1. Spirit Fanfics >
  2. Naruto: Personagens Reagindo Aos Raps Do Anime! >
  3. Uchiha Sasuke I

História Naruto: Personagens Reagindo Aos Raps Do Anime! - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Arco Times: 4/?

Olha quem aparece na maior cara de pai depois de mais de um mês sem atualizações?

Por favor Não me matem!

Eu simplesmente não consegui tempo! Tava enrolada, cheia de coisas pra fazer e pra melhorar eu fiquei doente, e eu sou do tipo de pessoa que quase nunca fica. Mas quando fico, kami-sama é mais de duas semanas de cama. E foi oque aconteceu eu tava péssima, quase não conseguia comer sem vomitar tudo, eu não conseguia levantar da cama. Fui melhorar agora, mais eu ainda estou com um pouco de frente e sem voz nenhuma, mais como aqui eu uso os dedos e meus olhos finalmente podem ler sem derramar dois litros d'água,resolveu postar.

Bom, espero que vocês possam aproveitar esse episódio que eu pensei pra escrever pro se tratar de um persnagem tão complexo.


🌻🌻Boa leitura e beijos de cocada~~~

Capítulo 8 - Uchiha Sasuke I


Fanfic / Fanfiction Naruto: Personagens Reagindo Aos Raps Do Anime! - Capítulo 8 - Uchiha Sasuke I

Rap do Sasuke (Naruto) - Maldição do Ódio/ 7 Minutoz


Me respeita, eu sou um gênio

Meu nome é Sasuke


Kiba — Ok, é daquele cara, pelo menos nesse não teve mistério pra saber de quem era. - Falou dando de ombros.

Sakura e Naruto se entre olharem, será que nesse rap diria se eles conseguiria trazer o Uchiha de volta para Konoha? O sensei dos três estava um pouco apreensivo sobre oque diria naquele rap, por alguma razão, tinha um palpite de que não ouviriam coisas boas sobre o moreno vindo com aquele rap e temia pela reação de seus outros dois alunos.

Sasuke passou a prestar mais atenção quando seu nome foi sitado. Ele torcia que naquele rap dissesse se ele havia conseguido ou não matar seu irmão. Karin e os outros dois membros do time Hebi também ficaram atentos, afinal, ajudar Sasuke a chegar no irmão para mata-lo, era a razão pelo time ter sido construído. Óbvio que pelas costas de Orochimaru, já que o mesmo acreditava que o time fora feito para cumprir servidos mais perigosos para si.

Sarada — Ôê! Será que dá pra vocês largarem esse video game idiota e presta atenção na música! - Disse já tomando um dos aparelhos que estava na mão de Boruto, logo sendo ajudada por Chouchou e as outras a pegarem os dos outros meninos.

Boruto — Mas isso tá um saco Sarada, Dattebasa! - Exlamou escorregando pela cadeira.

Shikadai — Oque tem de bom em ficar escutando rap sobre os nossos pais? Nós já sabemos das histórias de vidas deles, não precisamos que um rap nos reconte ela. - Resmungou se espriguessando.

Sarada — Nem tudo eles nos contam, pelo menos, não meu pai. Eu não sei quase nada sobre o passado dele e essa é uma oportunidade única de saber mais sobre ele. - Disse deixando alguns pensativos.

Shinki — Talvez nesse rap explique o porquê dele está com o pai do Mitsuki e com aquele grupo ao invés com o seu time de Konoha e o motivo dele está sempre fora da vila então. - Falou apontando discretamente para o grupo em que o Uchiha se encontrava.

Sarada — Hai, tem muitas coisas que eu quero saber sobre ele, por isso, acho bom vocês ficarem pianinho entenderam? - Avisou olhando para todos com os olhos seme-cerrado e todos acentiram.



Criança com o talento

De um próximo Hokage

Quero superar o meu irmão Itachi

Dar orgulho pra minha família

O nome do meu clã cê sabe

Pode crêr,

Eu sou um Uchiha


Boruto — O tio Sasuke era incrível desde criança né? - Disse empolgado com aquela parte, podia não demostrar, mais estava ansioso para saber mais sobre seu mestre.

Sarada — Eu aposto que o Nanadaime-sama não era diferente. - Ela não pode deixar de defender o homem que ela mais admirava.

Himawari — É claro que o Tou-chan era incrível, ele é o principe que salvou a Kaa-chan! - Exclamou animada, Sarada, Sumire e Chouchou concordaram também, elas amavam quando a primeira dama contavam para elas de como ela e o Hokage de seu tempo começaram um romance.




