História Naruto nova geração: a história de duas irmãs - Capítulo 16



Notas do Autor


Boa leiturinhaaaa

Capítulo 16 - Viajem a Suna


Haruki- Chata!

 

Kana- Só cala a boca e vamos logo com isso! Precisamos chegar em Suna antes de amanhecer!

 

Haruki- Por que estamos indo pra lá mesmo?

 

Kana- Caralho, tu é burra? Eu já expliquei umas trinta vezes! Estamos indo pegar um dos pergaminhos da sala do Kazekage! 

 

Haruki- É sobre o que?

 

Kana- Esse que estamos procurando, na verdade é um mapa de onde estão uns esconderijos que descobri uns anos atrás, sei que há mais do que o que eu achei, e quero saber onde estão os outros

 

Haruki- Pra quê?

 

Kana- Puta que pariu, hein! Tu não consegue cala a porra da boca por nem um segundo?

 

Haruki- Ui estressadinha!- Provocou a mais velha, mas logo se calou ao receber um olhar mortal da arroxeada.

 

              Continuaram caminhando floresta adentro, em um ritmo relativamente acelerado. Já era noite, então a probabilidade de serem vistas durante o trajeto era menor, mas ainda assim estavam atentas. 

             Após muito tempo andando pela floresta, e logo depois o deserto, as garotas finalmente chegaram à Aldeia da Areia, e sendo o mais sorrateiras possível, passaram pelos guardas e conseguiram chegar ao prédio do Kazekage, onde se dividiram na tarefas. A loira vigiaria o lugar enquanto a arroxeada procuraria os pergaminhos com os mapas, mas como Haruki não era nem um pouco discreta, ao contrário de sua parceira que era uma pessoa tanto quanto imperceptível, foi percebida em pouco tempo pelos guardas, que acabam sendo brutalmente assassinados pela mesma, fazendo que em questão de segundos o Kazekage aparecesse no local.

 

Gaara- Se eu fosse você sairia da minha aldeia antes das coisas acabarem ficando ruins para você.- Ameaçou a garota loira.

 

Haruki- Ah tá! Hahaha, sair da vila, onde já se viu isso gente? Aaaah espera aí! Você que é o Kazekage né? Agora eu entendi! - Disse debochada, fazendo o ruivo tentar atacar a garota com sua areia, porém em um piscar de olhos, Haruki desviou de seu ataque e ainda quase lhe acertou um chute. A velocidade da garota era quase como a de um raio, os dois continuaram lutando por um bom tempo até que Kana finalmente achou os pergaminhos contendo os mapas .

 

Kana- Haruki, já peguei, vamos embora!- Falou interrompendo a luta bem quando Haruki estava quase pra atravessar a barreira de areia do Kazekage- Desculpa, interrompi a luta?

 

Haruki- Nah! Só tinha começado, pelo menos eu não vou ter que me esforçar.- Falou dando de ombros- Aí velho! Manda uma abraço pro meu pai, Naruto, acho que ele é seu amigo né?

 

Kana- Para de bater papo Haruki! Vamos logo antes que as coisas piorem!- Falou fazendo alguns sinais de mão fazendo com que as duas sumissem.


 

 

              No dia seguinte em Konoha


 

              Naomi andava tranquilamente pela aldeia fazendo suas zoeiras diárias quando foi repentinamente chamada na sala do Hokage. Ela ficou entusiasmada pois sabia que receberia um missão e já fazia uma tempo que a garota não recebia uma, estava completamente sem nada para fazer, Riuki havia saído em um missão a dois dias e só voltaria depois de alguns, e para piorar o resto de seus amigos também estavam ausentes da vila. Chegando na sala de seu pai, a morena deu várias batidas na porta até receber um “pode entrar” como resposta.

 

Naomi- OI! - Gritou assustando todos na sala.

