1. Spirit Fanfics >
  2. My vampire (ChanBaek) >
  3. Quem eu realmente Sou Pt-1

História My vampire (ChanBaek) - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


_൳◍⃝ࣱࣺ۫۫۫۫۫ꯨꥈ໋ Oiiiii Tae-x 💜


_൳◍⃝ࣱࣺ۫۫۫۫۫ꯨꥈ໋ Eu iria demorar um pouco para postar este capítulo mas como o capítulo de ontem não foi tão interessante assim,eu achei melhor postar o quanto antes..


_൳◍⃝ࣱࣺ۫۫۫۫۫ꯨꥈ໋ Cá estou eu postando para vocês,espero muito que gostem💜


_൳◍⃝ࣱࣺ۫۫۫۫۫ꯨꥈ໋ Agora...Para a leitura!

☆͈͈̭̬ꦿ໋͙⍣︵꫶๋❄️⏜꫶໋݊᷼.•°☆°❄️•..•.
⬚꒲⃨ٞٞ𐨎❄️⿻ ┊ ┊ ┊. ° • .
┊ ┊ ┊ ┊ ° • .
┊ ┊ ┊ . ° •
┊ ┊ . ° • . ° • . °

Capítulo 8 - Quem eu realmente Sou Pt-1


Fanfic / Fanfiction My vampire (ChanBaek) - Capítulo 8 - Quem eu realmente Sou Pt-1

Aqui estou eu, ajudando o Kyung a fazer um almoço explendido! Motivo? Minha preciosa mãe irá vir para cá hoje, então isso já é o suficiente para um almoço. Eu pedi a ajuda do Kyung pois se fosse só eu, está casa não estaria em pé mais,eu teria queimado ela e todos os meus móveis,e como vocês e nem eu queremos isso...o Kyung veio aqui.

-Falta muito?- pergunto já querendo me livrar,acho que já faz duas horas que estamos nessa cozinha!

- Baekhyun se você perguntar isso outra vez eu vou fazer você engolir essa panela!- meu deus..tá estressado ele.

-Nossa.. brigou com o Jongin?- pergunto e pego um morango escondido sem ele vê.

Toda vez que o Soo briga com o Jongin,eu e o Luhan sofremos para aturar ele. Uma vez ele brigou com o Jongin só que nem eu e nem o Luhan sabíamos, Luhan foi perguntar a hora a ele e o que ele ganhou foi o braço direito roxo pelo murro do Kyung. Fiquem longe dele quando ele estiver brigado com o namorado,e não dê uma de curiosa e pergunte se ele brigou com o Jongin,pq vocês vão acabar como eu,com um pisão no pé.

-Aiii...doeu...- vou choramingando para o sofá e sento no mesmo,tiro meu sapato e minha meia logo vendo meu lindo pezinho em um tom vermelho.

-Pra você aprender! E não,eu não briguei com o Jongin- amas... então pq pisou no meu pé energúmeno?

-Pq pisou no meu pé então?- uma outra pergunta que não se deve fazer,perguntar o motivo dele ter feito algo, mas como eu sou corajoso..eu pergunto mesmo.

-Deu vontade.- eu não digo é mais nada,vai que ele avança em mim pra me matar.

Luhan entra desesperado pela porta da minha casa e eu me levanto preocupado indo até ele,o Kyung não estava diferente de mim,até pegou um copo com água pra ele.

-Luhan respira!- eu falo. Ele quase não conseguia respirar e estava sentado no braço do meu sofá para não cair.

-O...O...O Jongin..- luhan só conseguiu falar isso enquanto tentava recuperar o ar. Kyungsoo acaba entrando em desespero e quer apostar quanto que eu também vou?

-O que aconteceu com meu NiNi? Fala Luhan!!- luhan não diz nada,estava se recuperando aos poucos e todo o desespero do Kyungsoo me contaminou.

-LUHAN FALA!- acabo gritando por causa do desespero e quando o Luhan finalmente se recomponhe ele fala.

-calma gente,eu só queria avisar que o Jongin convidou nós três para jantar na casa dele,e os três vão vim pegar nós três aqui,na casa do baek!- ele fala todo feliz e eu fico tipo..Vai dar susto na sua mãe! Kyungsoo por outro lado jogou a água do copo na cara dele e voltou pra cozinha.