Lendários olhos que podem ver o futuro, mas

Ninguém previu do que um shinobi seria capaz



Itachi fechou os olhos com força já sabendo do que veria a seguir. Shisui o olhou com atenção, para muitos aquilo poderia significar um ato de entendimento, mais pra quem realmente cconhecesse Itachi, era nítido que ele está sofrendo. Não queria ouvir oque veria após aquela estrofe e ele só podia se sentir culpado, por ter sido tolo e confiado na pessoa errada.

Kisame — Relaxa cara, seu irmão não parece aquele fracote de três anos atrás, ele com certeza melhorou, então quem sabe nesse rap não diga se você finalmente conseguiu essa sua paz. - Disse colocando uma mão no ombro do parceiro. Ele nao concordava com esse plano de Itachi de alto-punição, mas já que o Uchiha nunca lhe escutava quando dizia que devia tentar conversar com o irmão e abrir o jogo sobre tudo, a única coisa que podia fazer era apoia-lo.

Itachi — Eu sei, treinar com Orochimaru, infelizmente, foi bom pra ele, esse foi o único motivo de eu ter permitido que ele fosse. - Suspirou, ele não gostava, não confiava e se pudesse mataria Orochimaru ali mesmo, mas ele ensinou Sasuke de forma rápida e excelente, coisas que em Konoha, mesmo treinando com Kakashi, ele demoraria mais tempo pra aprender e Itachi não tinha todo esse tempo pra esperar ele ficar forte o suficiente para poder se cuidar sozinho.



Naquela noite eu fui pro inferno e não voltei mais

Meu Deus do céu, o meu irmão matou meus pais


Sasuke respirou fundo, aquele sentimento que ele aguardava trancado a sete chaves dentro de sua alma vindo devagar. As lembranças voltando e inconsientimente, seu ódio por seu irmão se intensificando.

Um grito horrorizado em conjunto veio de Konoha como do futuro. Tenten, Ino, Hinata e Sakura tinham a mão sobre a boca, todas incrédulos, os meninos estavam em choque, não conseguiam acreditar no que tinham acabado de ouvir. Hinata mesmo ainda um pouco brava abraçou Kiba que a aconchego rapidamente em seus braços, Shino passou a mão por seu cabelos enquanto Akamaru colocava a cabeça em seu colo. Ele estava em choque. Então havia sido mesmo por Itachi que o clã Uchiha havia sido massacrado? Por aquele garoto doce, que sempre que os clãs, Hyuuga e Uchiha se encontravam nas reuniões a tratava tão bem? Quando mais nova havia escutado algo sobre ele ter virado renegado, mas, ter aquela confirmação tão dura jogada assim, era de tirar as palavras de qualquer um.

Ino pegou a manga da blusa de Shikamaru que não contestou enquanto Chouji a abraçava, seu coração parecia está sendo esmagado, ela não amava mais Sasuke loucamente, mas ainda tinha empatia pelo menino que havia sido sua grande paixonite no passado e, ele era um amigo também, não conseguia se imaginar passando por algo assim.

Sakura chorava e tremia, doia como um inferno, saber sobre as dores de seu amado daquela forma, o motivo que o transformou, ela sabia que ele queria matar o homem que matou sua família, mas nunca imaginou que esse homem fosse seu próprio irmão, ela se sentia triste, queria ir até ele e abraça-lo, aperta-lo em seus braços e tirar toda sua dor.

Naruto colocou uma mão no ombro da rosada, ele já sabia sobre isso, mais não havia contado a rosada na época em que descobriu, ela já estava abalada demais com o fato de Sasuke está inconsciente graças ao genjutsu do massacre em que Itachi havia o colocado quando se encontraram na pousada em que ele é Jiraya estavam hospedados. Além do pequeno embate que ele e o Uchiha tiveram no telhado do hospital. Não queria sobrecarrega-la de informações.

Sasuke abaixou a cabeça fazendo com que seu cabelo tampasse sua face, não queria que os outros vissem suas lágrimas, Karin notando a áurea triste do amigo, passou os braços por seus ombros e acariciou seus cabelos no pé da nuca. Ela odiava o Sasuke arrogante e prepotente, mais odiava ainda mais o Sasuke frágil e triste, aquele que parecia tão vulnerável que ela poucas vezes viu, aquele parecia outra pessoa, quase sem resquício do Uchiha que ela estava tão acostumada a ver.

