História My Trafficker - Imagine Park Jimin - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7, TWICE
Personagens Baekhyun, BamBam, Chaeyoung, Chanyeol, Chen, D.O, Dahyun, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jihyo, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jungkook, Jungyeon, Kai, Lisa, Lu Han, Mark, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Sana, Sehun, Suga, Suho, Tzuyu, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Visualizações 274
Palavras 1.332
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção Científica, Hentai, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction My Trafficker - Imagine Park Jimin - Capítulo 3 - Capítulo 2

Ele pegou algemas na cômoda ao lado e prendeu meus pulsos,eu me debatia tentando me soltar.Não estava encenando a garota bobinha,estava realmente querendo me soltar.Aquelas algemas eram mais fortes do que pareciam ser.

—  não adianta,nem tente  —  diz  o Park pegando outras coisas dentro da gaveta.Vi minha visão sendo tampada por uma gravata azul marinho.Já não podia ver nada,ele colocou algo em minha boca,tinha um formato de bolinha e passava em volta de minha bochehca contornando a nuca.Senti minhas roupas serem rasgadas e saírem de contato com o meu corpo  —  se eu soubesse que era tão gostosa  —  passeava descaradamente sua mão por minhas curvas,fazendo um choque percorrer por onde sua mão chegava.Senti um peso em cima de minha pélvis me empedindo de mover o quadril.

Jimin P.O.V's On

Sentei-me em cima de seu quadril e logo encaro seus grandes seios sendo apertados pelo sutiã.Rasgo aquela peça e vejo seus seios pularem.Pego em minhas mãos e começo a massagea-los,eram tão macios e quentinhos,seus bloquinhos eram rosadinhos e pequenos,coloco o esquerdo na boca vendo que a menor ficou inquieta.Chupao seu biquinho rígido delicadamente ouvindo alguns resmungos.Ela começou a se contorcer um pouco tentando se soltar,saio de cima de seu corpo me deitando ao seu lado,me apoio em um cotovelo ainda chupando seusfartos seios,desço minha mão livre por sua barriga logo adentrando em sua calcinha a fazendo fechar a perna e prender minha mão entre elas.

dou um chupao forte seguida de uma mordida a fazendo intender e abrir a perna.Deslizo meus dedos toda sua feminilidade vendo sua respiração ser prendinda.Abro dois de meus dedos e logo os fecho apertando seu clitóris entre eles vendo que a mais nova reagiu levantando levemente o quadril e finalmente soltando um baixo gemido por conta da mordaça em sua boca.Começo um estimulação rapida vendo a mesma respirar pesado,suas mãos apertavam a algema e seus seios tremiam um pouco por conta das rápidas estimulaçoes em seu íntimo.Solto-me de seu seio e tiro a mordaça de sua boca  e arranco sua calcinha,e antes que ela fechasse suas pernas,encaixo minha cabeça entre suas pernas logo lhe penetrando minha língua ouvindo um alto gemido da mais nova.Fazia movimentos rápidos com a língua e o mesmo com a estimulação ouvindo seus prazerosos gemidos altos,penetro-a dois de meus dedos fazendo movimentos lentos.Vejo que a menor tenta regular a respiração e então lhe dou um tapa na bunda aumentando os movimentos vendo a mesma voltar a gemer tão alto quanto antes.

—  esta gostando?  —  pergunto rouco e a mesma não respondo  —  ESTA GOSTANDO?  —  Pergunto mais alto vendo a mesma ascentir rapidamente   —  geme meu nome minha putinha  —  mando.

—  j-Jim-Innn  —  a mesma geme um pouco alto me fazendo arrepiar.Nunca havia sentido isso em anos de transa com piranhas qualquer  —  mai-s ra-pi-dooooo   —  aumento a velocidade e a mais nova goza em meus dedos.

Direciono meus dedos melados com seu melsinho para minha boca.Seu gosto era adocicado.Me abaixo e lambo sua feminilidade,estremamente vermelha e si com seu gozo,sem deixar uma gota se quer.Pego uma camisinha e visto em meu membro e logo a penetro com força vendo que a mesma logo contrai o corpo para trás afundando a cabeça no travesseiro.Abro as algemas e a mesma tira a gravata de seus olhos,seguro em seus cabelos e começo a estocala fortemente vendo que sua intimidade apertada se contraia apertando mais ainda meu membro me fazendo gemer.Nunca na minha vida havia gemido para nenhuma mulher nem para Rosé.

