História Namorado Possessivo-Min Yoongi - Capítulo 11


Escrita por: e Wxmajhu

Postado
Categorias Agust D / Suga
Personagens Min Yoongi (Suga), Personagens Originais
Visualizações 165
Palavras 1.030
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Adultério, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


boa noite,desculpa os erros de português.
espero que gostem!

Capítulo 11 - Ep.10 "Brenda"


Fanfic / Fanfiction Namorado Possessivo-Min Yoongi - Capítulo 11 - Ep.10 "Brenda"

Londres, 15:35 pm

ligação on

Brenda:  VOCÊ TEM ATÉ ÀS 19:00 HORAS PARA ENCONTRAR ELE - falo e desligo o telefone

ligação off

Brenda on

Meu nome é Brenda, eu tenho 18 anos. eu morava em seoul com o meu pai, a minha mãe tem outra família. mas eu sempre visitei ela e a minha irmã SN. eu vim para Londres com o meu ex namorado, porém terminamos quando ele descobriu o real motivo de eu ter vindo para Londres.

Brenda off

flashback on

Londres 10 de agosto, 17:02

Brenda on

chego mais cedo do trabalho e vejo dois carros pretos na frente de casa.

Brenda: que porra, eu disse que não era para eles colocarem o carro na frente da minha casa - falo entrando dentro de casa

.....: eles quem Brenda?- eu paraliso na hora, quando eu vejo quem era

Brenda: J-Jimin, por que chegou cedo? - tento mudar de assunto, mas o mesmo percebe

Jimin: anda Brenda, me responda - diz ele chegando mais perto

Brenda: é que .... - sou interrompida por um celular tocando

Jimin atende o celular

Jimin: ok, já estou indo- ele desliga o celular e olha para mim- ainda não terminamos isso- diz saindo de casa e batendo a porta com força

Brenda off

narradora on

Brenda sai de casa e confere para ver se o jimin havia mesmo saído, e depois volta para dentro gritando igual uma maluca.

brenda: EU DISSE QUE NÃO ERA PARA DEIXAR OS CARROS NA FRENTE DA MINHA CASA- fala pegando uma chave atrás de um quadro e indo em direção ao porão- EU VOU MATAR CADA UM DE VOCÊS.

Brenda arrasta um sofá velho para o lado e abre uma pequena porta que havia em baixo do sofá velho. ela entra dentro e cai em uma cama elástica e desce indo em direção a um corredor com poucas luzes. no final do corredor havia uma porta vermelha, ela pega uma chave e abre a porta.

....: daqui dava para ouvir os seus gritos- diz uma garota de cabelo curto se aproximando dela e a abraçando - Naomi, eu já disse que não era para colocar os carros na frente da minha casa, o jimin desconfia de tudo- diz brenda se desfazendo do abraço da garota

Naomi: se o teu macho é desconfiado, o problema não é meu - diz ela indo em direção a um escritório.

o lugar onde a brenda estava era outro porão só que parecia uma fábrica mas não é era tão grande, havia várias salas de vidros e um escritório no final do corredor. em cima do porão havia quatro andares, tinha câmeras escondidas pela casa inteira. a tia da Brenda queria que ela continuasse com os negócios da família e foi por isso que ela veio para Londres.

Brenda: é sério Naomi, não faça mais isso ou eu irei matar você - diz seguindo a garota que para na mesma hora e olha para Brenda - você tem mesmo a coragem de matar a sua querida ex, porque de 2 carros estacionados na frente da sua casa?- diz colocando a mão na cintura e a encarando.

Brenda: talvez, agora sai da minha frente- diz passando na frente da garota que ainda estava parada sem demonstrar nenhuma reação.

....: chefe, ainda bem que você chegou- diz um garoto loiro que aparentava ter uns 17 anos - temos um grande problema

Brenda: diga Félix, qual é o grande problema?- diz sentando em uma cadeira e encarando o mesmo.

Félix: o jimin descobriu.

brenda fica paralisada, e tenta dizer alguma coisa mas gagueja

Brenda: c-com-mo q-que ele descobriu?- por fim ela consegue terminar a frase.

Félix: ele achou a chave escondia atrás do quadro, e eu vi na câmera de segurança que ele esteve aqui com uns amigos dele- pera, cadê a Naomi?- diz o garoto fazendo uma cara de preocupação

Brenda: eu não sei onde está a naomi- diz a garota se levantando da cadeira e indo em direção ao computador.

Félix: irei procurá-la- diz saindo da sala

Brenda continua mexendo no computador, até achar o vídeo em que o jimin aparece entrando no seu esconderijo

Brenda: que filho da puta - diz jogando o computador no chão- é por isso que ele estava assim hoje.

Brenda sai da sala e vai em direção a uma das salas que havia ali no corredor e entra.

Brenda: Naomi, liga para os negóciadores e diz que você que vai ir levar o dinheiro, eu não poderei ir hoje - diz saindo da sala sem esperar a resposta da garota.

brenda fecha a porta da sala e sai correndo até a uma porta que parecia ser a saída, ela sai daquele lugar e acaba saindo em uma rua que ficava atrás da casa dela, ela vira a esquina e corre até a porta de sua casa . ela respira fundo e entra dentro de casa.

narradora off

Brenda on

entro dentro de casa e vejo jimin sentado no sofá, vou até ele e o abraço - brenda, me solta- o mesmo se desfaz do meu abraço.

Brenda: o que aconteceu? -  encaro o garoto que me olha seriamente

Jimin:QUANDO VOCÊ IRIA ME CONTAR QUE VOCÊ É UMA TRAFICANTE?- diz ele gritando

Brenda: como assim?, você bebeu?- digo calma

Jimin: ME CONTA A VERDADE AGORA SUA VAGABUNDA-   diz o mesmo bem furioso

Brenda: jimin, vamos conversar - digo seria e me segurando para não gritar com ele 

Jimin: ok, vamos conversar - diz com deboche e sentando no sofá

Brenda: sim, eu faço isso desde que eu vim para Londres. sinto muito por isso, queria ter te contado mas eu não queria te perder - respiro fundo - eu realmente sinto muito

Jimin: eu não sou trouxa Brenda - diz rindo- você mentiu para mim sobre tudo. eu nem sei quem você realmente é- ele se levanta e vai em direção a porta- esse foi o real motivo de você ter vindo para cá?. tudo que vivemos termina aqui, não me procure, não me ligue. você é um lixo, queria nunca ter te conhecido, amanhã eu volto para pegar as minhas coisas - ele diz abrindo a porta e saindo.

Brenda: EU TE ODEIO PARK JIMIN- digo chorando e acabo jogando o vaso de flores no chão.

flashback off 


Notas Finais


eu sei que o capítulo ficou um pouco grande kkk perdão galera
Comentem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...