Karin — Se recomponha Baka, não deixe ele ver esse seu lado, pegue toda essa dor e a fassa oque sempre fez, a transformar em mais motivação para mata-lo. - Sussurou o apertando. Ela não era a melhor pessoa pra dar conselhos, mas Sasuke também não se importava com isso, apenas sorriu pequeno engolindo o bolo em sua garganta.

Sasuke — Cala a boca, idiota. - Resmungou enquanto ela o soltava.




Que noite fria

Corpos de ninjas Uchihas da minha família no chão da Vila



Kiba — Essa imagem deve pesegui-lo até hoje. - Disse fazendo uma careta, era impossível dele imaginar sua irmã mais velha fazendo aquilo, de ver os membros de seu clã mortos pelas mãos de Hana.

Chouji — Se só de ouvir meu estômago já embrulha, imagina ter que ver essa cena.

Ino — Coitado do Sasuke-kun... - Murmurou entre soluços.

Asuma — A cabeça desse menino não deve está nada boa. - Lamentou o Sarutobi.

Kurenai — Não é a toa que ele saiu da vila atrás de vingança, ser torturado mentalmente revendo essa cena diversas vezes quando ainda é uma criança, obviamente não fez nem um pouco bem pra uma criança já tão quebrada.

Tsunade — Se aquele velho tivesse me escutado e criado um hospital psiquiátrico em Konoha e dado acompanhamento médico pro muleque, ele não estaria dando tanto trabalho agora. - Resmungou a loira. Havia sido uma luta para que Hiruzem e os conselheiros aceitassem sua proposta de colocar um nin-médica nos times na guerra, quando ela trouxe a proposta de que as pessoas que haviam perdido família na guerra tivessem que ter acompanhamento psicológico, ele recusaram, dizendo que a vila não tinha recursos pra tal coisa e nem mesmo depois de se estabelizarem a aldeia tão ideia foi colocada em prática.

Minato — Hiruzen-san, como isso veio a acontecer? - Perguntou o loiro confuso, não podia crer que aquele menino que era uma criança tão doce veio a fazer um ato tão terrível.

Hiruzen - Essa é uma história longa Minato-chan, se vinher a ter uma pausa nessas música eu te conto.

Hashirama — Por Kami Tobirama, você poderia pelo menos fingir que está triste! - Exlamou vendo o irmão mais novo vermelho, com uma mão na boca tentando conter a risada enquanto Madara o olhava com fogo nos olhos.

Tobirama — Mas... eu estou triste... Havia uns Uchihas que eu gostava... como o Kagami... - Falou entre risos.

Madara — Então para de rir merda! - Exclamou irritado.

Tobirama — Não dá porra! Saber que um Uchiha matou todos os outros Uchihas... Eu com certeza adoro esse garoto... Hahahaahah - Falou já não se aguentando e explodindo de rir enquanto Izuna segurava o irmão mais velho que queria pular no Senju caçula.

Hashirama — Eu desisto, você não tem concerto Pedacinho de céu. - Se lamentou exasperado o Shodaime.

Tobirama — Não me chama assim caralho! - Repreendeu o homem.

Hidan — Acho que ele tem mais odios pelos Uchihas que você loira.

Deidara — Ele também tem seus motivos ora odia-los, hum. - Falou o loiro que a pouco havia conseguido se soltar do mascarado que estava encolhido em seu acento choramingando pelos socos que tinha dado no mesmo.




E eu não sabia

Que o ódio seria como energia sombria e me guiaria



Kisame — Tem certeza que alimentar o ódio desse garoto dessa forma é uma boa ideia? O pirralho podia fica realmente traumatizado depois. - Perguntou olhando para o outro Uchiha que olhava fixamente para o irmão que o olhava de volta com deboche.

Itachi — Relaxa, eu já pensei em tudo. - Respondeu sem olhar para o parceiro.

Kisame — Então tá, nee. - Deu de ombros, se Itachi disse que já tinha tudo preparado, ele não podia duvidar.

Kakashi — Ser levado pelo ódio nunca é uma boa ideia e transformar ele em sua motivação de vida é pior ainda, Sasuke. Eu lhe disse isso antes.

Sasuke — Eu não acho que deva escutar lição de moral de você, Kakashi. Não sou mais um membro do time sete e você não é mais meu Sensei. - Disse o Uchiha sem olhar para platinado e Karin revirou os olhos, o Sasuke normal havia voltado.

Naruto — Oê, Teme! Não fale desse jeito com o Kakashi-sensei, quando eu te trazer de volta pra vila, eu vou te dar uma surra por falar desse jeito com o sensei! - Exclamou o loiro.

