1. Spirit Fanfics >
  2. My word >
  3. É uma anaconda

História My word - Capítulo 54


Escrita por:


Notas do Autor


Oi

Capítulo 54 - É uma anaconda


Nacional City


Pov-Lena


— VAMOS ACOOOOOOORDAR DUAS MÁQUINAS DE FAZER FILHOS. — Abro meus olhos assustada, sem entender nada, parece a voz de Maggie. 

— PUTA QUE PARIU ISSO NÃO É UM PAU NÃO É UMA ANACONDA. — Sim, é Maggie, escuto um barulho alto no chão e risadas, viro meu corpo e encontro Maggie e Alex em pé de frente da minha  cama, olhando diretamente para o chão, ainda não estou entendendo nada até que escuto o grito de Kara.

— VOCÊS NÃO SABEM BATER NÃO PORRA ? VAMOS SAIAM DAQUI. 

— Caralho Lena como isso cabe em você ? — Maggie pergunta espantada.

Vou me dando conta que eu e Kara estávamos nua, cubro meu corpo e já imagino como minha esposa está envergonhada. 

— Saiam daqui agora. — Kara fala. 

— Calma Kara, não tem nada aí que eu já não tenha visto e bom até Maggie agora. — A Ruiva fala rindo. 

— Não vamos sair, eu quero ver sua bundinha agora pequena Danvers, porquê a de Lena ó. — Maggie pisca pra mim e faz gesto com a mão, sinto meu rosto esquentar.

— Nós deixem em paz , o que vocês estão fazendo aqui tão cedo ? — Pergunto. 

— Tá sol lá fora, a família está toda aqui, já são dez horas da manhã, vocês não desciam então vinhemos acordar vocês só não imaginavam que vocês estariam com a porta aberta e  nuas, e se fosse uma de suas filhas ?  — Maggie rir .

— Porra Maggie a gente sempre toma cuidado, mas já que você é tão intrometida eu vou dizer o que aconteceu, Kara acordou de madrugada porquê escutou um barulho, foi checar o que era, e quando voltou a gente transou loucamente e gozamos umas três vezes, cansadas depois dos orgasmos maravilhosos a gente apagou, e meus filhos ao contrário de vocês tem educação para bater na porta. — Falo irritada. 

— Peço desculpas luthor você está certa, porém eu bati na porta, e vocês também já me viram nua, eu preciso ver a bunda de Kara. — Maggie diz se sentando na poltrona que tem de frente ao nossa cama, escuto Kara bufar irritada. 

— Vai se fuder . — Kara fala.

— Se você não se levantar por boa vontade,eu vou aí fazer cócegas em você pequena Danvers, quer dizer " Grande Danvers. — Maggie retruca. 

— Não. — Kara fala 

— Alguns segundo depois Kara se levanta, com as duas mãos na frente do seu pênis, e corre para o banheiro ao som de risadas de Maggie e Alex, nego com a cabeça, qual o nível de maturidade dessas duas , penso.

— Saiam daqui AGORA. — Grito e minhas cunhadas saiem correndo do quarto.  Me levanto da cama e caminho até o banheiro, bato na porta e aviso a Kara que sou eu, Kara entra no box e liga o choveiro, abraço ela por trás e deixo alguns beijos no sem ombro. 

— Elas vão me suar pro resto da vida, já devem ter falado para a família toda. — Minha esposa fala chorosa. 

— Vão te zuar pelo o que amor ? Que você é bem dotada e tem uma bunda gostosa,. — Dou um tapa estralado na sua bunda, que faz Kara dá um pulinho. 

— Elas me viram nua amor. — Kara diz. 

— Esquece isso e me fode. — Falo, o olhar da loira mudar no mesmo momento da minha fala , Kara puxa meus cabelos e me pressiona na parede.


(...)


Depois do sexo maravilhoso, e de tomámos café na sacada do nosso quarto, eu e Kara saimos para a área de lazer. 

— Chegou a anaconda. — Winn diz rindo junto com todos, e Kara manda o dedo para todo mundo da mesa. 

— Deixem minha mulher em paz. — Falo pegando Taila a filha de wiin e Lyra, ela tem dois anos.  


Depois de uma hora , a família estava toda reunida,  Carol e Nath, a loira já está com seis meses de gravidez, são gêmeos, Diana e Sam, junto com Rubby e Jonas o filho mais novo, Eliza e Astra. 

O dia passou maravilhosamente bem, todos brincamos na piscina, Kara depois de um tempo desculpou minhas cunhadas, e riu muito depois de ganhar de Alex na luta. 

O final da tarde chegou e nós encontrávamos tomando as últimas cervejas, olhando o por do sol,minhas filhas mais novas, junto com Jonas dormiam cansados,do dia na piscina, apenas Taila estava acordada nos braços de Wiin, conversamos assunto leves, entre brincadeiras e risadas, Thomas, Nathan e Theo, decidem sair da piscina, e vão até o banheiro que temos na área de lazer, um tempo depois Thomas e Nathan, saiem devidamente vestidos, já Theo sai com a toalha na cintura. 

— Sex. — Carol diz pra Theo, ele rir envergonhado. Theo caninha até a piscina e se abaixa pra pegar a bola na água, quando ele se vira em frações de segundos sua toalha cai.  

— Puta que pariu. — Alex fala. 

— Meu Deus. — Diana diz tampando os olhos de Rubby. 

—Não Estava preparada para ver o pênis do meu filho. — Falo Em choque.

— Só pode ser hereditário. — Alex diz 

— Os pênis da família Danvers são grandes por natureza. — Eliza diz dando de ombro. — Fazendo todos nós rimos. 

— E ele só tem quinze anos. —  É a vez de Kara falar.

— Ok, rola demais por um dia. — Maggie levanta a mão em rendição. 

Meu filho desengonçado consegue vestir a toalha e corre pra dentro. 

— Fiquei meio triste agora. — Carol diz, fazendo todos da mesa rir, menos Nath. 


(...)


Liguei para Rhea e marquei um encontro com ela em uma cafetaria no centro, eu e Kara estamos esperando a mulher chegar, cerca de vinte cinco minutos depois, a morena se senta na nossa frente.

— Prazer Rhea, e você é  a esposa de Lena  — Ela fala esticando a mão para Kara que logo a aperta 

— Bom Lilian, vou ser direta, eu quero provas que seus filhos são meus irmãos, e que são verdadeiramente luthor, quando tiver a certeza quero conhecer os três. 



Notas Finais


Capítulo não revisado desculpem os erros.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...