História Namorado secreto -Taekook - Capítulo 34


Escrita por: e K-popeer

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys (BTS), Hentai, Lgbt, Romance, Taekook, Vkook, Yaoi
Visualizações 392
Palavras 3.252
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura armys💜💙

Capítulo 34 - Nunca vá a boate com os amigos


Fanfic / Fanfiction Namorado secreto -Taekook - Capítulo 34 - Nunca vá a boate com os amigos

Continuei observando boquiaberto os dois anéis dentro de uma caixinha fofa. Os dois anéis de prata continham um símbolo do sexo masculino (♂). Peguei um deles, na parte interna do anel estava gravado Jeon Jungkook. Sorri. 

—Esse é seu — Jungkook segurou minha mão direita com cuidado, em seguida ele pegou a aliança da minha outra e colocou em meu dedo anelar. O objeto serviu perfeitamente. Ergui a mão sorrindo feito bobo. 

—É muito lindo kook — balancei os dedos, Jungkook riu. Peguei o outro anel de dentro da caixinha e li o nome dentro "Kim Taehyung", antes de segurar a mão do meu namorado e colocá-lo em seu dedo. 

—Eu amei — Abraçei ele. Queria muito lhe encher de beijos mas, a moça do balcão nos encarando estranho acabou me deixando envergonhado.

—Que bom que gostou. Eu sei que o anel é apenas um objeto, mas eu queria que tivéssemos nosso símbolo. E o melhor de tudo é que são alianças únicas, foi o único conjunto fabricado com esse modelo — Ele passou a mão em meus cabelos fazendo um carinho. 

—Eu já disse que te amo? 

—Disse sim, mas eu amo quando você repete — Ele encostou nossos narizes. A mulher do balcão saiu em outra direção constrangida (ou com nojo). 

19:37

Ergui meus dedos ao ar admirando a beleza do anel pela milésima vez. Suspirei sorrindo feito bobo. Meu celular vibrou indicando uma nova mensagem, peguei o mesmo e abri no grupo "Garotos a prova de balas",  nome escolhido pelo Yoongi.

Seokie: Eu digo boate e vocês dizem...

Eu: ...Bora?

Seokie: Exatamente meu querido Taezinho. Nesse sábado não há nada melhor do que ir em uma boate encher a cara e pegar geral! 

Namjoon amigo do kook: Eu topo. Só que somos de menor, como pretendem entrar?

Jin amigo do Kook: Vocês são de menor né. Eu já tenho 22 😘😎

Namjoon amigo do Kook: Joga na cara mesmo kkkk

Jin amigo do Kook: 😘

Seokie: O segurança de plantão hoje é amigo meu, ele disse que nos deixaria entrar, mas eai quem vai ir?

Eu: Jungkook e eu 

Namjoon amigo do Kook: Eu vou 

Jin amigo do Kook: 🙋🏻‍♂️

Amor♡: Que horas? 

Seokie: Esse amigo meu vai estar na portaria a partir das 22:30...então nós encontramos no centro as 22:35. 

Eu: Perto de onde?

Seokie: Perto da loja de bolinhos de arroz no centro de Busan. 

Amor♡: Combinado então 

Eu: Amor me trás um copo d'água quando vir da cozinha por favor

Amor♡: Jaja chego ai

Seokie: Gente cadê o Min? 

Seokie: Yoongi?!

Seokie: Eai...vai ir com a gente?

Seokie: Yoonngiieeee...😒

Namjoon amigo do Kook: Conheçendo ele bem como eu conheço...ele deve estar dormindo, ou ignorando as mensagens enquanto assiste alguma série.

Açúcar trevoso: 👀

Namjoon amigo do Kook: Sabia...

Açúcar trevoso: Não estou afim...

Jungkook entrou no quarto com um copo de água em mãos. Ele me entregou e eu lhe direi um obrigado, ele se sentou ao meu lado na cama e voltou a mexer em seu celular. Recebi uma mensagem no privado do Hoseok dizendo "Me ajuda a convencer o Yoongi a ir". Sorri e então fui lá no grupo colocar lenha na fogueira.

Eu: Ahhh vamo Yoongi! Se você não gostar e só voltar para a casa.

Seokie: É, vai ser legal Min. 

Eu: Uma vez ou outra na vida é bom curtir um pouco. 

