1. Spirit Fanfics >
  2. Namorada De "Mentirinha" >
  3. Girls Time!! Ou não

História Namorada De "Mentirinha" - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Voltei mesmo :0

Fora da data mas voltei!

Boa leitura! Haha

Capítulo 9 - Girls Time!! Ou não


Namorada de "mentirinha"

Capítulo 8 - Girls Time!! Ou não


Sasuke's POV


-- Eu contei pra ela, Itachi. O que eu faço?


Eu realmente não sabia o que fazer. Mas algo dentro de mim dizia que eu precisava dizer aquilo naquele momento. Saber que ela também gostava de mim foi um choque no inicío, mas eu senti um pequeno conforto.


-- Contou o que?


-- Sobre eu gostar dela, Itachi! - Bati na minha própria testa.


Ele ficou me encarando por um tempo e, quando finalmente foi dizer algo, começou a rir.


Minha situação é engraçada, por algum acaso?


Lhe dei um pescotapa e então, ele respirou fundo se recompondo e sentou-se numa cadeira.


-- Sakura é burra o bastante pra não perceber algo que já tava na cara? - Desdenhou. - Pois bem, irmãozinho tolo, ainda bem que você tem a mim. Olha, eu acho que... - Ele parecia pensar nas palavras certas. Estranho porque Itachi não parece muito uma pessoa que pensa. - O que ela disse?


Eu sabia. Itachi é o pior conselheiro da face da terra.


-- Na verdade, foi ela que quis acabar com aquele lance de namorada de mentirinha. Ela disse que estava machucando os sentimentos dela e... Ela se sentia insuficiente por eu não escolher ela de verdade, e sim como apenas parte de um plano... Algo do tipo.


-- Olha cara, conversa com ela. Se declara, sei lá! Mas conversa com ela e mostra que está apaixonado de verdade e que quer ela como namorada de verdade. - Explicou. - Se você acha que isso é um passo muito grande, começa a chamar ela pra sair ou algo do tipo. Só pra ela confiar de verdade nos seus sentimentos.


Fiquei pensativo. Realmente namorar é um passo muito grande levando em conta que, mesmo com o sentimento recíproco, não é assim que funciona.


-- Que tal um encontro? - Perguntei.


Acho que o primeiro passo é sempre o encontro. Um lugar legal, que a garota goste. Um restaurante, passeio na praia, tomar sorvete... Tantas opções, mas nenhuma me parece agradável porque tenho que conversar com ela ainda e não sei o que dizer... Enfim.


E eu não sou nada romântico.


Nossa, essa situação toda é um saco.


-- Eu acho uma boa, você quem sabe... - Disse levantando-se. - Agora pensa aí direitinho no que vai fazer porque eu - Apontou com o dedão para si mesmo. - preciso fazer a porra de um trabalho da faculdade. Conversem, saiam, namorem, beijem, façam filhos... Enfim, lindos!


Saiu me mandando um beijo, me fazendo revirar os olhos.


Façam filhos? Eu ainda nem entrei na faculdade! Depois disso, eu resolvo se quero filhos ou não.


Realmente, eu e Sakura precisávamos conversar, mas eu preciso de um tempo e ela também. Tudo vai acontecer no momento certo.


Talvez amanhã?


Não, Sasuke! E se ela não quiser falar com você? Argh!



[...]



Sakura's POV 


| Porca🐷 | online

Você não vem? Já estão todas aqui... Só falta vc e a Hinata. 


Fiquei lendo a mensagem de Ino por uns três minutos, pensando seriamente se iria ou não. Eu não estava muito no clima, mas eu precisava me destrair um pouco e parar de pensar no que Sasuke me disse.


Decidida a ir, me levantei e tomei um banho, ao sair coloquei uma blusa de mangas longas que mostra um pouco da barriga e uma calça jeans colada. Prendi o cabelo num coque soltinho e saí de casa.


Não tenho carro, então o jeito é ir a pé mesmo. Nem é tão longe, mas sinceramente? Acho que vou pedir um uber.



[...]



-- Demorou testuda!


Claro que demorei, não sabia que aquele uber ia se perder e dar três voltas no quarteirão, me fazendo descer e ter que ir a pé! Claro que não paguei a viagem! Cheguei a pensar que ia ser sequestrada, porque a sorte hoje tá do meu lado!


-- Não é nada, só vim andando.