Sasuke — Não fale merda Dobe, você nunca vai me vencer. Se não podia antes, agora que estou mais forte, você não tem a mínima chance de me vencer. - Resmungou o Uchiha.

Naruto — Você não foi o único que ficou forte nesses últimos anos idiota, quando nos enfrentarmos novamente, eu vou acabar com a sua raça. Dathebayo! - Ameaçou.

Sasuke — Sonha, Usuratonkachi. - Rosnou se inclinando pra frente na cadeira. No momento em que Naruto ameaçou em se levantar pra ir até ele o moreno fez o mesmo, ambos querendo partir um pra cima do outro ali mesmo, sem notar que suas companheiras está em seus limites.

Sakura — Shanaro!! Cala boca idiota. - Gritou dando um soco no estômago de Naruto o fazendo sentar novamente com uma veia saltando em sua testa.

Karin — BAKA! Para de ficar agindo que nem idiota, está me envergonhado! - Também irritada pela discurção que ao seu ver era besta, chutou a cara de seu capitão enquanto seus cabelos voavam mostrando sua raiva e Suigetsu ficava rosa de tanto rir do Uchiha no chão.

Naruto — Sakura-chan, você não devia ficar batendo no seu futuro marido... - Choramingou o loiro sentindo uma dor alucinante se espalando por toda sua barriga.

Sasuke — Que merda Karin, essa porra doeu desgraça! - Exlamou massageando a área atingida pelo golpe que estava ficando roxo.

Karin — Óbvio que é pra doer! E se me encher a paciência de novo vou que quebrae as suas costelas!

Suigetsu — Eu vivi pra ver o Sasuke apanhando pra Karin! Hahahahahahah! - Falou linda do as lágrimas do canto de seus olhos.


Chouchou - Elas duas tem o temperamento forte, né? - Notou abrindo outro pacote de salgadinhos.

Boruto — Sarada é inqualzinha a Sakura-baa-chan. - Comentou lembrando que a Uchiha faz a mesma coisa que a rosada quando ele é Iwabe começam a brigar.

Sarada nem se importou com as observações, estava perdida desde que escutou que seu tio, o homem que sua mãe e seu pai falavam tão bem, apontavam como herói, na verdade era um psicopata, assassino Nukennin. Ela não conseguia processar direito aquela informação. Por isso ela e seu pai eram os únicos Uchihas vivos. Que as pessoas nunca falavam sobre o clã e que o antigo distrito Uchiha, hoje era um parque em que as famílias costumam ir nos finais de semana fazer piquenique.

Mitsuki — Sarada, você está bem? Parece em transe. - Perguntou o albino.

Sarada — T-to sim Mitsuki, é só que, são muitas informações sabe. - Falou a Uchiha suspirando.

Mitsuki - Relaxa, não importa oque aconteceu no passado e oque ele desencadeia, essas coisas vão ser mudadas depois disso aqui e sobre o seu tio, bom, ele irá pagar pelos seus crimes, provavelmente com pena de morte, mas isso é o de menos. - Falou dando tampinhas no ambos da amiga sorrindo.

Sarada — Mistuki, você precisa aprender a dar conselhos melhores. Urgentemente. - Falou a Uchiha e os outros riram da cara confusa do garoto.



Lembrança maldita

Todos os dias essa agonia vazia na minha vida



Itachi só conseguia pedir desculpas a seu irmão, ele sabia que se ela ele aquela noite o atormentava a cada momento em que se permitia fica só, para o mais novo deveria ser como um lup infinito.

Sasuke colocou a mão sobre o tecido cinza de sua blusa sentindo aquele aperto e falta de ar familiares, apertava com toda sua força, tendo controla-se. Não podia dar brechas e mostrar fraquezas ali. Seu corpo tremia e sua respiração estava descompassado, a vida novamente estava embassada pelas lágrimas. Aqueles dias de solidão naquele apartamento, os olhares de pena e temor das pessoas, aquelas famílias felizes que passavam por sí enquanto ele vivia aquele inferno completamente sozinho... Não importava o quanto tentasse, não dava pra esquecer aqueles dias de forma alguma, e ver o causador de tudo, bem ali, na sua frente, com aquela áurea de superioridade, como se escutar aquela música o interação até a alma ( se é que aquele mostro tinha uma ). O enlouquecida! Aquele bastardo não demonstrava nem um pouco de arrependimento, Shisui estava bem ali no outro grupo, ao lado do dele e mesmo assim ele não demonstrava nem.um pouco de culpa por matar todos aqueles que ele amava.

