História "My Sweet Vampire" - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 87
Palavras 1.040
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, turu paum? Desculpem o Capítulo pequeno

Capítulo 12 - "Como ele pode?"


Fanfic / Fanfiction "My Sweet Vampire" - Capítulo 12 - "Como ele pode?"

"Ele começou a se aproximar mais lentamente por causa dos ferimentos, olhei para uma janela atrás de mim e vi um cenário onde não tinha casas, somente uma floresta e pensei em pular, porém me lembrei do colar e Yoongui me olhou assentindo com a cabeça. Me pegou no colo e pulou a janela quebrando-a correndo para dentro da floresta e eu pude ouvir Jungkook xingando alto dentro da casa."

(S/n): - Onde vamos nos esconder?- Perguntei enquanto ele me soltava do colo dele e ele soltou uma risada irônica.

Yoongui: - Nós? Não sou eu que estou sem colar. - Falou ele saindo da floresta mas eu o seguro.

(S/n): -  Que bicho te mordeu?- Perguntei e ele se virou pra mim.

Yoongui: - Você, ela, todas as duas me usaram como brinquedo sexual. - Ele disse em um tom banhado de irritação.

(S/n): - Como assim? Está louco?

Yoongui: -  Pelo visto você e a vadia da Yuri não são iguais somente na aparência. - Ele saiu correndo enquanto eu ficava gritando seu nome por alguns minutos.

"Estava começando a escurecer assim pelo menos eu podia sair dali, sentei em um tronco esperando o tempo passar, me lembrei do que o Jungkook me disse e acabei chorando mais que antes.

"Limpei minhas lágrimas já que estava morrendo de fome e não queria mais chorar por causa de Jungkook, sai daquela floresta e fui a cidade, hipnotizei um cara é fiz ele me seguir até um beco e o ataquei, acabei matando ele de tanta fome que eu estava e acabei soltando algumas lágrimas pelo monstro que mora dentro de mim ter sido acordado, nem me lembro da última vez que matei alguém, é bom não me lembrar na verdade. Fiquei ali observando aquele cadáver em minha frente enquanto meus pensamentos foram direcionados a Mark, será que já o enterraram? Fui até o hospital"

(S/n): - Boa noite eu estive no hospital alguns dias atrás e gostaria de saber sobre um paciente que morreu, seu nome é Mark Tuan.

Enfermeira: - Eu não tenho nenhum documento com o nome desse falecido, mas tem um lugar onde tem algumas pessoas falecidas que estão sem documento em um refrigerador, gostaria de checar?

(S/n): - Por favor.

"Dito isso ela me mandou segui-la, entramos em uma porta cinza onde tinham vários "Armários" com cadáveres congelados até o enterro, suponho que o corpo de Mark esteja em um deles, olhei em todos mas não vi nenhum igual ao Mark, eu vi um armário vazio e pelo que parece estava quebrado os outros estavam todos sem nenhum arranhão só aquele estava despedaçado"

(S/n): - O que houve?

Enfermeira: - Eu...- Ela parecia confusa.

(S/n): -  Está tudo bem?- Ela pegou um bisturi que estava no bolso do vestido que ela usava e cortou a própria garganta. - MOÇA!

"Eu vi todo aquele sangue me descontrolei e agarrei o pescoço dela, quando recuperei meus sentidos e percebi o que eu estava fazendo sai correndo dali mas me descontrolei e trombei com um banco, sentei nele e fiquei assustada comigo mesma enquanto minha mente gritava todos os pensamentos de uma vez, seria possível alguém roubar um corpo?Ou seja lá o que fizeram com o corpo do Mark, eu tenho que achar. Sai desses pensamentos quando ouvi uma briga em um beco próximo, as vozes me eram familiares, fui até lá e ouvi Jungkook gritando com alguém, espiei e vi que era Yoongui"

Jungkook: - Faz a merda e depois fica achando ruim ser brinquedo! - Ele disse frio.

Yoongui: - Eu não fui brinquedo de ninguém, não pelo menos com ela, (S/n) se entregou a mim por vontade própria. - Eu ouvi um barulho de Jungkook de aproximando dele e enfiar uma estaca no coração dele.

Jungkook: - Eu quero que você apodreça no inferno, Min Yoongui. - Ele terminou de enfiar a estaca que naquela altura já tinha atravessado o corpo de Yoongui.

"Coloquei a mão na boca com lágrimas começando a descer do meu rosto e quando percebi eu estava encarando Jungkook e o corpo de Yoongui, ele se virou e começou a vir na minha direção eu sai correndo até a floresta que eu estava mais cedo, me joguei no chão e desabei em lágrimas. Como Jungkook era capaz de fazer aquilo olhando nos olhos dele, sem sentir nada? E ainda queria vir em minha direção pra me dar o mesmo destino de Yoongui, ele não merecia... E se fosse eu no lugar dele? Ele me mataria olhando em meus olhos?"

XxX: - Por que está chorando?- Escutei uma voz feminina mas não consegui reconhecer, olhei pra todos os lados mas não vi ninguém.

(S/n): -  Quem está ai? Vi uma silhueta feminina saindo detrás de uma árvore e limpei minhas lágrimas ainda no chão tentando ver quem era. - Quem é você?

XxX: - Eu já tive vários nomes. - Ela chegou perto e ficou me rondando olhando pra mim. -  Diabo, paraíso, vadia, perdição, mas e você... também alimentou as fantasias dele? fez tudo o que ele quis? - Disse num tom maldoso e se ajoelhou ficando da minha altura e olhando para mim.-  Só posso imaginar um motivo para ele ter ficado com você. Uma puta seria mais caro, e com você, é de graça . - Falou ela com o mesmo tom.

(S/n): - Quando senti que ela ia fazer um movimento para me atacar eu me afastei correndo mais perdi o controle e bati em uma árvore. - Droga! - Murmurei e ela riu ironicamente.

XxX: - Essa é a famosa (S/n) que põe medo em todos? Uma vampira fraca que não consegue nem controlar o próprio vampirismo e a sede? Te matar vai interessante. - Ela começou a vir na minha direção.

(S/n): - Vou falar o que eu sempre falo. - Falei saindo de perto da árvore  - Você pode tentar. - Ela veio na minha direção correndo e pegou meu pescoço em uma tentativa de me enforcar me deixando a alguns centímetros longe do chão enquanto eu cravava meus dedos nos olhos dela e ela aumentou a força no meu pescoço me deixando sem ar, vi ela sendo empurrada pra longe batendo em uma árvore eu caí no chão tentando recuperar o ar.

XxX-Quanto tempo, (S/n). - Ele me disse de costas mas eu reconheci aquela voz.

(S/n): - Sim...é mesmo muito tempo...Klaus


Notas Finais


GENTE, me desculpem pelo capítulo pequeno novamente, o próximo será bem maior,
Desculpem os erros ortográficos
Continua?
Annyeong ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...