História My sister's babysitter (Satzu) - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Capítulo um!


Fanfic / Fanfiction My sister's babysitter (Satzu) - Capítulo 3 - Capítulo um!

 Pov's sana

Eu não sei mais o que fazer. Minha vida já não era tudo isso no Japão. Imagina na Coréia. Quando meus pais disseram que iríamos mudar, eu pensei que era tipo... Pra outro bairro! Ou até outra cidade, outro estado... Mas nunca pensei em mudar de país. Ah, pode nem ser tão ruim assim. Eu não tenho amigos mesmo. Só tenho minha família. E minha família (que moram comigo), que no caso é minha mãe, meu pai, minha irmã, e minha vó, vão comigo. Graças ao curso de coreano que eu faço a 4 anos, sou fluente. Ha! Agora eu sei porque de eu fazer essa merda. Meus pais já tinham tudo em mente, safados. Acho que sou bipolar porque agora estou tipo, muito animada! Nós vamos embarcar no avião agorinha. Socorro, eu tô com medo, ou eu estou ansiosa, ou é fome, sei lá estou nervosa que vontade de gritar

(........)

Já faz uma semana que estamos aqui e sinceramente... É muito top! Ontem nós saímos para conhecer melhor a cidade e talz. Aqui é tudo tão lindo, tão... Sei lá. Eu estou feliz demais. 

Segunda, no caso amanhã, eu vou para a escola nova, e infelizmente minha irmã de 5 anos vai estudar comigo. Não entendo como uma escola permite que crianças de 5 anos estudem junto com adultos. Fala sério, vou ter que aguentar aquele insuportávelzinha todos os dias porque nosso turno é o mesmo. Não vou poder nem pegar ninguém porque terá uma mini espiã me observando.

Ontem eu desci para comer alguma coisa e minha irmã estava com um esqueiro na mão. Claro que como uma irmã responsável eu tirei da mão dela, só que eu o coloquei no mesmo lugar, palmas para a adolescente mais burra do Japão, opa, da Coréia. 

E depois que isso aconteceu minha irmã acidentalmente colocou fogo nas caixas que guardavam as roupas de dança da minha mãe, mas como Deus é uma pessoa boa ele fez minha irmã jogar a caixa na piscina antes de queimar as melhores memórias da infância / adolescência da minha mãe. E é claro que a culpa veio pra mim e eu fui chamada de irresponsável. E também não é a primeira vez que acontece algo do tipo pela minha burrice e pela curiosidade do meu demôn- da minha irmãzinha.

E agora, meus pais querem contratar uma babá. Me senti super humilhada, porque eu tenho 15 anos e não consigo tomar conta de uma criança de 5, e espero que eu aprenda a cuidar de crianças porque senão eu não vou poder ser professora de dança, como eu sempre sonhei. E se eu não for professora de ballet eu vou chorar muito porque quando as coisas dão errado eu choro. Prazer, Minatozaki Sana, e a propósito, eu gosto de meninas. 

Pov's Tzuyu


Finalmente minha carreira de babá vai para frente. Vou ser babá de uma garotinha de 5 anos chamada Yumi. Só não entendi a história de ela ter uma irmã de 15 anos... Porque a irmã não cuida?! Os pais de Yumi trabalham quase o dia todo, e pelo o que eu vi eles até viajam as vezes, e eu vi também que antes, a avó cuidava mas parece que ela já está idosa demais para isso. E eu sei que 5 anos não é uma idade fácil, já fui babá de várias crianças com essa idade e elas não param um minuto, tanto de falar quanto de se mexer.

Mas acho que vai ser bom cuidar de Yumi. Amanhã eu já começo. Chego às 14:00 depois do almoço e vou embora as 20:00. Não atrapalha meus estudos e eu ganho um bom dinheiro. Eles são ricos demais, se for a casa que eu acho que é, é uma mansão enorme. 


Segunda, 7:35 Am


- Yumiiiiiiiiiiiii! Cadê meus brincos? Você some com tudo! Já mandei não mexer nas minhas coisas! 

- Já falei que eu não peguei seus brincos! E eu fico muito mais bonita com eles.

- Você só tem 5 anos garota! Não devia nem ter furo nas orelhas.

Eu odeio que mexam nas minhas coisas! Não entendo porque minha irmã tem que ser essa pestinha, as vezes tenho vontade de arrebentar ela! Não que eu tenha coragem, é só vontade mesmo.

A aula começa as 08:00 e eu nem vi as salas ainda, Yumi me paga! Pelo menos vamos de carro e nosso motorista disse que a escola é bem perto.

Finalmente Yumi desce, quero só ver como vai ser, ela não sabe falar coreano direito, o máximo que sabe foi o que eu ensinei quando descobri que nos mudariamos para cá. 

(....)

Chegando na escola todos ficaram olhando para mim, não sei dizer qual é a minha sensação sobre isso. Não estou acostumada.

Achei a sala de Yumi e deixei ela lá, assim que achei a minha entrei e perguntei para umas meninas se alguém sentava no lugar que escolhi, elas responderam que não então sentei ali mesmo. Segundos depois o sinal toca indicando o início das aulas.

Passou tudo bem até a hora em que a professora mandou formar duplas. As meninas que eu perguntei sobre alguém sentar onde eu escolhi estavam em duas, aí uma delas disse que ia sentar comigo.

Seu nome é Hirai Momo, ela também é japonesa, a gente conversou bastante enquanto fazíamos a atividade. A amiga dela, mina  também não é coreana. Mina é japonesa.

Passei o intervalo todo com Momo, mina, chaeyoung, e mais três meninas chamadas Jeongyeon, Nayeon e Dahyun, que são de outras salas. Na hora do intervalo vi minha irmã em uma mesa com as novas amigas dela. Ela me viu, e acenou sorrindo, acenei de volta e as meninas olharam para ela e começaram a perguntar quem era. Falei que era minha irmãzinha e elas ficaram dizendo que ela é igual a mim, que é fofa e coisas do tipo. Acho que sou muito grossa com minha irmã, eu sei que é complicado cuidar de criança mas ela só tem 5 anos, exige paciência. 

Assim que acabou a aula, saí da sala me despedindo das garotas e indo atrás da minha irmã que já estava no carro.Chegando em casa já fomos almoçar. É hoje quem vem a babá nova. Ela chega as 14:00. Perguntei pra minha mãe sobre ela e ela disse que ela tem 17 anos e que se chama Tzuyu . Se ela for chata eu corto o cabelo dela escondida. Mentira. É brincadeira.

Yumi já foi puxando a menina pro quarto dela. Assim que elas entraram eu IA pro meu quarto pra fazer qualquer coisa mas Yumi me chamou para brincar com elas. Eu não queria causar uma má impressão então aceitei.

A babá já chegou, vou lá cumprimentar ela. Ela é bonita, cabelo longo (não dá pra cortar este cabelo lindo, ficaria com pena ) alta. Sorriso lindo. Ai.

- Prazer, eu sou a tzuyu.

- Oi, eu sou sana, irmã de Yumi

Continua.......


Notas Finais


Intão Continua??.....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...