1. Spirit Fanfics >
  2. Mysterious Journey >
  3. Different

História Mysterious Journey - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


E aqui começa 😈

Capítulo 5 - Different


Fanfic / Fanfiction Mysterious Journey - Capítulo 5 - Different

 

Cachoeira..

- Aproveitando bastante ai o banho Cascão, afinal, você nunca foi tão fã assim. _ Xaveco fala dando gargalhadas do amigo

- De boa, superei bastante isso tá.

- E o Cebola, ele andou muito quieto no percurso, não acha?

- Concordo plenamente Xaveco, mas ele por vezes é assim mesmo.

Outro lado

- Ah, finalmente o esperado banho que queria. _ Carmem fala se apreciando sobre a água, os garotos permaneciam de sunga enquanto elas de biquíni

- Nem me fale, vamos ficar basicamente uns 3 dias aqui. - Denise fala

Toni dá um mortal por perto jogando água com tudo nelas.

- Ô Toni, presta atenção por onde pula, não viu a gente aqui não!? Molhou todo meu chapéu. _ Carmem fala bufando

- Ui, a patricinha ficou com raiva, foda-se. _ Uma risada sarcática se solta indo a afastar-se

- Idiota.

- Deixa ele Carmem, o cara é pilantra mesmo, nem liga. _ Denise fala ajeitando seu cabelo

Depois daquele longo banho, a turma se vestem um short ou mini saia com outros ajeitos, retornam para as barracas se trocando nelas, já bem tarde ficaram sobre a frente da fogueira.

- Então pessoal, não vão me contar como foi a experiência lá na caverna? _ Licurgo pergunta

- Foi boa, eu amei pelo menos por onde eu, a Magá, e a Aninha passamos sim. _ Mônica fala de primeira

- Eu fui com meu irmão Nimbus e registrei bastante coisa aqui na câmera. _ Do contra fala

- Pra mim está sendo meio tedioso, mas com a companhia de Jerê e Toni já tá bom. _ Titi fala

- Eu e o Cascão analisamos as pinturas rupestres, logo depois Cebola chegou e ai mostramos a ele. _ Xaveco fala

- Eu, a Denise e a Maria Mello também admiramos o pequeno lago que tem lá e tiramos bastante selfies juntas. _ Carmem fala

- Que bom, então todos se divertiram bastante, amanhã daremos mais umas caminhada. _ Licurgo diz e assim comemos mais umas afeições que fazia ali sobre o fogo esquentando umas carnes acompanhada com refri, voltamos para nossas barracas.

Barraca de Mônica e Magali

A garota de cabelos curtos retirava sua roupa íntima de cima expondo a camisola a cima.

- Vai dormir sem sutiã hoje Mô, nem é tanto desse costume. _ Magali questiona

- Não Magá, na verdade eu vou para outro lugar.

- Outro lugar?

- Sim, para o dormitório do Cebola.

- Huum, vai fazer uma surpresinha.

- Exatamente, não sei o que tem me dado, mas ando tendo uma atração muito forte nele, aproveitando que já esta bem tarde mesmo, todos já devem estar dormindo, vou lá, até mais.

- Até. _ Magali acena ficando só em pensamentos. - Você não é a única que anda sentindo isso Mônica, mas eu também.

E aqui estava eu, novamente em pensamentos, aquela cena do que a estátua me fez vinha frequente, me mantinha deitado olhando para o teto, estava apenas com um short quando ouço alguém bater sobre a barraca. Levantei e abri.

- Oi Cebola.

- Mônica! O que está fazendo aqui? _ Pergunto, realmente, fiquei surpreso ainda mais em uma horas dessas

- Vim fazer uma visitinha, posso entrar.

- Pode. _ A correspondendo o fechei em seguida, o lugar não é muito grande, mas até que deu para caber nós dois. - O que veio fazer aqui? _ Fui direto ao ponto

- Quer mesmo saber, não veria aqui para duas pessoas neste lugar não muito espaçoso ficar panguando, vim aqui porque quero ficar contigo novamente Cê, até porque, só transamos quando perdemos nossa virgindade que foi já 1 ano.

Realmente, nossa primeira vez foi incrível mesmo, matamos aula naquele dia e em sua casa mesmo tudo aconteceu.

- Não sei Mô, geralmente andamos meio distantes um do outro, você anda mais próxima do Do contra, e também andamos brigando muito por isso. _ Questionei, era a verdade, o ciúme forte que ela esteve tendo de mim fez com que não firmamos seriamente no relacionamento

- Mas hoje isso tudo pode se resolver, não sabe como estou com vontade de tê-lo dentro de mim novamente. _ Dizendo aquilo perto de um de meus ouvidos, senti um arrepio de imediato sobre meu corpo

- Parece que seu amiguinho aqui também concorda. _ Ela diz olhando diretamente para meu pau que realmente estava totalmente ereto aparentando o volume na roupa, passando uma de suas mão sobre minha taguinha e chegando lá o pegando, soltei um gemido de imediato

- Você tem total razão.. Mônica.

Seu corpo direcionou ficando submisso a ela, achei que ela iria com calma, mais surpreso, inesperadamente ela rasga meu short e cueca tudo junto com aquela força óbvio, começou a me masturbar, deposita sua boca ali continuando, mas retornou com apenas sua mão, pequenos gemidos não faltava, era magnífico, não aguentava mais e assim cheguei ao ponto jorrei soltando vários espirros entre sua mão e minha virilha, seria minha vez de retribuí-la, retirando aquele meu short rasgado de baixo ia despí-la, ia quando ela mesmo se retirou revelando aqueles belos seios, também retirou sua calcinha, estava mesmo afim, sem que fizesse algo ela me empurrou caindo, seu corpo se depositou acima do meu novamente, ajeitou meu pau sobre sua intimidade adentrando de vez se soltou um belo gemido manhoso e começou.

Enquanto fazia aquela cavalgada massageava seus seios enquanto nossos suor ficava mais visível, não importávamos se alguém escutava ou não, aquilo era demais, depositando sobre nos beijávamos enquanto o trabalho continuava lá a baixo, ficando exaustos depois de tanto prazer descansamos um pouco.

- Isso foi incrível. _ Ela fala

- Foi mesmo.

- Mas agora acho melhor ir, logo amanhece. _ Se levantando veste, abro a porta para ela que me dá um beijo de despedida, ao fim tive que depositar outra roupa íntima depois do que aconteceu me deitei novamente, o que pensava era apenas agora no que acabou de acontecer, não era muito ideal devido a situação em que estávamos, mas ela parecia outra Mônica, uma Mônica diferente, melhor até do que quando foi nossa primeira vez
 


Notas Finais


Continua


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...