História My Sweet Boy - Kim Taehyung (ShortFic) - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V)
Visualizações 39
Palavras 1.988
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Está aqui mais um Cap... me desculpem a demora... Eu tava sem muita ideia pra escrever ;-;

Espero que gostem.... e perdoem os erros please ;-;

Capítulo 15 - Taehyung... E-eu...


Fanfic / Fanfiction My Sweet Boy - Kim Taehyung (ShortFic) - Capítulo 15 - Taehyung... E-eu...

26 de Março de 2019 -22:45-

A mesma me olha com os olhos lacrimejados e a mãos na boca eu olho com a esperança de ouvir um aceito, e havia algumas pessoas observando, eu já sentia um nó em minha garganta e meus olhos arderam…

-Não....- disse ela e eu senti meu mundo cair, eu segurava intensamente para não chorar… mais uma vez rejeitado… -Não posso recusar esse pedido vindo de você- disse ela que logo pulou em cima de mim me abraçando

-Você realmente aceita?- pergunto olhando para a mesma

-Claro que sim- disse ela me olhando e eu coloco a pulseira em seu pulso

-Agora você é minha garota- disse sorrindo a olhando

-Sempre fui sua garota- disse ela sorrindo e a beijei, dava pra ouvir o pessoal batendo palma

A mesma colocou a minha pulseira em meu pulso, e continuamos a aproveitar o nosso encontro, tiramos algumas fotos juntos, eu tirei várias fotos dela… essa noite foi realmente maravilhosa… teve também algumas provocações enquanto estávamos no táxi para voltar pra casa… ao chegarmos na cama mesma paguei o táxi e fomos para entrada de sua casa, assim que a mesma abriu a porta entrou e eu entrei atrás da mesma, assim que fechei a porta a mais velha me prenssou na parede e começou a me beijar intensamente enquanto colocava suas mãos em minha nuca, seguro em sua cintura a puxando pra perto e desço minhas mãos até suas coxas a impulsionando pra cima e a mesma prende suas pernas em minha cintura freccionando nossas intimidades me fazendo gemer sem parar o beijo, e a coloco contra a parede e a mesma arfa separando o beijo

-Tae…- a mesma sussurra

-O que foi meu amor- sussurro para a mesma a senti arrepiar já que minha voz estava mais grossa por conta da excitação e por eu sussurrar

-Eu quero tanto você Tae…- sussurrou a mesma que logo voltou a me beijar intensamente… meu membro já estava dolorido, eu sentia minha calça mais apertada que o normal

Suas mãos desceram pelo meu peitoral e adentraram minha camisa fazendo um leve carinho em minha barriga, algo que me fez arrepiar, logo minha camisa é retirada me fazendo separar nosso beijo, a mesma pressiona ainda mais seu quadril ao meu fazendo com que eu morda os lábios fortemente reprimindo um gemido, a mesma retira sua própria blusa revelando seu sutiã preto com detalhes vermelhos... algo extremamente excitante, realçava sua pele a deixando sexy, levo meu rosto até seu pescoço onde deixo um Chupão e beijo desçendo até o vale entre seus seios dando uma leve mordida na pele exposta de seus seios, levo minhas mãos até suas costas indo até o fecho do sutiã o abrindo o retirando de seu corpo e jogando em algum canto da sala, avanço em seu seio esquerdo o chupando brincando com seu bico dando uma leve mordida no mesmo a fazendo arfar alto, e faço a mesma coisa no outro

-Tae… me põem no chão- pediu ela e assim fiz - Seria melhor se você encostasse na parede- falou ela e eu já entendi o que ela pretendia fazer, fiz o que ela falou e me encostei na parede -Aproveite a sensação meu amor- falou ela sorrindo travessa enquanto retirava sua calça ficando apenas de calcinha

A mesma se aproximou de mim me deu um selinho logo descendo os beijos para meu pescoço onde deixou um chupão e foi descendo os beijos pelo meu peitoral indo para minha barriga e até meu umbigo, a mesma me olhou sorrindo e começou a desafivelar meu cinto e abriu minha calça descendo o zíper e logo abaixou a mesma revelando minha cueca azul escuro, era perceptível a manchinha branca bem onde estava a cabeça de meu membro, e o volume do mesmo estava grande, eu a ajudei a retirar minha calça e a mesma levou sua mão até meu membro ainda coberto o apertando me fazendo gemer alto

