História Nanatsu Pretty Girls - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Personagens Ban, Diane, Elaine, Elizabeth Liones, Gowther, Guila, Hawk, Jericho, King, King Liones, Margaret, Meliodas, Personagens Originais, Veronica
Visualizações 34
Palavras 1.715
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Comédia, Ecchi, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe pela demora! Espero que gostem e agora mim deixa durmi que eu to morrendo de sono😖😫

Capítulo 18 - Deixem comigo! - Elaine


Fanfic / Fanfiction Nanatsu Pretty Girls - Capítulo 18 - Deixem comigo! - Elaine

       Elaine on


- Então você também?.. - Aquela garota verde estranha fala pasma olhando para mim, na verdade a Elie também estava, o que está acontecendo?! Hum... Ok, isso é muita doidera para um cérebro só! Ouço a garota gritar:

- HAHAHA! TRÊS COELHOS COM UMA CAJADADA SÓ!!

Pera, não era dois não??! Antes que percebesse um daqueles espinhos estranhos nas costas dela já estava vindo pra cima de mim, mas sinto algo bater com força (muita, muita força...) na minha cintura!! Acabei caindo com tudo no chão (e de bônus ainda arrastei quase três metros) pra direita, desviando do espinho, da pior maneira possível...

- AI CACETE!!!! - Acabei soltando um palavrão por impulso.

- MAS QUE PORRA?!... PUTA MERDA ACHO QUE QUEBREI DUAS COSTELAS AQUI... - Disse me levantando com a mão na cintura, acho que aquila foi a segunda maior dor que eu já senti... (depois de cair e arrastar a cara escada a baixo aos 6 anos, quando estava descendo para jantar mas o Oslow, nosso cão de estimação me empurrou, lembro de ter jogado uma cadeira nele depois que a tia Gerhead cuidou dos meus machucados)

- ARF ARF! INGRATA! EU TE SALVEI TÁ!!! - Um porco caído no chão atrás de mim gritava enquanto arfava exausto.

- PRA ISSO PRECISA QUEBRAR MINHA COSTELA PORRA?!! 

- Caham! - Elizabeth tossiu de forma repreesiva.

- FODASSE! SEU PORCO ARROMBADO QUASE ME MATOU!!!!

- Ei! 

- Haa... Desculpa... - Percebi que melhor isso do que morrer né!

- Agora não temos tempo pra isso!!! - O Hawk (era esse o nome né?) Disse olhando praquela desgraça que estava tentando nos matar.. Logo vi Diane deitada em cima dele.

- DIANE!! - Corro até ela.

- O que ouve?! - Vejo o sangramento nela e um buraco em sua barriga!

- Foi ela! - Elie diz apontando para a garota! Droga! Ela me paga...

- CHEGA DE CONVERSA!!! - Ela tenta nos acertar mas desviamos.

- Precisamos dar um jeito nisso!! - Coloco meu ouvido sobre o peito de Diane, o coração ainda batia, só que mais lento que o normal!

- Eu estava curando ela! Mas essa daí apareceu!! - Elie grita enquando corremos desviando para um lado e pro outro.

- Elaine, leve-a pra longe daqui e cuide dela! Eu dou um jeito nessa!!! - Elie grita de um lado afastada de mim e Hawk até que.. 

- VAI DAR UM JEITO?!! QUANTA OUSADIA!!! NÃO FINJAM QUE NÃO ESTOU AQUI!!! - A garota bate um dos espinhos na Elie e à lança para longe, ela bate de costas em um tronco de árvore e cai no chão!

- ELIZABETH!!!! - Antes que eu percebesse Hawk joga Diane em cima de mim e corre até a outra.

- MALDITAAAAA!!! - Ele vai pra cima dela, mas ela o "rebate" facilmente fazendo-o voltar rolando até mim.

- VOCÊ NÃO VAI CONSEGUIR DERROTA-LA!!! PEGUE A ELIE!!!

- EU JÁ SEI!!! - A garota ia lentamente até Elizabeth mas Hawk é mais rápido, corre e segura a gola do vestido com a boca e à arrasta até onde estou.

- Elie!

- Cof! Cof!

- Desculpe! Mas tive que te arrastar! - Hawk fala desesperado.

- VOCÊ QUASE ENFORCOU ELA!!! 

