1. Spirit Fanfics >
  2. Naruto nova geração: a história de duas irmãs >
  3. Kazuaki vs adolescente revoltada

História Naruto nova geração: a história de duas irmãs - Capítulo 33



Notas do Autor


Bem vindos ao capitulo trinta e TREIXXXXXXXXXX

boa leitura meus lindos

Capítulo 33 - Kazuaki vs adolescente revoltada


Fanfic / Fanfiction Naruto nova geração: a história de duas irmãs - Capítulo 33 - Kazuaki vs adolescente revoltada

                  Naomi abriu os olhos desejando que as últimas horas tivessem sido apenas um pesadelo, porém uma dor forte subiu à sua cabeça, e olhou em volta vendo Riuki segurando Kakashi, que estava desacordado, enquanto seus pais estavam mais do que esgotados. A morena então se levantou do chão e pegou sua katana, e correu em direção do Otsutsuki, que estava de costas, para tentar atacá-lo, mas levou um soco sendo arremessada para perto do namorado.

 

Naruto- Naomi é melhor você descansar um pouco - Disse preocupado com a filha.

 

Naomi- Mas eu quero ajudar!!!

 

Sasuke- Se você lutar agora, não vai durar mais que cinco minutos. Faça como o Riuki e fique de fora.

 

                  Naomi, a contra gosto, ficou fora da luta, enquanto seus pais continuavam tentando lutar com o Otsutsuki, que parecia nem se importar com os ataques, revidando todos sem dificuldade alguma. Naomi e RIuki ficaram observando os dois adultos tentando lutar com Kazuaki por algum tempo, vendo todas as tentativas falhas de ataques. Em meio a isso, o grisalho que até o momento estava desacordado, começou a abrir os olhos, chamando a atenção dos adolescentes.

 

Riuki- Pai? Você está bem? - Perguntou ao maior.

 

Kakashi- Na medida do possível, sim

 

Naomi- Ainda bem, eu tenho uma água aqui se vo…  - Não pôde terminar a frase, pois uma grande explosão havia acontecido atrás de si, causando uma grande clarão.

 

                  Naomi rapidamente virou-se para trás, fechando os olhos por causa do clarão, até que ele cessou, e pôde ver seu pai, Sasuke, jogado no chão, ainda consciente, porém muito exausto para se levantar, e seu outro pai preso no chão com algumas barras de ferro enfiadas nas mãos, enquanto o Otsutsuki sugava seu chakra. A garota, sem exitar, foi em direção do Otsutsuki, mas antes mesmo de chegar perto, levou um bola de chakra na cara, sendo jogada para perto de Sasuke.

                  A garota já não tinha mais forças para ficar em pé direito, estava destruída, nem ao menos conseguia ajudar o loiro que agonizava de dor logo à sua frente. Então, sem pensar muito no que estava fazendo, olhou para o albino e fez um pequeno amaterasu. Na sequência levou as mãos diretamente aos olhos, que soltavam algumas lágrimas de sangue pelo alto uso do sharingan.

 

Kazuaki- Eu iria deixar você por último garota, mas parece que terei de acabar com você agora- Disse parando de pegar o chakra de Naruto, se virando para ir em direção da morena, arrancando o pequeno pedaço da roupa que havia sido atingido pelas chamas pretas.

 

                  Naomi retirou as mãos dos olhos, focando no ser albino que andava em sua direção. Engoliu o seco sentindo que aquele seria seu fim, quando Naruto, com alguma força, se soltou das barras que o prendiam ao chão e tentou parar o Otsutsuki falhamente, sendo jogado no chão logo ao lado dos outros.

 

Kazuaki- Me diga, como queres morrer?- Falou colocando sua mão em direção da morena, a uma pequena distância dela, que estava com os olhos arregalados.

 

Naomi- Que tal você ir se fuder? - Respondeu o maior, o olhando com raiva.

