História My Vampire (Jikook) - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 92
Palavras 1.514
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vou postar mais um capitulo, porque sim ^-^
Tá ai um shipp que eu sempre quiz fazer, mas nunca achei uma maneira de fazer ele ser real

Capítulo 15 - Especial: YoonSook


Fanfic / Fanfiction My Vampire (Jikook) - Capítulo 15 - Especial: YoonSook

P.O.V Min Yoongi

Assim que a alma de Sook retornou pro corpo dela, ela me soltou com tudo, cai no chão com a respiração desrregulada e uma das mãos no pescoço, tentando recuperar o ar, ela ficou desesperada ao ver o meu pescoço com a marca roxa em formato de sua mão pequena, me pediu desculpas e começou a chorar, eu disse que estava tudo bem e a abracei, sentindo ela me apertar de volta, assim que nos separamos, ví Jungkook com Jimin em seus braços, fomos até lá, vendo que o loirinho não estava nas melhores condições, estava sujo, pálido, magro e todo machucado, saimos do castelo, e a todo momento eu via que Sook evitava me olhar, quando chegamos na van, ela só abraçou meus pais e entrou, se sentando no meio de Hoseok e Jin.

Em casa ela ajudou a cuidar de Jimin, dando banho nele e ponhando soro com algumas vitaminas, mas logo depois ela foi pra dentro do quarto e de trancou lá, me perguntavam oque tinha acontecido, mas eu não sabia oque responder, ela estava estranha com as pessoas desde que sua alma voltou pro seu corpo. 

Suspirei fundo, subindo as escadas e parando em frente a sua porta e batendo três vezes.

- quem é? - sua voz saiu baixa.

- oi... Sook... sou eu, o Yoongi, abre a portapor favor... - peço encostando a testa na porta.

- oque foi?

- Sook! Tá todo mundo preocupado com você, sai dai por favor... - não ouço nada de dentro do quarto - pelo menos abre a porta... - peço em um sussurro.

Derrepente ouço passos se aproximando, logo o barulho da tranca faz eu me afastar.

- oi... - ela diz abrindo a porta um pouco.

- posso... entrar? - peço e ela se afasta, abrindo a porta e me dando espaço.

- oque você quer? - ela pergunta baixinho.

- saber oque tá havendo com você, Sook você tá estranha desde que saimos do castelo - falo me aproximando, mas ela dá alguns passos pra trás.

- Y-Yoongi... eu... eu quase te matei! Você tem noção do quanto isso ta pesando na minha cabeça?! Você tem noção do que é ver essas marcas no seu pescoço e perceber que você quase matou a pessoa que você ama?! - disse e logo arregalou os olhos, assim como eu.

- S-Sook.... você.... me... ama? - disse pausadamente, tentando raciocinar direito.

- Yoongi... e-eu... merda! - xinga ponhando a mão na testa e se virando de costas pra mim.

Sorri e me aproximei lentamente, a abraçando por trás e beijando seu pescoço.

- Sook.... sabia que... eu também te amo? - falo perto de seu ouvido.

Ela se vira pra mim, com um brilho no olhar, ela sorri e se aproxima, roçando nossos lábios, ponhando a mão em minha nuca e me puxando mais pra perto, fazendo finalmente nossas bocas se encontrarem, um arrepio percorreu meu corpo ao sentir seus lábios gelados juntos dos meus, ponhei minha mão em meio aos seus cabelos e a outra ponhei em seu rosto, fazendo um leve carinho alí, suas mãos que estava em minha nuca, vão até a gola da minha camisa, onde ela puxa, fazendo nós dois cairmos na cama, comigo por cima dela. Quando a falta de ar se fez presente, nos separamos com curtos selinhos, quando abro meus olhos, vejo que os dela estão naquele azul cristalino que eu tanto amo.

- seus olhos ficam lindos azuis... - sussurro e vejo ela abrir um sorriso.

- e os seus ficam lindo verdes... - retruca, soltei um riso e voltei a beija-la.

Passei minha mão pela lateral de seu corpo, parando em sua coxa, onde dei um leve aperto e a puxei pra cima, deixando sua perna flexionada, apoio meu ante-braço na cama enquanto a mesma tinha suas mãos em minha nuca, arranhando lentamente, me fazendo arrepiar mais ainda.

- Sook.... - sussurrei em meio ao beijo.

- hm?

- m-melhor.... pararmos... eu... eu não vou conseguir me.... controlar desse geito - sussurro me separando dela.

- mas pera... quem disse que eu quero que se controle? - diz arqueando as sombrancelhas e me puxando novamente.

A esse ponto eu já tinha tacado o foda-se pra tudo, me separei dela por breves momentos, apenas o suficiente pra mim tirar sua blusa, junto da minha camisa, voltamos a nos beijar, passeando as mãos pelo corpo um do outro, sinto uma fisgada no meio das minhas pernas quando apertei sua bunda e ela gemeu contra meus lábios. Me afasto novamente, tendo a visão de Sook abaixo de mim, com os cabelos pela cama, olhos fechados e boca entreaberta, sorri e desci meu olhar pro seus seios, umedecendo os lábios e me abaixando, deixando leves selares por alí, ouvindo ela suspirar baixinho, eu já me encontrava totalmente duro, e juro que não aguentava mais nem um pouco, mas me controlei.