-Vc assustou a nós dois Luhan!- falo e aos poucos vou acalmando as batidas do meu coração,se agitaram por conta do desespero.

-Desculpa...- ele levanta do braço do sofá e vai até a cozinha- hoje vai ter torta de framboesa é?- ele pergunta com um sorriso

-Sim, mas é para a senhora Byun!- Kyung fala e no mesmo instante Luhan se vira para mim

-Por que não me falou que a tia iria vir?- sim,eles chamam minha mãe de tia e não,minha mãe não liga,ela gosta.

-Eu não tive tempo...- mentira é preguiça mesmo. Quando o Luhan ia dizer algo, alguém bate na porta e eu vou abrir.

-Mãe!- Falo feliz assim que a vejo, abraço ela apertado e recebo seus beijos de luzes com todo amor.

-Vai ter só pra ele é tia?- Kyung fala e quando minha mãe olha para dentro da minha casa ela entra correndo ao ver os dois garotos

-Meus garotos que saudades!- minha mãe fala abraçando e dando beijos em cada um- vocês cresceram tanto,a última vez que os vi, só tinham 10 aninhos,pelo menos você né Lulu.

Minha mãe conhece eles dês de que eles eram bebês,fiquei sabendo a pouco tempo pelo Luhan,Luhan me conta tudo eu sei. Na época Luhan tinha 10 anos, Kyung 8 e eu 6, só que eu não lembrava deles. Hoje em dia eu tenho 18, Kyung 20 e Lulu 22, somos jovens né? Eu sei.

- Nós só crescemos mesmo ou também ficamos mais bonitos?- foi a vez do Kyung perguntar

-Ficaram bonitos também,os homens que vocês escolherem vão ter muita sorte!- luhan praticamente voa para o lado da minha mãe e fala.

-Ja escolhemos os pretendentes titia,o meu é um deus grego lindo maravilhoso gos- luhan foi interrompido por mim.

-ja entendemos Luhan!

-continuando...o nome dele é Sehun! O Kyung namora o irmão mais velho do Hunie, o Jongin! E sobrou o mais novo que também arrasa com a cara de todo mundo,homem lindo ele! Chanyeol,o futuro namorado do baek!- é o que? Não deu nem tempo de responder pois minha mãe já nos puxa pra mesa.

-que bom meus amores,depois quero saber mais sobre esses garotos! Mas agora estou com fome,podemos comer?- minha mãe pergunta já sentando na cadeira sendo seguida por nós três.

-Claro tia,vamos comer!- Kyung fala todo feliz, dá até medo.

-Mãe queria deixar claro que- Luhan me interrompe,mas eu tenho que falar que não tô nem aí pro Chanyeol,tá que ele é bonito... gostoso.. só de pensar sobe até um calor...mas eu não gosto dele!

-Que falta de educação Baekhyun, não pode conversar enquanto almoçamos!- luhan fala e quando eu iria responder ele minha mãe se pronúncia.

- O Lulu tem razão filho, não pode!- vejo o sorriso do Luhan e a minha vontade era que o Kyungsoo desse um murro nele, não muito forte é claro.. só para quebrar todos os dentes dele.o que me resta é ficar calado.

O dia passou voando,e com ele a hora da minha mãe ir embora estava chegando infelizmente,mas antes ela nos ajudou a nos arrumar para ir jantar na casa dos três irmãos pecaminosos,esse apelido foi dado pela minha mãe enquanto falávamos sobre os três irmãos pra ela.

Durante a tarde matamos a saudade falando o que aconteceu quando saímos de algum lugar,no caso a minha mãe saiu desta vila e o Kyung falou sobre a morte trágica de seus pais que nenhum de nós sabíamos,minha mãe me falou sobre os avanços do meu pai na empresa e que ele finalmente adotou o gato preto que ele tanto queria,Luhan falou sobre os três irmãos pecaminosos, é lógico,e eu falei sobre o que eu achava da vila, se estava gostando de morar aqui e várias coisas.

