1. Spirit Fanfics >
  2. Namora comigo? >
  3. Eu perguntei primeiro

História Namora comigo? - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Aproveitando essa quarentena pra finalmente tomar coragem e postar uma fic.
Sem contar aquelas que eu apaguei porque segundo eu estavam tão ruins que ninguém gostaria de ler. Então aproveitem e me dem suas críticas sobre como melhorar minha escrita.

Lavem as mãos com água e sabão e na falta disso álcool e gel. Bjs se cuidem.

Capítulo 1 - Eu perguntei primeiro


Fanfic / Fanfiction Namora comigo? - Capítulo 1 - Eu perguntei primeiro

Hoje eu e Derek iremos fazer quatro meses que estamos juntos, o famoso "ficar serio" mais hoje isso vai mudar! Sei dos meus sentimentos, sei que o amo e quero um namoro sério com ele, e hoje vou fazer o pedido, se ele não aceitar pelo menos não vou estar me iludindo, não mais.

E é claro que eu e minha mente brilhante planejamos algo especial, comprei duas pulseiras prateadas com pingentes uma tinha a letra D e a outra um S, assim Ele aceitasse ele ficaria com a primeira letra do meu nome é eu ficaria com a dele. Sei que o Derek tem aquele jeito durão de ser e aparenta não gostar de coisas românticas e fofas, mas hoje é um dia especial, além de fazer bastante tempo que não ficamos sozinhos.

O rolo com o pack dos alphas ocupou bastante do tempo que nós teríamos para ficar juntos, além da escola, que ocupa metade do meu dia.

Cheguei com o sol se pondo no loft do Derek, para começar os preparativos para nossa noite. Coloquei uma mesa bem romântica com vela e até vinho, no final fiz macarrão a bolonhesa. Estava quase pronto quando ouvi a porta se abrindo e o som da sua voz inconfundível.

- stiles?

- Derek!- falei saído da cozinha, indo em sua direção dando um beijo apaixonado nele o abraçando pelos ombros.- preparei algo especial para a nossa noite de hoje.- sussurrei no ouvido dele cansando arrepios nele.

- hum agora fiquei curioso... alguma ocasião especial?- falou entrelaçando seus braços na minha cintura.

- não posso querer agradar meu lobo mau?- falei arqueado as sobrancelhas em sinal de sarcasmo.

- o que você tá aprontando em?..

Calei ele com outro beijo, dessa vez bem mais quente, fazendo ele retribuir imediatamente me apertado contra seu corpo. Ele levou suas mãos até na minha bunda dando um forte aperto ali.

- opa! Calma aí lobo mau, você sabe que eu adoro ficar bem perto do seus músculos, mas... Fiz janta pra gente!- falei dando ênfase no 'mas'.

Fiz um sacrifício pra sair dos músculos do meu (tomara que sim) quase namorado, indo em direção a cozinha, com ele vindo trás de mim.

- você cozinhando?! Melhor já ir chamando a emergência.

- ha ha. Engraçado você né?- disse revirando meus olhos- eu segui a receita direitinho pra você saber.

Fui em direção a panela mexendo o conteúdo e desligando o fogo quando vi que estava pronto.

- o cheiro realmente está muito bom.- falou se sentando na mesa.- na verdade tudo está tudo muito lindo.- disse ele servindo vinho nas nossa taças.

- obrigado...- falei dando um celinho nele antes de servir nossos pratos.

Me sentei ao seu lado, e assim que coloquei a primeira garfada na boca percebi que um milagre aconteceu, minha comida estava realmente muito boa, finalmente o universo parecia estar a favor da nossa noite. Realmente seria vergonhoso se eu tivesse queimado a comida ou salgado ela.

- está muito bom Stiles.

Sorri pra ele como agradeçimento recebendo outro sorriso em troca. O resto do jantar ocorreu normalmente, conversamos sobre vários assuntos nos quais nunca temos tempo de conversar. Assim que terminamos de jantar dei meu último gole da minha terceira taça de vinho enquando derek tinha se contentado com apenas duas.

- melhor parar de beber stiles, você é de menor eu nem deveria te deixar beber.

- ah! Relaxa Derek, hoje é uma ocasião especial... tem até sobremesa!

- você fez sobremesa?- indagou levantando as sobrancelhas.

- no caso...- falei com uma voz mansa, andando até ele, e sentando em seu colo colocando meus braços em volta do pescoço dele dando uma mordida leve ali.- eu sou a sobremesa!- sem dar tempo dele sequer pensar em uma resposta puxei ele para um beijo quente e convidativo.

- Hoje eu tô safadinho..- disse entre o nosso beijo, com uma voz quase que manhosa.

- Amo o stiles safadinho.- Derek falou apertando minha cintura, fazendo eu dar um gemido baixo levantando meu pescoço dando espaço pra ele morder e chupar o quanto quisesse.

- Deerek...- dessa vez falei bem manhoso quando senti ele apertando minhas nadegas.- Quero você!

- também te quero!

