1. Spirit Fanfics >
  2. My Two Boyfriends >
  3. Capítulo 01

História My Two Boyfriends - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Eu juro que vai ficar maior
Eu juro
Me desculpe qualquer erro

Capítulo 2 - Capítulo 01


- Jungkook, meu filho você vai gostar da sua nova escola, eu te garanto.

- EU NÃO VOU! – minha voz sai abafada por causa do edredom que me cobria dos pés a cabeça.

- Jeon Jungkook Roberto Pinto, você vai se levantar dessa cama ou eu não respondo por mim.

Roberto Pinto? Que ?

- ...

- é um

- ...

- é dois

- ...

- é...

- Mas que droga – saio debaixo do edredom ficando de pé .

- olha só, já estou vendo que se arrumou

- ommaaaa

- nem vem que não tem, você aceitou o acordo Jungkook

Droga de acordo maldito.

- vamos, você já está atrasado. Seu irmão vai deixar você e sua irmã .

- eu odeio minha vida.

Eu poderia está o que? Dormindo, lendo meu livro ou sei lá mas não, minha omma me odeia ou o universo. Eu odeio escolas. O que tem de bom? A não ser pessoas chatas e professores que odeiam ou não suportam os seus alunos?

Vou te dizer. NADA

Eu poderia continuar tendo aulas dentro de casa como antes, sempre fui muito inteligente, sou um ótimo filho, sou praticamente um moço pra casar.

- chegamos cambada!

- Jaehyun você é tão...

- lindo, legal, simpático?

- tão idiota – minha irmã não é um amor. Sentiu a ironia? Olha que ela está de bom humor hoje

- e você é um amor – Eun-bi sai do carro batendo a porta com certa força – sua...Ei kook

- Hum

- não vai entrar?

- por favor mano diz pra omma que a escola pegou fogo ou foi abduzida e que levaram nossa irmã junto mas não me faz entrar lá – junto minhas mãos e uso meu ultimo truque na manga.

O biquinho.

- pode esquecer Jungkook, vai entra – desgraçado.

- eu.te.odeio

- odeia nada

- odeio sim

- anda Jungkook – saio do carro bufando – ei!

- que?

- cê cuida

É estou sozinho nessa.

E lá vai meu irmão com seu carro velho amarelo que se destaca na multidão me deixando na cova dos leões pra ser devorado.

Estou sendo dramático? COM CERTEZA

Entro na minha mais nova escola onde passarei um ano estudando, uhu!

Sou empurrado de um lado pra outro feito bola, os alunos passavam por mim com pressa e eu estava perdido naquela multidão.

- ei!

Meu pai amado, o que eu fiz?

- sim...?

- você deve se Jeon Jungkook, certo?

Vamos analisar a situação, estou de frente de um garoto de cabelos loiros com um penteado que combina com ele, fardado (como todo mundo dessa escola) mas de um jeito digamos... atraente e com um óculos de grau deixando seus olhos um pouco maiores, ainda por cima, para melhorar o combo, ele estava sorrindo pra mim.

E eu estou parado quase tendo um AVC de tão nervoso que estou, não sou acostumado a ter contato com outros jovens iguais a mim.

- sim...? – o ser estranho sorri ainda mais para mim.

- certo. Jungkook, eu sou Park Jimin e sou o responsável de leva você até sua sala. Bom, você já está atrasado então não vai ser possível apresentar a escola mas posso levá-lo para pegar seus horários.

- sim...

Tudo que sai da minha boca são “sim"

Ótimo! Jungkook você não sabe se comunicar com pessoas

- tudo bem...eh vamos?

O tal Park Jimin começa a anda para (eu creio) a secretaria e eu sigo logo atrás com a cabeça baixa e sem falar nada.

- Neide! Você está bonita hoje, fez algo no cabelo?

- oi Jimin, não vem me bajular, não

- eu tô falando sério

- tá tá, o que você quer?

- além de um sorriso seu, preciso dos horário do aluno Jeon Jungkook

- é novato? – ela olha pra mim da cabeça aos pés

- é

- Hum – ela pega uma folha e entrega ao Park – aqui está. Ah eu me chamo Neide qualquer coisa é só vim aqui na secretaria meu anjo.

- por que você também não me chama de anjo?

- porque você está mais pra demoniozinho. Anda, leva o menino para a sala dele.

- ok. Toma Jungkook esses são seus horários recomendo que faça uma cópia e deixe em casa caso perca

- o-obrigado...

- ...é... sim! Vamos até sua sala ou perderemos também a segunda aula. Tchau Neide

Fomos para minha primeira aula ( que na verdade é a segunda do meu horário ) Park me deixa em frente à sala, logo resolvo entra nela.

A sala estava cheia de alunos olhando para mim como se eu tivesse duas cabeças e minha vergonha ataca novamente.

- Jeon Jungkook?

- sim

- sou sua professora de biologia, pode sentar

Sento no primeiro lugar que vi. Minhas orelhas estão queimando pela vergonha junto com o nervosismo, estou sentindo meu coração acelerar, minhas mãos estão suando frio.

Acho que vou infartar.

- quatro olhos, esse é o meu lugar – olho pra pessoa que falou comigo.

É um garoto de estatura baixa, pele branca, olhos pequenos e vestia como aqueles famosos personagens escolares revoltado com a vida, além de ter tatuagens BEM amostra.

- de-desculpa mas não vejo o seu nome

- foda-se, vaza do meu lugar porquê hoje estou sem paciência

- n-não vou sair

- como é que é? Tá afim de morre nerdizinho – ele segura minha camisa me deixando próximo de seu rosto.

- senhor Min yoongi, se não quiser visitar nosso querido diretor peço que solte seu colega e sentasse logo

- droga – ele me solta e se afasta de mim e eu finalmente consigo respirar como uma pessoa normal.

Por buda , por que eu sou assim?

- podemos começa a aula? Obrigada

- meu querido você tem noção do que fez? – olho pra pessoa que se pronuncia e vejo outro aluno se sentando do meu lado – eu sou Kim Taehyung, pode me chamar só de Taehyung

- Jeon Jungkook

- oi Jungkook, sou seu mais novo colega de sala.

- o-oi... do que você estava falando?

- ah, você não deveria ter mexido com Min yoongi ele é tipo um valentão da escola.

Meu dia não podia ter ficado melhor com essa informação.

Eu tô ferrado.


Notas Finais


Não tenho nada a declarar
E novamente desculpa qualquer erro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...