1. Spirit Fanfics >
  2. Naruto Shippuden - Capítulo 15: Desespero >
  3. Sakura VI

História Naruto Shippuden - Capítulo 15: Desespero - Capítulo 18


Escrita por: Max22mdXD012

Capítulo 18 - Sakura VI


Fanfic / Fanfiction Naruto Shippuden - Capítulo 15: Desespero - Capítulo 18 - Sakura VI

-Sasuke, onde eles estão? -Questionou Sakura, correndo em meio as vinhas da floresta.

-Só me siga e a gente vai chegar lá a tempo. –

-NÃO TÃO RÁPIDO...- As arvores se contorcem em feições demoníacas ao redor deles. Elas abrem bocas e cospem pedaços de madeiras afiadas.

-Katon! -Kakashi e Sasuke anunciam, queimando por completo a floresta abrindo o caminho para chegarem no esconderijo, que se formava um pouco mais a frente.

Mas quando iam dar o próximo passo, dois enormes gólens de madeira surgem socando e chutando eles. A velocidade era fácil de desviar, mas a potência do soco era pior. Um soco deles e já era. “TÁ ME ZOANDO NÉ!!!”

Sakura, com as mãos, segura o soco de um deles.

-AGORA!! –Ela grita.

Kakashi-sensei, brandindo o seu sabre, junto de Sasuke deslizam a lâmina na criatura de madeira.

-AH... QUE CENA MARAVILHOSA...-Diz a outra metade do Akatsuki, surgindo de dentro do outro golen, com o rosto completamente preto, como o olho de um buraco negro. – O GAROTO UCHIHA QUERENDO SE REDMIR, A NAMORADINHA COM O CORAÇÃO PARTIDO E O PROFESSOR DEPRESSIVO TENTANDO ACHAR SIGNIFICADO A SUA VIDA PATÉTICA...-

-Huhuhuhu... Também achei divertido... -A metade branca de Zetsu surge do gólen cortado, saindo do pé dele. -Todos querendo algo e pensam que vão conseguir derrotando a gente... Que cômico... –

-Que tal vocês calarem a boca e talvez a gente não queime vocês por inteiro... -Sasuke fala apontando a espada para ele.

-Hu... Um feto como você, querendo bancar o fortão, mas a verdade é que sequer seus poderes estão perto do potencial máximo... -

-O que querem dizer com isso? -Questionou Kakashi-sensei. -Ele parecia conseguir usá-los muito bem lá atrás. –

-GAROTO UCHIHA... MOSTRE O PEITO POR UM MOMENTO... – Hesitante, Sasuke olhou para Sakura, que o encarava de volta. A respiração estava mais pesada por alguma razão. Não sabia dizer ao certo, mas o que estaria ali... talvez poderia ser algo que não quisesse ver.

Quando ele mostrou, enormes hematomas surgiam. Não eram locais atingidos ou feridos. Eram locais onde jamais fora acertado, correndo pelo corpo inteiro, corroendo seu interior e o matando de dentro pra fora.

-O corpo dele é frágil e o poder destruidor como um meteoro. –

-TELETRANSPORTAR E TROCAR DE LUGAR EM UM PISCAR DE OLHOS... NEM MESMO O RAIKAGE CONSEGUIRIA CHEGAR NA VELOCIDADE QUE TEM SEM TREINAR O PRÓPRIO CORPO...Ah e isso me faz lembrar... Tsukuyomi... Amaterasu... Sugiro você ir ao hospital depois... talvez encontre um ou dois tumores no cérebro... –

-O que?... – Kakashi-sensei se espanta, olhando para o rosto sério e frio de Sasuke.

- O AMATERASU PRECISA DE UM ALTO FLUXO DE SANGUE NA GARGANTA E O KAGETSUCHI PARA CONTROLA-LO EXIGE UM FLUXO MAIOR NO CÉRERBRO... E onde há muito sangue... há grande exigência de mitose das células se rejuvenescendo... assim... –

-Causando um tumor...-Completou Sakura. -Sasuke. A quanto tempo você tá usando o sharingan eterno? – A resposta foi um simples...

-Hu... Vocês realmente são irritantes... – Ele sorri, fechando a roupa. -Há coisas mais importantes em jogo aqui! Ouviram! Não podemos deixar o Naruto nas mãos Do Tico e do Teco aí! –

-Mas... se continuar...-Sakura ia falar, porém Kakashi-sensei a interrompeu.

-Não podemos parar agora, Sakura... Temos um propósito a cumprir... –

Hesitante, olhando para ambos os Zetsus, ela se move rapidamente para trás de Sasuke. Kakashi-sensei faz o mesmo, formando um triangulo, cobrindo assim todos os lados.

-Acabando com isso tudo, faço questão de te socar até tirar cada um desses tumores, ouviu? –

-Hu... Vamos fazer com que isso acabe logo então. -

Eles vão para o ataque.

Precisavam criar uma abertura, mas era difícil. O fim da floresta estava ali perto, conseguia vê-la. Mas barreiras eram feitas à sua frente em instantes. Arvores e raízes avançavam contra eles e aos poucos eles eram mais e mais presos naquele núcleo verde.

“Isso não vai adiantar...”

-SASUKE! -Gritou para ele. Rapidamente ela o pega pelo braço, rodopiando o e jogando-o em seguida na direção da saída.

Ele ativa o chidori na espada, cortando a madeira e destroçando-a por inteiro no caminho. Quando as arvores iam, porém fechar sobre ele...

-KATON! – Ele cospe uma enorme bola de fogo, rugindo e engolindo a madeira por completo, conseguindo chegar no fim da floresta. -SAKURA, KAKASHI! VOU TIRAR VOCÊS-

-NÃO! -Kakashi-sensei fala, cortando as raízes que avançavam. -VÁ! IMEPEÇA ELES!!! –

-MAS! – Ele tenta falar, enquanto três gólens de madeira surgiam.