 

Kazuaki- Você que escolheu isso - Disse fazendo uma bola de chakra para jogar na garota, que claramente morreria com o ataque. 

 

                  O Albino iria jogar a esfera de chakra na morena, que já havia aceitado sua morte, quando foi interrompido por um chute na cara tão forte que fez com que uma de suas linhas de chakra fosse comprometidas, além de ser arremessado para longe. Quando o albino abriu os olhos, foi recebido com a imagem de ninguém mais, ninguém menos que Haruki.

 

Kazuaki- Olha só, se não é a traidora da Akatsuki. Fazia um tempo que eu não a via, pelo jeito andou treinando, não é mesmo?

 

Haruki- E aí seu merda, é um desprazer te ver de novo, e espero nunca mais te ver depois de hoje 

 

Kazuaki- Você é muito metida loirinha, acha que está lidando com quem?

 

Haruki- Considerando que eu já matei teu amigo lá em baixo, tu é bem suave

 

Kazuaki- Sua garota mimada! VOCÊ ACHA MESMO QUE CONSEGUE ME DERROTAR?!!?- Disse alto.

 

Haruki- Ora, ora Parece que alguém ficou tiririca, toquei no seu ponto fraco bebê? Hein? Vai cruzar o bracinho, fazer  biquinho e bater o pezinho agora, hein? Ai ai ai, não suportaste o meu jeitinho maquiavélico de cutucar os seus trauminhas? Haha, de repente você virou um pinscher, com tremedeira, gengivinha aparecendo, FALANDO ALTO… poxa, ficou putinho? Vem cá, dá beijinho pra você ficar calminho - Falou irônica como sempre.

 

Kazuaki- Não vou me exaltar por sua causa sua adolescente! Tem que humilhar os outros pra ganhar algum respeito, patético! - Disse irritado.

 

Haruki- Nossa cara, de coração, eu tô me sentindo muito mal por ter magoado os seus sentimentos. Cê quer que eu prepare o seu lanchinho hoje? Pra você colocar na lancheirinha e levar pra escolinha? Eu posso colocar uma trakininhas de morango, um suquinho de acerola super nutritivo. Tudo pro meu bebê parar de birra! Ficou desnorteado com a minha capacidade de bagunçar com a sua cabecinha de porcelana, não? Tá aí, perdido sem ter o que fazer, igual a uma criança que se perde da mãe na C&A, porque ficou se metendo nos casacos, e agora tá aí no cantinho, todo jururu, Igual a uma boneca Baby Alive, que você aperta a barriguinha e ela chora. O choque de realidade está sendo doloroso demais pra minha princesinha, hein? Descobriu que o jardineiro que senta no colo do papai enquanto a mamãe vai fazer compras não é só um amigo? Cê tá falando que não ficou putinho, mas essa veia estalando na sua testa me diz o contrário. Olha eu vou fazer uma carreirinha de maracujina pra você, ó... ficar mais tranquilinho, porque tu tá parecendo aqueles pintinho que dá corda, que vende no camelô por 1,99, que cê gira e ele fica "tutututu" de um lado pro outro. Nem o Chico Xavier tremia tanto a mão quando psicografava quanto você agora, e isso é um sinal de raiva, eu aprendi no Metaforando! Eu joguei uma minhoquinha tão mirradinha e você mordeu a isca com tanta vontade que parecia um bagre faminto que não via alimento há dias! Agora eu termino, como uma diarista no final do dia, contemplando a mudança que ela fez no ambiente.... A sua cabecinha! 

 

Naomi- O que essa garota tá fazendo?

 

Riuki- É a Haruki, ela não muda nunca - Falou dando de ombros.

 

                  O albino levantou a mão, mas não deu tempo o bastante para fazer qualquer jutsu, pois a loira usou de sua velocidade para acertar um chute certeiro no peito dele, seguido de um soco na cara, que o impulsionou para cima. Enquanto ainda estavam no ar, Haruki aproveitou para meter um chute nele, que foi direto para o chão, afundando ali.

