História Nanatsu no Taizai Gakuen - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Visualizações 6
Palavras 1.207
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Festa, Ficção, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Foi mal pela demora, mas está aí mais um capítulo!

Capítulo 6 - Fim da "Festa" e o grande golpe do Conselho Sagrado


 

P.O.V Narrador

 

- Certo! Vou girar novamente... – Disse Meliodas, cortando aquele silêncio constrangedor

 

O loirinho girou a garrafa e caiu o seguinte: Elaine pergunta para Merlin, aparentemente, não era uma combinação tão perigosa, a Elaine nunca falava coisas tão “caóticas” assim, apenas quando ela estava calma, é claro

 

- Pegue pesado dessa vez, já que é com a Merlin... – Comenta o platinado

 

- Cale a boca – Merlin, por incrível que pareça, comenta isso com seu tom normal de voz

 

- Enfim... Merlin, verdade ou desafio?

 

- Dessa vez vou querer verdade

 

- Tá com medinho de pegar desafio? – O de cabelo espetado comenta, na tentativa de provocação

 

- Fica quietinho, não suporto escutar seus comentários – Diz a de cabelo preto, ficando irritada

 

- Ei, Ban, pare de provocar a Merlin, não gosto de ver ela brava... Enfim.... Merlin, é verdade que você já teve ou está tendo uma queda pelo Arthur Pendragon, de outra escola?

 

- Não sei porque ainda falam disso, eu sei que estudei na mesma escola que ele, mas, é incerto o que eu sinto por ele

 

- Eu nem sabia que Merlin podia sentir queda por alguém – Comenta Diane

 

- Pois é, que esquisito – Diz Meliodas

 

- Vocês são idiotas mesmo.... – Diz Merlin

 

Já eram 20:00, os convidados estavam planejando ir embora, já que estava ficando bastante tarde, até que o loirinho tem uma ideia

 

- Antes de vocês irem embora, que tal jogarmos eu nunca?

 

- Chega dessas suas brincadeiras, capitão, já to bem cansado por hoje – Disse o de cabelo espetado

 

- Ah qual é Ban!

 

- Na realidade, vou ter que concordar com o Ban dessa vez, capitão – Diz Harlequin

 

O baixinho fica decepcionado com as respostas, queria muito se divertir mais um pouco, mas, ele finalmente aceitou que estava tarde e todos eles precisavam ir para casa. Os 6 e Elaine e Elizabeth se despediram de Meliodas e cada um foi saindo da casa do mesmo, indo em direções diferentes, ou iguais, dependendo de quem fosse

 

- Foi interessante.... Essa Elizabeth é bem tímida, hein – Disse o loiro

~Quebra de tempo, no outro dia~

 

P.O.V Elizabeth

 

 

Acordei normalmente, escovando o dente, colocando meu uniforme escolar, essas coisas. Eu estava bastante feliz por ter finalmente ter amigos, já que eu só tinha aulas individuais, até hoje não entendo o porquê de ter essas aulas

Estava tão perdida nos meus pensamentos que nem notei que já era hora de eu ir para escola, corri rapidamente até chegar finalmente na escola, vendo que quase todos estavam me encarando, pelo fato de ter quase me atrasado, mesmo sendo a filha de alguém importante, o Conselho Sagrado ainda poderia pegar no meu pé. Mas também vi os meus novos amigos, os Sete Quebradores de Regras! Mesmo meu pai falando que era uma péssima ideia de envolver com eles, por serem malvados, eles não eram pessoas ruins, eram bastante legais! Porém, eu percebi algo, a escola estava com mais alunos! E muitos! Nunca vi a escola ficar tão cheia, talvez porque eu nunca vi alunos por ter aulas individuais. Mas não havia apenas a nossa sala com alunos e isso era o mais estranho, haviam alunos no 9° ano, no 2° ano do colegial e no 3°, até que o dono da escola, meu pai, foi falar comigo

 

- Oh, Elizabeth! Percebeu que a escola está cheia? Bem, quando ouviram que você ia finalmente ter aulas normais, a escola simplesmente lotou! Você é bem famosa! – Diz meu pai todo alegre por sua escola finalmente estar lotada

 

- S-Sabe... Eu não acho que seja por isso que ficou lotado....

