História Naruto: Eu serei um mestre Pokémon - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail, Naruto, Pokémon
Personagens Naruto Uzumaki
Tags Ação, Aventura, Batalha Pokemon, Mirajane Strauss, Narumira, Naruto Uzumaki, Rivalidade, Romance
Visualizações 66
Palavras 5.115
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shounen, Suspense

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eae galera, tudo bom vocês?

Mais um capítulo pra vocês e esse capítulo, deve ser o maior capítulo que eu já fiz até agora!

E sobre o capítulo anterior, a qual eu deixei uma votação nele, de quem seria o par romântico do Narutinho nessa fic. Foi uma vitória de lavada, para Mirajane!

Sério, só a Erza que ganhou dois votos e Lucy, nenhum, assim como as garotas do Pokémon. Que receberam nenhum voto, mas como foi a decisão de vocês, Mirajane é quem vai participar da fic.

Mas sem mais o que avisar, a não ser, vocês ainda mandarem sugestões de tipos pokémons que não foram escolhidos, são eles:

Tipo normal:
Tipo grama:
Tipo elétrico:
Tipo venenoso:
Tipo psíquico:

Então, dêem sugestões de pokémons!

Enfim, aproveitem e tenha uma boa leitura! ^^

Capítulo 5 - O início de uma jornada!


Região de Konoha, local desconhecido.

Em um armazém abandonado, três indivíduos misteriosos encontravam-se em frente a um holograma, no qual o mesmo, tinha um homem escondido nas sombras, junto de seu pokémon.

?: Então, é isso, a missão de vocês três, é descobrir mais detalhes sobre a região de Konoha. Qualquer informação útil, quero que comuniquem a mim, entenderam? – Disse sério o homem do holograma.

?/?/?: Sim, senhor! – Concordaram os três sujeitos misteriosos.

Dando um aceno positivo, o holograma do homem misterioso sumiu, deixando os três sujeitos sozinhos.

?: Ouviram isso...? – Disse um dos sujeitos, que ao sair da escuridão, sua identidade foi revelada. Era um homem, estrutura física magra, pele branca, olhos verdes e cabelo azul, que era dividido em dois lados e ia até os ombros, com um pequeno fio de cabelo que ficava entre seus olhos – O chefe está contando com a gente.

?: Fracassar, não é uma opção para nós escolher. – Um outro sujeito pronunciou, mas quando foi revelado sua aparência, na verdade, era uma mulher. Uma mulher, estrutura física magra, pele branca, olhos azuis e a sua marca principal, seu cabelo, cor roxa, longo, com o comprimento que ia até suas costas, na ponta, era enrolado em forma de uma meia luta pra baixo. Detalhe extra, é que ela usava brincos em forma de bola, cor verde e também, usava batom, cor vermelha.

?: O sucesso, é o nosso único objetivo! – É por último, o último sujeito, mas que era não um humano e sim, um pokémon... Um pokémon que fala!

?: Wooo... bbuffet! – Um pokémon saiu da pokébola da mulher e falou com orgulho, enquanto fazia continência.

 

(...)

Região de Konoha, cidade de Pilttsburg.

Centro Pokémon.

Kushina: Naruto, reconsidere isso, sempre foi seu sonho ser treinador pokémon, por que agora você não quer ser mais? – Kushina tentava convencer seu filho a mudar de ideia, no fundo, ela sabia que Naruto não estava bem com essa escolha. Desistir, do maior sonho da sua vida, de ser treinador pokémon e também de largar a oportunidade de ser um mestre pokémon, realmente, ela não acreditava que Naruto queria isso.

Enquanto isso, seu pai, Minato. Encarava minuciosamente Naruto, a mesma coisa que Kushina, Minato também não acreditava que Naruto não queria isso, tanto que, ele já sabia o real motivo do jovem loiro.

Minato: É por causa da Vulpix, Naruto...? – Perguntou Minato, fazendo Kakashi e Kushina darem sua atenção para o loiro mais velho e desconfia na teoria do mesmo – É por causa do que ocorreu com ela, que você quer desistir?

O semblante de Naruto, se entristeceu ao lembra dos fatos que aconteceram com Vulpix e percebendo isso, Minato não precisou da resposta de Naruto.

Kushina: Naruto, se é por causa disso, não precisa tomar essa decisão, acidentes acontecem com qualquer um. O importante é, que você protegeu Vulpix e isso é algo que você deve realmente se importar. – Disse Kushina, com o intuito de mais uma vez fazer Naruto mudar de escolha.

Naruto: Não é só isso, Okaa-chan... – Naruto quebrou seu silêncio, a finalmente, dizer o seu real motivo – Eu que não sirvo mesmo pra ser um treinador pokémon, além de ter botado Vulpix em perigo, eu também a deixe batalha sozinha.

Minato: “Batalha sozinha?”- Repetiu Minato.

Naruto: Sim... – O jovem loiro encarou o chão, ao relembrar da batalha de Vulpix, que teve contra o Shinx de Sasuke.

 

Flashback On.

Naruto: Vulpix, use o brasas! – Dando a ordem, Vulpix atendeu o pedido de Naruto, na verdade, não exatamente.

