História Não.. Porque Comigo? Porque com nós? - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama
Visualizações 48
Palavras 957
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Essa história terá 2 capítulos..

Capítulo 1 - Parte 1


Pov Ruiva

Que tarde tediosa, na verdade está como a maioria das outras, estou estirada no sofá sala mexendo no celular quando a campainha toca, minha mãe está ocupada então atendo eu mesma.

Eu- Ricardo? O que faz aqui? -Pergunto intrigada, ele é meu ex e não tem motivos pra estar aqui.

Ricardo- Oopaa! Não vai me convidar pra entrar? -Diz em tom de brincadeira.

Eu- Ah, desculpe.. Vamos entrar? -Digo dando passagem para Ricardo, o mesmo entra.

Mãe- Emanueeelly! Quem é? -Minha Mãe grita da cozinha.

Eu- Vou te mostrar..

Guio Ricardo até a cozinha onde minha Mãe se encontra.

Mãe- Oh, Ricardo.. Que surpresa! -Ela enxuga as mãos na toalha e vem em nossa direção cumprimentando Ricardo.

Ricardo- Espero que seja pelo menos uma surpresa boa kkkk. -Ele diz apertando a mão de minha Mãe.

Mãe- Claro que sim.. -Ela me fita um olhar como se dissesse "que porra é essa minha filha?". -Vou resolver algumas coisinhas aqui rapidinho e já volto.

Eu e Ricardo nos sentamos na mesa perto da bancada, ele é a última pessoa que eu esperava ver, sei lá, ta estranho..

_flashback on_

Enfim cheguei na minha nova escola, não conheço nenhum ser humano aqui.. Quase cheguei atrasada mas corri um pouquinho e deu pra chegar antes do sinal bater, mas só deu tempo de chegar e me sentar, o sinal bate e os alunos aparecem de pouco a pouco, a primeira aula era de Biologia, a professora se chamava Daniela.

Daniela- Bom dia alunos.. -Ela coloca o material sobre a mesa e logo percebe minha presença, direciona o olhar para mim e sorri. -Vejo que temos uma aluna nova, se apresente.. -Ela diz contente, ja gostei dela.

Me levantei, sou tão vergonhosa, meu senhor me ajuda que numa hora dessa eu não sei nem andar. Fui pra frente e me virei de frente para a turma, logo levantei meu óculos e suspirei, dei um sorriso entre covinhas e deixei meus cabelos ruivos se mexerem um pouco.

Eu- Meu nome é Emanuelly Rezende De Souza Garcia, conhecida como Ruiva e tenho 16 anos.. -Falei confiante, a sala aplaudiu.

Daniela- Alguém tem alguma pergunta pra Ruiva?

Um aluno levantou a mão.

-Você é solteira?

Ai meu Senhor Jesus Cristo que vergonha, sinto que corei um pouco.

Eu- Sim kkkk...

Depois disso fui me sentar, uma menina puxou assunto.

-Oi.. -Ela diz sorrindo.

Eu- Ooi! -Retribui o sorriso.

-Me chamo Daiane..

Eu- Prazer!

Daiane- O prazer é meu, queria ser sua amiga e apresentar alguns amigos pra você não se isolar, aceita?

Eu- Ah, porque não..

_flashback off_

Nesse grupinho que ela me apresentou havia várias pessoas, inclusive Ricardo e seu melhor amigo Arthur que hoje é meu namorado. Essa tal Daiane é irmã do Arthur... Eu gostei muito dessa rodinha de amigos, me enturmei bastante.. Um dia, Ricardo e eu acabamos ficando e Arthur simplesmente se afastou de mim, eu demorei um tempo pra saber o motivo mas era porque o Arthur ja gostava de mim e Ricardo sabia, namorei Ricardo por 5 meses e acabamos terminando por motivos pessoais, nunca tive nada contra ele mas nunca entendi o porque do afastamento do Arthur.. Depois disso Ricardo e Arthur já não eram mais amigos, Ricardo mudou de escola e Arthur começou a conversar comigo normalmente de novo.. Aconteceu várias coisas, namorei Arthur uma vez e não deu certo por acharmos que éramos mais amigos do que namorados, mas agora assumimos um novo relacionamento que andava muito bem.

Fiquei um tempo conversando com Ricardo, ele ficou sabendo que eu tive que tomar soro e que Raquel morreu, ficou preocupado e veio ver como eu estava.

Mãe- Pessoinhas.. -Ela diz se aproximando de mim. -Filha vou ter que sair, pode ficar com sua irmãzinha?

Eu- Claro Mãe..-Ela sorri e me da um beijo na testa.

Depois que ela saiu conversei mais um tempo com Ricardo, Jess (minha irmãzinha de 5 anos) estava com a gente na cozinha mas acabou dormindo, a coloquei na cama e conversei mais um tempo com Ricardo.

Ricardo- Deu minha hora Ruiva.. -Ele diz se levantando da cadeira e eu faço o mesmo.

Eu- Ok, obrigada pela visita.

Ele sorri e me abraça, a única coisa que eu tinha pra fazer naquele momento era retribuir, mas....

-..... -Alguém abre a porta. -Ruiva?

Saio do abraço com Ricardo e vejo a pior pessoa pra ver nesse momento.. Arthur..

Eu- O-oi amor... -Droga, e agora? Ele vai ter ciúmes, tenho certeza...

Ricardo- Então, ta na minha hora galerinha.. Flw flw.. -Ele diz saindo.

Arthur fuzila Ricardo em um olhar e depois volta seu olhar de ódio pra mim, engulo seco com medo das palavras que podem sair de sua boca.

Eu- Então..

Arthur- Que amizade bonita...

Eu- Arthur, não começa.. Você nem sabe o que aconteceu..

Arthur- Nem quero saber..

Eu- Drama..

Arthur- AH MAS EU ADORO VER MINHA NAMORADA COM O EX NAMORADO DELA....

Eu- P-para de gritar..

Arthur- Que amor falso..

Eu- Falso? FALSO? Ta me zoando né..

Arthur- O QUE VOCÊ FAZIA ABRAÇADA COM SEU EX???

Eu- NÃO ESTAVA FAZENDO NADA, PARA DE PARANÓIA!!

Arthur- AH SÉRIO? SE EU NÃO TIVESSE CHEGADO ANTES SÓ DEUS SABE..

Eu- TA ME DIZENDO QUE EU TE TRAIRIA?

Arthur- NÃO É ISSO... EU QUIS DIZER QUE O PROBLEMA É ELE! 

Eu- ARTHUR VOCÊ NÃO CONFIA EM MIM! 

Eu- CONFIO SIM, ARGH.. ENTENDA COMO QUISER!! 

-Ru-ruiva? -Minha irmãzinha aparece esfregando os olhos, ela acordou, tadinha. 

Eu- Oi meu amorzinho... -Pego a menor no colo. 

Arthur- Acho melhor eu ir.. 

Eu- Temos que terminar essa conversa.. 

Arthur- Não sei quando vamos fazer isso.. -Ele sai, droga. 

Jess- Ruiva, porque está chorando?

Eu- Amorzinho.. Não estou chorando, apenas caiu um sisco no meu olho.. -Dou um beijo na testa da menor.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...