Isso foi o suficiente pra me fazer entrelaçar minhas pernas em sua cintura fazendo ele levantar comigo em seu colo, nos levando para seu quarto.
Quando em fim chegamos ele me deitou na cama tirando nossos sapatos para logo em seguida ficar por cima de mim, ainda me dando uns daqueles beijos que me faz ficar duro em questão de segundos, mas foi diminuindo a pressão do beijo que logo se transformou em celinhos.

- O que foi?- perguntei colando nossas testas quando vi ele me olhando profundamente.


- Stiles...- falou se sentando de frente pra mim, não demorei até fazer o mesmo.-olha... sei que não estamos a tanto tempo juntos mais eu sei dos meus sentimentos por você, eu te amo de verdade assim como amo tudo em você, sua boca, seus olhos, sua pele e até seu geito intuitivo de ser e por incrível que pareça eu te amo até quando você não para de falar.- falou me fazendo dar uma pequena risada, fazendo ele sorrir.- eu te quero Stiles, te quero em todos os sentidos por que eu te amo. Stiles... quer namorar comigo?- disse tirando uma caixinha pequena de veludo do seu bolso, logo revelando ali duas alianças prata com uma fina linha dourada no meio delas.


- Meu Deus! Derek! - falei extasiado, enquanto procurava a caixinha com as pulseiras no meu bolso da frente.


- Olha, se você não quiser eu...


- Não é isso!- falei pegando a caixinha mostrando as pulseiras com os pingentes pra ele que me olhou surpreso.- Quer namorar comigo?- falei rindo fazendo ele rir também.


- eu perguntei primeiro.- falou ainda com um sorriso no rosto.


- sim! Eu quero namorar com você!


- nesse caso, eu também quero namorar com você.- falou e logo em seguida me puxou para um beijo.


Sendo assim, ele colocou a aliança em mim e eu coloquei a pulseira nele, logo depois ele colocou a aliança e eu a pulseira.


- te amo.- falei olhando nos olhos dele.


-te amo.- falou me empurrando na cama ficando por cima de mim começando a tirar minha blusa.


Quando eu estava só com as roupas de baixo ele foi descendo seus beijos e mordidas até o cós da minha calça. Ele me mostrou sua incrível habilidade de desabotuar e abrir o zíper da minha calça com a boca me deixando ainda mais excitado, e com um puxão só arrancou minha calça e cueca do meu corpo, voltando pra cima de mim me enchendo de beijos.


- não é justo só eu estar sem roupas aqui.- falei puxando sua camisa pra cima querendo tira-la.


- tem razão.- disse se levantando e tirando sua roupa bem lentamente me fazendo ficar louco de tesão e para tocar aqueles músculos.


Quando ele veio pra cima de mim novamente não me aguentei, grudei nossos lábios em um beijo cheio de tesão. Derek começou a mover seu quadril fazendo nossos membros duros se esfregar um nó outro.


- isso é tão bom Derek.- falei suspirando de olhos fechados enquanto ele mordia meu pescoço que a essa altura já estaria quase todo roxo.- mas eu quero você por favor..- falei bem manhoso, ouvindo ele suspirar.


- você me deixa louco.- falou colocando meus calcanhares em seus ombros.- está vendo? Olha como você me deixa duro.- falou enquanto pincelava seu pênis na minha entrada que já piscava por ele.


- Deerek! por favor...- digo suplicante.


- por favor o que?- diz movendo seu quadril no meu simulando uma penetração.


- Me fode Derek! Com força, vai...- após dizer isso ouvi ele praticamente rugir de tesão. A essa altura já tinha mandado eu auto controle pra puta que pariu, só queria saber do meu Derek, só ele me importava.
Era assim que Derek gostava, era assim que eu gostava, bastante putaria na hora do sexo.

Ele colocou três dedos na minha boca sem permissão, e eu como a boa putinha de cama que eu era, chupei sem reclamar. Assim que ele viu que já estava úmido o bastante, levou os dedos até minha estrada começando a me preparar para o que vinha, não demorou até ele achar minha próstata e comecar a estimular sempre.


- Derek... agora por favor, quero você.


-seu desejo e uma ordem.- diz sorrindo malicioso e empurrando com tudo seu pênis na minha entrada, me fazendo gemer de dor e prazer ao mesmo tempo.- ah! Stiles tão gostoso..- disse em meio um gemido.


Ele começa a se mover dentro de mim, acelerando cada vês mais o ritmo das estocadas e ocasionalmente acertava minha próstata me fazendo delirar de tanto prazer. Eu só conseguia chamar seu nome como se fosse a única coisa clara na minha mente, quando eu mais gemia mais ele aumentava as estocadas me fazendo chegar cada vez mais perto do meu clímax.


- Derek!- Gritei quando em fim atingi o clímax gozando e sujando meu abdômen, contraindo minha entrada. Não foi preciso muito tempo para em fim sentir seu líquido quente me inundando todo. Por um momento fechei meus olhos respirando fundo quando senti ele se retirando de dentro de mim deitando do meu lado.


- tudo bem?- perguntou ele me trazendo em direção ao seu peito.


- sim.- disse me aconchegado nele.- te amo Derek.


- tem bem te amo.- diz me dando um beijo na minha testa me abraçando e por fim fomos dormir. Com a certeza de que quando acordarmos não estaremos mais sozinhos



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...