História Nas mão de um masoquista - Capítulo 37


Escrita por:

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza
Personagens Personagens Originais
Tags A Submissa
Visualizações 63
Palavras 555
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eai comentem o que vocês querem nos próximos capítulos.

Capítulo 37 - Capítulo 37


Dois  dias havia se passado Frankie havua melhorado da pequena virose , a empresa estava cada vez mais evoluindo quem quer que seja não conseguiu fazer nada contra o CEO , nosso relacionamento estava cada vez melhor , hoje eu fiz um exame de sangue pra vez se realmente era o que estou pensando .

Eu estava saindo do shopping com umas pequenas sacola de compras , quando me deparei com jenny encostada no meu carro .

- Boa tarde Jenny ! ,  pode desincostar do meu carro ? - Ela segurou meu braço .

- Não finja que nada esta acontecendo !

- me solte ! - Coloquei as sacolas do chão e Cruzei os braços . 

- Frankie falou sobre seus enjôo acha que eu não sei ? , esta querendo engravidar pra roubar tudo que temos .

- Por favor eu não preciso da merda do seu dinheiro.

- Não finja Ana ! 

- Pense o que quiser de mim . 

- eu vou provar ao meu irmão que você não passa de uma vagabunda , e Hoje vai ter uma reunião com a familia ver se não finji ser o que não é ! - Rir bem alto . 

- Bom já que terminou de falar agora eu já vou . - Abrir a porta do carro e coloquei as sacolas no baço , olhei para a mesma.  - acha que eu não sei que foi você que roubou dinheiro da empresa ? , você chamou a Olivia para a festa para me provocar ? Não sou idiota jenny . - sorriu . 

- Espere só - liguei o carro e sair . 



Quando cheguei em casa Frankie já estava , coloquei as sacolas em cima da cama e sentei. 

- Esta calada !

- Normal ! 

- Isso vindo de você não é normal - ele se aproximou e se agaxou dando um beijo suave em minha coxa .  - O que posso fazer por você ? - Apertou meu pé direito e beijou , depois o esquerdo .

- Ai ah ! - gemi 

- me diz o que minha morena quer ! - amerrei meus cabelos em um coque frouxo e mordi os lábio .

- Tudo de bom que vem de você . - Sorrir maliciosa , suas mão passearam pelo meu corpo quente , tirei minha blusa e sutiã .

- Sabia - me deitou na cama e subiu  em cima de mim abocanhamdo meu seio . apertei seu cabelo levimente .

Suas carícias me fazia esquecer do mundo , Cheguei meu ápice somente pela sua boca quente em mim , depois ele me penetrou calmamente e depois de um tempo Gozamos juntos e tomos banho para apagar todo aquele fogo que almetava cada vez mais . esperei a ligação do laboratório para saber do resultado deitei em seu peito nú .

- Bom vamos nos arrumar ?  , todos estão a nossa esperá . 

- E o resultado ?

- Recebemos lá . - Trocamos de roupa , vestir um vestido rosa claro uma bota , coloquei minha volta que tinha um pequeno coração , coloquei meus brincos e borrifei o perfume doce em mim , Frankie usava um terno preto sua roupa social combinava perfeitamente com ele , ajeitei sua gravata e saímos .

Quando chegamos fomos recebidos com o maior carinho , jenny é tão falsa que me deu um abraço demonstrei desconforto entramos e esperamos servirem a mesa .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...