1. Spirit Fanfics >
  2. Naruto: redescobrindo-se. >
  3. Vilarejo

História Naruto: redescobrindo-se. - Capítulo 12


Escrita por:


Notas do Autor


depois de um ano, meu pai KKKKK voltei e espero terminar essa fic. Esse capítulo é menor porque tô retomando a ideia do enredo, vamos com calma. Aposto que os poucos leitores que eu tinha nem lembram mais dessa história

Capítulo 12 - Vilarejo


Fanfic / Fanfiction Naruto: redescobrindo-se. - Capítulo 12 - Vilarejo

Passaram-se quatro dia desde a saída da caverna e os três continuavam a viajar. Estavam próximos de Konoha quando foram surpreendidos por um ninja chamado Neji. 

- Recebi ordens para levá-los à vila. - era um jovem de cabelos longos e possuía olhos brancos e assustadores. Sua expressão era séria e não aparentava ser muito amigável. 

- Obrigado, Neji-san. - respondeu Itachi. - Como estão as coisas?  

- Nenhum avanço. Espera-se que você tenha conseguido alguma informação.  

- Obtive uma pista satisfatória, mas explicarei melhor quando convocarmos uma reunião com os outros.  

Quase uma hora depois, os homens chegaram em Konoha. Era uma vila pequena e bem escondida, possuindo um sistema de proteção bem avançado feito por ninjutsus poderosos da família Yamanaka. Todos eram alertados quando algum perigo se aproximava, mas era algo raro de acontecer. Embora fosse pequeno, o vilarejo tinha vários métodos de fiscalização e jeitos de evitar perigos, colocando ninjas habilidosos em todas as margens do local. 

Naruto e Sasuke pararam no Ichiraku, um restaurante de ramen, ao passo que Neji e Itachi seguiram ao encontro de Fugaku.  

- Dois ramens grandes, por favor. - pediu Sasuke.  

O loiro apreciava cada detalhe daquela vila. Era um lugar novo e havia circulação de pessoas em pequena quantidade, mas, para ele, a sensação era de como se a vida tivesse voltado ao normal. “Acho que é ilusão minha. Essas pessoas devem se sentir presas.” pensou. Sasuke interrompeu os pensamentos de Naruto:  

- Você ficará em minha casa. Temos um quarto de hóspedes e ele será seu.  

- E seu pai?  

- Pedi ao Itachi para cuidar disso. Ele já deve ter anunciado sua chegada e explicado a situação.  Fique tranquilo, Fugaku não vai desconfiar de nada. 

Os ramens chegaram e os dois saborearam a comida como se estivessem tendo um orgasmo no paladar. Não comiam direito há alguns dias e aquele prato era a salvação. Enquanto saboreava, Naruto admirou Sasuke comendo e chegou à conclusão de que era uma pessoa muito sortuda. Tinha um homem perfeito em suas mãos e possuía um forte sentimento por ele. Estava feliz a ponto de esquecer toda aquela angústia causada pela morte de seus pais e pela solidão de anos. Sasuke curava as dores de Naruto. “Então é assim? O amor?” perguntava-se.


Notas Finais


volto em breve


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...