Vulpix: Vulpix, Vulpix. – Em vez de obedecer a ordem de Naruto, Vulpix correu em direção a Shinx.

Naruto: Ei, Vulpix, o que você está fazendo?! – Naruto ficou surpreso com a atitude de Vulpix.

...

Naruto: Vulpix, evasiva! – Pediu Naruto e novamente, Vulpix não lhe deu ouvidos.

Vulpix: Vuuul... Pix! – Agora Vulpix usou seu brasas, pra atingir cada Shinx que aproximava e funcionou, por um curto período de tempo.

Shinx: Shinx! – O verdadeiro Shinx pegou Vulpix por trás em uma investida.

Vulpix: Vuuul... – Vulpix foi arremessado para trás pelo ataque de Shinx.

...

Naruto pensamentos: Vulpix não está me obedecendo, assim eu não posso ajuda-la... Droga, foi um erro eu ter deixado Vulpix batalhar. – Se culpava o loiro, sua preocupação não era o comportamento de Vulpix e sim, o bem-estar da raposa.

Flashback Off.

 

Naruto: Eu batalhei contra um treinador, quer dizer... Vulpix, que batalhou sozinha. Eu tentei ajudar Vulpix, mas ela não me deu ouvidos a batalha toda. – Explicou Naruto.

Kakashi: Isso é não é sua culpa, Naruto... – Kakashi interviu – Como eu disse antes, Vulpix, não costuma obedecer ordens, foi por isso que ela não te obedeceu e batalhou sozinha, a culpa não é sua.

Naruto: Mas não também foi só isso, antes disso acontecer... – Relembrou outro acontecimento.

 

Flashback On.

Naruto: VULPIX, ATRÁS DE VOCÊ!!! – Tentou avisar Naruto, mas já era tarde demais.

Em um ataque surpresa, o Beedrill atacou com seu ferrão envenenado a Vulpix em cheio.

Vulpix: Vul... V-Vulpix. - Vulpix foi atingido gravemente pelo ferrão envenenado de Beedrill e o efeito desse golpe, já estava prejudicando a raposa.

Flashback Off.

 

Naruto: Vulpix foi atacada por um enxame de Beedrills e foi envenenada por um... Se eu tivesse a impedido de batalha, Vulpix não estaria nessa situação. Além de eu ser um péssimo treinador, eu não me importei com a saúde de Vulpix naquele momento. – Terminou de dizer o loiro.

Kakashi, Kushina e Minato, encaravam Naruto em silêncio, as palavras do jovem loiro eram verdadeiras e transmitia tudo que ele sentia. Mesmo assim, Minato não aceitava isso de seu filho, ele sabia que Naruto não queria pra si mesmo, o que o impedia, era que Naruto se culpava.

Quebrando o silêncio, Naruto seguiu em direção para fora do centro pokémon.

Naruto: Eu estarei esperando lá fora. – Disse Naruto, antes de sair do centro pokémon e deixar Kakashi. Kushina e Minato, a sós.

Kakashi: Bom... Já que Naruto tomou sua decisão, não tenho escolha a não ser... – Quando o albino ia terminar de dizer, Minato o interrompeu.

Minato: Espera! Professor, Kakashi. Por favor, me dê tempo pra eu convencer Naruto. – Pediu Minato.

Kakashi: ... – Kakashi encarou em silêncio Minato, até conceder o pedido do loiro – Tudo bem, até amanhã, se Naruto não mudar de ideia, eu levarei a Vulpix comigo.

Kakashi deu a pokédex e as pokébolas de Naruto para Minato, pegando das mãos do albino, Minato saiu do centro pokémon e foi atrás de Naruto.

 

(...)

Região de Konoha, cidade de Pilttsburg.

Caminhando lentamente, Naruto nem se importava para onde estava indo, tudo que ele queria agora, era ficar sozinho, pensar sobre, “o que vai faço agora?”

Desistir do seu sonho, era uma coisa que Naruto jamais pensou em fazer e agora, ele fez. Quantas vezes ele sonhou, quantas vezes ele imaginou, pra que no momento que começasse sua jornada, ele ia desistir no primeiro dia.

Ao chegar em um parque local da cidade, Naruto sentou em um dos bancos que tinha ali e reparou em várias pessoas com seus pokémons que estavam no parque.

?: Venha, Rattata. – Um garoto chamou pelo seu fiel parceiro, ambos sorriram um para o outro.

?: Vamos, Oddish. – Uma jovem menina chamou também por seu pokémon, ambos também, demonstravam felicidade ao estar juntos.

Vendo a interação de treinadores com seus pokémons, Naruto imaginava como seria com Vulpix. De momentos que iam passar juntos, de batalhas que os dois iriam se vangloriar com a vitória e a liga pokémon, que eles dois iriam conquistar.

Até ser interrompido por Minato.

Minato: Está pensando no quê? – Perguntou Minato, o loiro mais velho sentou no banco, ficando ao lado de Naruto.

Naruto: Em nada. – Mentiu Naruto e isso não enganou Minato.