 

              Na sala estavam presentes apenas 4 pessoas tirando a morena, seu pai, Mitsuki, um garoto que conhecia apenas por nome, e outros dois garotos que a menina desconhecia. Então Naruto começou a falar: 

 

Naruto- Bom, agora que vocês todos já estão aqui, eu tenho um missão nível C para vocês - Iria terminar de falar porém foi interrompido. 

 

Naomi- Ahhhh de novo não! Quem a gente vai ter que levar e pra onde?- Perguntou levemente irritada.

 

Naruto- Calma, me deixa terminar de explicar, vocês vão me levar até Suna

 

Naomi-Ué, não tem ninguém mais qualificado pra isso não?

 

Naruto- Tem, claro! Mas acontece que estão todos fora da vila e eu preciso ir em um reunião importante em Suna. Eu acho que é só isso, espero vocês na portão principal daqui uma hora. Dispensados!- Falou, e logo depois todos os presentes saíram da sala.


 

                            1 hora depois


 

              Para não perder o costume, Naomi havia chegado atrasada ao portão principal, levando um pequeno esporro de seu Pai. O mais velho colocou todos em seus devidos lugares e então logo partiram de Konoha. Naomi era, em geral, muito falativa, porém não conhecia nenhuma das pessoas de sua equipe, além de seu Pai, então, resolveu tentar puxar assunto com Mitsuki que estava logo atrás da garota.

 

Naomi- Ei!! é Mitsuki teu nome né?- Gritou como sempre fazia.

 

Mitsuki- É sim, acho que eu te conheço de algum lugar, não?

 

Naomi-A é a gente fez dupla em uma trabalho na academia, bom, meu nome é Naomi se você não lembra

 

              E foi naquele momento em que a garota começou a puxar assuntos aleatórios com o garoto que era até que bastante que legal, os dois continuaram a falar o caminho inteiro para a aldeia da areia irritando todos os outros que apenas queriam um momento de silêncio.

 

              

                            3 dias depois


 

              O grupo havia finalmente chegado em Suna e todos davam graças à Deus por não terem mais que ouvir Mitsuki e Naomi não parando de conversar por 2 segundos. Naruto foi para o prédio do Kazekage deixando o resto dos adolescentes soltos pela cidade, cada um foi pra uma lado fazer alguma coisa enquanto Naomi apenas ficou sem fazer nada pela cidade.

              Enquanto os outros andavam pela cidade, Riuki e Shinki, juntos de Kakashi, encontraram com Naomi. A mesma estava enterrada no mesmo parquinho de anos atrás.

 

Shinki- Isso é piada né?

 

Naomi- Oi pra você também! E não, não é piada

 

Riuki- Não é possível que uma chūnin como você, que sabe usar o Chidori, seja enterrada por crianças

 

Naomi- Você não sabe como elas são! Elas têm uma força do caralho! Sério! Se os meus pais tentassem lutar com elas, eles iam perder, tenho certeza!

 

Kakashi- Eu não tô entendendo nada

 

Shinki- É que uns anos atrás eles vieram pra Suna e aconteceu a mesma coisa- Explicou simples.

 

Riuki- Mas como que foi dessa vez?

 

Naomi- Então…

 

Flashback

 

Naomi estava novamente no parquinho onde foi enterrada pelas crianças. Sentou-se num dos bancos que haviam ali e ficou encarando os pequenos brincarem. Até então ela não tinha sido avistada por eles.

 

Certo momento, uma das crianças a avistou, e no mesmo instante gritou:

 

- A GAROTA TIGRE!

 

E antes que pudesse fazer qualquer coisa, Naomi já havia sido agarrada pelas crianças e enterrada. As pequenas saíram, a deixando sozinha. E incrivelmente não tinha ninguém por ali, e também ninguém passou.

 

Fim do flashback

 

Riuki- Essa mesma coisa de novo? Eu diria que você é uma garota de sorte!