Açúcar trevoso: Talvez eu vá...

Jin amigo do Kook: Ele vai kkkk

Amor♡: Com certeza kk

Desliguei a tela do meu telefone e coloquei o mesmo no criado mudo. Jungkook fez a mesma coisa para me dar atenção. 

 —Nos realmente vamos? — Perguntou assim que me sentei em seu colo, com cada uma das pernas de um lado de seu corpo.

—Vamos sim — Fiz um leve biquinho — Vai ser bom ir em uma boate para animar as coisas — Passei os dedos pela sua franja e tirei ela de cima de sua testa, em seguida dei um beijo ali. 

—Mais eu queria virar a noite te enchendo de beijos — Ele fez uma carinha triste e em seguida encheu meu rosto de selinhos.

—Mas podemos fazer isso, você sabe que pode me beijar sempre que tiver vontade — Respondi rindo do seu ataque extremo de fofura.

—Mas é estranho beijar em público. Ainda mais com esse bando de homofóbico em volta. — Fez uma careta.

—O pior é que eu concordo. O jeito que as pessoas nos olham apenas por estarmos de mãos dadas é horrível — Encostei nossas testas.

—Vamos esquecer isso por agora — Ele juntou nossos lábios em um calmo ósculo. Correspondi ao seu beijo fazendo um leve carinho em sua nuca. 

—Acho que a gente... — Me beijou.

—Shii — Sussurrou voltando a me puxar para perto. Segurei seus ombros enquanto correspondia ao seus movimentos. Ele subiu os dedos pelos meus joelhos e parou em minha cintura. Encerramos o beijo com alguns selinhos. 

—Jungkook! Troca a lâmpada do meu quarto pra mim por favor — Sra. Jeon bateu na porta. 

—Estou indo omma — Jungkook me deu um último selinho. Sai de seu colo e ele levantou da cama correndo até a porta e saindo pela mesma. 

Jeon Jungkook P.O.V.

22:38

—Atrasados! — Hoseok falou apontando para mim e para Jungkook. 

—Relaxa Hoseok, devem ter sido só alguns minutinhos de atraso, a culpa foi do Uber que dirige feito uma lesma — Respondi revirando os olhos.

—Ta bom, tá bom. Vamos logo — Hoseok começou a andar. Nos cinco seguimos ele pelas ruas agitadas até a entrada da tal balada/boate. Realmente não foi difícil a entrada já que o amigo do Hoseok foi super gente boa. Assim que entramos todos nós fomos até o barzinho pedir alguma coisa. Jin e Yoongi ficaram encarregados de pegar as bebidas já que nenhum de nós podia. 

—O cara do Bar disse que eles não tem restrição de idade para a bebida aqui — Yoongi falou assim que ele e o Jin voltaram.

—Cade o Hoseok? — Taehyung olhou em volta procurando o garoto que já não estava mais entre nois.

—Ele disse que tinha que ver uma coisa, assim que entramos — Yoongi respondeu dando de ombros e virando um gole de sua bebida. 

Uma batida eletrônica chamou a atenção de meu namorado. Taehyung sorriu e então me olhou, eu imediatamente neguei já sabendo o que ele ia pedir.

—Vamos dançar, por favoorrr — Fez um biquinho fofo. 

—Namjoon e Yoongi vocês vem comigo — Jin agarrou o braço dos dois garotos e deu uma piscada de olho para o Tae. Taehyung também agarrou meu braço me arrastando para o meio da multidão. 

Jin e Taehyung dançavam animadamente enquanto o Nam e o Yoongi apelas balançavam no ritmo. Eu apenas observava e ria da situação enquanto bebericava alguns goles do líquido em meu copo. 

—Da licença que o rei da pista chegou — Hoseok gritou se juntando a nós, ele estava com um copo de bebida na mão e algumas pulseiras neons em seu pescoço. 

Ele abraçou Taehyung e Jin e eles rapidamente começaram a pular e dançar juntos. Passando com cuidado no meio da bagunça Yoongi veio até o meu lado. 

Uma cortina de fumaça roxa cobriu o teto do local e as luzes picavam no ritmo do grave da música. Algumas pessoas apreciavam a beleza do DJ americano que estava no palco arrasando. Eu só conseguia ter meus olhos em Taehyung que havia acabado de iniciar uma dança mais sexy, vez ou outra passando a mão no cabelo e me olhando de forma provocativa. 