Minato: “Em nada?”... Não é o que parece. – Minato disse com humor, chamando a atenção de Naruto – Eu sei que você está pensando, Naruto, sou seu pai e conheço você como ninguém.

De fato, Minato e Naruto eram parecidos, não só como na aparência, como também, em seu jeito de ser.

Minato: Quando eu olho pra você, me lembro da minha infância, quando eu era um treinador pokémon! – Disse Minato, isso surpreendeu Naruto, já que o mesmo não sabia que seu pai foi um treinador pokémon.

Naruto: Por que nunca me contou que era um treinador pokémon, Otou-chan? – Perguntou Naruto.

Minato: Eu ia te contar quando você ia iniciar sua jornada, afinal... Eu teria que te dizer também, que um dia nós dois iríamos batalhar! – Respondeu Minato.

Naruto: Como assim? Nós iríamos batalhar? – Perguntou confuso Naruto.

Minato: Isso mesmo, Naruto... – Parou por um momento Minato, quando o mesmo tirou do seu bolso, um objeto pequeno, em forma de um raio - Eu sou o líder do ginásio de Renelssa!

 

(...)

Região de Konoha, cidade de Pilttsburg

Centro Pokémon.

Kushina: Espero que Minato-kun, consiga convencer Naruto. – Disse preocupada a ruiva.

Kakashi: Conhecendo Minato-san, eu acredito que possa fazer Naruto reconsidera com sua decisão. – Deu suporte o albino para a ruiva, que ficou mais feliz com as palavras de Kakashi.

Kushina: Obrigada por ter dado uma chance a Minato, professor Kakashi. – Agradeceu Kushina.

Mas quando Kakashi ia responder, uma explosão aconteceu.

BOOM!

 

(...)

Naruto: O que foi isso?! – O barulho da explosão foi tão alto, que foi ouvido por toda cidade.

Minato: Veio do centro... O centro pokémon! – Minato se preocupou que tenha algo acontecido com Kushina – Fique aqui, Naruto.

Ao ver seu pai, correndo em direção ao centro pokémon. Naruto não só se preocupou com seus pais, como também, com uma outra pessoa, na verdade, um pokémon.

Naruto pensamentos: Vulpix... – Ao pensar na raposa, Naruto, sem perder tempo, foi atrás de Minato.

 

(...)

Região de Konoha, cidade de Pilttsburg.

Centro Pokémon.

Kushina: Cof, Cof... – Tinha dificuldades de respirar Kushina, tendo também sua visão difícil de enxergar. Não só ela, como também, outras pessoas que estavam no centro pokémon, tudo isso por causa da fumaça da explosão.

Kakashi: Kushina-san, você está bem? – Perguntou Kakashi.

Kushina: S-Sim... Cof... O que foi isso?! – Respondeu Kushina.

Kakashi: Eu não sei, mas temos que sair daqui. – Dito isso, Kakashi tratou de vácua as pessoas que estavam do centro pokémon para fora.

Conseguindo resgatar todos, sem exceção, Kakashi foi atrás dos pokémons agora, que ainda estavam no centro pokémon. Mas ele encontrou nenhum, nem mesmo Vulpix, todos sumiram.

Indo pra fora do centro pokémon, Kakashi reparou que as pessoas assustadas com alguma coisa.

Kakashi: O que foi? O que aconteceu?! – Perguntou o albino, querendo saber o por que da reação das pessoas, até Kushina responder.

Kushina: Professor Kakashi, olhe! – Kushina apontou para o céu, fazendo Kakashi direcionar seu olhar para cima e se assusta com o que viu.

Todos os pokémons que estavam no centro pokémon, estavam presos por uma rede. Sendo carregados por um balão de ar quente, que tinha aparência de um pokémon.

Minato: Kushina, você está bem?! – Apareceu o loiro mais velho, já se preocupando por sua esposa.

Kushina: Sim, Minato-kun, não se preocupe. – Respondeu Kushina, sendo ajudada pelo seu marido – Cadê o Naruto?

Minato: Mandei ele ficar em segurança longe daqui, mas o que aconteceu aqui? – Perguntou mais uma vez Minato, só que desta vez, foi respondido pelos sujeitos que estavam no balão.

?: Não fique em pânico, bonitão. – Disse o sujeito, mas não tinha como saber como era, já que o mesmo estava encapuzado. Mas pela voz, esse sujeito, na verdade, era uma mulher.

?: Permita que a gente se apresente. – Disse o outro sujeito encapuzado e esse, era um homem.

?: Prepare-se para encrenca....

?: Encrenca em dobro...

?: Pra proteger o mundo da devastação...

?: Pra unir as pessoas de nossa nação...

?: Pra denuncia os males da verdade e do amor...

?: Pra estender nosso poder as estrelas...

?: Meu nome é Jessie... – Retirando seu disfarce, a mulher misteriosa revelou-se.

?: E eu sou, James... – O outro sujeito também revelou sua identidade.

Jessie: Equipe Rocket, decolando na velocidade da luz...

James: Rendam-se agora ou prepare-se para lutar...

Meowth: Meowth, é isso aí! – Disse um Meowth, sim... Um Meowth falou!

