História My Vampire (Vkook) - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7, Mamamoo
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Hwasa, Jackson, JB, Jeon Jungkook (Jungkook), Jinyoung, Jung Hoseok (J-Hope), Kai, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lay, Mark, Min Yoongi (Suga), Minnie, Miyeon, Moonbyul, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Sehun, Shuhua, Solar, Soojin, Soyeon, Suho, Wheein, Xiumin, Youngjae, Yugyeom, Yuqi
Tags Taekook
Visualizações 217
Palavras 1.464
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Lemon, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Chapter two


Fanfic / Fanfiction My Vampire (Vkook) - Capítulo 3 - Chapter two

♡Meu Appa logo liga o carro e a medida que o carro foi andando meus amigos seguiam dando acenos de tchau

E logo o carro foi mais rápido deixando meus amigos para trás dando apenas acenos que fora ficando mais distantes

Encosto minha cabeça no vidro do carro botando meus fone de ouvido e fechando os olhos♡


   ***************Continuação**************

Abro os olhos lentamente, me desencosto da janela olhando ao redor 

Vejo que estou em um posto, concerteza meu Appa estava abastecendo o carro

Era meio óbvio isso, pego meu celular e vejo o horário, quando saímos de casa era 14:00, já eram 16:00

Iríamos para Suncheon, concertaza iria demorar muito ainda

Logo meu Appa entra no carro com uma sacola em mãos 

--- Quer?--- Pergunta ele me entregando a sacola

Abro e vejo alguns salgadinhos 

--- Uhum!--- Digo pegando um deles e abrindo 

--- Iremos demorar mais um pouco para chegar em Suncheon, pode comer e depois dormir novamente filho!--- Fala acariciando meus cabelos 

Apenas aceno com a cabeça positivamente 

A relação com meu appa era boa, antigamente, quando a minha omma era viva, era muito melhor, mas depois que ela se foi naquele maldito dia....

Acabamos ficando separados, ele ficava trabalhando de mais e acabava por voltar só a noite nos víamos poucas vezes 

Mas depois que ele disse que iríamos nos mudar para Suncheon, começamos a nos aproximar, conversávamos mais o que fez nossa relação ficar melhor do que era 

Pelo menos na nova casa não íamos nos encarar como se fossemos estranhos

...




























Corra....

























CORRA


Comecei a correr desesperador e quanto mais eu corria mais o caminho se escurecia 

Logo eu não vai mais nada, tudo ficou em uma completa escuridão 

O ar começou a faltar pra mim, eu não conseguia mais respirar, eu pedia socorro mais as palavras não conseguiam sair da minha boca

Logo eu fui jogado em um lugar, estava de noite....

Espera...


--- Omma?!--- Olho para trás e vejo um garotinho de 10 anos












Não......


















--- Jungkook? O que faz aqui filho?--- Pergunta minha Omma desesperada

--- Estava te procurando Omma!--- Falo a abraçando 

--- Não era para você está aqui meu filho!--- Diz ficando na minha altura 

--- Por que? Omma vamos para casa!--- Digo 

--- Não tenho tempo para explicar filho só va- --- Logo ela rapidamente se levanta ficando na minha frente após ouvir um barulho

Me escondo atrás de si

--- QUEM QUER QUE SEJA SAIA DAÍ! AGORA!--- Logo uma pessoa, no caso um homem, saiu de um lugar que estava escondido 

--- ... --- O Homem nada falou, só olhou para a minha Omma

Depois ele olhou para mim e depois para o meu pescoço, onde meu colar estava

Ele deu um sorriso macabro e veio até mim, em uma velocidade absurda, não humana

Mas logo ele é parado pela minha Omma que deu um soco em seu rosto 

Ela rapidamente virou para mim

--- Meu filho! CORRA AGORA!--- Diz Para mim

Eu Corri e me escondi atrás de um local grande e que dava para observar a minha omma 

Nessa hora eu já chorava muito

Logo aquele homem ou coisa se levantou e foi em direção a minha omma

Minha omma fazia de tudo para se defender, ela estava conseguindo

E quando ela derrubou novamente aquele homem que caiu, parecendo está desacordado 

Ela olhou para mim e sorriu terna, por alguns segundos eu parei de chorar e eu sorri para ela

Quando ela ia andar em minha direção, o homem enfiou uma adaga dentro de si, enquanto ela estava de costas

--- OMMA!--- Gritei aos prantos

Ela olhou e tocou no local onde estava a adaga e de lá saia muito sangue 

Logo ela olhou para mim novamente , da sua boca, também, saia sangue, ela sorriu e logo caiu no chão 


Não... 





















Não.... 






