                  A loira recuou um pouco, dando tempo do Otsutsuki se levantar e começar à fazer alguns sinais de mão, porém foi detido por um chute na costas de Haruki, que aproveitou e sacou a kunai que uma dia fora de seu avô, e tentou acertar o albino, fazendo uma corte em seu rosto e logo recuou um pouco mais, porém antes de voltar à sua luta contra o Otsutsuki, sentiu uma mão a puxando pelo braço. 

 

Naomi- Haruki! - Então abriu a boca para falar alguma coisa à irmã, porém nada vinha à cabeça - E-eh, cuidado com ele, olha o que já aconteceu

 

Haruki- Não precisa se preocupar comigo, você devia estar se preocupando com os outros - Disse para a morena que largou seu braço.

 

Kazuaki- Que linda cena de reencontro familiar, uma pena que eu terei de acabar com ela - Falou soltando uma rajada de fogo na direção das duas. As chamas se dispersaram, e o albino não pode ver mais as duas- O quê?

 

Haruki- Tó, pega essa garota, não sou obrigada a cuidar de adolescente - Falou praticamente jogando a irmã, que estava no seu colo, em cima de Riuki.

 

Naomi- AI! Mais cuidado! 

 

Haruki- Se vira linda

 

Riuki- Não tô entendendo mais nada desde que a Haruki apareceu, mas tudo bem

 

Kazuaki- Impossível! Ninguém consegue escapar dos meu ataques!

 

Haruki- Yeah baby, nem todo mundo, me parece que o jogo virou não é mexmo? - Disse dando um rodopio.

 

Kazuaki- Você se acha a engraçadona né? - Disse revoltado com a loira.

 

Haruki- Eu não me acho, eu sou meu consagra - Falou fazendo uma reverência forçada.

 

                   Haruki voltou a atacar o Otsutsuki, que mesmo levando todos os golpes da garota, não parecia tão afetado. A loura continuou por algum tempo acertando o albino, até que acabou levando um bola de chakra no abdômen, sendo impulsionada para longe, batendo de costas no chão, porém o que Kazuaki não havia visto era que aquela era apenas um clone da verdadeira, logo, virou fumaça em alguns segundos. A loira saiu de trás de Kazuaki para o acertar um chute certeiro, mas foi atingida, no entanto, novamente era um clone. Dessa vez, a verdadeira jogou uma shuriken no albino, que pegou diretamente no braço dele, abrindo uma ferida ali que logo começou a sangrar.

                  Naomi vendo que a irmã estava conseguindo lutar com o Otsutsuki, decidiu que iria ajudá-la. Sacou sua katana cuja estava no chão, porém antes foi parada pelo namorado.

 

Riuki- Naomi! Você vai mesmo voltar à luta?? Eu ach...  - Não pôde terminar sua frase pois foi interrompido pela garota.

 

Naomi- Não tem eu acho! Não posso deixar a Haruki lutar sozinha! Eu já tô melhor 

 

Riuki- Eu sei que você está se sentido recuperada, mas se ele te acertar mais uma vez...

 

Naomi- Desculpa Riuki, eu te amo! Não me leva à mal, mas eu vou entrar naquela luta, você querendo ou não- O moreno apenas suspirou, conhecendo Naomi, nada iria mudar a opinião dela.

 

Riuki- Então eh.. só se cuida, tá bom?- Disse recebendo uma “uhum!’ e um abano de cabeça da mesma.

 


Notas Finais


Opa Opa meus caros leitorexx, tudo suave com vcs? comigo tudo de boa, postei capitulo novo gostaram? kk naõ se esqueçam de comentar e favoritar isso daqui pra continuar a fanfic, dessa vez a coautora corrigiu tudo de boa, amo ela inclusive, mas isso não vem ao caso agora

até próxima terça, fiquem com senhor Jabiroca e usem drogas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...