Wobbuffet: Wooo... Bbuffet! - Disse com orgulho Wobbuffet, enquanto fazia sua continência.

Ao terminar sua apresentação, teve cada reação diferente em Kakashi, Minato e Kushina.

Kakashi: Equipe... – Começou.

Minato: Rocket? – Completou.

Kushina: Um Meowth falante?! – E Kushina se surpreendeu.

Meowth: Isso mesmo cabeça de tomate. – Zombou Meowth de Kushina, a mesma encheu as bochechas,  irritada com o apelido que Meowth deu a ela.

Minato: Por que prenderam esses pokémons?! – Minato se irritou ao ver pokémons presos na rede, alguns deles, estavam feridos, como o caso de Vulpix.

Jessie: Roubar pokémons, faz parte do nosso maravilhoso trabalho. – Respondeu provocante Jessie.

James: Trazer a desgraça também, mas isso vem como bônus. – Disse James.

Meowth: Se liga, seu bananão! – Zombou mais uma vez Meowth.

Minato: Eu não vou deixar vocês fazerem isso! Jolteon, é com você! – Minato chamou seu pokémon pra batalha.

Jolteon: Jolteon! – Rugiu Jolteon.

James: Uma ova que vai, Weezing, inalação de fumaça! – James também chamou pelo seu pokémon.

Weezing: Weeweezing! – Soltando uma grande quantidade de fumaça preta, Minato e os outros, foram afetados pela fumaça de Weezing.

Quando a fumaça cessou, a equipe Rocket, sumiu.

 

(...)

Região de Konoha, cidade de Pilttsburg.

Naruto: Mas o quê?! – Naruto ficou chocado, ao ver um balão carregando vários pokémons e entre eles, teve um que chamou sua atenção – VULPIX?!

Vulpix estava sendo pressionada pelos outros pokémons e isso a machucava, Naruto não pensou em duas vezes em seguir o balão.

Quando percebeu que o balão ia passar por um canteiro de obras, Naruto, rapidamente. Escalou o guindaste e esperou pelo momento certo, em um ato de extrema coragem, Naruto pulou e conseguiu se segurar na rede.

Naruto: Fiquem calmos, eu vou libertar vocês todos. – Naruto tentou tranquilizar os pokémons que estavam assustados. Chegando até Vulpix, Naruto notou em um pokémon que estava em uma péssima situação.

?: Fletch! Fletch! – Era um pokémon pássaro, que estava sentindo dor ao ter uma de suas asas, ser presa pela corda da rede.

Naruto: Tenha calma, eu vou te ajudar! – O pokémon voador, percebeu Naruto, quando o loiro começou a morder a corda, que estava prendendo sua asa. Com força de vontade e dando a última mordida, Naruto conseguiu libertar a asa do pokémon presa e o libertou da rede.

?: Fletch. – Conseguindo escapar, o pokémon voador encarou Naruto.

Naruto: Você está livre agora, fuja. – Disse Naruto, enquanto ia até Vulpix. O pokémon voador, em vez de fugir, ficou acompanhando de longe Naruto.

Quando o loiro, finalmente chegou onde estava Vulpix.

Naruto: Vulpix! – Chamou a atenção da raposa, a mesma, se chocou ao se deparar com o loiro.

Vulpix: Vulpix! – Vulpix se alegrou com a presença de Naruto.

Naruto: Tenha calma, Vulpix, eu vou te libertar dessa rede. – Dito isso, Naruto fez a mesma coisa quando ajudou o outro pokémon anteriormente.

Meowth: Ei, tem um pirralho na nossa rede! – Meowth notou a presença de Naruto e avisou para Jessie e James.

Jessie/James: Hãn?! – Exclamaram surpresos.

Jessie: Quem é esse pirralho?!

James: Como ele foi parar ali?!

Com ambos se questionando, não perceberam o que Naruto estava fazendo, até que finalmente, o loiro conseguiu o que queria.

Vulpix: Vulpix! – Sentindo se livre, Vulpix foi direto para Naruto, ficando em cima da sua cabeça.

Jessie: Aquele pirralho tá soltando os pokémons que roubamos! – Se enfureceu Jessie pelo ato de Naruto.

James: Como ousa?! – Questionou James, também enfurecido.

Naruto: Vulpix, você está bem? – Perguntou Naruto.

Vulpix: Vu-Vulpix! – Afirmou feliz Vulpix, fazendo Naruto ter a mesma reação.

Meowth: Se pensa que vai sair impune assim, você está enganado! – Dito isso, Meowth pegou uma bazuca e atirou em Naruto, a bala explodiu e revelou ser uma rede, pronta pra prender Naruto.

Só que Vulpix interviu.

Vulpix: Vuuuuul... PIX! – Um poderoso sopro fogo de Vulpix, não só como destruiu a rede, mas também, furou o balão.

Meowth: Opa! – Disse constrangido Meowth.

Jessie/James/Meowth: AAAAAAAAAH!!! – Gritaram em uníssono o trio, enquanto caiam.

Naruto: Se segura, Vulpix! – Naruto protegeu Vulpix, usando seu corpo como proteção para a raposa na hora da colisão.