 

- Ah, não sei realmente se foi isso, mas... Se for por algo bom, está tudo bem!

 

Meu pai andou alegremente pela escola, fiquei feliz por ele. Fiquei surpresa com a quantidade de alunos, quer dizer, para aquela escola, já estava ótimo! Porém, haviam alunos novos apenas no ensino fundamental II e no ensino médio, pelo que ouvi, haviam 16 alunos no 9°, 18 no 2° colegial e 13 no 3° colegial. Ainda assim haviam mais alunos na nossa sala

 

- E aí Elizabeth! – Meus pensamentos foram cortados por ninguém menos que Meliodas

 

- A-Ah, bom dia, Meliodas-sama!

 

- Ei, ei não precisa ser tão formal...

 

- M-Me desculpe....

 

- Não precisa se desculpar!

 

Antes que eu pudesse falar algo, o sinal bateu, indicando para que os alunos fossem para suas respectivas salas

 

P.O.V Meliodas

 

 

~Dentro da sala de aula~

 

Quinta-feira era um dia chato, quer dizer, todos os dias na escola eram chatos para mim. Tivemos 2 aulas de História com Denzel e, após essas 2 aulas, 1 aula de português que é a aula que estamos tendo agora

 

- Certo, faltam 6 minutos para acabar a aula, portanto, façam os exercícios das páginas 16 e 17 individualmente – Diz Dreyfus seriamente, anotando na lousa a atividade

 

Eu nem liguei para os exercícios, apenas chutei tudo, já que a maioria era de assinalar, então, antes mesmo de ele corrigir os exercícios, o sinal bateu finalmente!

 

~No intervalo~

 

Me sentei na mesa de sempre, junto com meus 9 amigos, o único assunto que eu podia puxar era sobre o que acharam de ontem, então, foi isso mesmo que eu falei

 

- E aí, o que acharam de ontem?

 

- Ah foi ótimo! Pena que não tinha álcool... – Ban estava todo animado quando falou a primeira parte, mas lembrou que a festa não teve álcool

- Claro que não! Nem sei se a Elizabeth bebe...

 

- E-Eu não me importaria se vocês bebessem... – Disse ela, com sua timidez

 

- Tá vendo, capitão!

 

P.O.V Narrador

 

O silêncio se prosperou naquela mesa por alguns instantes, até que Elaine decidiu falar

 

- Bem, Elizabeth, você não contou muito sobre você ainda... Sem querer ser grossa ou algo do tipo

 

- Ah... M-me desculpem, meu nome inteiro é Elizabeth Liones e sou a terceira filha de Bartra, dono dessa escola. Minhas outras 2 irmãs já são mais velhas do que eu e uma está na faculdade e outra já está trabalhando

 

- Que legal, quer dizer que você deve ser bastante famosa aqui, não é? – Perguntou o loirinho

 

- N-Não muito...

 

- O dia está bem chato hoje, hein.... Faz tempo que não fazemos algo de errado... – Diz o Platinado

- A mãe do Hawk machucou a perna e agora não consigo ir mais com ela na escola... – Meliodas comenta

 

- Eles começaram a fechar o laboratório quando não está em horário de aula... Então, dificilmente eu consigo fazer alguns testes. – Diz Merlin

 

- Recentemente, eles estão levando muito a sério as faltas, então, eu raramente vou para a academia... – Escanor diz tristemente

 

- Bem, eu ainda consigo dormir nas aulas... – Disse Harlequin

 

- Isso não é grande coisa... Mas, já é um bom começo – Diz o loiro

 

- E ainda uso minha saia na medida incorreta, porém eles sempre descobrem e me mandam procurar uma saia na medida correta... – Diz Diane

 

- Parece que eles estão pegando pesado, hein... Vamos ter que apelar também... – Diz Meliodas

 

Como que os Sete Quebradores de Regras apelaram para poderem continuar sendo quebradores de regras? Bem, espero que o cabeça oca do Meliodas tenha pensado em algo bom


Notas Finais


Obrigado :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...