-Você está tão duro Tae…- disse a mesma apertando meu membro de novo me fazendo soltar outros gemido

-Ja-Jagya…. Hmmm…- gemi mordendo o lábio

A mesma mordeu seu lábio e desceu minha cueca lentamente fazendo meu membro saltar pra fora o que me fez arfar por me sentir "Livre", a mesma olhava atentamente para meu membro, o mesmo estava com a cabecinha meio rosada e tinha um pouco de pré gozo escorrendo pelo mesmo, e as veias estavam bem saltadas, a mesma rodeou sua mão no mesmo começando movimentos lentos de vai e vem, me fazendo morde o lábio

-Oooooooh…- gemi jogando a cabeça pra trás quando a mesma colocou a cabecinha na boca -Hmmmmm….- gemi quando a mais velha fez garganta profunda

Ela fazia movimentos lentos com meu membro em sua boca, me fazendo gemer manhoso quando passava a língua no buraquinho da minha glande, eu sentia minhas pernas meio bambas de tanta excitação, meu membro estava bem sensível... sentia que podia gozar a qualquer momento

-Ja-jagya…Hmmm... para…. Eu não… para ja-agya...Ooooh…- tentei pedir para ela parar já que eu não queria gozar na boca dela porém era interrompido por meus gemidos, meu membro já estava pulsando e quando eu estava perto de gozar ela parou me fazendo arfar em reprovação

A mesma se levanta do chão e retira sua calcinha vindo até mim, ela coloca seus braços em volta do meu pescoço e eu coloco minhas mãos em sua cintura a colocando contra a parede, a mesma avança me beijando já enfiando sua língua em minha boca levanto uma de suas pernas a colocando na minha cintura e me aproximo mais nossos corpos, seguro em meu membro o passando pela sua intimidade que estava extremamente molhada fazendo com que ambos arfassemos pelo contato, levanto um pouco mais sua perna buscando ter mais contato e posiciono meu membro em sua entrada e entro lentamente a fazendo gemer manhosa enquanto mordo meu lábio abafando o gemido… sentia suas paredes internas me apertarem me fazendo arfar, seguro em sua outra perna dando impulso para a mesma entrelaçar suas pernas em minha cintura o que me fez entrar mais fundo dentro dela, espero alguns segundo e logo começo a me movimentar lentamente, saindo devagar de entrando devagar indo até o talo

-T-tae…- gemeu baixo -V-vai mais rápido- pediu ela e eu comecei a me movimentar mais rápido fazendo o barulho de nossos corpos se chocando ecoar pela casa

-A-assim meu a-amo-or?- perguntei com um pouco de dificuldade por conta da respiração acelerada

-Aaaah T-tae... hummm...- a mesma falou gemendo e logo avançou me beijando desesperadamente

Aumento a velocidade das estocada indo mais forte e fundo fazendo com que alguns gemidos interrompessem o beijo

-Tã-ão ap-pertadinh-a Jagya… Ooooooh- Falei gemendo já sentido meu baixo ventre formigar avisando que eu estava perto de gozar

-Hmmm... tão-o bo-bom- gemeu ela e eu senti sua intimidade me apertando ainda mais, ela também estava perto

Coloquei meu rosto na curvatura de seu pescoço tentando ir Mais mais rápido e mais forte, a pernas da mais velha começaram a tremer e sentia minhas pernas meio bambas

-Ta-tae…hmmmmmmmm- gemeu ela gozando enquanto passava suas unhas em minhas costas tentando descontar o prazer

-Aaaah Ja-jagya… Eu tô qu-quase…- Falei indo mais rápido -Ooooooooooh- gemi sentindo minhas pernas tremerem e meu líquido saindo, quando olhei pra baixo para intimidadeda mais velha vi nossos líquidos se misturando escorrendo pela intimidade da mesma… e mesmo que eu tenha gozado eu ainda sentia meu membro meio duro, sai de dentro da mesma e a ajudei a ficar em pé e logo a abracei deixando meu rosto na curvatura de seu pescoço

-Você ainda tá meio duro disse- disse a mesma em um tom baixo

-Quando eu for tomar banho eu vou resolver isso- Falei baixo

-Nada disso…- disse a mesma que logo desfez o abraço -Vem, vamos para o quarto- disse ela quanto segurava minha mão entrelaçando nossos dedos me levando até o quarto, assim que adentramos o mesmo a mais velha me levou até a cama -Deita- pediu ela e assim fiz, a mesma subiu em cima de mim ficando em cima do meu membro sem penetrar -Apenas relaxe- disse ela e eu acenti

