História Naruto DxD: O Demônio Ninja - Capítulo 45


Escrita por:

Postado
Categorias High School DxD, Naruto
Personagens Akeno Himejima, Albion, Asia Argento, Azazel, Baraqiel, Ddraig, Fafinir, Grayfia Lucifuge, Hinata Hyuuga, Irina Shidou, Issei Hyoudou, Kakashi Hatake, Koneko Toujou, Kurama (Kyuubi), Kuroka, Matatabi, Michael, Naruto Uzumaki, Ophis, Personagens Originais, Rias Gremory, Rikudou Sennin, Rossweisse, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Serafall Leviathan, Shuri Himejima, Sirzechs Lucifer, Vali Lucifer, Xenovia Quarta, Yuuto Kiba
Tags Muito Mais, Naru18, Naruakeno, Narucaulifla, Naruhina, Naruirina, Narukone, Narukura, Narukuro, Narurias, Naruross, Narusayuri, Narusera, Naruto, Naruvenerana, Naruxeno, Naruyasaka, Naruyubell
Visualizações 543
Palavras 1.823
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ecchi, Ficção Adolescente, Harem, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


E cá estou com um capítulo pra vocês! Um dos casais e pais mais amados por mim, e tenho certeza que por vocês dará as caras nessa história. Sem mais delongas, boa leitura!

Capítulo 45 - Minato e Kushina


Fanfic / Fanfiction Naruto DxD: O Demônio Ninja - Capítulo 45 - Minato e Kushina

          *No Capítulo Anterior:

Depois de horas, os Narutos se levantaram, e as três se ajoelharam, já esperando pela carga. Não demorou, e com um urro, os loiros gozaram. Sayuri sentiu a carga de sêmen em seu rosto e seios, 18 e Caulifla resolveram abocanhar no momento em que os loiros dispararam seus jatos de sêmen. Ambas degustaram e engoliram, sorrindo de maneira provocante.


Após o ato, os clones se desfizeram, e o Original sentiu o efeito, caindo na cama, onde sentiu ser abraçado pelas três. 


Caulifla, 18 e Sayuri: Obrigada, meu Amor!


Naruto: Hum, amor é? Parece qie vocês três vão carregar o sobrenome Uzumaki, hehe!


As três assentiram, Naruto e elas sentiram o cansaço e logo o sono fez o serviço de adormecer cada um, logicamente um sorriso ficou na face de cada um.*

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx


No dojo de sua casa, Naruto treinava com a espada de Solaris. Os movimentos precisos e rápidos deixavam claro que o loiro não havia ficado enferrujado. No canto do dojo, Ryuki estava deitado, a vontade e ao seu lado um cesto de maçãs. Após realizar alguns golpes, o loiro encerrou.


Solaris: "Estamos afiados não acha?"


Naruto: Sim! Mas podemos evoluir ainda mais não é?!


Solaris: "Com certeza! Ainda não tive o prazer de lutar em 100% ou mais, e confesso que estou ansioso por uma luta." 


O Uzumaki sorriu e recolheu sua espada para seu interior. Saindo do dojo, Naruto chegou na área dos fundos, e lá iniciou outro treino. O importante na área dos fundos era que graças a Sirzechs, um espaço havia sido criado e nesse espaço Naruto poderia utilizar todo seu poder sem afetar o mundo físico.


Naruto: Vamos testar o poder dos deuses!


O loiro usava um short preto e um regata branca com detalhes azuis. Erguendo sua mão direita, o loiro não fez um movimento, apenas aguardou e em instantes um objeto veio em sua direção. O loiro agarrou o cabo e olhava para o martelo Mjonir. Usando a mão esquerda, um relâmpago caiu a sua frente e, ao se desfazer, a Lâmina do Olympus estava lá. Ao segurá-la, a espada e o martelo brilharam e soltavam relâmpagos.


Naruto: Vamos começar!


O loiro, habilmente sentia a leve das armas, e assim iniciou mais uma sequência de treino. 



Após ter terminado, Naruto já se encontrava de volta ao mundo físico. O loiro bebia água de uma garrafa, e olhava para as armas colocadas ao seu lado.


Naruto: É incrível ver que já peguei o jeito com elas!


Ryuki: Hehehe. Surpreso? As armas dos deuses não são fáceis para os humanos manusear, isso é, somente se os deuses permitirem. Mas eles lhe deram de presente, então é fácil pra você! - o Shinigami o olhava enquanto saboreava sua maçã.


O loiro assentiu. Levando suas mãos, e concentrando-se nas armas, Naruto as fez brilhar e desaparecer em seguida. Ao se colocar de pé, e olhando para as mãos, o loiro viu: na direita, em seu pulso um círculo de runas nórdicas, e nas costas da esquerda, o símbolo Ômega dos gregos. O loiro começou a voltar para sua casa, e Ryuki o acompanhou, flutuando despreocupadamente.