-- Tá, tá. Agora senta aqui do meu lado, só falta a Hinata pra rodinha ficar completa. - Karin dizia dando batidinhas no sofá, para que eu me sentasse ali.


Fui me arrastando até lá e me sentei.


-- Eu sei! Tchau! - Hinata chegava batendo a porta na cara de alguém.


A porta tava aberta?


Hinata se sentou no chão e todas ficamos nos encarando, esperando alguma de nós abrir a boca e contar tudo. Aparentemente, todas tinham algo pra contar naquele dia.


-- Sakura, conta você primeiro.


-- Que? Eu? Mas por quê?


-- Porque você é a que está com a cara de morta aqui, vai conta o que houve de uma vez! - Temari bocejou e colocou uma almofada em seu colo.


Talvez ela esteja pegando essa mania do Shikamaru...


Bom... Acho melhor contar de uma vez, não guardo nenhum segredo que elas não saibam. E contando tudo, sei que elas vão me ajudar e me dizer onde estou certa e onde estou errada.


Contei sobre tudo o que houve comigo, desde o Sasuke indo até a minha casa saber o que aconteceu, até eu expulsando ele de lá.


As meninas me encaravam e, eu chuto que por uns vinte segundos, ninguém falou nada.


-- Ele disse isso mesmo? Sakura! - Ino colocava suas mãos em sua boca, chocada.


-- Sim, mas eu disse pra ele sair, nem ouvi o que ele queria dizer...


Karin me deu um tapa no braço sem mais nem menos, apenas deu e eu a encarei com as sombrancelhas franzidas.


-- Deixa de ser burra, Sakura! Ele gosta de você! Ta escrito na testa dele! - Circulava com o indicador a própria testa.


-- Mas não acham que ele falou aquilo pra que eu não ficasse mal? E...


-- NÃO! ELE GOSTA DE VOCÊ! - Em unissono, meu cortaram.


Abaixei a cabeça e pensei, eu podia ter deixado ele falar... Bom não importa agora, eu estava de cabeça cheia, nem sei se queria ouvir. Outra hora, ou quem sabe até mesmo hoje eu não passe na casa dele pra conversar.


-- Eu tô namorando com o Shikamaru! - Temari soltou de vez, olhando para os lados pra ver se nenhum dos irmão estava chegando em casa.


As meninas tiraram seu foco de mim e focaram nela, todas de olhos arregalados.


Não é nenhuma surpresa pra mim, pelo menos. Estava na cara que uma hora ou outra começariam a namorar.


A palavra namorar ecooa na minha cabeça me fazendo lembrar da farsa que eu e Sasuke tivemos. Eu realmente preciso tirar tudo a limpo, recomeçar do zero agora que estou ciente dos seus sentimentos, e ele, o mesmo.


-- Tá legal, todo mundo sabia que isso aconteceria uma hora ou outra. Próxima? - Ino abanava as mãos no ar com cara de tédio. - Hinata! Sua vez, vai, quero saber t-u-d-i-n-h-o!


Essa história de Hinata e Naruto está me deixando louca de tão curiosa. Hinata sabe que vai ter que contar, a gente cutuca até sair.


-- Eu já disse o quão chatas vocês são? - Todas assentimos e a morena apenas suspirou. - Nós dormimos juntos, só isso...


Todas nós gritávamos e pulávamos feito loucas, enquanto a Hina ficava mais vermelha do que o cabelo do irmão da Temari.


Finalmente o idiota do Naruto tomou alguma iniciativa! E se é que ele tomou, pode ter sido até ela!


-- É grande?


-- Tenten! Eu não quero falar mais sobre isso, tudo o que eu tinha pra falar de importante, eu já disse! - Hinata parecia desconfortável com o assunto, eu pensei em mudá-lo, mas ela já o fez. - Mas... E o Neji?


Só de ouvir o nome dele a Tenten já começava a babar igual a um cachorro! Sem querer ofender os cachorros, claro.


Temari se levantou de supetão e foi até a sua cozinha.


-- O que? Quer saber o tamanho do companheiro de guerra do seu próprio primo? Uh... eu ainda não o vi. - Hinata balançava a cabeça para os lados rapidamente e Tenten soltou uma sonora gargalhada. - Brincadeira, boba.


Temari finalmente voltou e trouxe 3 baldes de pipoca para formarmos duplas e dividí-los. No meu caso, eu terei que dividir com Ino, mas ela não come muito. Que seja, sobra mais pra mim!


-- Karin, você primeiro. Sem mais!