- Yoonnie.... por favor... tira isso... - pede apontando pra sua calça.

- com prazer... - sussurro e desabotuo sua calça, desço o ziper e a puxo pra baixo, vendo Sook levantar a cintura pra facilitar.

- ah Sook... você... me deixa tão excitado.... - jogo sua calça pra qualquer canto e observo cada parte de seu corpo.

- para de me olhar assim! - ela exclama um pouco corada.

- porque tá com vergonha? Nem pareçe que tomávamos banho juntos quando tinhamos 12 anos - falo rindo e beijando seu pescoço.

- é d-diferente... - diz entre arfares, segurando meus cabelos com força.

Ri e passei minha mão por trás de seu corpo, encontrando o feixo de seu sutiã e o abrindo, ouvindo Sook suspirar em alívio, ela rapidamente tira as alças de seus braços e taca a peça pra longe, me fazendo rir e beijar sua cravícula, descendo pros seus seios e mordiscando o bico de uma deles.

- a-ah.... Y-Yoon... - ouço Sook gemer baixinho.

Dei um sorriso e voltei a beijar sua boca, descendo minhas mãos até seu quadril e puxando a sua calcinha pra baixo, jogando aquilo pra qualquer canto, levo minha mão até sua intimidade, passando o dedo do meio lentamente, sentindo sua lubrificação encharcar meu dedo, introduzo um dedo dentro de sí, ouvindo ela gemer e arquear as costas, me fazendo ter algumas fisgadas no meio de minhas pernas, movimento meu dedo lentamente, ouvindo seus gemidos manhosos contra meus lábios, me deixando mais louco ainda.

- S-Sook... - me separo dela ofegante.

- awn... o-oi?

- t-tem camisinha? - pergunto, vendo a mesma negar.

- n-não... m-mas vai sem mesmo...

- Sook... t-tem certeza? - pergunto parando com os movimentos.

- tenho... só anda... logo - pede me puxando novamente e me beijando com vontade.

Ela empurra meus ombros, me jogando na cama e se sentando no meu colo e começando a rebolar lentamente, me fazendo gemer e apertar sua bunda com força.

- aaah... Sook... isso.... awn... delícia... - aperto mais sua bunda, sentindo sua mãos levantar minha cabeça e me beijar.

- Sook.... merda... t-tira essa calça logo... por favor... - imploro me sentando com as costas escoradas na cabeceira da cama.

- claro... - diz saindo do meu colo e puxando minha calça moletom junto da box, me fazendo soltar um suspiro de alívio ao sentir meu membro ser liberto.

Ela o segura com delicadeza e sobe no meu colo novamente, encaixando meu membro em sua entrada e se sentando lentamente, me fazendo abrir a boca em um gemido mudo.

- v-vai devagar.... não quero t-te machucar... porra.... v-você tá me esmagando... - jogo minha cabeça pra trás, a batendo na cabeceira.

- M-Min.... Y-Yoongi... aaah!! Que.... g-grande... awn... - ela apoia as mãos em meus ombros, começando a subir e descer lentamente.

- puta que pariu! - xingo ao sentir ela aumentar a velocidade.

ví que ela estava se cansando, então eu a deito na cama e começo a movimentar meu quadril, sentindo suas unhas arranharem minhas costas e ela morder meu ombro. Sinto sua entrada contrair e um gemido alto escapa de seus lábios, me fazendo gozar no mesmo instante. Sinto meu corpo cansado, mas não sai de cima dela, abri os olhos, tendo a melhor visão do mundo, Sook estava ofegante, suor escorrendo pelo seu pescoço, boca entreaberta e cabeloz grudados em sua testa.

- Y-Yoongi... e-eu posso ter morder? - pergunta abrindo os olhos, que estavam em um azul profundo.

- pode sim... - falo me abaixando e dando um chupão em seu pescoço.

- hhm... vai doer um pouco - avisa e eu assenti.

- morde... pode morder... - digo sussurrando, sentindo suas presas furarem minha pele.

Senti um choque gostoso percorrer meu corpo, me sentindo mais feliz, agora eu sei porque Jimin e Jungkook precisam tanto um do outro, quando estamos perto, parecemos mais completos. Ela afasta as presas do meu pescoço, se jogando novamente na cama e sorrindo pra mim, sorri também e me deitei ao seu lado, de barriga pra cima.

- me desculpa mesmo... - pede alisando o meu pescoço, que ainda tinha algumas marcas de sua mão.

- não precisa se preocupar princesa - sorri virando minha cabeça pra olha-la.

- Yoon... oque a gente é agora? 

- bem.... por mim a gente já tava casado, mas como eu sei que devemos ir mais devagar, então acho melhor namorarmos - sorri e ela também.

- te amo...

 - também te amo...



Notas Finais


EU AMO ESSE SHIPP!!! Demais...
espero que tenham gostado ^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...