 

Naomi- Engraçadíssimo você, mas que tal me tirar daqui?

 

              Então os rapazes puseram-se a ajudá-la. Resolveram ir para o hotel onde Naomi e o resto de sua equipe estavam instalados para a mesma ir tomar um banho. Chegaram ao prédio e foram para o quarto.

 

Naomi- Imagino que vocês não pretendam entrar comigo, então encontro vocês aonde para jantar?

 

Riuki- Shinki disse que nos levaria para um restaurante, se quiser pode vir com a gente

 

Naomi- Onde é?

 

Shinki- A gente espera você terminar seu banho na sala de jogos

 

Kakashi- Menos o Riuki, tenho certeza que ele quer ficar aqui!

 

Riuki- PAI!- Nesse momento os tomates ficaram com inveja das caras do casal.

 

Shinki- Cês namoram?- Perguntou levemente chocado.

 

Naomi- Sim! Até depois!- Disse rapidamente e fechou a porta do quarto com força, deixando os rapazes do lado de fora.

 

Shinki- É Riuki, não vai ser hoje cara!- Brincou.

 

Riuki- Cala a boca!- Respondeu e se dirigiu para o elevador, sendo seguido dos outros dois, que não paravam de rir.


 

              Naomi finalmente havia terminado seu banho, que durou uma eternidade e logo desceu para o salão de jogos onde os garotos haviam dito que estariam, e ao abrir a porta logo pode ouvir a gritaria que ali dentro acontecia. Os três estavam tão concentrados na briga por causa de um jogo de sinuca que nem perceberam a presença da morena no local.

 

Naomi- O CARALHO, VOCÊS TRÊS PAREM DE BRIGAR E VAMO COMER QUE EU TÔ COM FOME PORRA!! - Gritou dando uma tapa na nuca de Kakashi que era o mais velho da sala- ERA PARA VOCÊ ESTAR SEPARANDO A BRIGA NÃO BRIGANDO JUNTO SEU IRRESPONSÁVEL!

 

Riuki- Calma amorzinho da minha vida, a gente só tava discutindo sobre o jo… - Foi cortado por um tapa na nuca de Naomi.

 

Shinki- Esse aí é gado pra caralh- E foi cortado por um tapa na nuca de Naomi.

 

Naomi- QUIETINHOS!

 

              Depois de vários insultos diferidos aos garotos, Naomi finalmente se acalmou e os 4 puderam finalmente ir para o restaurante, que por sinal parecia bem chique. Shinki já havia feito a reserva no restaurante então para felicidade de todos não precisaram ficar na fila, os três adolescentes conversavam enquanto Kakashi apenas observava a conversa. E foi nesse momento que da porta surgiram todos os kages, conversando e se sentando na mesa ao lado do grupinho.

 

Naomi- OH PAI!- Gritou para o loiro que virou e viu todos no restaurante se assustarem com o grito.

 

Kakashi- Naomi, não precisa gritar, ele tá aqui do lado - Falou retirando as mãos do ouvido.

 

Riuki- Você tá mesmo pedindo para a Naomi parar de gritar?- Perguntou irônico.

 

Naruto- Naomi, não precisa gritar, daqui a pouco vão te expulsar do restaurante - Alertou a garota- E.. Kakashi e Riuki, não esperava ver vocês aqui, não quer sentar junto com gente?

 

Kakashi- Adoraria! - Disse então logo se levantou e foi para a mesa onde estavam todos os Kages.

 

Naomi- Não posso mais nem gritar! - Reclamou.

