História Natsu Vermilion Dragneel:O conquistador dos céus - Capítulo 111


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail, High School DxD, Hora de Aventura, Hunter x Hunter, Naruto, One Piece, Rosario + Vampire, Soul Eater
Personagens Acnologia, Akasha Bloodriver, Akeno Himejima, Aquarius, Aries, Asia Argento, Bickslow, Bisca Connell, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Charlie, Chelia Blendy, Doranbolt, Droy, Elfman Strauss, Erik (Cobra), Erza Scarlet, Evergreen, Flare Corona, Freed Justine, Frosch, Gajeel Redfox, Gemini, Gildartz, Grandeeney, Grandine, Gray Fullbuster, Happy, Hinata Hyuuga, Horologium, Igneel, Issei Hyoudou, Ivan Dreyar, Jackal, Jellal Fernandes, Jenny Realight, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Kagura Mikazuchi, Koneko Toujou, Kyouka, Laxus Dreyar, Layla Heartfilia, Lector, Levy McGarden, Libra, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Lyra, Macao Conbolt, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Meredy, Mest, Metalicana, Midnight, Millianna, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Mystogan, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Ophiuchus, Pantherlily, Personagens Originais, Rias Gremory, Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Rufus Lore, Sayla, Scorpio, Sherry Blendy, Silver Fullbuster, Skiadrum, Sting Eucliffe, Tauros, Taurus, Ultear Milkovich, Ur, Virgo, Wendy Marvell, Yukino Aguria, Yuuto Kiba, Zeref
Tags Drama, Harem, Naer, Naju, Nale, Nami, Natsu, Natsuxcana, Natsuxerza, Natsuxjuvia, Natsuxlevy, Natsuxlucy, Natsuxmira, Romance, Semi-deus
Visualizações 349
Palavras 4.570
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Orange, Policial, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Seinen, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


E ai pessoal!

Demorou,mas estou aqui.Não tenho muito à dizer,então...


Boa leitura!

Capítulo 111 - Não foi coincidência...Vontades!


Fanfic / Fanfiction Natsu Vermilion Dragneel:O conquistador dos céus - Capítulo 111 - Não foi coincidência...Vontades!


“O que o Papai esta fazendo?”

O pequeno gato de cor azul estava deitado no chão de bruços.Suas pequenas patinhas estiradas preguiçosamente para os lados.


Encarava seu “Pai” com atenção.


Uma pesada chuva caia contra o solo,fazendo quase tudo se tornar borrado e a terra virar lama.Natsu estava em silêncio e de pernas cruzadas.Ambas suas mãos estavam conectadas,formando um sinal estranho.Sua face se encontrava tão calma que parecia nem mesmo respirar,como uma estátua de mármore.


Seus cabelos negros intensos balançavam calmamente com a leve brisa que rodeava o ambiente ao seu redor.Nenhum tipo de energia era sentida de seu corpo.Cada pequeno traço de seu ser foi apagado.Era como se fosse uma única entidade junto à natureza.Sua presença era tão natural,que até mesmo um pássaro pequeno e avermelhado pousou no topo de sua cabeça.A ave agia como se não estivesse nada de errado e se encontrasse em pé em uma árvore.


Até mesmo o felino sabia que isso não era natural.Vendo a confusão nos olhos do animal,o Akuma cruzou os braços e se sentou ao lado dele.


_Ele está...contemplando-Respondeu da melhor maneira possível-Acho que depois de tudo o que viu,você começou a entender as “Vontades do Mundo”,não é, Natsu?


Um sentimento complicado se escondia atrás dos olhos do macaco albino.O estranho era que ele olhava para o Semi-Deus como se visse um tipo de monstruosidade.A mesma coisa estava presente quando encarava o pequeno gato.Se outra pessoa visse isso,ficaria extremamente chocada.Que tipo de nível é preciso para fazer um verdadeiro Akuma temer?


“Vontades...do mundo?”


Os olhos do pequenino se cravaram no gorila.Suando frio,Deliora logo começou a explicar:


_Existem centenas e mais centenas de “Vontades” enraizadas no Universo desde o começo dos tempos.Por exemplo...digamos que existe um mago que nasça com o poder de controlar o fogo.Nesse caso o Universo o coloca na frente do caminho da “Vontade Do Fogo”-Anunciou-Ainda assim existe um portão entre a pessoa e o caminho.Mesmo que treine e se torne extremamente forte,se não conseguir se comunicar com a “Vontade Do Fogo”,ele não será um Mago Do Fogo de Verdade.


