1. Spirit Fanfics >
  2. Nanatsu no Taizai Super - Divindades em caos. >
  3. Surgimento do desastre - Cap.01

História Nanatsu no Taizai Super - Divindades em caos. - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Capa meio nada a ver no início, mas depois vai fazer sentido.

Capítulo 2 - Surgimento do desastre - Cap.01


Fanfic / Fanfiction Nanatsu no Taizai Super - Divindades em caos. - Capítulo 2 - Surgimento do desastre - Cap.01

Universo de Nanatsu.

No purgatório, o Rei demônio estava desesperado. Havia perdido a batalha final, os dois filhos, e todo o respeito e honra que tinha. Temia que os deuses supremos o desprezassem. Com isso, ele faz um chamado.

-- Saikō kami! Karera ga tōjō! - Ele grita, invocando então... O Supremo Dai Kaioshin, dono e criador dos anéis do tempo. ( Não é o velhote de Dragon Ball Z)

-- Maō, o que deseja com minha presença? - Ele pergunta, estranhando o outro tê-lo chamado do nada.

-- Necessito que me empreste um dos anéis do tempo.. Houve uma distorção na história e preciso retornar no momento da mesma. - Ele fala enquanto se curva, demonstrando respeito pelo Supremo Dai.

-- Hum... Creio que vá contra as regras de Zen'oh, porém, lhe darei por um tempo de 1.000 takions. ( 10 meses no universo Nanatsu, e 100 dias no universo DBS.)

-- Lhe agradeço, e lhe devolverei em tempo oportuno senhor Dai Kaioshin. - Ele sorria por debaixo da barba cheia que tinha, assim que vê que o Supremo Dai Kaioshin havia retornado.

-- FINALMENTE! AGORA SIM PODEREI VENCER ESSA BATALHA! - Ele então usa o anel, e ao estalar os dedos, retorna ao tempo dos mandamentos, os invocando para o purgatório após eles sairem do selo das deusas.

Universo Dragon Ball.

Daishinkan estranha um movimento, logo, invocando o Supremo Dai Kaioshin, o criador dos anéis temporais.

-- Você descumpriu uma das grandes regras de Zen'oh, Kaioshin... 

-- M-Mas.. Senhor Daishinkan..

-- Sem mais, desapareça. - E então, Daishinkan apaga por completo a existência de Dai Kaioshin.

-- E agora... Como poderemos resolver este problema? Zen'oh não poderá ir, e os Deuses não podem viajar entre os universos livremente.. Hum...

Fazenda da família Son.

Goku regava as verduras com uma suprema cara de tédio. Após alguns minutos, ele decide "descansar".

-- Certo.. Chega de regar. Hora de treinar! Huh... HAAA!! - E então, o saiyajin se transforma em Super Saiyajin, criando uma pequena cratera com a pressão do poder. E então, começa a socar o ar. ( Nunca entendi isso, mas ok. ;-;)

Porém, enquanto treinava, acabava por não notar o surgimento de um buraco de minhcoa, e então, acaba sendo sugado por ele.

Universo Nanatsu.

-- Meliodas... Você não consegue comer mais do que eu! - Era Hawk, que já começava a comer seu prato de restos, e logo depois, Meliodas aparecia comendo o prato de Ban.

-- Tsc, vai nessa porco! Eu como isso em segundos! - Porém, algo os interrompe de continuar. Uma explosão do lado de fora da taberna.

Eles saem de lá, acompanhados dos companheiros, Ban, King, Merlin, Gowther e Diane. Eles olham para a fumaça, e quando ela abaixa, se é mostrado um homem usando um uniforme laranja e azul.

-- Quem é você?! - Pergunta o capitão, Meliodas.

-- Hum...? Ah! Oi, eu sou o Goku! - O saiyajin fala, sorrindo e mostrando o dedo polegar para eles.

-- Goku?! Que nome mais estranho! - Exclama o porco Hawk.

-- Onde eu tô inclusive? Lugar bem caidinho né? - Goku pergunta se referindo ao Chapéu de Javali.

-- Iiih.. Chamou o bar de caído na cara dura? - Ban dessa vez exclama, porém, quando continuaria, é interrompido por Meliodas.

-- Poder divino sai do corpo dele.. E é um poder imenso.. 7 PECADOS CAPITAIS, ATACAR, AGORA! - Meliodas ordena, já partindo para cima de Goku.

-- O quê?! 



Fim do capítulo 01.



Notas Finais


Este foi o primeiro capítulo, espero que tenham gostado.

A história vai engrenar agora, envolvendo os deuses e os guerreiros de Nanatsu.

Resumindo, o bixo vai pegar. >:^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...