A mesma pegou em meu membro o masturbando lentamente me fazendo arfar e soltar gemidos baixos, logo a mesma se levanta encaixando meu membro em sua entrada e descendo lentamente me fazendo arfar alto, assim que desceu por completo ela se curvou pegando eu meus braços os colocando acima de minha cabeça, os segurando com as duas mãos, e ela logo começou a dar reboladas me fazendo morder os lábios, por eu já ter gozado eu estava mais sensível, ou seja posso gozar ao qualquer momento… a mesma começa a quicar em meu membro me fazendo gemer alto e manhoso

-A-amor… Hmmm…- gemi manhoso tentando soltar meus braços

-Você está perto meu amor… Você está pulsando…- disse ela que logo aumentou a velocidade de suas quicadas, eu a sentia me apertando, ela também tá quase gozando

-Aaaaaaaaaaanh…Oooh… Oooooooh- gemi gozando enquanto retirava os olhos em prazer, a mesma continuo quicando a procura de seu orgasmo prolongando o meu, e logo a mesma gozou caindo em cima de mim com a cabeça na curvatura de meu pescoço

Ficamos uns 5min dessa posição tentando controlar nossa respiração e logo ela saiu de cima de mim se deitando ao meu lado e virei de lado a olhando

-Eu tô exausto- disse a olhando a puxando pela cintura para ficar mais perto da mesma colocando minha cabeça na curvatura de seu pescoço

-Eu também...- disse ela me abraçando e fazendo carinho em meus cabelos e logo adormeço

*Taehyung Off*

{Quebra de tempo}

*S/n On*

27de Março de 2019 -09:05-

Acordo com a luz do sol batendo em meu rosto, me espreguiço sentindo a mão de Taehyung em cintura, me viro para olha-lo e o mesmo estava de bruços o lençol cobria só a parte de sua cintura para baixo, seus cabelos estavam bagunçados e acima de seus olhos, o sol realçava sua pele bronzeada, me levanto da cama vou até o closet e pego uma camisa do mais velho que estava ali em casa e a coloco e vou até o banheiro, ao entrar no mesmo começo a fazer minhas higienes e do nada começo a ficar tonta e uma anciã de vômito vem e vou até a privada abrindo a mesma e colocando tudo pra fora, deve ser apenas um enjoou matinal… se bem que já é a terceira vez essa semana que isso acontece… mas eu não posso estar grávida, todas as vezes que e eu e Taehyung transamos ou usamos camisinha ou eu tomava pílula

~Flashback On~

-Vamos Tae…- reclamo para o mais novo -Eu quero te sentir- falo manhosa

-Calma Jagya... preciso achar uma camisinha- falou o mesmo enquanto olhava a gaveta do criado mudo

-Vamos fazer por favor… amanhã eu tomo pílula…- eu disse -Por favor TaeTae… entra em mim- pedi manhosa novamente e o mesmo apenas voltou para a cama, ao subir ficou entre minhaspernas -Esta pronta?- perguntou me olhando e eu acenti

~Flashback Off~

Eu não tomei pílula depois que a gente transou na casa dele... começo a mexer nos armários a procura de um teste de gravidez já que a Allya tava suspeitando e comprou um pra mim o guardando por aqui…

-Achei- falei pra mim mesma

Respirei fundo durante uns 5min e fiz o teste esperando o resultado, fechei os olhos com medo do resultado, respeitei fundo novamente e olhei… Não acredito… deu…

-D-deu positivo-o...- Falei baixo pra mim mesma enquanto olhava aqui com os olhos cheio de lágrimas

-Jagya?- chamou taehyung -Ta tudo bem?- perguntou -To entrando- disse e logo em seguida entrou, o mesmo estava com uma cueca box preta -O que foi Jagya?- perguntou - Por que você está chorando?- perguntou novamente enquanto se aproximava -O que isso?- perguntou me olhando, o mesmo estava com uma cara de interrogação

-Eu... E-eu… T-tô… Tô gr-grávida Taehyung- Falei olhando para o mesmo


Notas Finais


Espero que tenham gostado...

Eu gostei do hot... Mas acho que eu podia ter feito melhor...


E só avisando que vou resumir o máximo possível essa história, era pra ela ter acabado no Cap 13... por isso irei resumir a mesma ;-;

Até o próximo Cap <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...