Ele só podia pedir mais e mais para que a sua vingança pudesse ter sido concluída.




Foi uma promessa minha

Meu clã eu restauraria, um dia, um certo alguém eu mataria


"Sim. Não importa o quanto mais eu tenha que me afundar na escuridão. Eu vou mata-lo, Itachi. Pode levar dois, quatro, mil anos! Mas eu iria matar você com minhas próprias mãos. Você vai pagar por todos os Uchihas de nosso clã que morreram naquele noite, maldito. O pai e a mãe, eu juro que irei vinga-los!" - O moreno prometeu pra si mesmo em pensamento.

Suigetsu — É pode deixar que se o Kisame-senpai tentar atrapalhar eu dou um jeito nele, tô qyerendo aquela espada a muito tempo. - Disse o albino que tinha os olhos fixos na Samehada que Kisame tratou de segurar com firmesa lançando um olhar assassino para o outro.

Kisame — Você vai morrer antes de tocar na kinha Samehada. - Decretou o espadachim.

Suigetsu — Hahahaha, bom, vamos ter que ver isso em uma luta então. - Falou sorrindo Karin, deixando parte de seus dentes pontiagudos aparecendo.



Acho que a vingança

Vai cegar meus olhos

Porque o meu legado

É a Maldição do Ódio


Naruto — O teme vai ficar cego!?! - Exclamou alarmado.

Kakashi — Eu acho que é uma figura de linguagem Naruto, o Sasuke ficará tão profundo nesse desejo de Vingança que será como se ele não fosse nada mais a não ser ela. - Explicou o mais velho, nao achando nenhum dos pontos bons.

Jiraya — Eu disse pra você Hime, a Maldição do Ódio existe. - Disse com um sorriso orgulho.

Tsunade — Na mente de um idealista como você, é claro que sim. - Falou revirando olhos.




Mangekyou Sharingan

E eu vou restaurar meu clã


Primeiro todos ficaram em silêncio depois foi ouvido o som de Sakura engasgado e Karin rindo enquanto abraçava o Uchiha e depois um murmúrio entre os Kages.

Karin — Kami-sama Sasuke, você vai despertar o Mangekyou! A luta vai ficar em pé de igualdade e suas chances de ganhar ainda maiores! - Exlamou animada, ela não tinha nada contra Itachi, mas ela prometeu seguir o moreno até o fim, e faze-lo cumprir seus objetivos e um deles era matar o Akats, então óbvio que a evolução do seu capitão era algo bom para si.

Sasuke — Sim, eu só espero que não seja da forma que eu estou pensando. - Falou lembrando de seu irão falando que para conseguir os mesmo olhos que ele. Sasuke precisaria matar seu melhor amigo.

A Uzumaki apenas deu de ombros, sabia que tinha coisas que o Uchiha não gastava de falar e ela também não perguntava.


Raikage — Esse menino parecer ser problema, é saber que ele destaca esses novos olhos não parece ser algo bom pra ninguém.

Misukage — Uma criança mentalmehte fraca e com tanto poder assim não me parece uma coisa boa. - Disse olhando de esgueia para o Uchiha mais novo.

Tsuchikage — Só podia ser um Uchiha e ninja da folha. - Resmungou o velho balançando a cabeça em.negativa enquanto sua neta recitava os olhos.



Mataram minha família

Tiraram tudo que eu tinha

Vingança é meu jeito ninja (pode crê)

Meu nome é Sasuke Uchiha


Kiba — Mas um com um jeito ninja chato. - Resmungou o moreno.

Naruto — Um meu jeito ninja é incrível ok?! - O loiro teve que se defender.

Sai — E o Emo-kun Tem seus motivos pra matar o próprio irmão, além de que se ele fazer isso, vai poupar trabalho pra nós ANBU. - O Albino deu de ombros.

Sakura — Eu não sei oque a de bom no Sasuke-kun fazer isso, depois dele concluir sua vingança oque é que vai sobrar? - Perguntou a risada.

Sai - Ele vai ter concluído seu objetivo de vida. Isso não significa que ele vai voltar pra vila? - Perguntou.

Neji — Eu não acho que o Sasuke esteja com os pensamentos de voltar para Konoha. - Falou olhando para o Uchiha.

Naruto - Mas é claro que vai! Se eu não traze-lo antes. Depois que ele se vingar eu trago, nem.que seja só os farrapos! - Exlamou.