—Acho que vou dar uma volta e ver se acho uma linda garota carente por aí — Yoongi olhou em volta. Provavelmente procurando seu alvo. Observei por cima de seu ombro Hoseok se aproximar e colocar um cordão colorido em seu pescoço, Yoongi se assustou com o gesto e se virou olhando o mesmo sem entender. Em seguida ele se aproximou do ouvido do Min disse algo e depois voltou a dançar com os garotos.


—Ele disse que cada cor tem seu significado. "Depois que descobrir, venha até mim, ou não" — Yoongi falou no meu ouvido.  — Que cor está aqui? — Tentou falhamento olhar o próprio pescoço.

—Roxa. O que significa? 

—Não faço ideia — Ele pareceu pensar um pouco. —Olha — Apontou uma garota que tinha um cordão neon vermelho em seu pescoço — Talvez ela saiba me dizer o que significa. — Ele passou entre meio às pessoas até chegar na tal garota. 

—Onde ele foi? — Namjoon parou ao meu lado dançando/balançando. 

—Ele é maluco — Dei de ombros. Taehyung agarrou meu braço e me puxou para o meio da rodinha de dança deles. — Amor eu não sei dançar — Quase suspirei, apenas não o fiz pois sabia que isso deixaria o Tae irritado.

—Eu te ensino — Ele passou seus braços por meus ombros. — Bebê isso — Me entregou seu copo. Ergui a sombrancelha.

—O que é isso? — Cheirei. Pelo visto parece ser apenas uísque.

—É só uísque, você está muito parado, vai te ajudar a se animar — Respondeu. Dei uma última olhada no copo antes de virar todo o líquido sentindo ele esquentar todo o caminho que percorreu. Em pouco tempo nós dois já estávamos dançando colados um no outro. Jin tentava animar o Namjoon e o Hoseok havia sumido novamente. 

Jin e Namjoon anunciaram que iriam ao bar buscar mais bebida, continuamos dançando juntos, vez ou outra trocamos alguns beijos. E olhando em volta eu percebi que não éramos o único casal LGBT já que havia garotas se beijando e alguns caras se paquerando. 

—Sabe o cordão que o Hoseok colocou no Yoongi? — Taehyung falou em uma direção fixa. Acompanhei seu olhar vendo Hoseok passar entre algumas pessoas na direção do banheiro e logo atrás de si estava o Yoongi tentando alcança-lo e não o perder de vista. 

—O que significa? 

—O cordão roxo significa que a pessoa que te deu quer lhe beijar. Cada cor tem um significado, é meio que uma brincadeira dessa boate para facilitar a pegação. — Taehyung respondeu me puxando para perto de si de novo. 

—Eu vi uma garota com um vermelho...

—Ela provavelmente terá que fazer uma dança erótica pra pessoa que deu ela. Mas a garota tem a escolha de fazer ou não — Taehyung explicou.

—Então eu acho que o Yoongi já decidiu a resposta dele — Falei ao me lembrar que ele estava indo atrás do Hoseok. — Ou ele foi atrás do Hoseok para brigar com ele por ter a audácia de lhe dar aquele cordão. 

—Eles vão se pegar, o Yoongi é muito bonito, e o Hoseok também, fora que o Hoseok sabe ser sexy e seduzir alguém quando quer. Eu duvido que o Yoongi resista — Taehyung falou. Ergui a sombrancelha pelo modo como ele falou dos dois. Que audácia, ainda na minha presença!

—Vou ao bar. Quero mais bebida — Falei. 

—Pega pra mim. Eu vou ao banheiro rapidinho. — Ele deu um sorriso malicioso.

—Voce vai bisbilhotar! — Serrei os olhos. Ele fez uma carinha de "fazer o que né" e correu na direção do banheiro passando rápido entre as pessoas. Caminhei até o bar e pedi dos copos de Sou, em seguida me sentei em um dos bancos esperando o Taehyung voltar. 

Levei um susto quando senti algo ser colocado em meu pescoço, pensei que fosse o Tae então levei minha mão até a "dele" mas entranhei ao notar unhas compridas. Me virei e encarei a pessoa atrás de mim. Uma garota sorriu gentilmente. Não evitei de fechar a cara e então tirei o cordão do meu pescoço. Preto. A garota se curvou na minha direção e segurou a gola da minha blusa.

