1. Spirit Fanfics >
  2. Não se apaixone por vampiros >
  3. Primeiro dia

História Não se apaixone por vampiros - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - Primeiro dia


Antes de ir para casa, consegui comprar materiais para as aulas de Lorie serem divertidas, junto com os quadros daquele senhor adorável assustador.


Ao abrir a porta é possível notar tia Meg conversando com três pessoas, vestidas de chefes de cozinha.

Peter sobe para o quarto, eu também sigo para o meu quarto, para poder arrumar-lo de acordo com meu estilo, e colocar as compras em ordem.


O jantar foi frio e calado, não teve muita conversa já que Nicolae e drogo não estavam presentes.


Ao subir para meus aposentos, me deparo com uma garota de cabelo castanho saindo pelo quarto de Drogo, abotoando seu casaco. Drogo sai logo depois, sem camisa e com uma mancha de batom em seus lábios.


Sem conversa, sigo para meu quarto onde adormeço calmamente.


DIA SEGUINTE


7h00am:

          Hoje vai ser o primeiro dia de aula, visto meu uniforme, e arrumo meus cabelos com um penteado leve, meio solto.

*O uniforme me caiu bem, estava calor então tive que usar a saia.

          Desço as escadas, aparentemente nem todos tinham acordado, empregadas andam de um lado para o outro na sala de jantar. Quis esperar todos chegarem, vou até o quarto de Lorie, que está acordada.

*Ela parece confusa ao olhar no espelho, percebendo, me ofereço para arrumar seus cabelos, e passo um blush em suas bochechas onde sorrimos juntas. Parece um momento agradável.

Drogo entra no quarto e brinca com ela jogando de um lado para o outro no colo, eu saio do quarto tentando não atrapalhar, mas Lorie joga um travesseiro em mim, e assim começamos uma guerra

               Pude perceber o sorriso de drogo e Lorie pela primeira vez, até chegar a Tia Meg.

-Vamos crianças, o café já está na mesa


Estava tão ansiosa que nem prestei atenção nas conversas durante o café. Ao ir para a escola, drogo optou por ir sozinho no seu carro, e Peter me ofereceu levar, já Lorie foi com a Meg no nosso carro.


A CHEGADA NO COLÉGIO 

     

*Há varia pessoas misturadas pelo campo, sigo em direção ao armário, os meninos e meninas confusos começam a olhar para mim, que estou a lado de Peter. Drogo logo chega depois de nós dois no seu carro luxuoso vermelho, e a atenção das garotas vai toda para ele.


NA SALA DE AULA


Professor: Olá alunos, devem ter percebido mas temos uma novata conosco, pode se levantar senhorita.

*Me levanto 

Professor: Está é a senhorita Isabel Johnson

??: Gostosa

??: Pegaria ela

Peter e Drogo olham para eles de forma intimidadora, que os fazem calar rapidamente.


As aulas pareceram ser como as outras que tinha, sem muitas surpresas.

*O sinal toca e vou em direção ao meu armário, ao abrir um toque no meu ombro me desperta.

??: Aqui não é o seu lugar

??: Quem é vocês duas?

Britanny: Eu sou a Britanny, essa é Samantha.

Samantha me encarando 

Samantha: fique longe do Drogo, ele não para de olhar para você 

*Eu não sabia oque fazer, se eu falasse minha atual relação com ele iria me fazer ser intimada e controlada por ela

Eu: Se ele não para de olhar, fale com ele

*Dei de costas e fui saindo em direção ao carro, Peter estava conversando com uma garota de cabelos dourados, que tinha um rosto fofo e meigo. Eu sabia que ia demorar ali, então resolvi ir a pé para casa.


Era uma rua escura cercada por paredes, não parecia ser muito seguro mas fazia parte do caminho 

Um homem alcoolizado me chamou a atenção assobiando.

-Gatinha vem cá

Eu apresso meus passos, com o coração em desespero. Ele levanta do chão e puxa meus braços, me empurrando contra a parede. Um carro vermelho, rapidamente para. Era drogo, ele saiu e empurrou o homem, rapidamente me puxou para dentro do carro.

-Oque você estava pensando?

-Agora não posso ir mais para casa?

-Você é maluca de ir sozinha por essas ruas

-Desculpa mas não ainda não ganhei um mapa

-Eu salvei sua vida, você poderia ser grata pelo menos

-Obrigada, mas acho que minha vida ali estava mais salva que aqui, PARA DE ACELERAR ESSE CARRO!

Chegando em casa

-Você sabe oque aquele babaca ia fazer com você né?

Saio do carro imediatamente, ele segura a minha mão me puxando para dentro. 

-Não drogo, eu sei sobre sua fama, e não vou ser mais uma das suas fans.

Saio do carro apressadamente



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...