1. Spirit Fanfics >
  2. Não se preocupe, eu sempre vou te proteger (BTS - Amor Doce) >
  3. Capitulo - Twenty-seven

História Não se preocupe, eu sempre vou te proteger (BTS - Amor Doce) - Capítulo 28


Escrita por:


Notas do Autor


Oiie, lá vai mais um cap

Boa leitura peoples @u@

Capítulo 28 - Capitulo - Twenty-seven


 

 

Desci a escada e fui a cozinha, peguei alguns doces coloquei em uma bandeja, peguei também a jarra com suco que deixei na sala, acrescentei alguns cubos de gelo e subi após pegar dois copos, assim que parei na porta de meu quarto vi que Rosa mexia em meu guarda roupa, apenas dei uma risada e coloquei a bandeja em cima de minha cômoda, se ela percebeu que eu tinha chegado? Sim percebeu, mas nem ligou e então sentei em minha cama e só a observei quando fechou meu guarda roupa me deu um sorriso e falou

 

Rosa: O que é, disse que eu poderia ficar a vontade (e deu de ombros)

 

Elyza: (Dei risada) Não disse nada

 

Rosa: Mas pensou (neguei com a cabeça) então vou continuar

 

Elyza: Claro fique à vontade (deu um sorriso e foi para a minha cômoda)

 

Fiquei só olhando as expressões dela e achando graça, e ela pelo jeito estava amando futricar em minhas coisas, assim que terminou de olhar minhas roupas intimas e algumas outras gavetas ela foi para a minha sapateira, e pelo olhar ficou deslumbrada

 

Rosa: Amiga que numero você calça?

 

Elyza: 37 porquê?

 

Rosa: Jura? (afirmei) Você tem que me emprestar alguns de seus sapatos

 

Elyza: (Dei um sorriso) Claro, qualquer um que quiser

 

Rosa: Serio? (Falou com os olhos brilhando)

 

Elyza: Sim, com tanto que me devolva

 

Rosa: Devolvo sim (falou super feliz, ela deu algumas olhadas em outras coisas e depois pegou um cup cake se sentando ao meu lado)

 

Elyza: Terminou a inspeção?

 

Rosa: Sim terminei (disse e deu uma mordida no doce e assim que terminou de engolir falou) ia te dar umas dicas de moda, mas vi que não precisa (lembrei que a um tempo descobri que ela ama moda e até sonha em ser estilista) deveria ter imaginado porque gosto dos looks que você vai para a escola

 

Elyza: Fico feliz em ouvir isso de você, e pelas caras que fez gostou do que viu no guarda roupa (deu mais uma mordida no doce)

 

Rosa: (Terminou de mastigar e respondeu) Sim e muito, achei que precisaria te dar alguma dica, mas não suas roupas são lindas, não só as roupas como sapatos e lingeries, e falando em lingerie tinha umas bem picantes ali (me olhou com malicia e eu provavelmente corei)

 

Elyza: C-comprei porque achei bonitas ué

 

Rosa: Sei (olhou desconfiada)

 

Elyza: É verdade, vai me dizer que você não tem

 

Rosa: Claro que tenho e muito mais que você

 

Elyza: Pois então não me olhe assim

 

Rosa: Por isso que olho assim, tenho várias só que também tenho namorado

 

Elyza: Que que tem a ver

 

Rosa: Ai que ingênua, as uso pra ele obvio

 

Elyza: Como assim? (ela me olhou com uma cara de “Serio que você não sabe do que estou falando”) V-vocês já.... (Insinuei)

 

Rosa: Transamos? Claro que sim, já temos 2 anos de namoro

 

Elyza: N-não acredito

 

Rosa: É serio, porque você ainda não?

 

Elyza: C-claro que não, recentemente perdi o BV imagina isso

 

Rosa: Mentira (falou com cara de espanto) você ser virgem até relevo mas BV, como? (dei um sorriso e dei de ombros) estou passada, gente!! E quando foi? Ou melhor com quem foi (olhou com malicia)

 

Elyza: C-com Jimin no domingo (falei muito envergonhada)

 

Rosa: Jura? Me contaa (falou animada)

 

Elyza: Desculpe não quero contar agora, talvez outra hora pode ser?

