História Não Duvide Do Meu Amor - Sasusaku - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju
Tags Sasusaku
Visualizações 120
Palavras 1.376
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi galera tudo bem? Trouxe mais um capítulo pra vocês. Espero que gostem. Eu gostei muito do feedback de vocês sobre essa fic. Aproveitem a leitura.

Obs: a imagem não me pertence

Capítulo 2 - Salvação


Fanfic / Fanfiction Não Duvide Do Meu Amor - Sasusaku - Capítulo 2 - Salvação

Sakura passou um bom tempo no quarto chorando. Nunca imaginou que Sasuke conseguisse despedaçar seu coração dessa forma. De todas as vezes que ele a magoou, essa era a que tinha doído mais. Sasuke nunca havia dito a ela que não a amava. Ele sempre ia embora e não dizia nada. No casamento deles ele disse a ela que a amava de todo o coração. Mas ouvir ele dizer aquilo havia acabado com ela.

Ela se levantou e destrancou a porta, descendo para o andar de baixo. Ao chegar lá, encontrou Sasuke com as mãos na cabeça sentado no sofá. Ele levantou a cabeça e a olhou quando ouviu o ruído da escada assim que ela chegou. Ele viu que ela tinha os olhos inchados e vermelhos e as vezes ainda soluçava. Aquilo doeu demais no coração dele. Se ela soubesse o quanto ele estava arrependido...

Ela desviou o olhar, limpou o rosto das lágrimas, respirou fundo e foi para a cozinha. Ele se levantou e foi atrás dela a passos lentos. Viu ela encher o copo de água e o tomar devagar, enquanto tentava manter sua respiração e controlar os soluços constantes. Sasuke se aproximou um pouco e ela sentiu a proximidade.

- Sakura eu...

Ela levantou a palma da mão em sinal para que ele parasse de falar. Ele respirou fundo em frustração.

- Não... fala nada. Já falou o suficiente pra mim.

- Sakura... Você nem me deixa falar...

- É Sasuke... pela primeira vez... durante a minha vida inteira... Eu preferia que você tivesse continuado calado. Que continuasse introvertido e em silêncio.

- Sakura...

- Vou ver a Tsunade e a Ino. Não tenho hora pra voltar. Ah é. Porque eu tô justificando pra onde eu vou? Você não liga. - Ela disse passando por ele e estava prestes a sair quando sentiu seu braço ser segurado e ela ser puxada de encontro ao Uchiha. Ela o olhou surpreendida e ele nem deu tempo de ela pedir explicações. Ele selou os lábios dos dois em um beijo intenso, onde passava toda a sua amargura e arrependimento pelo que havia dito. Sua angústia. Sakura tentou o empurrar mas ele a prensou na parede da cozinha usando seu único braço para segurar seus pulsos. Ela virou o rosto e separou o beijo. Ele não se deu por vencido e continuou beijando o pescoço dela pela lateral exposta. Ela suspirou.

- Não... Sasuke... para... Por favor...

Ele parou e ela o encarou nos olhos.

- Você pede atitudes... mas não deixa eu fazê-las. 

- Você só está fazendo isso porque eu pedi. Não por você querer. Isso é forçado Sasuke.

Ele soltou os punhos dela e bateu a mão ao lado da cabeça dela.

- Eu não consigo te entender Sakura. Simplesmente não consigo.

Ela abaixou o olhar.

- Então era melhor que não tivéssemos nos casado.

Sasuke arregalou.

- Não diga bobagens. Pare de ser irritante!

- Não são bobagens! Eu vou sair. E se existe um pingo de arrependimento no seu coração, torça para você conseguir consertar seu erro antes que eu me divorcie de você. - Sasuke a olhou surpreso antes de ela se desvencilhar dele e sair pela porta da frente.

Ela não podia estar falando sério. Não. Ela não se divorciaria dele. Ela o amava não é? Estava tão perturbado que apenas pegou sua capa e foi até o escritório do Hokage. Só Kakashi conseguiria lhe dar um norte. Afinal, Kakashi era como seu pai. Ele bateu na porta e Kakashi mandou ele entrar. Por sorte, Naruto também se encontrava lá.

- Sasuke? - Kakashi o olhou confuso, fazendo o loiro o olhar também-  O que está fazendo aqui? Pensei que estava aproveitando seu tempo perdido com a Sakura. Afinal, ela é sua esposa agora não é?

Sasuke baixou o olhar e suspirou.

- Vixi. O que você aprontou Sasuke? Vai ter que dormir no sofá é? - Naruto disse rindo do amigo. Sasuke o olhou irritado.

- Não é nada disso seu idiota. Não tem graça nenhuma.

- Então o que aconteceu? - Kakashi perguntou sério.

