História .My Sweet Sweetie Love; - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescentes, Colegial, Drama, Escolar, Novela, Originais, Romance
Visualizações 30
Palavras 685
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, FemmeSlash, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Orange, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Slash, Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Self Inserction, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpem again por ontem não ter tido capítulo, mas, aproveitem essa belezinha hoje e preparem o coração pros dois de amanhã! <3

Capítulo 10 - "Você é tão perfeita, eu sou tão sortudo..." (Semi-Hot)


(Hellena's P.O.V)

Acordei, com um pouco dor de cabeça, e percebi que estava em um local estranho, abraçada com alguém, minha visão estava embaçada, mas em pouco tempo voltou ao normal.

Eu estava em um quarto muito grande, e abraçada com o Gabes, que ainda estava dormindo.

Primeiro, porque eu estou abraçada com ele?

Segundo, cara, ele é muito lindo dormindo, hahahaha!

Como pode? Hellena, você tá doida!

Mas, temos que aproveitar os momentos, então apenas me apoiei em um braço na cama e comecei a observá-lo, detalhe por detalhe, até tocar seu rosto para afastar alguns fios de cabelo que estavam sobre ele, o que me tirou um sorriso.

Ele é muito precioso, eu não sei, mas eu só quero ficar olhando ele pra sempre.

Estava tudo bem, até eu perceber que ainda estava em semana de aulas, e me virar para ver a hora.

Pequei meu celular e eram 8h da manhã, já não dava mais tempo.

Senti a cama se mexer, acho que alguém acordou.

(Gabriel) B-Bom dia Lena...

Olhei pra ele e ele estava coçando os olhos sentado na cama, e quando parou, olhou pra mim com os olhos inchados, só senti vontade de me jogar e beijar ele, mas não podia, ele não me considera nada, afinal.

(Hellena) Bom dia Gabes, dormiu bem?

(Gabriel) Sim...

Ele deu um sorriso e desviou o olhar, como se tivesse lembrado de algo.

(Gabriel) E você?

(Hellena) Sim, eu acho, eu perdi o filme, não foi? Hahahaha

(Gabriel) Ah sim, uma parte! Hahahaha

A voz rouca dele eu acho que é algo de outro mundo de tão perfeita...

Quando percebi, estava em um transe, onde havia fixado meu olhar em sua boca, então logo subi até seus olhos, que também me fixavam.

Ficamos nos encarando até começarmos a nos aproximar, eu queria, queria muito ele, não estava certa de tudo ainda, mas me deixei levar no momento.

Nossas bocas se tocaram, agora com um beijo longo e cheio de sentimento, não apenas um desafio de algum jogo.

Ele tocou meu queixo e eu coloquei minha mão em seu pescoço, o aproximando de mim.

Ele me deitou na cama novamente, ficando sobre mim, ainda me beijando. Eu sentia meu corpo em guerra, tantos sentimentos correndo sobre mim, tantos pensamentos em minha cabeça, sendo ofuscados apenas por um, ele.

Ele parou por um momento e me olhou, tirando sua camisa lentamente, por fim a jogando no chão.

Parei um pouco para analisar a visão que havia sobre meus olhos, ele é perfeito em todos os sentidos.

Voltamos a nos beijar, agora minhas mãos estavam em suas costas, minhas unhas o exploravam, eu estou em um paraíso.

Ainda me beijando ele começou a retirar minha camisa, mas havia um fato...

Eu já estava sem sutiã!

Ele começou a me observar, eu me senti corar, não tinha me dado conta da situação até o momento, eu estou basicamente nua na frente do Gabriel!

Ele passou suas mãos por minha cintura, voltando a me beijar, apenas passei meus braços por seu pescoço, não tinha como voltar atrás agora.

Agora quem parou o beijo fui eu, começando a desabotoar minha calça.

Ele então começou a tirar sua bermuda também, assim que acabou, o empurrei, assim ficando por cima agora.

Acabei ficando de joelhos na cama, me curvando para beijá-lo, mas conseguia sentir algo a mais pelo fino pano de minha calcinha.

Ele pôs suas mãos em minhas coxas, subindo até a barra da minha calcinha, a abaixando.

Acabei de tirá-la por mim mesma, agora estava totalmente despida na frente dele, e a ideia me agradava.

Voltei a ficar na mesma posição que estava antes, agora mais colada a ele, o que me fazia sentir ainda mais o volume sobre minha intimidade.

(Gabriel) Cara, você é tão perfeita, eu sou tão sortudo...

Ele começou a acariciar meu rosto, logo me puxando para outro beijo, até que começou a abaixar e beijar meu pescoço, o que me fez soltar um leve gemido.

Comecei a me movimentar mais, especialmente meus quadris, agora era a hora, eu quero, eu quero muito.

Eu quero ele.


Notas Finais


Não me matem, tchau <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...