Deito minha cabeça  em seu ombro sentindo suas unhas se encravarem em minhas costas.Mordo seu ombro abafando meus gemidos mas não deu muito certo pois logo voltei a gemer.A garota abaixo de mim tinha a entrada pequena,apertada e quente o que me fazia a querer mais.Estava com uma imensa vontade de ficar aqui no quarto o dia todo fodendo com ela.Dou uma estocada funda nela a ouvindo gemer bem mais alto.Dou outra estocada no mesmo lugar e mais outra e outra passando a estocar somente ali.Coloco meu membro inteiro dentro de sua feminilidade e logo sinto sua respiração pesar e um líquido quente escorrer na base de meu membro já que a camisinha não cobria aquela região.S/n havia gozado novamente.

Volto a estoca-la na intenção de logo chegar em meu orgasmo,minhas estocadas não tinha aqueles pequenos intervalos.Eram rápidas e frenéticas,estava indo tão rapido que podia sentir o corpo,fervente,de (s/n) ter espasmos.A mais nova puxava meus cabelos e arranjava meu pescoço.Eu Jamais deixaria uma mulher me marcar mas nao sei o que esta havendo comigo hoje.

Assim que gozo,saio de dentro dela,e tiro a camisinha dando um no e a jogando no lixo.(S/n) se sentou de lado de costas para mim me possibilitando ver suas grandes e lisinhas nadegas.

—  gostou BabyGirl?  —  pergunto me deitando ao seu lado.

—  odiei!  —  a mesma diz,pude sentir a mentira soar na sua fala.

—  BabyGirl má,irá ser punida por mentir  —  Fui rápido.A coloquei deitada de barriga para baixo em meu colo  —  será que se eu bater vai doer?!  —  digo alisando sua linda e avantajada bunda Mas logo dou o primeiro tapa,forte,que fez (s/n) tentar se levantar mas desistiu assim que levou outro tapa  —  olha,já está ficando vermelhinha  —  digo alisando sua n adega que tinha um tom rosado mas logo foi se tornando um vermelho clarinho.

—  disgraçado  —  a mesma disse com o rosto contra o travesseiro.

—  o que?   — lhe dou outro tapa mas dessa vez em sua outra nadega  —  não intendi pode repetir  —  lhe dou um tapa que foi mais forte do que todos e foi o suficiente para faze-la gemer de dor.Ah estou ficando duro de novo.

—  p-para  —  ela praticamente implorou baixinho.

—   oi?  —  lhe dou mais um tapa.

—  PARA  —  ela gritou e eu a joguei no Chão logo puxando seu cabelo a pondo de joelho no chão.

—  não grita comigo!  —  lhe dou um tapa no rosto e logo a garota assentiu lentamente.Me arrependi de ter feito isso.Me levanto da cama ficando de pé na sua frente ainda segurando seu rosto  —  me chupa  —  ordenei e ela negou  —  eu não estou pedindo,estou mandando!  —  aproximo mais seu rosto de meu pau que já estava ereto novamente,a mesma pegou com suas mãozinhas e o colocou na boca  —  isso... Boa menina  —  jogo a cabeça para trás ao sentir sua língua em contato com minha glande.Caio sentado na cama sentindo minha glande tocar sua garganta pegando uma saliva mais espessa fazendo aquilo se tornar um oral mais gostoso  —  hnmmm... gostosa  —  começo a gemer meio descontrolado  —  que boquinha maravilhosa  —  digo começando a ditar os movimentos a fazendo ir mais rápido.Meu pau invadia sua garganta a fazendo ter ânsia e tentar tira-lo da boca mas eu logo o colocava mais fundo.Ela encravava suas unhas em minhas cochas e assim que gozo meu líquido sai e eu acabo por gozar em seu rosto o que escorreu um pouco em seus seios  —  se limpe  —  digo e a garota fica olhando em volta do quarto  —  não finja que não intendeu lamba logo a porra de seu Daddy BabyGirl  —  digo e me deito na cama vendo a mesma passar a mao no rosto tirando toda a goza e olhando para suas maos sujas  —  ande logo com isso!  —  a garota começou a lamber lentamente olhando para baixo.Estava me sentindo um lixo por trata-la assim.

"PARE COM ISSO JIMIN!VOCE CONHECEU ESSA GATOTA HOJE!E É ASSIM QUE ELA DEVE SER TRATADA"- minha mente gritava comigo.Assunto para mim mesmo voltando a olhar a garota que agora parou de lamber as mãos as passando na própria cocha.

—  ei!venha aqui  —  chamo e a garota vem andando de joelho até mim —  deite-se aqui  —  chamo e a garota nega  —  quando eu lhe disser algo,não estarei pedido e sim mandando!ande!deite se aqui  —  a puxo e a ponho deitada em cima de mim  —  durma!quando baterem na porta chamando para jantar me acorde  —  digo nos cobrindo com o edredom e logo pegando no sono.







Notas Finais


;-;
Desculpem minha tamanha demora para postar mas tá ai
Espero que tenham gostado e até semana que vem😚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...