- Tudo bem... - Ela diz enquanto levanta masageando o pescoço, acaba caindo com um dos joelhos uma vez mas depois se levanta novamente.

- Acho que bati meu joelho com força quando cai...

- Você está muito machucada! E precisa cuidar da Diane!!! - Digo apoiando a mesma no Hawk.

- Mas...

- ELA ESTÁ CERTA ELIE!! - Hawk a interrompe e logo completa:

- E você só tem poderes de cura! Como pretende lutar com ela?!

- Tem razão... - Elie abaixa a cabeça.

- Mas... Quem vai derrota-la??

Elie e Hawk olham para mim sugestivamente, eiiii... não, não, não NÃO NÃO!!! EU?!!

- EU?!! - Grito colocando a mão sob o peito.

- Não se preocupe. - Elie diz calma.

- Vamos te dar poderes! - Hawk à completa, como assim ME DAR poderes??!

- Primeiro, TEMOS QUE CORRER!!! - Hawk grita e corremos floresta adentro que estava na nossa frente.

- CALMA! Foi aqui que ela espalhou as armadilhas dela! Temos que ir pelo outro lado! - Elie diz parando de correr.

- A do lado da cerca?!!

- SIM!!

Nos viramos mas a garota já estava vindo atrás de nós, Ok. Sem opção.

- KIAAAAAAA!!! -Hawk grita apavorado.

Voltamos a correr pra frente e viramos pra a esquerda e depois para a direita

- Acho que despistamos ela... HAAAA!! - Uma raiz segura minha perna e da Elie!! 

- O QUÊ?!! - Grito tentando me soltar.

- AAAAAIIII! - Hawk pulava de um lado pro outro desviando das raízes que tentavam pega-lo, mas tinham dificuldade já que ele tem perninhas pequenas e cascos.

- AARGHH! - Ele morde as raízes que estavam grudadas nas nossas pernas e as arranca!

- CORRE NEGADAAAAA!!! - Grito já correndo à um milhão por hora, coseguimos desviar das outras raízes correndo em ziguezague.

- Arf! Arf! 

- Temos que subir em um lugar alto! - Hawk diz olhando para cima.

- Hum? - Elie ergue a cabeça.

- Para as raízes não nos alcançarem!

- Como vamos subir a Diane? - Pergunto e ele para para pensar um pouco.

- Elie, sabe subir em árvores? - Ele pergunta olhando a mesma.

- Sim, uma vez quando pequena, subi em uma árvore bem grande que tinha no quintal de casa, para dar um susto no meu pai... Mas não deu muito certo no final das contas...

- Ele não se importou? - Pergunto.

- Pelo contrário... Ele nem pensou duas veses e subiu para me salvar... Ele nunca havia subido em uma árvore antes, depois daquilo, ele caiu e se machucou um pouco... Se meu pai tivesse morrido naquela hora...

- ...

- CAHAAM!!! - Hawk.

- HAA!! É... DESCULPA!!!

Elizabeth diz balançando as mãos.

- Bem, suba primeiro você!

Elie faz o que ele diz.

- Agora me puxe!!! - Com dificuldade ela puxa Hawk para cima, que sobe Diane ao mesmo tempo segurando na gola de seu vestido também.

- Elaine-chan! - Ela estende a mão para mim, eu à seguro e sou puxada com tudo pra cima!

- OPA! - Caio sentada no galho da árvore, ele era bem grosso então dava para ficar em pé.

- Ok, agora Elie, cuide agora da Diane! 

- Ok! - Ela estende as mãos sobre o machucado de Diane e começa a surgir uma luz verde! 

- Agora Elaine... 

- Hum? - Viro a cabeça para ele.

Ele ergue o fucinho para o alto, e grita:

- SACRED OBJECTS!!!

Logo surge em meio de uma luz algo parecido com... Um frasco de perfume?!

Ele vai flutuando lentamente até minha mão e depois cai!

- O-O quê é isso? - Pergunto observando o pequeno frasco, era redondo, mas liso em baixo, (claro) era de vidro, transparente azul, o botão de esguichar era dourado!

        Narradora on

- Uauuu!!! Que lindo!!! Até parece que é de our..

- E é de ouro.

- QUÊ?!!

- Aliás, o frasco é de diamante, e o botão de ouro. - Hawk completa tranquilamente.