 

Naruto- Mas antes de qualquer coisa, gostaria da atenção de todos para um pequeno anúncio!- Nesse momento todos olharam para o Hokage, inclusive os adolescentes que já haviam voltado a conversar- Com muita alegria que digo à vocês que minha filha e o filho de Kakashi estão namorando!- Anunciou e apontou para o casal. Ele olhou para a filha com uma olhar de “essa é minha vingança pela gritaria” e ela o olhou com um olhar de “eu vou muito te assassinar”. Riuki apenas escondeu o rosto nas mãos, matutando em como matar o sogro sem ser odiado pela namorada e pelo outro sogro. Shinki tentava falhamente segurar os risos. Kakashi se encontrava na mesma situação que Shinki. Já os kages diziam coisas como “parabéns” “felicidades”, e Gaara inclusive comentou um “sempre soube”.

 

Naomi- Vocês tão afim de me enterrar naquele buraco de novo?

 

              Após todo esse alvoroço causado por Naruto, as comidas dos adolescentes finalmente chegaram. Os três comeram e logo saíram do restaurante deixando os adultos conversando lá. Como não havia muita coisa para se fazer aquela hora da noite, Shinki foi pra sua casa e Riuki e Naomi foram para o hotel.

 

Naomi- Boa noite! - Falou abaixando a máscara do namorado tendo um ampla visão do rosto delicado do moreno. A garota umedeceu os lábios com a ponta da língua em um convite para que selassem seus lábios. O beijo se aprofundava mais a cada segundo que se passava porém os adolescentes foram interrompidos por Naruto, que apareceu no corredor pois precisava passar por ali para ir até seu quarto.

 

Naruto- Ops, interrompi vocês?- Perguntou ao ver que o casal havia se separado ao ver sua presença.

 

Naomi- N-não, o Riuki já estava de saída- Respondeu vermelha como um pimentão enquanto o garoto puxava sua máscara. 

 

Riuki- P-Pois é, bom, a-acho que eu já vou indo. B-Boa noite! - Disse já indo embora.

 

 

                            No dia seguinte             

 

              

              Naomi foi acordada por inúmeras batidas em sua porta mas a garota não fez questão nenhuma de demonstrar que estava viva e voltou a dormir, porém as pessoas em sua porta entraram no quarto de hotel de algum jeito que a garota não fazia a menor ideia.

 

Sasuke- Naomi, acorda!- Gritou do lado da garota.

 

Naomi- RIKUDOU SENHOR AMÉM ALELUIA DEUS!! MEU DEUS DO CÉU EU ACHEI QUE ERA A MORTE QUE TINHA VINDO ME BUSCAR, PRA QUE ME ASSUSTAR DESSE JEITO?!?!- Gritou enquanto caia da cama pelo susto. Naruto apenas gargalhava do outro lado do quarto da garota- Eu tive uma ataque cardiaco aqui gente! Não tinha uma jeito melhor de me acordar não?? E peraí… você não tava aqui ontem, quando foi que você chegou aqui?- Perguntou para a figura sombria de seu pai- A MAS QUER SABER! VOCÊS SAIAM DO MEU QUARTO EU TENHO QUE ME VESTIR!! -Então expulsou seus pais do quarto e logo se vestiu e saiu do quarto vendo seus colegas de equipe a esperando para sair.


 

                      No portão principal de Suna



 

              Riuki estava com a sua equipe no portão principal despedindo-se de Shinki e aguardando a equipe de sua namorada, então após alguns minutos pôde finalmente ver a equipe da garota chegar ao portão, e um coisa não pareceu agradar nem um pouco o garoto, Naomi conversava com um garoto que pelo que Riuki se lembrava, se chamava Mitsuki. Não era o fato da garota estar conversando com o albino que o incomodava e sim a proximidade deles e o modo de falar como se o já conhecesse a muito tempo, porém o moreno resolveu deixar isso de lado pois achou que era insignificante.

 

Naomi- Oi Riu! Conhece o Mitsuki?- Disse sorrindo e apontando para o albino, que deu um sorriso pequeno e acenou com a mão.

 

Riuki- Só de vista…

 

              Logo após a pequena conversa, foram chamados pelos adultos e seguiram para fora de Suna. Enquanto caminhavam, Naomi encarou o namorado, que estava com a cara um pouco fechada - mais que o normal -, e então deu uma pequena risada, entendo o que estava acontecendo. 