 

Rosa: (Ficou meio triste) Tá bom, pode deixar tenho paciência, afinal se você demorar muito vou te encher a paciência até me contar (e voltou com a sua animação)

 

Elyza: Aé e acha que cedo a pressão?

 

Rosa: Ellie essa sua cara me diz totalmente ao contrario

 

Elyza: Nada a ver (dei uma risada breve)

 

Rosa: Fico até imaginando como será que foi que demorou tanto pra beijar (parou e pensou um pouco) talvez os meninos e Jimin sejam muito lentos

 

Elyza: Talvez (dei risada)

 

Rosa: Ou talvez você seja muito difícil como, sai daqui! Você acha que tem o que necessário para ser o primeiro a tocar nesta boca (falou como se estivesse atuando e eu dei muita risada e ela também)

 

Ficamos conversando e comendo por varias horas até ela receber uma mensagem de Jin dizendo que sairia mais cedo do trabalho e a convidou pra jantar, ela pediu desculpas e disse que outra hora ela apareceria pra conversarmos mais, só que agora ela tinha que ir se arrumar pra encontrar ele, eu disse que estava tudo bem e que a gente marca de se ver de novo fora da escola, ah e sim ela levou três pares dos meus sapatos emprestados kkkk, enfim dei uma organizada em meu quarto e na casa também, mais pra passar o tempo mesmo, liguei a TV da sala na Netflix e comecei a assistir Diários de um Vampiro até meus pais chegarem, eles chegaram e se sentaram comigo, depois que me cumprimentaram

 

Pai: Está assistindo o que (olhou pra TV) credo esses vampiros de novo

 

Elyza: Ah papai eu gosto

 

Pai: Não vejo graça

 

Mãe: Ah eu também gosto querido, principalmente dos vampiros principais

 

Pai: Ah então é por isso que assistem né

 

Elyza: Não só por isso mas o enredo é muito interessante

 

Mãe: Muito interessante é o Damon, meu Deus que homem (eu dei uma risada da expressão dela e olhei para meu pai)

 

Pai: Hum bom saber, vocês duas estão proibidas de assistir essa serie (falou brincalhão)

 

Elyza: Ah papai porque?  (falei querendo rir)

 

Mãe: É amor porque?

 

Pai: Não é obvio? Porque sou bem melhor que esses vampirinhos meia boca (falou e mamãe e eu começamos a rir) Que foi não concordam?

 

Mãe: Claro que concordamos né Lyza?

 

Elyza: Sim mamãe (continuei rindo e ela também)

 

Pai: Pois suas caras falam o contrário, quer saber vou castigar uma das duas (paramos de rir aos poucos e prestamos atenção nele)

 

Elyza: E em qual papai?

 

Pai: Deixa eu ver (falou pensando)

 

Elyza: Lembrando que não falei nada demais

 

Mãe: Ou assim você me complica (falou e deu uma risada)

 

Pai: Já sei quem será

 

Mãe e Eu: Quem?

 

Pai: Você querida, e também não tem graça na Lyza

 

Mãe: Ah não mais porque

 

Pai: Simples, porque ela não sente cócegas (assim que ele falou ela se levantou e tentou correr mas meu pai com mãos rápidas pegou-a e puxou a fazendo cair no sofá deitada em seu colo) Lyza me ajuda aqui (eu fui imediatamente, ficamos eu e meu pai fazendo cosquinha nela até cansar)

 

Mãe: Q-que injusto (falou ainda risonha se levantando e sentando ao lado de papai) dois contra uma, fiquei até sem folego (falou dando uma breve risada) seus malvados

 

Pai: Nós malvados nunca né filha

 

Elyza: Claro que não (falei sendo irônica e  rindo sentada no tapete) querem assistir alguma coisa?