“O papai usa magia de fogo.”


_Correto.Porém ele nunca conseguiu chegar ao nível de começar a compreender a “Vontade Do Fogo”.Isso é algo que não se pode ser forçado ou ajudado.É algo tão puro que só é conseguido através da reflexão-Disse serio-Exatamente por isso que Ishgar é considerado o Continente mais fraco do Mundo.Ele é o único lugar a onde não existe nenhum  mago capaz de usar alguma “Vontade”.


Bufando de leve,o felino rolou os olhos.


“Isso faz tanta diferença assim?No final não é só fogo?”


_O melhor jeito de te mostrar,é fazendo-Anunciou mostrando sua mão direita para o filhote-Essa é uma magia normal de gelo...


Uma grossa fumaça branca começou a vazar da palma da mão peluda do Akuma.Continha um frio extremamente fria.Esticou o braço e tudo isso se juntou,formando uma esfera.Se sentindo levemente desconfortável,o gato não ficou tão impressionado.Com um simples movimento,a jogou contra algumas árvores.Uma explosão media aconteceu quando cerca de 15 dos troncos congelaram completamente e brilhavam.


_Agora...esse é o mesmo golpe,com um pouco da “Vontade Glacial” implementada.


Ergueu o dedo indicador.Um pequeno floco de neve se formou lá,flutuando alguns centímetros da ponta.


Happy imediatamente recuou vários metros,sentindo todos os pelos de seu corpo se arrepiarem.Os olhos do gatinho se arregalaram quando viram o Akuma assoprar de leve o floco que voou calmamente contra a floresta.Diferente de antes,nenhum som ou abalo foi ouvido.Quando o felino piscou os olhos,toda a extensão verde da floresta tinha se tornado completamente branca.Nenhuma das árvores estava intacta.Em menos de um segundo,foram completamente cobertas por um gelo tão frio que estalava.


Sorrindo com isso,Deliora estalou os dedos e elas começaram a descongelar tão rápido quanto congelaram.


_Viu a diferença?


“Sim...”


Inflou as pequenas bochechas e voltou a se deitar no chão lamacento.


“É isso que o papai está fazendo?”


_Já tinha algum tempo que eu não o via e percebi que estava mais forte do que antes...mas nunca pensei que seria forçado a usar um pouco da minha “Vontade Glacial” para vencer o treinamento-Confessou-Depois de me ver a usando,ele disse que entendeu alguma coisa e simplesmente sentou ali.Eu não acredito que ele teve uma iluminação vendo a minha "Vontade" sendo usada.Não tenho a mínima ideia no que isso vai dar,mas ele esta começando a refletir sobre uma maneira de abrir o portão e chegar no caminho da “Vontade”.


“Papai é mesmo forte.”


_Você parece chateado com algo.


As orelhas e a calda do filhote se abaixaram de leve.


“Eu pensei que estava perto do poder do papai...mas ele estava pegando leve comigo,quando treinamos.Eu percebi isso quando vi vocês dois lutarem.”


Rindo de leve,acariciou a cabeça de Happy.Era uma cena meio estranha de se ver.Um gorila acariciando um gato com asas...


_Esta tudo bem.Se eu estiver um pouco certo sobre o que você é,em pouco tempo será o próprio Natsu que estará frustrado em ser mais fraco que você.O importante é continuar treinando!


Concordando,correu até o Dragneel e se deitou no colo dele.Suas asas brancas se fecharam ao redor de seu pequeno corpo.O rosto azul foi completamente escondido.O Akuma continuou sentado,encarando a dupla meio distante.Uma expressão estranha preenchia sua face.Em menos de cinco minutos,a presença de Happy começou a ficar mais fraca.Dez minutos depois,tinha sumido completamente também.

Prendeu o suspiro de admiração.Simplesmente não sabia como reagir ao que estava acontecendo diante dele.


Para começar a entender qualquer tipo de “Vontade”,era preciso uma grande experiência de vida ou morte,treinamento,reflexão e um grande talento também.A soma de todo o ser que você é,transformada em poder.


Lugares grandes como os Clãs de “Zherry” tinham vários usuários de “Vontades”,porque só aceitavam candidatos talentosos e simplificavam infinitamente algum conhecimento para fazer mais pessoas aprenderem a usar as "Vontades".