Ao se colidem no chão, Naruto protegeu Vulpix do impacto, mas com a consequência de ter se machucado e isso, Vulpix percebeu.

Jessie: Ora, seu pestinha, olha só o que você fez! – Disse com veneno na voz a roxeada.

James: Você estragou nossos planos! – Acusou o azulado, enfurecido por Naruto ter atrapalhado o seu roubo.

Meowth: Não vai escapar impune dessa! – Ameaçou Meowth e só agora, Naruto percebeu que Meowth conseguia falar.

James: Mas não vai mesmo, Weezing, vai, ataque o pirralho! – James trouxe seu pokémon para batalha.

Weezing: Weezing! – Indo a pra cima de Naruto em uma investida, o loiro não iria conseguir desvia naquela distância.

Até que...

Vulpix: Vulpix! – Em um ataque surpresa, Vulpix contra atacou Weezing com uma investida ainda mais forte, assim, protegendo Naruto.

Naruto ficou feliz ao ver que Vulpix, o salvou e também, surpreso, quando Vulpix ficou em sua frente. Encarando a equipe Rocket, com a raposa tendo o intuito de proteger Naruto agora.

Naruto: Vulpix... – Disse Naruto.

Vulpix: Vulpix! – Vulpix virou a cabeça de lado e encarou Naruto, dando um olhar confiante para o loiro, Naruto descobriu o que Vulpix queria e para isso, iria precisa da ajuda de Naruto.

Naruto: Tá certo, Vulpix, vamos batalhar! – Exclamou com entusiasmo Naruto.

Vulpix: Vulpix! – Soltou uma bufada de fogo a raposa, concordando com a resposta de Naruto.

James: Weezing, tiro de lama! – Ordenou James.

Weezing: Weee... Zing! – Weezing disparou um projétil de lama em direção de Vulpix.

Naruto: Vulpix, contra ataque com o brasas! – Deu a ordem Naruto e Vulpix cumpriu

Vulpix: Vuuul... Pix! – Vulpix atirou com pequenas brasas, mas que foram suficientes pra rebater o ataque de Weezing.

Com o impacto entre os ataques, uma pequena explosão de fumaça se fez.

Naruto: Vulpix, rápido, use o lança-chamas! – Ordenou Naruto.

Vulpix: Vuuuuul... PIX!!! – Aproveitando a fumaça como vantagem, James e Weezing não viram o ataque de Vulpix, que acertou em cheio Weezing e arremessou para trás, acertando James.

Jessie: Pega eles, Arbok! – Jessie trouxe também seu pokémon para batalha.

Arbok: Chaaaborka! – Sibilou a cobra venenosa, mas Naruto e Vulpix não se deixaram abalar.

Jessie: Arbok, use sua mordida! – Ordenou Jessie.

Arbok: CHAAAAA...! – Arbok foi pra cima de Vulpix.

Naruto: Vulpix, evasiva! – Ordenou Naruto.

Vulpix: Vulpix! – esquivou Vulpix, indo para trás, escapando do bote de Arbok.

Naruto: Vulpix, ataque com a investida! – Ordenou Naruto.

Vulpix: Vul, Vul, Vul... Vulpix! – Em um forte jogo de corpo, Arbok foi arremessado pra trás, assim como Weezing, só que Arbok resistiu ao golpe de Vulpix.

James: Vamos ver como você se sair contra dois, vai, Victreebel! – James lançou seu outro pokémon, pra ajuda na batalha.

Victreebel: Aaaaargh...! – Gritou Victreebel ao sair da pokébola, até engolir James!

James: NÃO É PRA MIM ATACAR, SEU POKÉMON IDIOTA E SIM, O PIRRALHO! – Conseguindo tirar Victreebel em cima de si, James lançou Victreebel contra Vulpix – Victreebel, use as folhas navalhas.

Victreebel: Aaargh! – Giletes afiadas de folhas, foram em direção de Vulpix.

Naruto: Vulpix, evasiva! – Ordenou Naruto.

Vulpix: Vulpix! – Vulpix só se esquivou para o lado, escapando das folhas navalhas, mas não de uma outra coisa que esperava por vir.

Jessie: Arbok, rápido, acerte Vulpix com seus espinhos venenosos! – Ordenou Jessie.

Arbok: CHAAA! – Em um ataque combinado, Naruto e Vulpix não esperavam por isso.

Naruto: Vulpix, cuidado! – Se preocupou Naruto, temendo que os espinhos venenoso iriam prejudicar Vulpix, tão mais quanto o ataque do Beedrill.

Mas para surpresa de todos ali, um pokémon interviu.

?: Fletch! Fletch! Fletch! – Uma poderosa ventania se chocou com espinhos venenosos de Arbok, fazendo repelir o ataque e salvando, Vulpix.

Naruto: Mas... É você! – Naruto sabia quem era esse pokémon, o pokémon que ele salvou de escapar da rede da equipe Rocket.

Jessie: Ei, quem é esse tampinha?! – A roxeada se irritou ao ver a aparição surpresa do pokémon voador.