Mangekyou Sharingan

E eu vou restaurar meu clã

Mataram minha família

Tiraram tudo que eu tinha

Vingança é meu jeito ninja (pode crê)

Meu nome é Sasuke Uchiha


Rock Lee — Está repetindo, acho que esse é o refrão. - Disse se sentando ao lado de Tenten depois de completar uma série de 700 abdominais.

Temari — Ele é bem intenso quando o assunto é a família dele né? - Notou a loira.

Kankuro — Bastante. - Concordou seu irmão.



Sai do meu caminho

Naruto, você não vai me impedir

Porquê esse é meu destino


Naruto — Isso é oque vamos ver teme! Se até o Neji entendeu que não existe esse negócio de destino, você vai ser moleza! - Falou o loiro.

Neji — Isso por um acaso foi um elogio, por que eu me senti bem ofendido por você comparar eu, um Jounnin que serve a folha com um traidor Emo. - Falou com uma mão no coração e seus amigos não aguentaram e tiveram que rir.

Kiba — Até o Neji acha o Sasuke Emo... hahahahahah! - Exclamou o acastanhado.

Tenten — Eunnao esperava essa de você. Hahaha

Neji — Sério que vocês só pegaram essa parte.

Naruto — Não estou comapanrando nada! É só um exemplo, por que você era bem firme naquele lance de cada um já nasce com seu destino trassado e agora a história e bem diferente. - Se defendeu.

Neji - Que seja, não fique me lembrando disso. - Falou mal-humorado.

Sasuke — Neji sisse certo, somos completamente diferente. Não da pra comparar, nossos motivos são diferente e nem todos são burros de escutar palavras de um perdedor que não entendi nada da vida de ninguém. - Falou o moreno.

Naruto — E oque é que eu não entendo na sua vida hein?!

Sasuke — Tudo. Você nunca teve família ou amigos, não entendi oque é ter tudo e perder tudo em uma única noite. - Falou olhando diretamente nos olhos azuis que se abriram um pouco arregalados.

Sakura — Sasuke-kun, não precisa falar desse jeito. - Falou meio excitante.

Sasuke — Só sei a resposta que ele pediu. - Falou dando de ombros ignorando o pequeno aperto que sentiu no peito.

Hidan — Ele com certeza é irmão do Itachi. Esses caras sabem ser cruéis. Hahaha. 

Kakuzu — E você sabe ser importuno. - Falou revirando os olhos.




Você nunca entenderia, você sempre foi sozinho

Não há laços comigo, você não é meu amigo


Karin — Isso foi um pouco desnecessário. - Falou olhando para o loiro e o moreno deu de ombros.

Naruto — Mas é claro que eu sou seu amigo Teme! E é por isso que eu vou encher a sua cara de porradas antes de traze-lo pro time de novo. Não fique pensando que meio dizia de palavras cuspida vai me fazer desistir! - Gritou o loiro deixando noutro sem reação.

Karin — Ele é um amigo bem fiel - adimitiu a ruiva.

Suigetsu — Como esse desgraçado consegue esse tipo de amigo. - Quiz saber o albino.

Juugo — Pode não parecer, mas o Sasuke é um bom amigo, você apenas tem que relevar seu mal-humor diário e sua frieza. - Explicou o alaranjado.

Suigetsu — Muito trabalhoso, eu passo. - Descartou fácil.



Vin-ga-dor

Vendi minha alma em busca de mais poder



Hiruzen suspirou se sentindo horrível, tinha acabado com a vida daquela criança quando deu a ordem a Itachi e parece que ele havia piorado muito desde sua morte. Se juntar a Orochimaru e se tornar um renegado, isso era completamente o ao contrario do que ele havia prometido a Itachi. Manter Sasuke na vila e sem segurança era foi o único pedido de Itachi e ele falhou miseravelmente em cumpri-lo.


Tsunade — Eu ainda não acredito que você fez isso com uma criança... ah, espera aí, é você de quem estão falando, então é claro que um ser sem humanidade alguma com tú ia fazer isso. - Tornou a loira.

Orochimaru — Rancô trás rugas, Hime. - Disse com um sorriso gozador.



Sin-tá a dor


Hidan — Encarnou o chefe foi? - Os akats tiveram que segurar bastante para não rir da fala do albino, afinal, seu líder sempre falava sobre o mundo precisar conhecer a dor.


Então olhe nos meus olhos e queime até morrer


"Então você tanbem terá as chamar negras do inferno Sasuke?" - Itachi se interesou, afinal,e seu Mangekyou era o único a ter tais chamas e se Sasuke as iria ter, só havia duas formas: Ou ele havia implantado suas habilidades nos olhos de seu irmão em algum momento naquele futuro, Ou, Sasuke pegou seus olhos após mata-lo.

