História Fada sem asas - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Laxus Dreyar, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Makarov Dreyar, Natsu Dragneel, Sting Eucliffe, Virgo
Visualizações 48
Palavras 431
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Primeiro


Lucy POV’s ON

 Saí de casa e caminhei em direção ao parque, já havia tomado minha decisão.

 - Natsu, hoje vou contar que eu gosto de você. – sussurrei enquanto andava olhando para o chão.

 ‘’Lucy, você consegue.’’ Pensei. Cheguei ao parque e sentei embaixo de uma sakura e encostei minhas costas no tronco dela. Suspirei e abracei minhas pernas. Abaixei minha cabeça e percebi o quanto eu estava cansada. Não tinha conseguido dormir pensando no que falaria pro Natsu. Sem demora, adormeci ali mesmo sentindo o sol em minhas pernas e uma brisa fazendo folhas caírem em mim.

  Uma risada me acordou, mas não era qualquer risada, eu a reconheceria em qualquer lugar.

  ‘’Natsu?’’- sussurrei .

  Levantei com um pulo e comecei a procurar ele. Antes não tivesse feito isso. Quando o encontrei ele não estava sozinho, estava com a pessoa que eu menos gostava na guilda. Lisanna.

  Minha intenção era ir lá, mas quando dei um passo, vi o Natsu pegar o braço da Lisanna e a puxar para si, dando-lhe um beijo. Senti minhas pernas fraquejarem e eu caí. Lágrimas começaram a correr livremente por meu rosto.

  ‘’Que droga Lucy!’’

  Levantei e corri em direção a minha casa sem olhar por onde ia, ainda com as lágrimas saindo. Não queria que ele me visse. Cheguei em casa e quando fechei a porta atrás de mim, entrei em prantos.  Meu mundo foi reduzido a lágrimas e dor.

  ‘’Isso é pra você aprender a ser tonta e não ver que o Natsu ainda gostava dela! Parabéns Lucy sua idiota! Eu sou uma idiota!’’

  Peguei meu travesseiro, apertei-o em meu rosto e comecei a gritar e a chorar alto. Eu precisava por toda a minha dor para fora. Horas se passaram e eu continuei encolhida em um canto do meu quarto e acabei dormindo.

  Acordei assustada do meu pesadelo e vi que já estava amanhecendo.

  ‘’Lucy, você tem que tomar uma decisão. O que eu faço? Mavis do céu, eu não vou conseguir ver o Natsu todo dia na guilda depois do que aconteceu! Socorro! O que eu faço? Calma Lucy, ande um pouco pela cidade e relaxe.’’

  Fui ao banheiro e tomei um banho. Penteei meu cabelo e o amarrei de lado com uma fitinha azul clara. Pus uma roupa e saí.

  Estava muito cedo e tinha poucas pessoas na rua. Eu andava de cabeça baixa e um folheto atingiu minha barriga e caiu. Levei um susto e o peguei do chão. Quando o li quase caí para trás. Não acreditei na minha sorte! Naquele folheto tinha tudo que eu precisava!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...