—Não me veja como uma atirada. Mas te vi sozinho aqui e pensei, "como um garoto tão lindo está ali totó entediado e sozinho?!". Resolvi lhe fazer companhia — Ela passou a unha pelo meu pescoço e ergueu minha cabeça. Tentei sair fora de seu toque.

—Eu não quero companhia — Tirei sua mão do meu queixo. Ela sorriu então segurou meus ombros subindo lentamente até meu pescoço de novo. 

—Vai dizer que tem namorada — Riu como se fosse patético. Em um movimento rápido ela me deu um selinho no canto da boca, seu alvo era meus lábios porém eu consegui virar a cabeça um pouco antes.

—Da licença, vim buscar o que é meu — Taehyung segurou o ombro da garota e puxou ela para longe de mim. Em seguida ele pegou o cordão que ela me deu e jogou no chão — Infelizmente ele não poderá cumprir o desafio do cordão com você. Afinal essa noite vai ser longa para nós dois, se é que me entende — Tae segurou meu braço e me levantou do banquinho. 

—Oi? Quem é você? — Perguntou a garota, toda confusa, ou se fazendo de desentendida. 

—Namorado dele — Taehyung quase enfiou na cara dela o seu dedo com o anel de compromisso que lhe dei mais cedo — Ou se preferir chamar de: a única pessoa que irá transar com ele essa noite. — Minhas bochechas esquentaram. Ele realmente falou isso? — Beijo querida. Tchau, tchau — Tae pegou a bebida no balcão e com a outra mão segurou meu braço me arrastando para longe da garota que continuava lá parada com cara de tacho. 

Paramos perto do Jin e do Namjoon. 

—Por que deu confiança a ela? — Taehyung me encarou indignado.

—Mas eu não dei! Ela chegou e colocou aquele cordão no meu pescoço — Me defendi. — Tae você sabe que eu nunca senti atração por mulheres, eu nunca beijei uma mulher na vida, não vai ser agora que vou fazer isso. Eu nem ao menos sei o que aquele cordão significa. 

—Sexo, Jungkook. É isso que ele significa. Aish. Que garota mais atrevida! — Bufou. 

—Relaxa, de qualquer forma ela não iria conseguir mesmo — Segurei sua sintura e o puxei contra mim. Ele fez um biquinho fofo, aproximei de seu rosto e então mordi seu lábio inferior. Taehyung automaticamente entre abriu a boca, juntei nossos lábios em um beijo quente. 

—Uow se peguem em um motel por favor — Nos separamos ao ouvir um grito do Hoseok. 

—Olha quem fala. Você é a pessoa menos indicada para dizer isso Jung Hoseok — Taehyung falou cruzando os braços e encarando o garoto. Hoseok gargalhou e então encarou Yoongi por um curto segundo que também se aproximava bebendo de uma garrafa de Soju.

O Min continuou calado apenas desfrutando de sua bebida enquanto Hoseok iniciava uma dança animada com Taehyung. 

—Voce sumiu heim. Onde esteve? — Jin deu um tapa no braço do Min para chamar sua atenção já que o mesmo estava viajando encarando um ponto fixo do chão. 

—Dando uma volta por aí — Respondeu corando um pouco. 

—Encontrou morcegos no caminho? — Jin gargalhou e Namjoon fez o mesmo. Yoongi levou a mão até o pescoço e então trocou um curto olhar com Hoseok novamente. 

Eu SABIA que esses dois iam se pegar!

 Voltamos a dançar ao ritmo das músicas agora que consistiam em várias do Jay Park e de vários outros cantores coreanos 18. 

—Agora é que o negócio começa a ficar bom — Hoseok gritou.

Após um tempo que eu fui entender, a boate começou a virar um puro local de pegação e danças sexys. As pessoas em volta bebiam e cantavam a letra das musicas.

Taehyung passou seus braços por cima do meu ombro me puxando para dançar, meu corpo está tão leve que a música me conduz com facilidade ao som de I don't desappoint - Jay Park. 