Kiba — Sou só eu ou ele parece bem maluco? 

Shino — O ódio parece ter sucumbindo-o de vez.

Shikamaru — Isso fica cada vez mais problemático. - Reclamou afundando o rosto nas mãos. Previa tempos bem ruins nesse futuro.

Hinata — Ele parece ter perdido toda a sanidade, se deixando levar pelo desejo de sangue. Mas não entendo o por que, ele não queria matar somente o Itachi-san? Por que atacar o Naruto-kun? - Perguntou pensativa, não entendia as atitudes daquele Sasuke, alho muito ruim (mais doque o massacre Uchiha) deveria ter acontecido pra ele enlouquecer de vez.

Neji — Talvez ele tenha passado por novos traumas ou descoberto coisas que não deveria. - Disse como se nao fosse nada e os olhares dos outros jounnins foram direcionado ao Hyuuga.

Asuma — Como assim Neji? 

Neji — Eu ainda não sei oque é, mas tem alguma coisa na história do Sasuke. - Falou, já tinha visto a cara de arrependimento e os suspiros pesados do falecido sandaime pelo menos oito vezes e ele, como perito em manter-se inexpressivo havia vistos pequenas facetas de tristezas do Renegado Uchiha, sentia que faltava coisas naquela história.



Há um risco na, minha bandana

(Renegado)

Invés de chorar, meu olho sangra

(Meu legado)

Amaterasu, eternas chamas

(Incendiado)

Pra completar, minha vingança


Raikage — Então o pirralho irá mesmo conseguir o Amaterasu. - Estreitou os olhos. Uma criança perturbada que nem mesmo sua vila tinha controle sobre com um poder como aquele não era bom.


Karin — Ô-Oê! – Chamou meio impactada se virando para o Uchiha – Escutou essa ultima parte? "Pra completar minha vingança" i-isso quer... dizer que você... conseguiu, né? - Perguntou meio embasbacada. O moreno olhou em cada parte do rosto branco da ruiva como se nele tivesse todas as respostas do universo.

Sasuke — T-talvez... Eu não sei. – Disse meio embaraçado, um turbilhão de sentimentos vinham apenas com a possibilidade de ter realmente matado Itachi – Precisamos de uma confirmação mais concreta. - Disse por fim e a ruiva acentiu respirando fundo. Estava ansiosa por aquela resposta, caso Sasuke realmente concluída e sua vingança iriam atrás de uma forma para reerguer o clã Uchiha e depois disso ela poderia finalmente pensar no que fazer de sua vida, como viveria sua vida. Sem o peso de nada em seus ombros.

Suigetsu — Você faz tanto drama que até parece que vai casar. - Soltou revirando os olhos. Não entendia o motivo da Uzumaki ficar tão sensível quando o assunto era as ambições de seu capitão. Porra, era apenas a morte de um Akatsuki, e nem era ela quem ia mata-lo, por que toda aquele expectativa sobre o assunto?

Karin — Não fode filhote de peixe! - Falou empurrando a cabeça branca do rapaz.



Acho que a vingança

Vai cegar meus olhos

Porque o meu legado

É a Maldição do Ódio

Oh, oh!


Mangekyou Sharingan

E eu vou restaurar meu clã

Mataram minha família

Tiraram tudo que eu tinha

Vingança é meu jeito ninja (pode crê)

Meu nome é Sasuke Uchiha


Chouji — A batida ébem forte nesse refrão não é? 

Ino — Um pouco, mais isso deixar a música bem legal. - Disse sorrindo.

Shikamaru — Essa música é tudo, menos legal Ino - Negou o amigo.

Ino — A letra não, mas o ritmo e muito bom. - Defendeu seu ponto e o outro revirou os olhos se negando a discutir.



E eu ainda

Sinto essa dor

Que sofri no meu passado


Chouji — A melodia mudou completamente - Noutou.

Kiba — Pra um rap de alguém bem revoltado, ficou bastante melancólico.

Shikamaru — Não é pra menos, essa é a parte mais trite do passado dele.



Não tenho amor


" Isso é por que você não se permite, Sasuke-kun. Eu estou aqui, pronta pra lhe dar todo o meu amor, é só você se permitir senti-lo." - Pensou a rosada olhando na direção do amado.


Me tornei um renegado

Você vai pagar, covarde

Eu vou me vingar, cê sabe


Kisame — Isso é pra você, não é Itachi-san. - Perguntou um pouco apreensivo, não podia deixar de se preocupar com o moreno.

