História Nanatsu no Taizai: Black Magic - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Personagens Arthur Pendragon, Ban, Diane, Dreyfus, Elaine, Elizabeth Liones, Escanor, Gilthunder, Gowther, Griamor, Guila, Gustav, Hauser, Hawk, Jericho, King, King Liones, Margaret, Meliodas, Merlin, Oslo, Personagens Originais, Veronica
Tags Elizabeth, Meliodas, Nanatsu No Taizai, The Seven Deadly Sins
Visualizações 148
Palavras 556
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yooo! Olá cookies!
Decidi chamar vcs assim
Eu pensei "por que não?"
Rsrsrsrsrsrs
Eu ia botar "chocolates"
Mas nah...

Enfim,espero que gostem desse capítulo,eu realmente gostei bastante dele,e espero que gostem também.

Gente MT obrigada pelos comentários :3 Vcs são MT gentis,fico feliz em ouvir(ou LER kkk) que vcs gostam da minha fanfic :3

Mando beijo para todas as 14 pessoas maravilhosas que acompanham a fanfic^^
Mesmo sem os conhecer,amo MT vcs<3
Agora vamos logo ler o capitulo antes que esfrie ksksks♥♥

Capítulo 4 - A Poção do Amor


Fanfic / Fanfiction Nanatsu no Taizai: Black Magic - Capítulo 4 - A Poção do Amor

Abracei mais forte o meu travesseiro,droga,eu sabia que era uma má ideia e que era mais do que errado! Mas quando fui perceber eu já tinha botado minha capa para ninguém me reconhecer e,já estava no meio da praça do reino.

— Onde é mesmo o laboratório de Merlin? — Sussurrei para mim mesma. Eu me lembro que era uma cabana de madeira perto do Chapéu de Javali. Dei mais alguns passos e avistei uma cabana reta,igualzinha a da senhorita Merlin,me aproximei e olhei pela janela. Era mesmo a senhorita Merlin! De repente comecei a hesitar,será mesmo uma boa ideia pedir para ela fazer uma...Poção do Amor? Como será que ela vai reagir? O que eu vou falar? Eu não planejei NADA! Eu não deveria nem estar aqui! Eu...Só quero para sempre estar ao lado do Sir Meliodas! Eu não quero que ele me deixe,eu não quero que ele...Fique com outra pessoa a não ser comigo....

Comecei a chorar,eu já soluçava. O que eu faço senhor? Eu o amo tanto,não consigo me imaginar sem ele. No último momento eu peguei coragem e bati na porta,que logo foi aberta pela mulher alta de cabelos negros, que representa o pecado do Javali da Gula...A temida entres os demônios e deusas...

O que eu estava pensando?!?! E se ela não gostar e me amaldiçoar? Não...A senhorita Merlin não faria isso comigo,não é? 

— Ham...Princesa. — Chamou minha atenção. Eu estava olhando pra cara dela já fazia um tempo,ok Elizabeth,improvisa,não dar mais pra pensar,só seja direta. — O que está fazendo aqui? Não deveria estar no bar do Meliodas?

— Terminei meu serviço a um tempo. — Expliquei. — Eu queria pedir algo a você, posso entrar? — Perguntei dando um sorriso nervoso,é agora ou nunca.

Ela me olhou desconfiada,mas me deixou entrar,após eu estar dentro, ela fechou a porta.

— O que trás a terceira princesa de Liones até aqui? — Sorriu,na verdade a senhorita Merlin vivia com um sorriso sarcástico no rosto...

— E-Eu...Queria que você...Fizesse algo para mim.

— Certo,mas o que? — Perguntou com toda a calma do mundo, enquanto eu gaguejava e pensava no que dizer enquanto minhas mãos soavam no meu colo.

— Eu... — Fala! — ...Puf,é meio engraçado... — Elizabeth Liones,desembucha. — ...Eu quero que você faça para mim uma poção do amor! — Eu falei! Suspirei aliviada,o que será que ela vai responder? Será que ela sabe que é para eu dar pro Sir Meliodas? Que ela está me olhando pensativa...Merlin-sama! Fala algo por favor!

— Tudo bem,eu faço. — Eh? Sério isso? Soltei um sorriso que rapidamente se desfez. — Mas para quê exatamente? — Droga! Ela perguntou.

— Motivos pessoais. — Boa! — Ainda pode fazer?

— Claro. Mas ganhar e receber,né princesa? — Riu,eu estava começando a ficar assustada,será que ela vai me amaldiçoar? — Eu quero cem moedas de ouro,motivos pessoais também, princesa.

Respirei fundo e assento a cabeça. Ajeitei a minha franja e estendi minha mão em sua direção.

— Feito,amanhã eu quero a poção aqui,eu virei com o dinheiro. — A mais velha apertou minha mão.

— Certo,temos um acordo. — E sorrimos uma para a outra.

Ela então abre a porta e eu saio, mas antes de ir embora me virei e falei;

— Senhorita Merlin,por favor,não conte a ninguém sobre isso... — Novamente me escondi na minha capa e saí correndo em direção ao castelo.

Espera,como eu vou conseguir o dinheiro?!


Notas Finais


Obrigada por ler ;)
Desculpa,eu sempre faço caps curtos pq eu to acostumada,sabe?
Mas espero que do mesmo jeito tenham gostado^^
Até a próxima;)♥

Spoiler de quão ciumento Meliodas vai ficar;

"— Hey,Elizabeth— O Sir Ban foi impedido de continuar,pois foi atingido por algo.

— S-Sir Ban?! — Me perguntei assustada ao ver o mesmo sangrando,sorte que ele é imortal mas..O que o atingiu?

Parei de me perguntar após ver uma figura loira em cima do platinado.

— Sir Meliodas?! — Eu parecia a mais assustada dali,o que o Meliodas está fazendo?

— Ban....Nunca mais pronuncie esse lindo nome com a sua boca suja!! — E deu lhe mais um soco.

Será que esse é um dos efeitos colaterais que a Merlin me disse?"

Mas é claro,é só o "primeiro ciúme" digamos hehe :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...