História My Son's Pediatrician - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Tags Amizade, Baekyeol, Chanbaek, Família, Hunhan Kids, Kaisoo, Menção Vhope, Sulay, Xiuchen
Visualizações 127
Palavras 1.574
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu sei que faz muito tempo e sinto muito por isso.
Acabei perdendo a minha beta então vou voltar a me virar sozinha,esse capítulo devia ter saído há muito tempo mas acabei tendo bloqueio nessa história.
Peço que tenham paciência comigo, irei me esforçar ao máximo.
Irei revisar mais uma vez

Capítulo 4 - Capítulo 3


Não queria mesmo sair mas depois de ser ameaçado cinco vezes pelo casal VHope,apelidados carinhosamente pelos nossos amigos assim.

Coloquei a roupa que Hoseok havia escolhido, minhas roupas não era muito nas modas e isso fez que o mais novo de nós fizesse uma careta.

 

- Hyung, suas roupas são mais velhas que é a minha adorável vózinha - Taehyung murmurou inconformado. 

 

- Não enche moleque - respondi sem um pingo de paciência, logo me arrependendo em seguida.

 

- Que isso perdeu a noção do perigo? - Hoseok perguntou irritado, puxando o namorado para um abraço. 

Taehyung era um pouco carente demais e isso fazia Hoseok ficar mil vezes mais irritado mesmo sendo a flor como o mais novo gostava de chama-lo. 

- Me desculpe Tae - murmurei me sentindo culpado. 

- Tá tudo bem hyung - Taehyung sorriu retangular, seu sorriso me lembrava alguém mas não sabia dizer quem ao certo. 

Depois de ser vela do casal cheio de amor e felicidade, finalmente fomos para o tal parque de diversões onde Minseok ameaçou a todos se déssemos um furo em cima da hora.

Assim que chegamos no novo parque logo notei como o mesmo era iluminado e cheio de brinquedos, com certeza levaria meu filho para vir brincar aqui mesmo que alguns brinquedos não fossem para a idade do meu pequeno. 

- Finalmente chegaram, Minseok estava quase indo busca-los pessoalmente -Jongdae disse aliviado assim que nos viu na entrada.

- Não é culpa nossa se não consegue controlar o seu marido - provoquei de brincadeira. 

- Nossa -Jongdae fez um bico magoado, desde quando todos ficaram tão sensíveis? 

- Chanyeol -Minseok me repreendeu. 

- Chega seus frescurentos. Minseok hyung, por que não mostra aquela pessoa para o Chanyeol? -Hoseok perguntou sorrindo sugestivo, que diabos estava acontecendo? 

- Meu amor fica aqui com meninos -Minseok pediu e logo saiu me arrastando. - Chanyeol seja sincero com o seu hyung, há quanto tempo você não tem um relacionamento? - Minseok perguntou com um tom sério. 

-Ah...eu não tenho tempo para essas coisas -respondi me sentindo um pouco constrangido. 

- Sabe quem eu vi por aqui? - Minseok perguntou mas não me deixou responder.

- Exatamente o médico -Minseok sorriu.

O pediatra do meu filho estava aqui mas por mais que me esforçasse para entender, não conseguia, meu Deus estou ficando velho mesmo.

- Mas o que isso tem haver comigo? - perguntei confuso, afinal não éramos nem amigos. 

- Se aproxime dele simples. Se você não sair daqui com o número do celular dele, eu te mato. Ouviu? -Minseok me ameaçou.

- Tá bom - concordei com um resmungo.

¤

-Kyungsoo, não acredito que me arrastou para o seu encontro. Por acaso tem medo do Jongin? - perguntei um pouco preocupado. 

- Claro que não! -Kyungsoo respondeu e logo sorriu, que gracinha ele realmente está apaixonado pelo moreno. 

-Hyung, ele está demorando -Kyungsoo choramingou nervoso. 

- Talvez seja culpa do trânsito - respondi tentando deixa-lo mais calmo e pareceu funcionar por alguns instantes. 

- Kyungsoo!-Jongin sorriu indo ao encontro do futuro namorado. 

-Jongin!-Kyungsoo sorriu animado e logo correu para ficar ao lado do moreno,me deixando de lado é claro. Vela no encontro mas que maravilha, não? 

- Oi Baek hyung-Jongin me comprimento 

- Olá - sorri ao notar que os dois estavam de mãos dadas. 

- Nossa mas que vontade de comer um algodão doce -sugeri me afastando aos poucos do casal que nem percebeu.

Agora sou só eu e um parque gigante para aproveitar. 

Mas não menti quando disse que iria comer algodão doce,sou uma criança no corpo de um adulto.A fila estava repleta de criancinhas de vários tamanhos, um mais fofo que o outro. 

Paguei pelo meu algodão e fui direto para um banquinho desfrutar do meu doce. 

Sempre me imaginei com filhos mas por causa da minha sexualidade isso se tornou quase impossível, bom quase pois tem muitos casais que ficaram anos na justiça e conseguiram adotar uma criança mas existe também aqueles que usaram barriga de aluguel mas não consigo me imaginar alugando uma barriga.

Mas quem sabe mais para frente consigo adotar uma criança finalmente.

-Byun? -Ouvi alguém me chamar e logo o reconheci pela voz. 

- Chanyeol? - sorri ao reconhece-lo 

- Oi -Chanyeol respondeu com um tom doce,adorável. 

- Luhan está com você ?- perguntei curioso, já que não vi por perto. 

- Não - Chanyeol respondeu e logo fez um bico. - Junmyeon roubou o meu filho e Minseok me obrigou a vir para o parque. 

