História Não Existe Amor Verdadeiro - Capítulo 26


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Romance, Sexo, Violencia
Visualizações 102
Palavras 959
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Luta, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oii gente
Espero que gostem❤
#coly

Capítulo 26 - Meu pequeno Bryan


Diane- você vai me trair?

* Diane on *

Eu não acredito nisso, minha própria irmã

Alice- desculpa mas eu não posso fazer isso

Eu - isso é sério?

Alice- sim

Eu- ta bom então, só não me peça mais nada

Subo sem ouvir a sua resposta e vou para o meu antigo quarto e penso vou te que fazer isso sozinha...

* Alice on *

Suspiro ao ver que a minha irmã ficou bolada pela minha resposta, mas eu não posso prejudicar a Mille, ela já me salvou de várias coisas e por mais que já  não somos melhores amigas nunca vou fazer algo de ruim com ela. Resolvo sair para refrescar a minha cabeça, estava tão distraída que encontrei as minhas "amigas" fumando algum tipo de baseado

Lavínia- eai piranha

Eu-oi

Luiz- oi gata

Luiza- quer um? -ela me oferece um dos cigarros

Eu- não, obrigada

Luiza- para de cu doce e toma logo - pego o cigarro e olho o mesmo sem saber o que fazer

Luiz- assim oh - ele faz os movimentos me ensinado

Eu- nossa - sinto uma queimação na minha garganta mas isso é viciante demais  fui fazendo esses movimentos por várias vezes

Lavínia- piranha temos uma coisa para você fazer...

Eu- o que?

Luiza- sabe o Arthur?

Eu- sei o namorado de uma antiga amiga minha, por que?

Lavínia- a nossa amiga aqui- ela aponta para Luiza- ficou com esse viado e ele não quis nada a mais porque ele esta namorando com essa vaca ai

Lavinia - porra ele é muito gostoso

Luiz- sem detalhes caralho eu to aqui

Eu- ta... mas o que eu tenho haver com isso? - pergunto tragando mais e mais o meu cigarro

Luiza- você vai simplesmente cortar o freio do carro do Arthur

Eu- eu não posso fazer isso, ele vai ser pai agora...

Lavínia- melhor ainda - diz rindo

Eu- não vou fazer isso

Luiza - tem certeza- ela fala pegando a sua arma que estava na cintura - sabe... Alice eu soube que sua irmã voltou da Espanha você a ama muito, ne?

Eu- claro, eu só tenho ela da minha família

Lavínia- Então, ou você faz isso ou ela vai me conhecer ou melhor conhecer essa belezinha aqui- ela levanta a arma

Eu- por favor não faça isso -suplico

Lavínia-  se você continuar com esse blá blá 

Eu- ta bom..

Luiza- ótimo, daqui 1 mês você pode fazer isso

~ 1 mês depois ~

* Emily on *

Eu- amor, é amanhã- digo animada

Arthur- sério minha princesa?

Eu- sério

Arthur- eu não vou poder ir

Eu- por que? -falo triste

Arthur- tenho seminário para apresentar e bem... eu to precisando de pontos 

Eu- ta bom... Depois eu te conto 

Arthur- ta bom, mas eu quero que você vá com o meu carro para não pegar nenhum uber 

Eu- ta bom meu amor

Tento dormir ( essa ansiedade...)

* Arthur on *

Levanto antes da Emily e a beijo e o nosso filho ou filha ( vou saber disso hoje) estou meio mal por não ir com ela... Mas eu realmente não posso faltar

Desço e encontro a Beatriz e a minha mãe na mesa

Eu- bom dia

As duas - Bom dia

Eu-Camille já foi?

Beatriz- já

Samantha- o Guilherme passou aqui e levou ela para escola, eu estou tão feliz pela minha filha ela finalmente se apaixonou 

Beatriz-milagres acontecem

Eu- eu também acho 

Tomo café logo e  pego a minha moto para ir em direção a faculdade

* Emily on *

Acordo sozinha na cama, ou seja, o Arthur deve ta na faculdade já, levanto e tomo um banho rápido e visto um vestido azul meio rodado com um sapatinho e desço vendo a minha sogrinha na sala

Eu- oii

Samantha- oi minha querida - ela vem para me abraçar -  aiii meu netinho ta crescendo - ela se abaixa para beijar a minha barriga

Eu- vou lá saber o sexo

Samantha- aii que ótimo, mas vamos se alimentar, né? 

Eu- claro

Como umas torradas com pão integral e um simples suco de laranja

Samantha- qualquer coisa me liga

Eu- ta bom - digo entrando no carro e dando partida em para a clínica

{ já na clínica }

Dra katy- e ai? Ansiosa?

Eu- muito

Dra katy - pode ir se deitar

Me deito tirando as alças do meu vestido para minha barriga ficar exposta

Dra katy- cresceu bastante

Eu- mexe muito doutora, tem dias que eu nem durmo direito

Dra katy - vamos descobrir mas antes come esse chocolate -ela me entrega um bombom escrito " light" na frente mas consigo reprimir o riso

Eu- nossa - falo rindo sentindo o pequeno ser ficar se revirando no meu ventre

A doutora passa o famoso gel e em seguida o monitor

Dra Katy- olha mamãe, você aguarda um menino

Eu- meu pequeno Bryan -  começo a me emociona

Dra katy - parabéns- ela fala enxugando minhas lágrimas

Eu- eu vou fazer uma surpresa para o Arthur

Me despeço da doutora e vou em direção ao carro dando partida para a faculdade do meu amor um sorriso bobo estampado nos meus lábios

《 minutos antes 》

* Alice on *

Vejo que quem está dirigindo o carro é a Emily e a sigo até uma clínica pela qual a Emily desce e essa é a hora de me aproximar para fazer o meu " trabalho"

Com um alicate nas mãos olho ao redor para ver se tem alguém vendo ( não tem ) com o alicate corto os fios do freio do carro ( com um pouco de dificuldade )e  com um receio no meu coração...

* Emily on *

Vou meio devagar para pensar em qual melhor jeito de falar isso mas quando vou virar uma curva meio brusca pressiono o freio mas não fuciona, isso foi o suficiente para entrar em desespero mas quando do nada vejo tudo ficar preto


*


Notas Finais


E ai?
Até mais!!❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...