Itachi — Sim Kisame, pelo visto, eu e ele iriamos nos enfrentar em breve nesse futuro. - Disse depois de um suspiro. Sabia que o parceiro era contra completamente de seu plano por isso evitava o assunto para não deixá-lo pra baixo.

Kisame — Isso será uma coisa que iremos mudar, espero que essa luta demore um bom tempo pra acontecer. - Disse e o mais baixo suspirou.

Itachi — Kisame, já conversamos sobre isso...

Kisame — E eu já lhe disse que irei te ajudar no que precisar, mas isso não significa que sou a favor, sabe bem se sou completamente contra. - Interropeu o azulado virando pro outro lado.



É o fim

Meu irmão, Itachi


Naruto — Isso quer dizer que o Teme conseguiu? - Perguntou confuso.

Kakashi — Eunnao sei, mas provavelmente eles irão lutar de verdade nesse futuro. - Respondeu receoso.

Sakura — Espero que o Sasuke-kun esteja bem. - Pediu com uma mão no coração

Kakashi — Ele vai estar, por que nos vamos estar por ele. - Asegurou sorrindo para a aluna que sorriu pra si em concordância.



Acho que a vingança

Vai cegar meus olhos

Porque o meu legado

É a Maldição do Ódio

Oh, oh, oh


Hidan — Caralho muleque, agente já entrou isso, para de repetir essa porra, caralho!! - Explodiu o albino já no máximo de sua raiva, aquela porra era entediante para caralho.

Sasori — Até que ele aguentou bastante. - Falou o ruivo com a voz abafada pela marionete.

Konan — Sim, ele só veio falar algo no fim do rap. - Concordou a única mulher da organização.

Deidara — Isso não muda o fato de que ele é irritante, hum. - Resmungou o loiro.

Kakuzu — Você, Ele é o Tobi são farinha do mesmo saco Deidara. - Disse revirando os olhos verdes.

Tobi — Mas o Tobi nem abriu a boca dessa vez! Kakuzu-senpai. isso foi maldade! - Se defendeu indignado.

Konan — Isso é verdade, você ficou bem quieto Tobi, algum motivo em especial? - Perguntou a risada, afinal, não era de feitio do mascarado ficar calado.

Hidan — Acho que a surra que a loira deu nele deixou ele um pouco traumatizado hahaha. 

Tobi — O Tobi só não sabia oque dizer, o irmão do Itachi-Senpai é bem revoltadinho e o Tobi não entendi nadinha de ódio. - Disse balançando a cabeça freneticamente de um lado para o outro e os outros concordaram. Tobi era a pessoa mais de bem com vida que conheciam afinal.



Mangekyou Sharingan

E eu vou restaurar meu clã

Mataram minha família

Tiraram tudo que eu tinha

Vingança é meu jeito ninja (pode crê)

Meu nome é Sasuke Uchiha


Hidan — Graças a Jashin esse tormento acabou! - Gritou exasperado.

Kiba — Acho que esse refrão foi oque mais repetiu de todos.

Chouji - Acho que era pra deixar claro que ele não vai voltar atrás na sua decisão.

Naruto - Isso quer dizer que eu tenho mais motivo pra ir até ele agira mesmo. - Falou já se levantando pra ir até o moreno mais seu Sensei o impediu.

Kakashi - Espera até ter uma pausa Naruto, não acho que o Sasuke irar aceitar falar com você facilmente e é capaz dos companheiros dele querer te atacar e ele não está com cara de quem impediria.

Naruto — Então eu derrotou todos eles! - Respondeu logo recebendo um soco de Sakura.

Sakura — Não seja idiota Naruto, Você nem conhece as habilidades deles! - Repreendeu a rosada.

Kiba — É e aquela ruiva ali sozinha te colocaria pra correr, você viu o chutasso que ela deu na cara do Sasuke? Sem contar aquele cara que parece uma parede. 

Neji — Kiba está certo  eles são fortes e além do mais  a próxima música já tá começar. - Falou ao notar que o telão que antes tinha apenas uma foto do Sasuke naquela mesmo idade com uma sombra envolta de si com as letras da música aparecendo na frente sumindo e uma melodia nova iniciando.
























Continua...


Notas Finais


Bom, e aí! Oque vocês acharam? Gostaram? Adiaram? Ficou meia boca? Alguma parte que vocês gostaram mais que outras? Me digam nos comentários, adoro interagir com vocês!


Link do rap:
https://youtu.be/WYJ2hKTXKWA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...