- Entendo. Sou a vela de um encontro mas agora eles parecem mais se importar com o meu afastamento - disse sincero, o que era verdade já que os vi trocando carinhosas e beijinhos como um adorável casal de adolescentes. 

- Não é mais vela, hyung! Estou aqui para lhe fazer companhia - Chanyeol sorriu. 

- Será que posso chama -lo assim? - perguntou envergonhado. 

Agora eu sei de certeza de quem o Luhan herdou toda a fofura. 

- Claro que sim - respondi e logo sorri 

-Hyung que tal um cachorro quente? - Chanyeol perguntou

Nossa faz muito tempo mesmo que não como qualquer coisa desse tipo.

-Claro que sim - respondi animado 

- Eu já volto -Chanyeol avisou e logo saiu.

Fico imaginando como está o Kyungsoo mas tenho certeza que o mesmo está bem.Demorou alguns minutos para Chanyeol voltar e lá estava ele com uma pipoca,dois refrigerantes e dois cachorros quente, oh como ele não derrubou tudo? 

Corri para ajudar antes que o mesmo derrubasse. 

- Aqui Baek-Chanyeol me entregou as comidas,sorri em agradecimento. 

- Obrigado - murmurei e logo mordi um pedaço do cachorro quente. 

Um silêncio confortável se fez presente 

- Olha aqueles jogos impossíveis de se ganhar! -Chanyeol apontou para a máquina onde havia vários ursinhos dentro.

- Luhan sempre quis um daqueles - Chanyeol comentou. A maioria de como falava do filho era simplesmente fofo. 

- Então vamos tentar a sorte - sugeri rindo e logo estamos nós dois perdendo para a máquina. 

- Isso é impossível -Chanyeol disse irritado.

- Tenho certeza que ninguém consegue pegar - disse tentando consolar o maior, foi então que vi Kyungsoo com um grande urso em seus braços e um Jongin sorrindo com a cena.

Parece que o jogo era apenas impossível para nós dois em questão. 

- Eu vou tentar agora - avisei colocando uma das minhas últimas fichas na máquina.

- O que você quer? -perguntei rindo. 

- Byun! - Chanyeol resmungou como uma criança. 

- Eu vou tentar pegar esse ursinho azul para você então - avisei enquanto tentava pega-lo. 

E eu consegui incrivelmente. 

- Prontinho - sorri lhe dando o urso em suas mãos. 

- Isso não é justo - Chanyeol reclamou. 

- Vamos nos brinquedos? - sugeri 

- Ja sei qual - Chanyeol sorriu e pediu para que eu o seguisse então assim eu fiz. 

Entramos em um tipo de casa mal assombrada, ele parecia estar se divertindo enquanto eu me segurava ao máximo para não gritar de susto. 

Foi então que ouvimos um grito e por pouco não gritei de susto.

- Hoseok? - Chanyeol perguntou e eu me senti perdido. 

Foi então que prestei atenção 

- Meu amor me desculpe. Se acalma - ouvi a voz do garoto mais alto com um tom preocupado. 

- Isso foi idéia do Minseok hyung - o garoto mais baixo murmurou assustado e logo o abraçou. 

- Taehyung, Hoseok? - Chanyeol chamou os dois garotos que o olharam na hora.

- Hyung - O mais alto ri enquanto fazia carinho no outro. 

- Taehyung o que estão fazendo aqui? - Chanyeol perguntou, ele parecia preocupado. 

O tal Taehyung fez sinal para que os seguíssemos.

- Minseok disse para o meu Hobi que eu estava aqui dentro mas na verdade eu tinha ido ir comprar algo para comermos - Taehyung explicou 

- Minseok é um demônio - Chanyeol riu foi então que olhou para mim.- Baek esses são meus amigos, Kim Taehyung e Jung Hoseok.

- Olá - sorri para o casal que retribuiu sorrindo. 

- Ele é o hyung de vocês então o trate com respeito - Chanyeol explicou com um tom sério mas eu sabia que estava apenas brincando. 

- Sim senhor - O casal concordou em coro. 

- Nós estamos indo na cabana de amor,querem ir com a gente? - Hoseok perguntou e eu corei envergonhado, não queria ser vela desse casal cheio de amor.

- E isso existe? -Chanyeol perguntou confuso. 

- Não. Só queria ver a reação do seu namorado -Hoseok respondeu 

Se antes estava corado agora então era o próprio tomate.

- Ignora eles Baek - Chanyeol resmungou envergonhado. 

- Nós estamos indo para casa -Taehyung avisou 

- Oh eu preciso ir -avisei e notei o olhar de Chanyeol 

- Mas já hyung? -Chanyeol perguntou 

- Chanyeol - ouvi a voz de um dos seus amigos se aproximar com pressa. 

- O que houve? -Chanyeol perguntou preocupado 

- O Luhan tá chorando muito -Minseok respondeu cheio de preocupação. 

- O meu filho tá o que ? - Chanyeol parecia estar em choque. 

- Vamos logo para a casa do Suho. É por isso que eu não queria sair!- Chanyeol parecia irritado. 

Foi então que resolvi me intrometer antes o mesmo explodisse. 

 - Eu posso ajudar - disse um pouco mais alto ganhando a atenção do pai da criança. 

- Vamos por favor - Chanyeol pediu e assim o segui.


Notas Finais


Vou arrumar a formatação mais tarde. Eu tem alguns capítulos prontos das minhas outras fics para arrumar também ai,eu realmente sinto muito mais acabei tendo muitos problemas pessoais.
Até em breve


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...