Agora cá estamos nós, Kyungsoo,luhan, eu e minha mãe,santados no sofá da sala esperando os irmãos chegarem. Assim que ouvimos alguém bater na porta o Luhan pulou do sofá e foi até ela abrindo a mesma,mas nenhum dos irmãos entraram aqui. Nos despedimos da minha mãe e eu fui até a porta para falar com os meninos.

-Jongin..minha mãe quer conhecer vocês,claro se não for incomodo!- eu falo,estava um pouco nervoso com a reação que minha mãe iria fazer ao ver tanta beleza.

-Claro,onde ela está?- ele aceitou? Sério? Eu entro em casa novamente deixando Luhan e Kyungsoo la fora com os três irmãos.

-Mãe..antes da senhora ir embora,quero te apresentar os três irmãos!

-os pecaminosos?- acabo rindo

-Sim,os pecaminosos!- saio para fora com minha mãe e a reação dela não foi uma das melhores..

Minha mãe me puxa pra longe deles como forma de proteger e eu fico sem entender,os vampiros não estavam diferentes,ficaram sérios de repente e o Jongin puxou o Kyung para trás de Si,Luhan estava igual a mim, perdido no meio disso tudo.

-O que estão fazendo aqui???- minha mãe pergunta,ela estava nervosa,era nítido em sua expressão e movimento.

-estamos fazendo amizade com o seu filho- Sehun fala com seus olhos prestando atenção em cada movimento da minha mãe,por que tanta precaução?

-O que- fui interrompido pela minha mãe.

- Baekhyun,sai daqui com os meninos!- ela fala sem tirar seus olhos dos três irmãos,nem piscando eles estão.

-Por que?- eu estava sem entender,eles já se conheciam? A é,lembrei que os pais do Sehun são conhecidos dos meus.

-Não quero que fiquem perto de monstros!- quando eu iria falar algo o Chanyeol pela primeira vez se pronúncia.

- Monstros? Vocês que nos matam e nós que somos monstros? Vocês que comemoram a nossa "morte" e NÓS que somo monstros?- morte? Que morte?

-Sim, vocês que são! Apenas comemoramos mortes de aberrações- minha mãe fala.

-eu prefiro ser uma "aberração" dq um mentiroso que esconde a verdade do filho- do que ele está falando..- Baekhyun- seu olhar foi direcionado a mim- pergunta para sua "mãe" o que ela esconde de você.

-O que a senhora esconde de mim?- olho para minha mãe quando faço a pergunta. Eu preciso saber o que está acontecendo,o que ela me esconde,mas confesso que tenho medo da verdade.

-Nada- minha mãe fala ainda encarando o Chanyeol.

-MENTIRA!- me assusto com o grito do Chanyeol,ele estava enfurecido,coisa que eu nunca vi antes.. confesso que estou com medo agora

- Chanyeol..- Sehun foi interrompido pelo mais novo.

-Fala pra ele a verdade Byun Baekhee, fala!- Chanyeol continua e eu estava cada vez mais ansioso, nervoso e assustado,o que era para ser um dia tranquilo de alegria se tornou totalmente o contrário..

- CALA A BOCA!!- minha mãe grita fechando seus olhos com força. Seu grito acabou chamando a atenção de alguns moradores.

-FALA!- Chanyeol continua, gritando cada vez mais alto que ela.

-mãe..por favor me diz...- peço em um fio de voz,já não lembro mais quando foi que comecei a chorar,mas eu estava neste momento derramando o que estava me atormentando pra sair. No momento em que eles escutaram a minha voz,olharam pra mim parando com a gritaria,mas não com o Assunto.

-Tudo bem- Chanyeol fala com sua voz baixa,talvez para não me assustar mais- se ela não vai falar,eu falo- ele se aproxima de mim e passa uma de suas mãos pelos meus ombros e aponta pra minha mãe- está mulher que você tanto chama de mãe, é uma mentirosa.byun Baekhee, não é e nunca será sua mãe Baekhyun!- o que...como assim...- ela quer apenas roubar o lugar da sua verdade mãe,mas não vou permitir.

- isso é verdade...- pergunto olhando para a minha "mãe", sem ligar para o meu choro- me responde por favor...

-não meu amor...- ela é interrompida pelo grito do Chanyeol

- ESTA MENTINDO!