- SÉRIO?!!

- Isso aí!

- Hum interessante... se eu vender acho que consigo 70 mil e oitocentos ou 40 mil dólares... - Elaine diz observando atentamente o frasco girando-o em sua mão.

- NEM PENSAR!!!! 

- Bem, por mais que seja valiosíssimo, não é de nenhuma marca, se não eu com certeza adicionária à minha coleção... Mas como não encontro nenhum nome, então...

- ESSE NÃO É O PROBLEMA!!!!

- A Elaine-chan está agindo como uma profissional... - Elizabeth diz sorrindo observando a mesma.

- MESMO ASSIM NEM PENSAR!!! 

- Verdade... se eu vender em um leilão posso faturar ainda mais... Afinal terão varios homens e mulheres ricos disputando e oferecendo preços um acima do outro para consegui-lo....

- Tem razão... - Elizabeth concorda sorrindo docemente.

- NADA DE VENDER OS OBJETOS MÁGICOS OK?!!!

- Aff... - Elaine abaixa a mão que estava no alto segurando o perfume.

- E afinal é com ele que você vai se transformar!! 

- Hum? Transformar?? - Elaine pergunta intrigada.

- E NO QUE VOCÊ TAVA PENSANDO HEIM ELIZABETH?!!! - Hawk grita se virando para ela.

- Er...  - Elizabeth dá de ombros.

- Haja paciência... - Hawk bate a mão (a pata) na cara e toma o frasco da mão de Elaine.

- Eu mereço... - Ele borrifa o perfume em Elaine já sem paciência. (Autora: Como ele fez isso sem ter dedos, é um mistério...😐)

        Elaine on

 Hawk pega o perfume da minha mão e na mesma hora faz questão de borrifa-lo bem na minha cara! Antes que eu pudesse reclamar uma luz verde surge em torno de mim! E sinto o cheiro do perfume que era de... Margaridas...



Tinha a sensação de estar dentro de um redemoinho, Mas calmo e suave. Várias luzes verdes giram em torno de mim, sinto minha roupa mudar, meus ombros a mostra, os braços cobertos e uma saia longa cobrindo meus pés!

Quando a luz baixa e consigo enxergar direito vejo o que estou usando:

Um vestido verde longo que mostrava meus ombros e tinha mangas compridas nos braços, ele ia até meus pés e tinha pequenas rosas de enfeite.

- MEU DEUS! QUE LINDO!! - Coloco as mãos sobre o rosto impressionada, sério. AMAZING!!!♡♡♡

- Hum... - Hawk me analisa um pouco.

- Sua transformação deve ser da natureza! - Logo ele diz sorridente convencido.

- Natureza?

- Sim! Você pode controlar plantas, flores, árvores e tudo que tem na natureza que estiver ao seu redor!

 Levanto o olhar e vejo que tenho em mãos um cetro de madeira com uma joia roxa.

- Devo usar isso? - Pergunto ainda inespressiva.

- Sim!!

- Então esse é o cenário perfeito!!!☆ - Comemoro empolgada! 

- PUKO!

- Elie, fique aqui cuidando de Diane! - Digo me viramdo para descer.

- Tenha cuidado Elaine-chan! 

- Não se preocupe! - Sorrio e ela sorri de volta.

- Eu vou com você! 

Hawk diz se virando para meu lado.

- Ok! 

Pulo da árvore e como imaginei, plano calmamente para baixo, ao invés de cair de cara no chão. (O chão e minha cara tem um laço muito forte, mas não tanto como a da Elie, claro)

- Como sabia que não ia cair feio??? - Hawk pergunta pulando logo atrás de mim, apesar de não planar ele consegue cair sem nenhum acidente.

- Eu vi a Elie te empurrando e pulando daquela árvore, e pensei que a Diane também poderia planar daquele jeito, e agora eu também. - Respondi indiferente.

- Hum... Você é observadora, que nem eu! Gostei de você! - Ele diz com um sorriso de canto.

- Hum... Apesar de quase ter quebrado alguns dos meus ossos. Eu também!



                         Continua...







Notas Finais


Como a Elaine consegue ser engraçada até numa hora dessas?! 😂😂
Ela também consegue pensar em várias coisas em apenas alguns segundos! 😲


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...