Dias se passaram, e com eles, mudanças na residência Uzumaki-Gremory. Para a surpresa de Naruto, Moka e as demais garotas vieram para viver com ele, e assim com o auxílio de Sirzechs, a mansão do loiro só podia ser ampliada. Na noite daquele mesmo dia, Naruto havia terminado seu banho, e seguiu para seu quarto, mas dormir não estava em seus planos. Ao entrar, sentiu a excitação aumentar pois todas suas mulheres estavam lá, nuas com olhares predatórios em suas faces. O loiro sorriu e já se concentrando em ampliar e reforçar seu vigor, iria deixar aquelas mulheres satisfeitas. Com o quarto bloqueando o som, ninguém ouviria os gemidos e gritos de prazer, a noite seria inesquecível para todos.




SEIS MESES DEPOIS


Finalmente as férias vieram, o que significaria que Naruto poderia ficar sua atenção em seu pequeno filho. No quintal, loiro estava dando passos lentamente, e segurava os braços do pequeno Jiraya, que dava seus primeiros passos. Como não era um bebê normal, o filho de Naruto possuía o crescimento totalmente diferente de um bebê humano. Seu corpinho já era grandinho, e ele queria engatinhar sem parar. O loiro se mostrava um pai babão e sorria junto com o filho. 


Naruto: E, upa!


O loiro se agachou e pegou seu filho nos braços. Jiraya sorria e em seguida levou o dedo polegar para a boca. Naruto caminhou para dentro de casa. Na enorme sala, suas esposas sorriam e conversavam. Grayfia chegou, e o loiro a admirou pois ela usava um vestido de casa ao invés da roupa de empregada. Ambos trocaram um beijo e Grayfia pegou seu principezinho no colo. Naruto seguiu para a cozinha e via Hinata de costas para si, olhando para um ponto específico. Se aproximando, ele envolveu a cintura dela com seus braços, a morena o olhou e sorriu para em seguida o beijar. O estranho, que Naruto notou, foi que o beijo da morena estava diferente, mais forte e demonstrava felicidade. 


Naruto: Hina, tudo bem? 


Hinata: Sim, Naruto-kun! Você vai ver, olha!


O loiro olhou para onde a sua noiva apontou. Na TV que havia na cozinha, o loiro viu uma matéria sobre um festival: "Festival da Primavera no vilarejo de Konoha!"


Foi um susto, acompanhado de surpresa e um sentimento de nostalgia. Mas a surpresa só se intensificou quando um casal, devidamente arrumado, apareceu em meio a uma entrevista. O loiro, com feição serena e de olhos azuis, e uma ruiva, de face divertida e beleza estonteante e de olhos azuis. Naruto sentiu algo formigar em seu interior, e Hinata, sentindo os sentimentos de seu loiro só o abraçou, transmitindo carinho. Sem dúvidas o ocorrido mexeu com o loiro.


No sala, foi Kurama a próxima a ficar surpresa com o que Hinata disse. As demais, curiosas perguntavam quem eram Minato e Kushina, e a morena e a Kitsune explicaram tudo. Naquele momento, elas sabiam que o certo era Naruto ir ver aqueles que o loiro pensou que só os veria quando partisse dessa vida. Ruas então pegou seu celular, uma ligação rápida, e em instantes, um círculo mágico dos Gremory surgiu e dele, Sirzechs apareceu.


Sirzechs: Diga em que posso ajudar, Rias-tan?


Ruas: Onii-sama, o Naruto e todas estamos agora precisando de respostas, o Naruto mais ainda!


O ruivo se aproximou do loiro, que olhava para o chão, mergulhado em pensamentos. 


Sirzechs: Otouto?


Naruto: Sirzechs-san. - o loiro respirou fundo e encarou o Maou. - Meus pais, eles estão vivos?!


Sirzechs: Sim! - todas sorriram diante a afirmação do ruivo. - Gostaria de vê-los?


O loiro se ergueu, assentiu em total confiança, mas por dentro ainda não sabia o que fazer se os visse.


Hinata: Naruto-kun, deixe eu ir! Quero estar ao seu lado sempre, por favor?


Kurama: E eu! - a Kitsune se aproximou. - Estou com você desde o seu nascimento, e você se tornou importante pra mim! E também, eu gostaria de ver Kushina e Minato!


O loiro sorriu. Indo ao quarto, o trio tratou de colocar roupas normais. Sirzechs os aguardou e assim que voltaram, o ruivo preparou um círculo mágico.