Meowth: É um Fletchling! – Meowth respondeu.

Naruto: Fletchling, o que está fazendo aqui? – Perguntou Naruto, pela presença do pokémon.

Fletchling: Fle-Fletchling! – Fletchling acenou para Naruto, com um semblante confiante e desafiador. E só de ver isso, Naruto insinuou o por que de Fletchling estar ali.

Naruto: Você quer nos ajudar? – Naruto perguntou.

Fletchling: Fletchling! – Fez uma continência com sua asa, confirmando a teoria do loiro.

Naruto: Sério?! Que legal! Vulpix, Fletchling, vamos derrotar esses malfeitores! – Disse com garra Naruto.

Vulpix: Vulpix! – A raposa confirmou, ao soltar fogo pela sua boca e sua narina.

Fletchling: Fletchling! – Piou com confiança o pequeno pássaro.

Jessie: Arbok, não fique parado, pegue eles! – Ordenou Jessie.

James: Você também Weezing, Victreebel! – Ordenou James.

Arbok: CHAAABORKA!

Weezing: WEEWEEZING!

Victreebel: AAAAAAAAAARGH!

Foram pra cima com tudo os três, mesmo assim, isso não abalou Naruto, Vulpix e Fletchling.

Naruto: Vulpix use seu brasas, Fletchling, ataque de asas! – Ordenou Naruto.

Vulpix: Vuuul... Pix! – Vulpix atacou com seu mais poderoso brasas.

Fletchling: Fletch... – As asas de Fletchling brilharam, até o mesmo. Bater elas frequentemente, lançando altas rajadas de vento – Fletch! Fletch! Fletch!

Acertando o trio pokémon da equipe Rocket, os mesmo foram atingidos pelos seus próprios pokémons, que agora estavam incapacitados de lutar.

Naruto: Agora... Vamos acabar com isso em um só ataque, Vulpix, use seu lança-chamas e Fletchling, aumente o poder do lança-chamas de Vulpix, com a sua ventania! – Deu o último ato Naruto.

Vulpix: Vuuuuul... PIIIIIX! – Vulpix carregou o máximo seu lança-chamas e lançou com tremendo poder.

Fletchling: Fletch! Fletch! Fletch! Fletch! Fletch! – A forte ventania provocada das asas de Fletchling, combinaram com o lança-chamas de Vulpix em um só poderoso ataque.

Ao se colidir com a equipe Rocket, resultou em uma gigantesca explosão.

KABOOM!

A explosão lançou a equipe Rocket para os céus.

Jessie: Eu não posso acreditar que fomos derrotados por um pirralho! – Reclamou frustrada Jessie.

James: Se bem que essa sensação, traz memórias do Pikachu daquele outro pirralho. – Tentou animar James.

Meowth: Até que o Vulpix desse pirralho aqui, lembra muito o Pikachu daquele fedelho, podíamos captura-lo e darmos para o chefe. – Sugeriu Meowth.

James: É uma ótima idéia, eu topo! – Concordou James.

Jessie: Eu também topo, em pegar aquele Vulpix poderoso! – Se animou Jessie, com o seu novo objetivo.

Wobbuffet: Wooo... Bbuffet! – Concordou também o pokémon da roxeada.

Até que.

Jessie/James/Meowth: Equipe Rocket, decolando de novo...!

Ao desaparecem em um pequeno brilho no céu, se passou na cabeça de Naruto, de que ele conseguiu derrotar uma equipe criminosa, sozinho, mas com a ajuda de Vulpix e Fletchling, é claro.

Naruto: Vulpix, você foi demais! – Naruto elogiou a raposa, a mesma, pulou nos braços de Naruto, o qual o mesmo, a segurou.

Vulpix: Vulpix. – Vulpix lambeu a bochecha de Naruto, fazendo o mesmo ficar bobo, com a atitude da raposa.

Fletchling: Fletchling. – Naruto teve sua atenção atraída também, por Fletchling.

Naruto: Você também Fletchling, com sua ajuda, consigamos derrotar aqueles bandidos, muito obrigado! – Agradeceu Naruto a pequena ave.

Fletchling: Fle-Fletchling! – Piou feliz Fletchling, ao receber elogio de Naruto.

?: NARUTO! – Um grito chamou atenção dos três, ao perceber quem era, Naruto se alegrou.

Naruto: Otou-chan, Okaa-chan! – Se animou Naruto, ao ver que seus pais estavam bem.

Kushina logo tratou de fazer seu trabalho de super mãe e colou em Naruto.

Kushina: Você está bem, Naruto? Se machucou? Está doendo aonde?! – Bombardeou de perguntas a ruiva, deixando Naruto constrangido.

Naruto: Eu estou bem, Okaa-chan. – Respondeu Naruto sorrindo.

Kushina: Está bem mesmo? Não minta pra mim! – Kushina perguntou mais uma vez preocupada.

Naruto: Sim, Okaa-chan, não precisa se preocupar. – Confirmou Naruto.

Kushina: Que bom, meu filho, que bom que está bem. – Ela abraçou o jovem loiro.

Kakashi: Minato, olhe ali! – Kakashi apontou para os pokémons que foram raptados pela equipe Rocket.

