História Nae jag-eun dongne (imagine Jung Hoseok) - Capítulo 30


Escrita por: e __Usagi

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Comedia, Drama, Romance
Visualizações 93
Palavras 597
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Nudez, Sadomasoquismo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


As coisas estão mudando e olha eu só digo uma coisa

FIREEEEE

SARANGHAEYO :3

Capítulo 30 - Início de novas sensações


Fanfic / Fanfiction Nae jag-eun dongne (imagine Jung Hoseok) - Capítulo 30 - Início de novas sensações

Hyeon ju 

 

Escuro 

Tudo escuro. 

Corria...mas não achava a saída...

— Alguém...alguém me ajude...tem alguém aí?? - Eu Gritei sem resposta. 

 

P.O.V Hoseok 

 

— O que é isso na sua mão? - Apontei para a pequena sacola que a amiga de Hyeon ju trazia 

— Roupas. Unnie não vai ficar com essa roupa que está pra sempre - Ela disse com uma expressão de sono 

— Ah...sim 

— Hoseok, como anda Hyeon ju? 

— Ela está estável, mais ainda na coma. Ela irá para o quarto assim que acordar, mais acho que podemos ve-la se formos rapidos até a UTI - Eu disse em um tom baixo, e fiz sinal para que as duas me seguissem e assim o fizeram.

Chegamos em frente a porta do quarto, e a amiga de Hyeon estava tão apreensiva que não falava nada, e apenas seguia com a cabeça baixa, batendo a mesma em alguma parede, ou pilastra pelo caminho. 

— Hoseok você vai primeiro - Lizzi disse - Eu e Yang mi ficamos vigiando aqui - Ah então o nome da garotinha era Yang mi. 

Fiz como pedido, e adentrei a sala. Hyeon ju estava coberta por um véu muito branco e uma manta preta, como solicitei. 

Estranhamente meu coração bateu forte. Era apreensão. E se nunca mais se levantasse...

— Você parece uma noiva assim - Fui me aproximando da mesma. Eu via sua aura. Estava branca. Em paz. Sua expressão era Serena, e seus olhos fechados eram tão... encantadores. 

A cada passo que dava, seu corpo me atraía para perto num transe incrível. Seus labios finos e avermelhados na parte de baixo eram uma perfeita sincronia para seu nariz fininho, como uma folha de papel, e seu tom de pele, tão branco como a de Yoongi, era tão único, e tão claro, que lembrava o tom da Neve. Ela aparentava ser um anjo se olhasse de minha visão. Fui parado quando meus pés encostaram no ferro de sustento da maca onde a mesma repousava. Minhas mãos repousaram sobre o véu, o tirando, e dando uma visão ainda melhor de seu rosto. A cada piscada que dava, meu coração aparentava querer sair de minha boca. Eu transpirava como louco, e a razão eu desconhecia. Meu deus o que estava havendo comigo? Eu não tinha estes sintomas a muito tempo, e já estava começando a ficar louco com isso. 

Meu rosto não queria e não conseguia fazer se quer um movimento para desviar o olhar do rosto de Hyeon ju. Na verdade ela ficava cada vez mais perto. 

Já estava perto o suficiente para dar-lhe um abraço. 

Minha cabeça repousou em sua barriga, sobre suas mãozinhas, que estavam geladas. Ela deveria estar com frio, talvez. 

— V-você e estranha...mais me deixa tão bem com sua estranheza - Eu disse a mesma que possivelmente não escutaria. - estranha...e-estranhamente bonita... - Levantei meu olhar. Seus labios agora secos devido à falta de saliva que não deveria circular por ali, me chamaram a atenção, Me fazendo fincar o olhar ali. 

— Hoseok, e minha vez de vê-la - Yang mi, apareceu atrás de mim, me tirando de meus pensamentos, e fazendo-me acordar do transe. 

— Ah claro. Eu j-ja estava de saída - Disse me virando de costas e saindo da sala. 

— Ficou um bom tempo ali ein - Lizzi disse assim que me viu 

— Lizzi... é estranho seu coração bater forte quando vê alguém? 

— Hoseok, o que quer dizer com isso? 

— Esqueça...besteiras minhas... disse indo para longe um pouco, para esfriar a cabeça e raciocinar. 

— Meu Deus - Eu disse passando a mão pelos cabelos - Por que meu coração não se aquieta...?

 


Notas Finais


Completem meu Fire se não eu fico isolada :/
ushsushus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...