História Não tão primos - Imagine Min Yoongi - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink
Personagens Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé
Visualizações 3
Palavras 1.118
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), LGBT, Mistério, Romance e Novela, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - A Supernova


Meu nome é S/n e hoje é o meu primeiro dia de aula no colegial. Arrumando - me na frente do espelho, reparo que...Ah, meu olho não está mais tão roxo como antes. Além da angústia de um novo ano letivo começando, ganho de brinde o medo de poder cruzar, a qualquer momento, com as meninas que me bateram naquela sexta-feira à noite, na saída do shopping. Só mais um pouco de maquiagem para esconder o roxo e já estou pronta. Desço já com o uniforme para a cozinha e me sento para tomar o meu café da manhã. Minha mãe, s Dr. Lia, me olha e diz:

Lia- Filha! Esqueci de te falar...Não vou poder te levar para a escola hoje. O Yoongi está para chegar e eu vou ter que ir buscá - lo no aeroporto daqui a pouco...

- Mas, mãe, ele não ia esperar o quarto de fora ficar pronto para depois vir para cá?

Lia- Ele ia esperar, mas as aulas começaram hoje, então eu falei para ele vir assim mesmo, pois a reforma vai demorar um puco para começar, e ele iria perder muitas aulas...

Passa um filme em minha mente... Chegar sozinha na escola, depois de tudo o que aconteceu... Cada vez que penso nisso, sinto as dores daquele momento, e a cena do soco vem em minha mente novamente. Fico paralisada por um instante. Não digo nada, mas minha mãe entende tudo. Eu sei que foi muito difícil para ela também, porém não quer demonstrar, e então ela diz:

Lia- O que acha de vir comigo? Assim não preciso trazer o Yoongi de volta para cá, você vem com ele de táxi. No primeiro dia de aula, nunca tem matéria nova. Acho que não teria problema se você faltasse...

-Ótimo! Vou me trocar. - Me levanto com um sorriso no rosto.

Lia- Não dá tempo, estamos atrasadas, vai assim mesmo. - Minha mãe me puxa pelo braço, me levanto até a garagem.

No caminho até o aeroporto, começo a pensar em Yoongo. Ele é filho da prima da minha mãe, o que, na verdade, o torna meu primo de segundo grau, acho que é isso. Não o vejo desde que mudei de Daegu. Isso já faz mais de cinco anos. Nós brincávamos juntos todos os dias depois que eu chegava da escola, ele era como um irmão mais velho para mim, porém o tempo passou. Hoje tenho quinze anos, e ele, dezessete. Yoongi está se mudando para San Diego, minha cidade atual, para fazer o terceiro ano do colegial em minha escola, pois em Daegu não há escolas boas no preparo para o vestibular. 

Começo a imaginar como Yoongi deve estar fisicamente, mas minha mãe me tira dos meus pensamentos e diz:

Lia- Chegamos! Vá até a Cafeteria, ele deve estar te esperando lá. Esse é o número do celular dele, caso não o encontre.

Despeço - me de minha mãe e depois desço do carro meio sem rumo; achei que ela iria vir comigo para encontrar Yoongi. Vou até a Cafeteria e acho que o reconheço de longe. Vou chegando mais perto e aceno com a mão, sinto que meu rosto já está vermelho de vergonha! 

Ele está vindo em minha direção com um sorriso, todo simpático. Assim que chega perto de mim, Yoongi coloca suas malas no chão e me dá um abraço apertado, logo , me levantando. Eu não estava esperando por isso.

YG- Oi, pequena, quanto tempo! Como você está? - Diz ele alegremente.

- Oi, to bem, e você? - Ai droga, minha voz falhou, que merda! Ele está muito diferente. Deve ter mais ou menos,  1,75 de altura. Olhos negros, cabelos pretos, jaqueta de couro...ele está lindo!

YG- To bem. Onde está a sua mãe?

- Teve que ir trabalhar, ela me pediu para que a gente fosse de táxi para casa.

YG- Ah beleza, vamos?

Seguimos em direção ao táxi, entramos e ele começou a me analisar. Finjo que não estou notando, para não ficar ainda mais sem jeito...

YG- Seu cabelo não era tão liso antigamente. - Ele diz, depois de um tempo me olhando. - Você mudou bastante, mas continua baixinha.

- Não acho que  mudei tanto, mas você mudou, e muito...

YG- Espero que para melhor! - Ele responde sorrindo.

- É...Ah... - Eu fico totalmente sem jeito. - E eu não sou tão baixa como você tinha falado... Estou com 1,67 de altura! 

Deixo que o silêncio tome conta da situação até chegarmos à minha casa. Ele vai direto tomar um banho, e eu começo a ter pensamentos sobre como seria seu corpo. Mal parece que me envolvi em uma briga dias atrás, acho que minha pulsão de vida está prestes a despertar.

Pouco tempo depois, minha mãe chega para o almoço. E eu estou com o meu material escolar em mãos, ainda não os tirei de cima do sofá.

Lia- Oi S/n. O Yoongi já levou as malas para o seu quarto? - Perguntou a minha mãe.

Meu Deus, não me liguei que ele terá que dormir no meu quarto! Não me preparei para isso! Fico alguns segundos olhando para o nada e, quando meu pensamento volta para a realidade, vejo que derrubei todo o meu material no chão, e que minha mãe está me olhando sem entender nada. 

YG- Oi tia Lia, tudo bem? - Diz ele, enquanto me ajuda a pegar todo o material espalhado pelo chão.

Lia- Oi Yoongi, tudo certo. Não sei se a S/n te disse, mas você irá ficar no quarto dela, até a reforma do seu quarto ficar pronta.

YG- Ah por mim tudo bem. Vou levar minhas coisas para seu quarto, gatinha. - Ele me chamou de gatinha? Meu Deus, por que estou tão impressionada?

- Vamos, vou te mostrar aonde é...

Yoongi passa a tarde arrumando suas coisas, e eu fico andando para lá e para cá, tentando passar o tempo e não ficar admirando sua beleza. Eu estou sem jeito e tenho que me acostumar cem essa situação.

Já é noite e eu estou novamente em frente ao espelho. Acabo de sair do banho e meus olhos estão sem a maquiagem para esconder o roxo. Vou para o quarto e Yoongi já parece estar dormindo. Apago a luz e me deito. Pouco tempo depois, sinto sua mão passando em meus cabelos...

YG- Obrigado por me abrigar aqui, espero não estar te incomodando. Dorme bem! - Ele diz sussurrando.

- Imagina...É um prazer ter você de volta na minha rotina. Boa noite! - Me arrepio da cabeça aos pés umas três vezes seguidas, só por ouvir sua voz rouca bem próxima de meus ouvidos.

 


Notas Finais


Desculpem por qualquer erro
Espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...