 

Naomi- Tá com ciúmes do Mitsuki?- Perguntou risonha.

 

Riuki- Quê? Não, claro que não!- Respondeu fechando ainda mais a cara.

 

Naomi- Ai que fofo! Tá com ciúmes! Não se preocupa, eu só tenho olhos pra você!- Disse abraçando o moreno, mas continuando a caminhar. O Hatake abraçou-a pelos ombros e seguiram assim por mais algum tempo.


 

                      3 dias depois


 

              O grupo já estavam a alguns quilômetros de Konoha, e a viagem teria sido totalmente normal se quando estivessem na floresta ao lado da Aldeia da Folha não houvessem detectado algumas pessoas passando por si, e dentre as árvores puderam ver as famosas capas pretas com nuvens vermelhas, separando dois grupos, Naomi ficou no mesmo grupo que Kakashi e Mitsuki enquanto Riuki ficou no mesmo grupo que Naruto e Sasuke.

              O grupo de Riuki finalmente havia parado em um parte mais clara da floresta onde a pessoa que eles estavam correndo atrás parou, os seus outros colegas tinham ido direto pra vila avisar os guardas da possível invasão, então em sua equipe estavam presentes apenas Sasuke, Naruto e o garoto. Apesar de terem parado em uma clareira a capa preta cobria a figura ainda não identificada que estava de costas para o pequeno grupo, devagar e agonicamente a pessoa retirou o capuz e virou-se fazendo os três terem um ampla visão de seu rosto.

 

Haruki- Sabem, é irônico dos dois grupos que vocês separaram ter sido justamente vocês que vieram atrás de mim - Dizia com um sorriso sínico no rosto.  

 

Riuki- Haruki, já faz bastante tempo não é mesmo… - Tinha uma tom cabisbaixo em sua voz.

 

Naruto- Realmente, já faz bastante tempo mas pode ter certeza que dessa vez você não vai embora - Disse mais ameaçador.

 

Haruki- Não tô nem uma pouco afim de voltar pra vila, muito obrigada! Vou ter que dispensar esse convite nem um pouco ameaçador, e porra meu cadê a Kana quando eu preciso dela?

 

Sasuke- Bom Haruki, já que você não quer voltar por bem você vai voltar por mal 

 

Haruki- Se vocês querem tentar - Porém quando a garota foi perceber seu pai já estava com um chidori atrás dela, mas a loira percebeu a tempo de desviar com a sua incrível velocidade - EI! Nem para avisar? 

 

Sasuke- Mas o que? - Ficou confuso porque até com seu sharingan foi difícil ver o que havia acabado de acontecer.

 

Haruki- Olha eu tenho que admitir, esses raiozinho aí são uma porra de desviar mas nada que seja muito impressionante- Dizia debochada.

 

              Enquanto a equipe de Riuki era constantemente driblada por Haruki que por incrível que pareça desviava de todos os golpes desferidos a si, Naomi e seu grupo lutavam contra Jessie que fazia explosivos atrás de explosivos para acertar o grupo, mas foi incapacitada por um chute de Naomi tendo de chamar ajuda da companheira que no momento já estava lutando com outras pessoas, então felizmente teve de recuar indo pra longe da aldeia. 

 

Haruki- O que merda! Tô tendo que ir embora aí, foi mal não vou poder ficar pra muito mais briga não - Disse em cima de uma árvore- Beijos para vocês!

 

              Enquanto dizia isso a garota iria receber uma chute certeiro mas ela apenas virou fumaça desaparecendo completamente do lugar. Riuki saiu rolando pelo chão pela força do pulo, e quando parou permaneceu deitado na terra, sentindo-se fracassado.

 


Notas Finais


gado de maixxxx

fiquem com Rikudou e não usem drogas!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...