-ANDA LOGO ANTES QUE EU DEIXE ESSE OLHO VERMELHO, ROXO DE PORRADA!! SHANAROOO!!! – Sakura destroça os três com ataques potentes e consecutivos. E quando olhou novamente, ele não estava mais lá. “Hu... não me decepcione de novo, Sasuke...”

O tempo passava, enquanto seu chackra era aos poucos drenado, consumido quase que por inteiro, enquanto mais e mais criaturas de madeiras, clones, gigantes e raízes avançavam sem parar contra eles.

-Esses caras não param! -Falou Sakura.

-Espero que os outros tenham alcançado o Sasuke a essa altura. –

-EU NÃO CONTARIA COM ISSO!!! -Ela grita socando a cabeça de um tigre de madeira. Mas ao socá-lo, ela sente seu corpo se desequilibrar. “Droga... tô ficando sem chackra....” E quando percebeu, o enorme punho do gólen caindo sobre seu corpo, ela sabia que não conseguiria desviar a tempo dessa vez.

-SAKURA!!! – Gritou Kakashi-sensei.

A brisa corta seus cabelos.

-FURACÃO DA FOLHA! – Gritaram as vozes, estraçalhando o gólen com poderosos golpes duplos, enquanto os cabelos pretos intensos e em forma de tigela voavam em meio a madeira estraçalhada.

 Sakura cai no chão, percebendo Neji ao seu lado.

-NÃO SE MEXE!! – Ele diz. As raízes saem do chão em grande quantidade na direção deles. O Hyuuga rodopia, formando o “Kaiten” ao redor deles e protegendo do ataque.

-Sakura! Tá bem?! -Questionou Kakashi-sensei, se juntando a eles enquanto colocava os braços ao redor do pescoço do professor, a levantando do chão.

-S-Sim... Só fiquei zonza... –

-URYAAA!!! -Choji grita, destroçando as arvores por completo ao redor, rolando sobre, abrindo o caminho.

-Kakashi-san, Sakura, aqui, vou te ajudar. -Ino fala, preparando o ninjutsu médico. Shikamaru aparece em seguida, coçando as costas da cabeça com Pakkun no seu ombro, enquanto Tenten o acompanhava.

-Foi mal... a gente acabou se atrasando um pouco. -Tenten falou.

-Parece que o olfato de um certo cachorro não é tão bom quanto antes, que saco... –Shikamaru completa.

-EI! Eu já expliquei. A floresta estava atrapalhando de alguma forma o cheiro. – Falou Pakkun, olhando para Kakashi-sensei e Sakura sendo curados. -Parece que o cara de planta da Akatsuki tá lançando pólen ao redor de toda essa área, atrapalhando o rastreamento. –

-E o Sasuke? Cadê o zoião? -Questionou Tenten, enquanto Choji, Lee e Guy-sensei terminavam com os últimos gólens.

-Foi na frente. Ele foi interromper o ritual de selamento. -Falou Sakura. -A gente precisa alcançá-lo. – Neji fica ao lado deles, ativando o Byakugan.

-Pra que direção ele tá mesmo, Sakura? – Ele pergunta, o qual ela responde apontando. -Ah não... É melhor correrem. -

-Por quê? –

-Só vão. Não temos muito tempo. -Neji olha para Zetsu. -Ficaremos aqui cuidando desse cara. Aguentem mais um pouco com os outros dois e vamos correndo quando terminarmos aqui. – Ambos acenam com a cabeça.

-GUY! -Kakashi-sensei gritou para ele. -Termina aí e nos encontrem, ok! –

-DEIXA COMIGO KAKASHI! MOSTRAREI O PODER DA JUVENTUDE NESSES GALHOS!!! HOYAAA!!! –

Se apoiando no sensei, Sakura corria para fora da floresta. Parecia que quanto mais andava, menos eles se aproximavam do fim dela. Estava exausta, suada, parecia que a qualquer momento seu corpo ia ter um colapso total. Mas ter a visão, a possibilidade de salvar o Naruto e ter o Sasuke reencontrando-o depois de todos esses anos...

Ela empurra só mais um pouco... só mais um pouco.

Ao se aproximar... e o descampado de ossos e pedra surgir perante seus olhos...

Seu corpo não aguentou mais ao ver o que havia acontecido.

Ao cair no chão de joelhos e deixar seu cérebro processar, foi que conseguiu dar forma ao que estava ali.

Um corpo ao chão ainda tremendo, cuspindo sangue se arrastando pela terra. Cabelos pretos e o símbolo Uchiha, olhavam para outras duas figuras de pé, no alto de uma grande estátua com boca arreganhada e nove olhos abertos. Ambas as figuras, deixavam quatro olhos expostos, três Rinnengans e um Sharingan. Na cintura da criatura, sendo enforcada por uma corda, oito corpos pendurados, com o pescoço sendo dilacerado. Sete estavam se decompondo e outros dois... eram recentes.

E um deles, um dos corpos possuía cabelos loiros. A jaqueta laranja estava totalmente destruída, rasgada e com o zíper arrebentado, expondo mais a ferida de kunai na barriga com o sangue seco escorrendo pelas roupas. E sequer uma expressão, um sorriso vinha dele. Apenas o rosto sem vida, vazio de Naruto sendo humilhado perante ela.

-Ah... Chegaram bem a tempo... -O homem de cabelos curtos e apenas um Rinnengan falou. -...de conhecerem o desespero. – E então, a estátua ruge para o por do Sol que se aproximava.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...