NÃO




--- NÃO!--- Acordo assustado e ofegante 

--- Jungkook?!? Filho?! Está tudo bem?--- Pergunta meu pai me olhando assustado 

Eu apenas continuava olhando para um um ponto fixo

E logo eu comecei a chorar, eu dava soluços muito altos

Logo meu Appa me abraçou desajeitado por ainda estarmos no carro

--- A-appa!--- Digo e soluço mais uma vez

Meu Appa me olha com pena, ele sabe que desde de aquele dia eu sofri muito, eu só queria ficar em casa, não deixava ninguém entrar no meu quarto, a não ser a minha avó, que, também, se foi e isso me fez piorar muito

Quando eu completei 14 anos Sook e Chung-ho tiveram a ideia de me levar na sorveteria, mas eu não queria ir, queria comemorar em casa, não queria ter que enfrentar o mundo real... Era muito difícil me levar para algum lugar sem que eu chorasse para voltar

Mas Sook e Chung-ho sempre ficaram ao meu lado nunca desistiram de me animar. Não posso esquecer o dia em que eu sai de casa novamente sem chorar graças a eles, nesse ano Sook tinha 13 e Chung tinha 15


Flashback 2 anos atrás 

--- Vamos Oppa! Tomar sorvete!--- Fala Sook muito animada, dava até pulinhos de animação 

--- Vamos Kookie! Vai ser divertido!--- Diz meu Hyung sorrindo para mim

--- E-eu...--- Só consegui pronunciar isso, não quero sair de casa

--- Vamos Kookie! Aquele idiota não está mais aqui! Ele não vai te pegar, e se ele vier eu vou da um chutão na cara dele!--- Fala Sook me fazendo da um risinho 

--- O-okay!--- Falo e os dois comemoram

[Sorveteria]

Chegamos a sorveteria, muitos ali conversavam, comiam seus sorvetes e riam 

--- Vamos nos sentar!--- Fala Sook nos puxando para uma mesa vazia 

Sentamos ali e logo uma mulher veio em nossa direção 

--- O que os príncipes e a princesa vão querer?--- Pergunta a mulher com um sorriso no rosto

--- um sorvete de chocolate!--- Diz Sook com as bochechas coradas e com um sorriso no rosto

--- Eu vou querer o mesmo que ela! E você kookie?--- Pergunta Chung-ho

--- E-eu... Vou querer um de morango!--- Falo um pouco baixo

--- Certo! Já já trago os seus pedidos!--- Fala a moça saindo 

--- Gostei dessa moça sorridente!--- Fala Sook

--- Mo-moça sorridente?--- Falo confuso 

--- É!--- Diz sorrindo, apenas dei um risinho fraco logo olhando para outro lado

Vejo uma mulher e seu filho, que aparentava ter 6 anos, eles brincavam e se divertiam muito

Apenas deu um sorriso triste, pois isso me lembrava a minha falecida omma

Logo percebo que atrás deles haviam um menino, seus cabelos eram castanhos e tinham umas mechas verdes, ele era moreno, aparentava ser só um ano mais velho que eu... Mas parecia que ele me encarava?

Eu acabei por engolir seco, não gostava muito de ser encarado, Eu sentia um certo incômodo com isso

Ele continuava a me olhar, seus olhos eram tão bonitos e-

--- JUNGKOOK!--- Grita Sook me fazendo olha-la com os olhos arregalados 

Logo a atenção da maioria fora pra nossa mesa

Chung-ho abafou a sua risada com a sua mão, e apenas corei e fiquei de cabeça baixa

--- Sook! Por que você gritou garota?--- Pergunto 

--- Você tava tão concentrado em olhar pra aquele garoto que nem escutou a gente não é?--- Fala Sook com um sorriso sapeca nos lábios 

Aquele foi o estopim para eu ficar mais vermelho do que tudo

--- O-o que? Na-não Sook... Você deve estar inventando coisas!--- Falo tímido 

--- Inventando? Ata!--- Disse revirando os olhos

--- Si-sim! Inventando!--- Falo cruzando os braços 

--- Então por que a suas bochechas estão coradas e você está gaguejando?--- Pergunta levantando a sobrancelha e mais uma vez com aquele sorriso sapeca nos lábios 

Chung-ho estava pra ter um ataque de risos se eu não tivesse o olhado como se fosse matar ele 

--- Da pra gente parar de falar disso?--- Digo emburrado fazendo um biquinho fazendo os dois rirem 

Logo nossos sorvetes chegam a nossa mesa, e eu tive a idéia de me vingar da Sook por me fazer passar essa vergonha 

Passei um pouquinho de sorvete no meu dedo e logo passei em seu rosto

Ela me olhou com um olhar de quem fosse me matar e logo pegou um pouco do sorvete dela e me falou também 

Logo acabamos, juntamente com Chung, nos melando de sorvete, acabamos quase nem por comer ele

Depois saímos e fomos para a praça, mesmo sujos, nos divertimos muito, relembramos algumas coisa felizes do nosso passado 

Logo após nós fomos a minha casa onde ficamos assistindo filmes e séries, e lá foi onde eles dormiram

Flashback off

Mesmo que se passem anos e anos eu nunca vou me esquecer desses momentos felizes junto com eles

...

--- Filho! Acorde! Chegamos!--- Fala meu pai me balançando 

Abro os olhos lentamente vendo a casa onde iríamos morar, mas ao redor dela não tinham outras casa, só haviam árvores e flores

Ignoro esse fato e desço pegando a minha mala

Respiro fundo logo soltando o ar

Hora de viver novas aventuras!》 Sussurro para mim mesmo logo sorrindo e entrando na casa
















Em algum lugar


--- Está chegando a hora! A hora do Armagendon está mais perto do que nunca!---



Continua?


Notas Finais


Ui! Kkkk
Se você chegou até aqui obrigado pudinzinho ou pundinzinha! Nos desculpem qualquer erro! Bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...