 

Pai: Na verdade estou com fome (minha barriga roncou na hora) e pelo visto você também né (dei risada e balancei a cabeça)

 

Elyza: Desculpa mamãe não fiz comida

 

Mãe: Tá tudo bem, o problema é que não estou nem um pouquinho com vontade de cozinhar

 

Pai: Oque que vocês acham de comermos fora?

 

Mãe: Perfeito querido

 

Elyza: Adoraria (disse sorrindo) E o senhor também se distrai um pouco, ah e a mamãe também relaxa

 

Pai: Verdade princesa, então vamos?

 

Elyza: Siim, só vou colocar uma blusa e já volto

 

Pai: Tá bom filha vai lá, acho que também vou tirar essa roupa social

 

Mãe: Ah eu também, quero uma roupa menos apertada

 

E assim subimos os três e em minutos já estávamos lá em baixo prontos para sair, fomos para fora, depois de papai trancar a porta e desalarmar o carro entramos, após darmos algumas voltas vimos um restaurante que nos interessou, então papai estacionou e descemos do carro

 

Pai: Aqui parece um ótimo lugar, vamos entrar (confirmamos e entramos em seguida)

 

Entramos procuramos uma mesa vazia e então sentamos numa mesa de quatro cadeiras, avistei um pouco longe duas pessoas que conhecia, e não é que era a Rosa e o namorado dela, assim que avistei ela, ela olhou em minha direção e pela reação também me reconheceu, falou algo com Jin e veio em minha direção

 

Rosa: Elliee! (falou contente) você aqui (falou me abraçando e eu retribui) nunca pensei que a encontraria aqui

 

Elyza: Oiie Rosa, muito menos eu, mamãe papai essa é a Rosalya minha amiga e colega de classe

 

Pai: Olá senhorita, como vai?

 

Rosa: Olá senhor Martins, muito bem obrigada

 

Mãe: Oiie querida, a Lyza fala muito bem de você

 

Rosa: Fico muito feliz em saber, gosto muito dela (sorriu)

 

Elyza: Estão aqui a muito tempo?

 

Rosa: Na verdade não, chegamos a poucos minutos

 

Elyza: Gostaria de se sentar com a gente

 

Rosa: Adoraria (falou contente) claro se não for incomodar (olhou para meus pais)

 

Pai: Incomodo nenhum pode vir

 

Rosa: Que ótimo, deixa eu falar com meu namorado e já volto (ela foi em direção a sua mesa e em minutos voltou junto dele com um sorriso no rosto) Gente esse é Seokjin meu namorado (ela apontou para ele e então ele nos cumprimentou de um jeito bem formal)

 

Jin: Os senhores não gostariam de se sentarem em outra mesa, uma talvez com mais quantidade de cadeiras (falou calmamente e me lembrou de Taehyung)

 

Pai: Ah claro seria bem melhor (e assim fomos para outra mesa com seis cadeiras)

 

Conversamos um pouco e logo um garçom nos deu o cardápio, assim que escolhemos chamamos o garçom novamente e fizemos nossos pedidos, não muito tempo depois o que pedimos chegou e então começamos a comer e conversar, e gente a Rosa come pra caramba meu Deus kkkkk, quando o prato dela chegou achei que tinham errado mas quando vi ela comendo tudo com muito gosto percebi que não havia nada de errado kkkk, como já desconfiava o namorado de Rosa realmente era muito parecido com o estilo e jeito de Taehyung, era calmo como ele e quieto, porem falava um pouco mais que Tae, talvez por conta de sua experiência com as vendas e clientes ele se acostumou a falar um pouco mais, e assim a noite se passou nos despedimos e cada um foi para uma direção, foi uma noite boa e divertida, fiquei feliz em encontrar Rosa e seu namorado, gosto do tempo que ficamos juntas, chegamos em casa e como estávamos cansados cada um foi para seu quarto, arrumei minhas coisas para amanhã e fui pro banheiro pra tomar um banho, assim que terminei coloquei o primeiro pijama que a tinha visto no guarda roupa e o vesti, me deitei e fiquei mexendo e ouvindo música em meu celular como sempre até adormecer

 


Notas Finais


Espero que estejam ggostando e até o proximo, bjinhos 😘😘💋💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...