Percebendo isso, Minato perguntou a Naruto o que aconteceu.

Minato: Naruto, você viu uma dupla de bandidos e por incrível que pareça, um Meowth falante por aqui? – Perguntou Minato.

Naruto: Ah, sim. Eu, Vulpix e Fletchling conseguimos derrota-los! – Respondeu Naruto, surpreendendo Minato, Kakashi e Kushina.

 

(...)

Região de Konoha, cidade da Folha.

Kakashi: Eu ainda não consigo acreditar, que você conseguiu derrotar aquela equipe de criminosos, ainda mais, dependendo da ajuda de Vulpix. – Sem perceber, que Vulpix se sentiu ofendida com a fala do albino, a raposa atacou Kakashi com seu brasas, acertando bem em seu rosto.

Naruto: Vulpix, não faça isso! – Advertiu Naruto, enquanto que a raposa, que estava em cima da sua cabeça. Virou o rosto de lado, ignorando o pedido do loiro – Me desculpa por isso, professor Kakashi.

Kakashi: Não precisa se desculpar, Naruto. Eu também pedir por isso, por ter ofendido Vulpix... Desculpe Vulpix. – Se desculpou Kakashi, por ofender Vulpix sem querer.

Vulpix: ... Vulpix. – A raposa aceitou o pedido de desculpas do albino.

Com o fracasso do plano da equipe Rocket, por causa de Naruto, Vulpix e Fletchling. Naruto e os outros, ajudaram os pokémons que foram capturados, ao serem devolvidos aos seus donos.

Depois do ocorrido, Naruto, Vulpix e os outros, voltaram para sua cidade natal. Com Naruto, Minato, Kushina, Kakashi e Vulpix, estando a frente do laboratório do professor albino.

Kushina: Parece que agora vocês dois estão se dando bem! – Kushina chamou atenção de todos com o que acabou de dizer.

Minato: Tenho que concordar, estão até bastante próximos. – Minato deu a notar, que Vulpix, já tinha um lugar preferido pra ficar, em cima na cabeça de Naruto.

Naruto: ... – Tanto Naruto, quanto Vulpix, se encararam. Naruto em silêncio e Vulpix, sorrindo – Vulpix?

Vulpix: Vulpix! – Respondeu feliz Vulpix.

A atitude de Vulpix mudou com o tempo, ao passar momentos com Naruto, Vulpix mudou seu jeito em relação ao loiro e passou a tratar com respeito agora.

Minato: Parece que você vai querer isso de volta. – Minato estendeu para Naruto, sua pokédex e suas pokébolas. Naruto, relutante, só olhou para seus equipamentos, colocando a raposa no chão com cuidado. Naruto pegou a pokébola de Vulpix e encarou a mesma, até devolver sua atenção para Vulpix.

Naruto: Vulpix... Você me daria uma segunda chance? De sermos uma equipe? De sermos campeões da liga pokémon? De sermos... Melhores parceiros? – Naruto estendeu a pokébola para Vulpix, esperando a resposta da mesma, se iria aceitar ou não.

Vulpix, o encarou em silêncio, um silêncio que já fazia acreditar que Vulpix não iria aceitar Naruto novamente.

Mas isso, ele estava enganado.

Vulpix: Vulpix! – A reposta de Vulpix veio, quando a raposa subiu em Naruto e ficou em sua cabeça novamente.

Kakashi: Parece que sim! – Disse Kakashi, enquanto dava seu clássico sorriso.

Kushina: Tenho que concordar! – Disse feliz Kushina.

Minato: Acho que a jornada de vocês dois, vão ser bem juntas, com Vulpix querendo ficar sempre ao seu lado, Naruto. – Terminou com Minato, sorrindo também.

Naruto: Vulpix... – Se emocionou Naruto, ao finalmente, Vulpix o aceitar como seu treinador e amigo – Otou-chan, Okaa-chan, professor Kakashi e Vulpix, eu prometo à vocês. Que eu e Vulpix, iremos ser os melhores do mundo e seremos os campeões da liga pokémon!

Vulpix: Vulpix! – Concordou Vulpix.

E isso, deixou mais felizes Minato, Kushina e Kakashi.

Kushina: Então, se você está partindo para uma jornada, você irá precisar disso. – De algum lugar, Kushina estendeu uma mochila para Naruto – Aqui tem tudo, roupas limpas, comida por uma semana, saco de dormir e mais outras coisas, vai ser bastante útil na sua jornada, Naruto.

Pegando das mãos de sua mãe, Naruto colocou a mochila em sua costas.

Naruto: Obrigado, Okaa-chan. – Agradeceu Naruto, ao abraçar Kushina.

Kushina: Vulpix, por favor, cuide bem do meu filho. – Kushina pediu a raposa.

Vulpix: Vu-Vulpix! – Vulpix concordou com o pedido da ruiva.

Minato: Naruto, saiba que um dia, você e eu iremos nos enfrentar. Então, fique o forte bastante pra poder me derrotar! – Avisou Minato.

Naruto: Pode deixar, Otou-chan. Eu irei treinar bastante e eu irei te superar! – Disse confiante Naruto.