Digamos que você tenha conseguido chegar em certo patamar elevado dentro de um Clã e seu elemento seja o Fogo.Eles te darão um livro de introdução a alguns pequenos aspectos da “Vontade Do Fogo”.Isso te ajudará a começar e sua evolução dependerá somente de seu entendimento.É como se seu mestre fizesse um buraco no “Portão” para você passar.


Todavia essa introdução são apenas pequeno truques que não cobrem nem mesmo a ponta do Iceberg da real “Vontade Do Fogo”.A partir do momento em que você teve o começo do caminho indicado e facilitado para você,mesmo que aprenda um pouco sobre a Vontade,nunca conseguirá a domar de verdade.


Os “Verdadeiros Mestres Da Vontade” que controlavam de verdade sua “Vontade”,podiam ser contados nos dedos de uma pessoa.Eles tentaram tanto que em um dia o Universo reconheceu seus esforços.Eles descobriram o caminho sozinhos.Tinham acesso a todas as pequenas partes,isso que os tornava diferentes dos  que aprendiam a usar a “Vontade Falsa” que era ensinava nos Clãs dos Continentes maiores.


E nesse momento,Natsu estava fazendo exatamente isso!Após lutar com Deliora,ele entendeu algo sobre si mesmo e começou a refletir sobre como dar o primeiro passo no caminho de sua “Vontade”.Todavia isso era algo que assustava demais o Akuma.O motivo era simples:O atual Natsu era algo que ele nem mesmo sabia descrever.


Não conseguia nem mesmo imaginar o quão profunda e misteriosa poderia ser a “Vontade” de um Semi-Deus que era uma Anomalia Divina e ainda por cima tinha a experiência de mais de 2 Quadrilhões de vidas.Ele conhecia Natsu e sabia o quão assustadora era a mente do garoto.Se ela foi capaz de aguentar tantas memórias e sensações...estava em um nível de compreensão totalmente novo.


Esse era o plano de Zeref?


A mente mais firme e compreensível da criação?


Depois de saber tudo pelo o que ele passou com a Marca da “pessoa que não pode ser nomeada”,sabia que o moreno teria que ganhar algo do mesmo valor.


E ainda por cima,sem contar o animal no colo do Semi-Deus que em questão de 15 minutos já o acompanhava em sua epifania.Somente em pensar no que essa dupla faria no futuro,o Akuma estremeceu de medo.Mesmo assim estava feliz em estar presente em um momento tão importante na vida de Natsu.Mais do que isso.Feliz em estar presente em um momento tão importante para a história de todos os Mundos!


-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


_Você deve estar de brincadeira comigo!


Com uma feição frustrada,usou a ponta de sua lança para acertar com força o centro da testa da besta que lhe atacava.O golpe não foi muito efetivo,porém foi o suficiente para afasta-la um pouco.Arfou.Estava extremamente cansada.Fisicamente e mentalmente.Afinal,desde que chegou à esse Mundo,esse era o Terceiro animal extremamente forte que lhe atacava sem motivo algum.


Simplesmente não entendia o que estava havendo.Das duas primeiras vezes,acreditou que foi uma coincidência.Mas dessa vez começou a achar que tinha algo errado.O que lhe fez perceber isso foi o “Lobo Dos Picos Noturnos” que atualmente tentava arrancar sua cabeça fora com as garras.Aquela era uma criatura que apesar de ser muito forte,odiava conflitos.Eles somente atacavam humanos quando estavam sob uma enorme pressão e encurralados.


Entretanto esse voou em sua direção do nada!


Com certeza não tinha o provocado de maneira nenhuma.


Primeiro o Urso,depois o inseto borrachudo e agora o Lobo...


Um forte brilho surgiu diante de seu rosto.Forte o suficiente para cega-la por alguns instantes.Sem saber pelo o que viria,usou ambos os braços para tentar se proteger o máximo possível.Se estivesse em sua condição normal,poderia até mesmo desviar.Todavia seu pé estava com um enorme buraco,por causa da decisão que tomou ao matar o Inseto de antes.Além disso a grande mordida da primeira fera que encontrou ainda estava totalmente aberta.Sendo assim,também perdeu uma grande quantidade de sangue pelo caminho que percorreu.


Os ferimentos em seu corpo estavam beirando tanto o limite,que nem mesmo sentia alguma dor.Mesmo depois de todos esses confrontos e o tempo que passou nesse dimensão,ainda não gastou praticamente nenhuma gota de sua magia.


Exatamente por isso aguentou tanto até agora.