—O que você disse lá no bar era um blefe? — Perguntei. Taehyung negou com a cabeça, juntando mais nossos corpos em uma dança nada inocente. Olhei para o lado, Namjoon e Jin não estavam muito diferentes de nós. Logo atrás do Taehyung estava Hoseok e Yoongi. Hoseok disse algo no ouvido do garoto e em seguida eles se beijaram. Hoseok até derrubou o copo de Yoongi no chão. 

Ri da cena e em seguida voltei a antenção ao meu namorado que deu alguns leves chupões em meu pescoço. Procurei por seus lábios e ataquei os mesmos, Tae suspirou quando segurei sua cintura e o apertei mais contra mim.

—Oi meninos — Uma voz interrompeu a nossa pegação. Encaramos uma garota ruiva ao nosso lado com um pirulito na boca. — O que vocês acham de irmos dar uma voltinha, juntos — Ela girou o pirulito na boca e em seguida tirou o mesmo para fora. Ergui a sombrancelha sem entender.

—Ela quer transar a três — Taehyung falou em meu ouvido. 

—Ah. Não, obrigado — Falei desviando o olhar dela, para que a mesma entendesse que não estava nenhum pouco interessado. 

—Vocês não curtem ménage? Vai ser legal. O seu namorado parece interessado...não vai satisfazer um desejo dele? — A garota apontou com o pirulito para o Taehyung. Encarei ele, o mesmo parecia perdido em pensamentos. 

—Não. Agora sai daqui — Falei irritado. Se ele quer uma garota então que procure uma, solteiro. Me afastei dele e lhe lançei um olhar de reprovação antes de ir até Namjoon e falar um "Estou indo embora". — Se quiser vir comigo, venha. Ou pode aproveitar sua noite com a ruivinha — Falei com o Taehyung antes de passar entre as pessoas até a saída da balada. Assim que sai eu peguei o celular e chamei um Uber, que por sorte não estava tão longe. 

—Ei calma. Por que ficou tão estressado. Eu nem disse nada — Tae me alcançou. 

—Voce parecia interessado na proposta dela! 

—Sim eu cheguei a pensar mais eu nunca iria aceitar — Ele tentou se explicar. Bufei e caminhei até o carro do Uber que parou do outro lado da rua. Taehyung me seguiu. 

...

O caminho todo ele me olhava, mas não falava nada. Sim, adimito que fiquei com raiva. Foi como se ele tivesse dito indiretamente que eu não estava dando conta de satisfazer ele. Sim, o ciume me consumiu. 

03:01

—Jura que vai ficar com raiva? — Taehyung parou na beira da cama vestindo sua camisa de pijama. Não respondi sua pergunta ainda encarando a parede a minha frente. — Jungkook não faz isso — Ele subiu na cama e veio até meu colo e se sentou em cima de mim. — Por que tanta raiva? 

—Você pensou na possibilidade de fazer algo com aquela garota! Eu me senti como se não fosse o suficiente para lhe satisfazer! Caralho Tae... — Bufei. 

—Voce acha que não me satisfaz? Que não é o suficiente? — Ele ergueu a sombrancelha. — Meo deus Jungkook. Será que você não percebe o quanto eu sou louco por você? O quanto você me excita quando está malhando na minha frente, ou quando aperta minha cintura durante aquele beijo que só você sabe dar?! Ou até mesmo quando estamos transando e você me faz gozar mais de três vezes. Não percebe o quanto você me deixa submisso e me faz gemer e quase gritar de prazer sempre pedindo por mais?! Isso não é prova o suficiente que você é um filha da puta quando se trata de sexo? Que me dá tanto prazer que várias vezes eu já me perguntei se você realmente só havia transado com apenas duas pessoas antes de mim. — Eu fiquei sem fala. Não soube o que responder, eu apenas segurei sua nuca e puxei ele para um beijo. 



 



 








Notas Finais


Anel de compromisso do casal: https://images.app.goo.gl/hoSFrMr9MoV4Gq6b8

Infelizmente o Hot vai ter que ficar para o próximo capítulo, por que esse cap iria ficar muitooo grande (Ele já está né cof cof)
Tentarei caprichar ao máximo no Hot, deixar a experiência mais...detalhada. 🔥
Yoonseok is real. Foram muitas pessoas torcendo por esse shipp, e eu também. 💙
Não rolou uma, treta treta como vocês queriam mas...teve um pouquinho 😂☺️
Um beijo da Kpoper, Até o próximo cap 😘💜💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...