada,segundo faço 18 anos na segunda-feira,você escolhe se quer continuar ou não-.

-vou me arrepender-.não tanto quanto eu.

-venha comigo-.se levantou e pegou na minha mão me levando até seu quarto,fechou a porta e antes que ele começasse algo,me pronuciei.

-so um aviso eu não faço com as luzes acessa e não gosto que me toquem muito-.

-mas comigo vai ser diferente-.chegou perto de mim e susurrou no meu ouvido.

-eu sei das cicatrizes e apesar de odiar o fato de você se machucar ao mesmo tempo as amo pois faz parte de você-.ama?,ele nem me deu tempo de pensar ou responder,atacou meus lábios num beijo intenso,sua língua travava uma batalha com a minha,o beijo gosto,daqueles de tirar o folego,minhas mão abraçavam seu pescoço e as dele minha cintura,ele começou cuidadosamente a tirar meu moletom,nos separamos para facilitar a retirada e ele viu que eu estava sem sutian deu um sorriso malicioso de lado,que me arrepio,subiu um fogo naquela região que meu deus,ele veio ate mim com os olhos faiscando desejo,luxuria,seus olhos azuis estavam mais escuros como o de um predador e eu era a presa,ele passou suas grandes mãos pelas laterais do meu corpo me causando um frio na barriga,suas mãos repousaram no meio seio estavam quentes,agora sim eu estava no paraiso.

LICEPOVOFF

VIKTORPOVON

finalmente podia toca-la,senti-la,nossa como ela é linda,ela é perfeita em varios sentidos,comecei a massagear seus seios lentamente,ela começou a gemer baixinho o meu nome,me chamando,eu pegava nos bicos,puxava,apertava,soltava,depois de um tempo deitei ela na cama e coloquei seus seios na boca revesando entre o direito e o esquerdo,chupava forte,mordia devagar,rodeava com a língua,sua mão alisava minha nuca me matendo ali.

-arg! Viktorrr...-.eu sabia que ela precisava demais,beijei seus pescoço,chupei mordi para marca-la,ela é minha não importa o que eu diga o ela diga,fui descendo meus beijos até sua barriga,sua pele estava arrepiada e eu gosto do efeito que causo nela e ela em mim,penis estava duro feito rocha,implorando por ela,cheguei no cos do seu short,abaixei revelando sua calcinha preta,sexy,isso só me exitou mais,note que ela estava insegura pois suas cicatrizes estavam expostas.

-ahhh! lice você é tão linda-.abaixei sua calcinha revelando sua intimidade,tão pequena,tudo nela é pequeno,aproximei meu nariz de sua intimidade,o cheiro dela é doce,viciante,passei a lingua de leve pelo seu clitoris,ela segurou com força meu cabelo,ele esta muito molhada e sensivel,dei umas mordidinhas nós seus labios e ela se contorceu,sim,eu estava torturando ela.

-Viktor me chupa logo porra-.

-seu desejo é uma ordem-.introduzi minha lingua junto com meu dedo indicador,fazia um vai e vem forte e rapido,lice gemia loucamente meu nome.

-goze para mim-.isso foi o suficiente para liberar seus goze adocicado pelo meus labios.

-ai ai,minha vez-.ela me puxou me colocando em baixo de si e sentou com sua boceta no meu pau,se esfregando nele devagar e forte sedenta por mais,ela mordeu forte no meu pescoço com certeza ficaria a marca,foi descendo pelo meu abdome,mordendo,beijando,chupando,espalmando sua mão,arrancou minha calça junto com a cueca,meu pau saltou para fora,ela o olhou e lambeu os labios olhando para mim deu um sorriso digno de um filme porno,ficou de 4 com a boca perto me pau,pegou suas duas mão e começou uma masturbação lenta,subia e descia gostoso com suas mão,depois lambeu só a cabecinha,dando um assopro gelido na cabeça do meu pau,me causando uma nova sensação de prazer ,sem mais nem menos o abocanhou por completo,sugava como se não houvesse amanhã,minhas veias saltaram e eu gozei,ela engoliu tudo.

-pronto para brincar amor?-.ela disse sorrindo safada...

Ninguem nunca vai te dar o prazer que eu posso,não se engane.

 


Notas Finais


até o proximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...