Vendo o animal avançar em sua direção novamente,chegou à conclusão que não adiantaria mais guardar esforço.Afinal,se morresse agora,a magia conservada não serviria para nada.Sua magia dourada começou a se espalhar pelo corpo.Os cabelos loiros e cacheados se ergueram também.Foi nesse momento que algo chamou sua atenção.


A apenas alguns metros de sua localização,uma enorme explosão ocorreu e um grito de dor extremamente alto se espalhou.Pela voz,se tratava de uma mulher.Sem tempo para pensar sobre isso,se preparou para iniciar a cura.Se demorasse muito,os dentes do Lobo a alcançariam antes de seus machucados sararem.


Para sua surpresa,viu outra coisa estranha acontecer.O corpo do animal começou a brilhar em luz e se desfez enquanto ainda estava no ar.Franziu o cenho,assistindo isso.Foi quando a fixa caiu.Não era um “Lobo Dos Picos Noturnos” real,mas sim um criado à partir de algum tipo de magia.Então foi por isso que mesmo sem o provocar,acabou virando seu alvo.


Espera...


Isso quer dizer que o Besouro e o Urso também...?


Uma intensa raiva lhe preencheu quando entendeu que estava sendo feita de idiota por alguém.Não teve azar e deu de cara com as criaturas por acidente...alguém estava lhe atacando de forma covarde e humilhante.Lembrando do que aconteceu a alguns momentos,virou a cabeça na direção do barulho de antes.Foi ai que viu uma sombra se aproximando.Atrás da pessoa,existia uma pequena esfera de energia branca.Ela usava um capuz negro que cobria totalmente sua aparência.


Mnemosine:Foi você que mandou aqueles animais filhos da puta para cima de mim?


Com um ar frio,fez o questionamento.Preferia evitar um conflito,se aquele não fosse o responsável por lhe atacar primeiro.


“Mamãe...temos outra pessoa aqui.De acordo com os arquivos,não é uma candidata.O que devemos fazer?”


A voz era a de uma criança.E surpreendentemente parecia partir da luz.Ouvindo essa fala,a pessoa puxou a capa e revelou seu rosto.Era uma mulher de longos cabelos laranja-acastanhados e olhos da mesma cor.Tinha uma face bonita e em sua cintura,um florete descansava.

_Yui,Death Gun disse algo sobre como agir se houvessem outros intrusos?-Sem emoção alguma,encarou a pequena na sua frente.


A esfera branca foi ficando mais fosca até criar a forma de um pequeno corpo,do tamanho de uma borboleta.Parecia uma criança de cabelos negros.


Mnemosine:“Outros intrusos”?-Se questionou-“Droga.O que esta acontecendo?”


A pequenina pousou no ombro da maior.


Yui:Não,mamãe!A única ordem dele foi matar todos os candidatos e ter certeza de não deixar nenhuma ajuda chegar ao Deus Menor até o Papai cuidar dele-Respondeu-A senhora deve decidir sozinha o que fazer.


Ficou muita atenta depois de interpretar o que acabou de ouvir.Pessoas chegaram nesse mundo para matar o Deus Menor responsável pela prova e dos candidatos também?Isso explicava o grito que escutou antes e o porquê da luz dizer que era “outra pessoa”.Provavelmente o responsável pelos animais que lhe atacaram era um candidato e a mulher com o florete já tinha o eliminado.Por isso o Lobo sumiu.


Ficando em alerta,observou o que a garota pretendia fazer.


_Eu não quero matar mais se não for necessário.Ainda mais uma garotinha fraca e machucada-Anunciou dando as costas-Escuta,criança.Não sei o motivo de estar aqui,mas eu nunca te vi e você nunca me viu também.Entendeu?


Deu as costas para Mnemosine.Essa por sua vez abriu um sorriso irônico em seu rosto.Depois de ter sido derrotada por Natsu,ela abdicou de seu cargo como Deusa e foi expulsa dos céus com esse corpo humano de criança.O mesmo tinha acontecido com Sazaki também,porém depois de conseguir algum sangue vampírico puro e retirar seu rosário,a Ex-Deusa Vampira já tinha sua forma adulta de volta.


Mnemosine não teve essa sorte e não conseguiu arranjar algo que pudesse lhe devolver sua forma original.Exatamente por isso a inimiga estava lhe subestimando e poupando.Afinal,nesse momento era  parecida com uma criança de 8 anos loira e totalmente machucada.Mas isso não era motivo para lhe rebaixar.Nem pensar que deixaria alguém lhe subestimar dessa forma.Ainda mais alguém que estava ali pretendendo matar Deuses e candidatos.