Minato: Espero que sim. – Respondeu Minato, gostando da atitude de Naruto.

Kakashi: Naruto, a vários pokémons em Konoha que eu ainda não conheci, caso você pegue bastante. Não terei reclamação nenhuma se você querer enviar os para mim, que eu cuidarei bem deles. – Disse Kakashi.

Naruto: Obrigado, professor Kakashi e pode deixa, que com certeza eu irei fazer novas amizades com outros pokémons. – Respondeu Naruto – Bom... Então, é isso, acho que já vou indo... Até mais, Otou-chan, Okaa-chan e professor Kakashi.

Minato/Kushina/Kakashi: Tenha cuidado, Naruto/Se cuida, meu filho/Boa sorte, Naruto. – Os três se despediram do jovem loiro.

Se despedindo de seus pais e seu amigo albino, Naruto com um longo suspiro, iniciou sua jornada a partir como treinador pokémon agora. Com Vulpix ao seu lado, aventuras estavam aguardando na jornada de ambos e surpresas, também.

Falando em surpresas, ao já se distância de sua cidade. Naruto e Vulpix, perceberam algo no céu, que lhes deixaram surpresos.

?: Lugiaaaaa! – Um poderoso rugido mexeu com Naruto e o causador disso, foi um pokémon. Mas não era um simples pokémon, quando descobriu com a ajuda de sua pokédex.

Pokédex: Lugia, o pokémon lendário, as asas de Lugia embalam um poder devastador, até mesmo, causando uma leve turbulência que é capaz de destruir casas facilmente. Resultando em, Lugia escolher viver no fundo do mar, do que na terra.

Naruto: “Pokémon lendário?!” – Naruto não podia acreditar, era a primeira vez que o loiro via um pokémon lendário com seus olhos e bem em sua frente.

Naruto percebeu que Lugia, pairou no ar. Mas não só isso, como também, estava encarando Naruto.

Se encarando, olho por olho, Lugia, em um bater de asas. Foi embora, deixando nenhum vestígio, a não ser a forte rajada de vento, que empurrou Naruto até pra trás.

Ao quebrar silêncio, Naruto chamou atenção de Vulpix.

Naruto: Vulpix, você viu isso? – Perguntou a sua parceira e a mesma, respondeu.

Vulpix: Vulpix! – Confirmou a raposa.

Até a atenção dos dois, forem chamadas por um outro pokémon.

Fletchling: Fletchling! – Aparecendo de surpresa, Naruto se assustou com a aparição de Fletchling.

Naruto: É você, o Fletchling que nos ajudou contra aqueles criminosos, lembra, Vulpix? – O loiro ficou surpreso ao ver Fletchling de novo.

Vulpix: Vu-Vulpix. – Afirmou Vulpix.

Naruto: Mas o que você está fazendo aqui? – Perguntou Naruto.

Fletchling: Fletch. – Respondeu Fletchling, quando foi até o bolso de Naruto e tirou uma pokébola.

Naruto: ... – Parando pra pensar, Naruto deduziu com que Fletchling queria dizer e isso, cresceu uma ansiedade no jovem o loiro – Você... Quer seu pokémon?!

Fletchling: Fletch, Fletchling! – Concordou feliz Fletchling, ao ter a resposta da pequena ave, Naruto se alegrou.

Naruto: Então, é isso! – Pegando a pokébola das patas de Fletchling, Naruto deu alguns passos pra trás e observou Fletchling, que o aguardava pelo esperado – Pokébola, vai!

Dito isso, Naruto lançou a pokébola em Fletchling, no contato. Fletchling foi sugado para dentro da pokébola, a mesma, se remexia, esperando pela resposta de Fletchling.

...

....

.....

GOTCHA!

Pegando a sua pokébola, os olhos de Naruto brilharam, ao ver que, nesse momento, capturou seu primeiro pokémon.

Naruto: É, isso aí, eu capturei um Fletchling!


Notas Finais


Eae, gostaram?

Bom, o primeiro pokémon capturado de Naruto, foi Fletchling. Isso fazendo, tomar a vaga como tipo voador.

Pokémons que foram sugeridos:

Tipo água: Froakie
Tipo lutador: Riolu
Tipo pedra: Larvitar
Tipo terra: Larvitar
Tipo noturno: Zorua
Tipo fantasma: Mimikyu
Tipo fada: Mimikyu
Tipo dragão: Noibat
Tipo gelo: Lapras
Tipo metal: Steelix
Tipo inseto: Heracross

O leitor OppaiDragon, comentou algo interessante, ele disse que não precisa de certo tipos de pokémons. Já que tem certo alguns, que foram escolhidos, tem evoluções que ganham um tipo a mais. Como o caso do Riolu, que é lutador, que evolui pra Lucario e ganha o tipo metal.

Uma coisa esqueci dizer a vocês, mas também que era um spoiler, é que alguns pokémons de Naruto, não possam evolui, isso dependendo do rumo da história. Então, mesmo assim, ainda vai contar a votação de cada tipo de pokémon.

Até o próximo capítulo! ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...