- PAREM OS DOIS! NÃO ESTÃO VENDO QUE ESTÃO ASSUSTANDO E DEIXANDO O BAEKHYUN AINDA MAIS CONFUSO!- luhan grita deixando todos surpresos,nunca tínhamos visto o Luhan assim- eu não sei o que esta acontecendo,e não me interessa saber! Mas não vou deixar que vocês machuquem o Baekhyun dessa maneira- ele vem até mim e passa seus braços em volta da minha cintura- vamos entrar,vc está tremendo..- ele fala calmo perto de mim e vai pra dentro de minha casa comigo.

Antes de entrar me viro para o Jongin- Jongin..vem conosco pfvr..- ele faz que sim com a cabeça e nos segue.

Eu estava sentado no sofá, Jongin em uma poltrona a minha frente e o Luhan foi fazer um chá para mim.

-Vc..pode me falar a verdade, não é?- pergunto pra ele já mais calmo e ele faz que sim- então me diz pfvr!

-tem certeza?- ele pergunta e eu faço que sim- tudo bem..- ele respira fundo antes de começar a falar...

-Anos atrás,uma jovem mulher acabou se apaixonando por um vampiro aqui da vila,mas ela sabia que ele não poderia retribuir, então guardou esse sentimento para si mesma. O vampiro não poderia retribuir,pelo simples motivo dela ser uma humana e ele um vampiro,a vida dela estaria em perigo junto a ele. A mulher entendia perfeitamente os motivos do vampiro,tanto que para esquece-lo se casou com um homem aqui da vila,que a amou muito- ele faz uma pausa e pega o chá que o Luhan trouxe para nós dois- adiantando mais a história. O vampiro que ela amava estava sobe vigilância de um caçador, só que ele foi descuidado e não percebeu isso- ele bebe um pouco do chá- todos os dias a mulher ia se encontrar com o vampiro,no mesmo lugar que você encontrou o Chanyeol,na cachoeira- eu lembro do local, lembro onde é perfeitamente- em um dia específico que ela foi se encontrar com ele,ela viu um caçador e na mira dele estava o vampiro,o que fez ela se desesperar. Ela começou a correr o mais rápido que podia para tentar avisar a ele, só que ela não conseguiu,e pra salvar ele ela se jogou na frente da arma bem na hora do disparo- meus olhos dobram de tamanho- ela não resistiu infelizmente,e como vingança o vampiro matou o caçador.

-se ela não tivesse entrado no meio...o vampiro não iria morrer.. né? Eles não morrem com balas...pelo menos é o que eu acho..- falo e bebo um pouco do meu chá

-agua benta, é bom pra matar vampiro-ele fala em seu tom pacífico como sempre.

-mas..o que tem haver essa história cmg?- pergunto 

- O vampiro,era eu..- o que? Então ele realmente é vampiro!- o homem que a mulher se casou... é seu pai,Byun baekho-ele faz uma pausa,o que me deixa mais ansioso- e a mulher...era sua mãe,Byun Baeknie.

Nesse momento eu nem consigo respirar mais,meu coração batia mais rápido,começo a suar frio e as lágrimas caiam compulsivamente, não conseguia fazer parar. Escuto o Luhan,que estava lá esse tempo todo,tentando me fazer ficar calmo,mas era muito tarde,me entrego por completo ao mundo da escuridão,sem conseguir ver e nem ouvir mais nada.


Notas Finais


_൳◍⃝ࣱࣺ۫۫۫۫۫ꯨꥈ໋ prometo que vou tentar postar o próximo capítulo o mais rápido possível meus amores.


_൳◍⃝ࣱࣺ۫۫۫۫۫ꯨꥈ໋ quem gostou favorita e comenta, só assim para que eu posso saber que estão gostando e que devo continuar.


_൳◍⃝ࣱࣺ۫۫۫۫۫ꯨꥈ໋ bjs Tae-x 💜

☆͈͈̭̬ꦿ໋͙⍣︵꫶๋❄️⏜꫶໋݊᷼.•°☆°❄️•..•.
⬚꒲⃨ٞٞ𐨎❄️⿻ ┊ ┊ ┊. ° • .
┊ ┊ ┊ ┊ ° • .
┊ ┊ ┊ . ° •
┊ ┊ . ° • . ° • . °


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...