- É. Pelo que eu saiba vocês mal tiveram uma noite de núpcias. Pensei que iria aproveitar. Se é que me entende.

Sasuke se sentou na cadeira em frente à mesa do Hokage e respirou pesado.

- A Sakura... quer o divórcio.

Os dois ninjas arregalaram os olhos.

- Como assim? Isso é impossível. Sakura sempre te amou. - Kakashi disse chocado.

- Verdade. Acho que não existe ninguém que te amou como ela Sasuke. Talvez seus pais mas isso é outra história. O foco é que... O que aconteceu pra ela querer isso? - Naruto disse de maneira estabanada.

- Ela duvida do meu amor por ela. Eu cheguei e não a comprimentei direito pois estava cansado demais. Ela entendeu como um descaso e ignorância. Isso desencadeou uma briga feia e na hora da raiva e irritação... Eu... acabei dizendo...

- Acabou dizendo...o que? - Naruto o olhou instigando-O a continuar.

- Acabei dizendo que não a amava mesmo pra ela parar de me encher. Mas acho que esse é um dos meus maiores arrependimentos.

- Sasuke... Não devia ter dito isso. Deveria tentar compreende-la. Você sempre tá com cara de emburrado. É lógico que ela iria achar que você não a Ama e você ainda confirma. Ela deve estar péssima. Afinal ela só recebeu seu desprezo a vida inteira.

- Eu sei Naruto! Eu... eu sei... - Uma lágrima escorreu pelo rosto do Uchiha e Naruto arregalou os olhos. Assim como Kakashi que tentava assimilar a situação. - Toda a minha vida... eu a desprezei. Eu a mantive longe de mim. Eu preferi me afogar na escuridão. Mas... então eu percebi a luz que ela trazia na minha vida. A luz que eu não era capaz de emanar ou carregar comigo. Eu me apaixonei por ela. De verdade. Eu... amo a Sakura mais do que tudo no mundo. E quando eu finalmente me caso com ela, eu consigo afetá-la com a minha escuridão. Eu sou um monstro. Talvez... Ela tenha razão. Talvez eu nunca deveria ter casado com ela. Isso evitaria... eu a machucar mais. Eu sou um idiota .- Sasuke disse já com o choro evidente e a tristeza transparecida.

Naruto se doeu naquele momento. Sasuke nunca demonstrava suas emoções. Se ele estava fazendo isso agora, era porque realmente estava magoado e arrependido.

Naruto sorriu e se abaixou perto do Uchiha, colocando a mão sobre seu ombro. O Uchiha o olhou e Naruto deu um sorriso para o amigo.

- É Sasuke. Você tem razão. - Sasuke o olhou confuso, antes que o loiro lhe desse um tapa na cabeça.

- Au!- Ele olhou Naruto enfurecido- O que foi isso Dobe?

- Você é um completo idiota Teme. Lutou tanto pra conseguir estar aqui é ter uma vida feliz. Restaurar seu clã. E agora uma briguinha de nada vai acabar com o seu casamento? Nada disso. Você vai voltar pra sua casa e vai resolver isso agora mesmo!

- Escuta Naruto. Mesmo que eu quisesse não poderia. Ela foi falar com a Tsunade e a Ino. Com certeza ela voltará determinada a me largar.

- Pois então volte pra casa e faça ela mudar de ideia. Faça algo pra ela.

- O que por exemplo, gênio?

- Quando eu brigo com a Hinata, eu sempre tento mostrar que eu estou errado e arrependido. Faço uma surpresa pra ela e falo com ela calmamente sobre o assunto. Eu sei que você não é desse tipo, mas tente surpreende-la. Deixá-la de boca aberta. Isso pode salvar seu casamento. Vai por mim .

Sasuke refletiu e olhou para Kakashi.

- Não olha pra mim não. Eu nem sou casado.

Sasuke deu uma leve risada.

- Obrigado Naruto. Você me deu uma ideia esplêndida que pode salvar minha relação com a Sakura.

- Vai lá Teme. Você consegue. Quem é o macho alfa hein?

- Vai se danar!

Sasuke disse saindo da sala do Hokage. Estava decidido. Ele a surpreenderia, não importa como. Iria sacrificar seu orgulho pelo o amor da mulher que ele amava.

- Sakura. Parece que o jogo virou e eu que estou correndo atrás de você e de seu amor. 




Notas Finais


Galera o Naruto é um barato. Batendo no Sasuke. Só ele mesmo kkkk é gente a Sakura não tá brincando galera. O que o Sasuke vai aprontar? Só no próximo galerinha. Espero que tenham gostado. Se puderem deixem sua opinião nos comentários. Obrigada por lerem e até o próximo capítulo.

Bjs😘😘😘😘😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...