Disse Tenten assim que Karin fez menção de fugir do assunto.


-- É sobre homens que temos que falar, apenas? - Assentimos e a ruiva revirou os olhos. - Bom, não é nada demais, eu e Suigetsu estamos... nos entendendo. Arrisco dizer que ele gosta de mim.


-- E você? - Ino perguntou e prosseguiu assim que Karin levantou uma sombrancelha, claramente confusa. - Não arrisca dizer que gosta dele? - A ruiva deu de ombros. - Ok, então Tenten, sua vez!


A morena estava animada com alguma coisa, provavelmente algo que fez junto com Neji.


Ahh! Todas felizes e se entendendo com seus devidos homens... Me pergunto quando será minha vez.


-- AIII! TÁ! - Fez "tanananam" enquanto olhava para cada uma de nós. Estávamos curiosas para saber qual o motivo de Tenten estar tão animada. - Neji me chamou pra sair! Eu aceitei, claro!


Mais uma vez uma série de gritinhos se fez presente. Só nós sabemos por quanto tempo a Ten tentava se aproximar do primo da Hina e ele nem lhe dava atenção...


É claro e evidente que nós ficamos felizes com o grande avanço da nossa amiga!


Por fim, só faltava Ino pra fazer suas "confissões" da semana, e assim provavelmente assistiríamos algum filme, pintaríamos as unhas e tudo mais. É o que fazem numa tarde ou noite das garotas e nós também fazemos.


-- Tá bom, eu sei. - Revirou os olhos e continuou - Eu e Gaara continuamos na mesma, apenas ficando... Mas tem o Sai. Ele não para de me encher de mensagens!


-- Já disse pra você bloquear. - Temari bufou.


-- Não é como se ele parasse de falar comigo na escola também!


Essa história de Sai querer lutar pelo amor de Ino é tão brega.


-- Acho que você deveria conversar com ele e fazê-lo entender de uma vez que não é ele quem você quer!


Aconselhei Ino, mesmo eu sendo extremamente inexperiente com relacionamentos ou coisas do tipo. As meninas assentiram, concordando comigo.


Uma coisa é certa, Ino deveria já ter conversado com Sai à tempos.


-- Vou fazer isso. O Gaara nem...


A loira nem pôde terminar sua frase quando uma voz se fez presente.


-- O que tem eu?


Ino quase se fundiu com o sofá de tanto que se encolheu ao reconhecer a voz familiar.


E como se fosse praga do inimigo, Gaara apareceu. Ino estava de costas pra porta, então quando ele entrou ela nem viu. Nem eu  que estava de frente vi!


Mas ele não estava sozinho, infelizmente ou felizmente, Suigetsu, Naruto, Shikamaru, Kankuro, Itachi e Sasuke o acompanhavam.


O SASUKE. Logo quem eu menos queria ver hoje está aqui. Eu mal pude pensar quando ele pousou seus olhos em mim, levemente arregalados de surpresa.


-- Foi mal não avisar, mas que tal uma festinha coletiva? Meninas e meninos? - Gaara levantou as sacolas que estavam em suas mãos. Eram refrigerantes e bebidas.


Uma garota de cabelos castanhos também estava com eles. Específicamente com Itachi, que tinha seu braço ao redor dos ombros da garota.


-- Por que não? O que acham garotas?


-- Claro. Por que não? A casa é dele também né. Vamos unir o útil ao agradável.


Ótimo, eu sabia que teria que encarar Sasuke amanhã na escola, mas não estava nos meus planos encontrá-lo ainda hoje.


E as meninas não colaboram!


Eles entraram e começaram os flertes! Se tem uma coisa que eu odeio é ficar de vela.


Sem pensar muito, me levantei e andei na direção do banheiro, bufando, e me tranquei lá.


-- Calma, Sakura. - Disse pra mim mesma enquanto me olhava no espelho. - Está tudo certo. Se ele tiver o bom senso, não vai falar com você!


Lavei meu rosto, eu estava com cara de morta. E era quase isso que eu queria, morrer! Tudo menos sair daqui e encarar o Sasuke lá fora.


Abri a porta calmamente, sem muita vontade e acabei dando de cara com um Sasuke impaciente do lado de fora.


-- Sakura, você não atente minhas ligações, não vê minhas mensagens... Eu já até te marquei em sorteios no instagram pra ver se você me respondia! Nós claramente precisamos conversar.







Notas Finais


Até a próximaaa 💋💋❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...