Naruto: Assim que eu os ver e explicar tudo, irei trazê-los para ver todas vocês! - o loiro olhou para as demais, que sorriram para ele.


O trio em seguida, foi teleportado. Minutos após a viagem, os três se viram em frente a entrada, que apesar de pequena, era idêntica a entrada de Konoha que os três se lembravam. A nostalgia já era sentida em todos.


Kurama: Por onde começamos?


Hinata: Melhor ir aonde eles foram filmados! O que acha, Naruto-kun?


O loiro olhava para a vila, vendo adultos trabalhando nas barracas, casais andando junto e familiares se divertindo. A morena e a Kitsune o olhavam.


Naruto: Vamos! 


Não havia necessidade de se preocupar em procurar, pois elas sabiam que o loiro já os sentia próximo. Andaram admirando aquela vila que lembrava a aldeia fundada por Hashirama Senju e Madara Uchiha. Após mais uns passos, os três viram pessoas aglomeradas em frente a um palanque. Nele, era possível ver o casal. Minato usava um terno, e ao seu lado, Kushina usava um vestido belíssimo. Naturalmente, o loiro fazia um discurso, e as pessoas o aplaudiam. Kurama se aproximou de uma senhora idosa e perguntou quem eram Minato e Kushina, e a senhora disse com um sorriso que eles eram o prefeito e sua esposa. Naruto sorriu, e então pensava em como se aproximar, mas essa tarefa seria por conta de Hinata e Kurama.


Após o discurso e o festival continuar, Minato e Kushina estavam admirando a festa quando Hinata surgiu.


Hinata: Perdão, Minato-san e Kushina-san, mas poderiam me acompanhar. Eu gostaria de apresentar uma pessoa para vocês. Me chamo Hinata Hyuuga.


Os dois se olharam e então seguiram a morena. Chegando em uma área onde havia uma bela sakura, o casal viu uma loira se aproximar.


Kurama: Olha, vocês não mudaram nada! É muito bom revê-los!


Os dois ficaram confusos, mas as duas abriram o caminho. De frente para a árvore, mas de costas, um rapaz loiro se encontrava ali.


Minato: Com licença, sua amiga nos disse que você gostaria de nos conhecer!


Kushina: Sim. Você está bem?


O loiro mais jovem se virou. Seus olhos estavam cheios de lágrimas. A ruiva estreitou os olhos, e então uma série de imagens surgiu em sua mente, e o mesmo acontecia com o seu marido. Segundos depois um silêncio continuou a reinar, mas que foi quebrado por Naruto.


Naruto: Tou-chan, Kaa-chan?!


O casal, emocionou-se ao ouvir aquelas palavras. Ambos se aproximaram e, embaixo daquela árvore majestosa, uma reunião familiar tão pura se fez presente. 


Minato/Kushina: Filho!


Ali, o amor e as sensações mais puras preencheram o lugar e as folhas de cerejeira voavam ao vento fazendo aquele momento ficar mais perfeito! Hinata e Kurama se olharam e sorriram, felizes por Naruto estar feliz.





EM ALGUM LUGAR DISTANTE


A noite fria era presente em uma floresta. No interior dela era possível ver monstro morto. Alguns ainda vivos rosnavam para duas figuras, que tinham o rosto coberto pela escuridão. Um dos monstros atacou, apenas para ser destroçado pela arma de um dos sujeitos. O outro, flutuou, e ao seu lado, uma bela lança também flutuava. Quando estalou seus dedos, a lança se desfez em várias, mas pequenas, que atingiram os monstros, não deixando nenhum vivo. Após aquela vitória, um deles comentou.


???: Sei que o Rei pediu que resolvessemos esse assunto, mas esperava algo mais empolgante!


O outro, ergueu sua mão, e a lança voltou ao normal, ainda flutuando ao seu lado.


???: Não estamos aqui para se divertir, mas sim para impedir essas coisas de chegarem ao reino! Mas soube que o Rei irá pessoalmente pedir auxílio ao Maou Gremory! 


O outro bocejou, assentiu diante o relato do companheiro, em seguida ambos seguiram pela floresta. 


Os ventos anunciavam que mais uma batalha estava prestes a começar, e Naruto Uzumaki Gremory, o futuro Maou iria entrar de cabeça nela!


                    Continua!!!




Notas Finais


E assim ficou o capítulo de hoje. Se gostaram, deixem seus comentários. E a propósito, querem ver mais personagens de Naruto na fic, é só dizer sim ou não.

Uma nova saga estará vindo no próximo capítulo desta história. Já deixarei claro, teremos os personagens de Nanatsu no Taizai! Não percam.


No próximo capítulo: O Rei dos Demônios Meliodas aparece!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...