Vários Deuses eram ruins e gostavam da forma tenebrosa de governo de Lucius.Mas nem todos eles eram assim.Existiam muitos Deuses bondosos também,que não mereciam a morte.Eles somente seguiam de forma cega os comandos que eram lhes dados,achando que era  o certo,como foi seu próprio caso até descobrir a verdade.Tinha certeza de que se as mentires e manipulações de Lucius fossem à tona,uma rebelião aconteceria nos céus.


Por esses Deuses,precisava lutar.


Enquanto se distanciava da criança machucada,a membra dos Assassinos sentiu um forte calor em suas costas e um clarão muito forte lhe cegar.Sentindo algo perigoso acontecer,deu um longo pulo e se virou na direção da luz,já com seu florete em mãos.


_O que foi isso...?


_Eu não sei quem vocês pensam que são para me subestimar e tentar matar candidatos e Deuses...-A intensidade do local se multiplicou por várias vezes-Mas eu não posso simplesmente ficar parada e assistir isso!


Franzindo as sobrancelhas,a mulher de sobretudo negro colocou sua lâmina em frente ao corpo para bloquear um possível ataque e analisou friamente o que via.


_Isso...é Magia Divina?


Arregalando os olhos,parou de subestimar a pequena de antes.Independentemente de ser muito mais fraca do que a de um Deus Menor,aquilo ainda era Magia Divina.Não podia subestimar esse energia de jeito algum.


_Quem é você?


Estava completamente curada e melhor do que nunca.Pequenos raios dourados escapavam de seus olhos cor de ouro.Mesmo sendo pequena,a menina exalava uma aura selvagem e feroz.


_Única ganhadora da 9999° edição do teste para Deuses Menores,Ex-Deusa das Memórias e da Caçada...Mnemosine!


Já trajava outra vestimenta de batalha.Usava uma saia estranha,cromada de metal negro.Ela reluzia com a luz que era emitida da própria Mnemosine.Seu peito era coberta por um colete do mesmo material,porém branco.Em suas mãos,manoplas douradas.


Pegando seu rádio no bolso,a mulher apertou um botão e o posicionou perto dos lábios.


_Kirito-Kun...temos um problema aqui.Tem outra intrusa aqui e podem ter mais deles espalhados também...-Avisou-E a pessoa que esta aqui é uma Ex-Deusa.Ela diz ser Mnemosine e pude comprovar que ela tem Magia Divina de verdade.O que devo fazer?


Sabendo que poderia obter alguma informação,a loira esperou e não atacou ainda.Queria ouvir a resposta.Demorou alguns segundos,mas logo o rádio funcionou.


_Mnemosine?Ela realmente abdicou de seu papel como Deusa.Pode ser ela de verdade-Comentou-Preste atenção,Asuna.Eu sou o único de nós que pode derrotar um Deus Menor por agora,mas não se assuste.Ela é uma Ex-Deusa,o que quer dizer que mesmo com Magia Divina,esta muito mais fraca do que originalmente.Tente descobrir o motivo dela estar aqui e se tem companheiros...depois mate-a.


Com um estalo,o equipamento se desligou.


Asuna:Eu tentei te poupar...se tivesse ficado calada no seu lugar,eu não seria obrigada a te matar,como agora-Murmurou desanimada-Vamos acabar logo com isso.


_Eu vou te ensinar a como ser respeitosa com alguém que já foi uma Divindade,fedelha arrogante!



-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

_Esse lugar me trás lembranças nada felizes.


Duas garotas andavam uma do lado da outra.Se encontravam no meio de uma vila totalmente abandonada e destruída.Mesmo depois de tantos anos se passando,nenhuma única pedra tinha sido mudada de lugar.Somente de olhar para as janelas quebradas e os buracos nas casas,as memórias de como elas foram feitas,voltavam.Os corpos sem vida e as pessoas tentando resistir ao ataque.Independente de serem duas magas extremamente fortes,isso era muito triste e realmente machucava o coração delas.


Erza:Por que você quis voltar aqui?


Sem responder diretamente,a garota de cabelos roxos continuou andando pelo local.Localizou uma janela em especial.Foi ali que ela e seu irmão conheceram Erza.Vendo isso,a ruiva resolveu não incomodar a concentração de Kagura.Em poucos minutos já estavam na frente de uma das casas mais acabadas.A parte frontal se encontrava quase que totalmente estourada.Surpreendentemente a era só esse o dano.Os arredores e os fundos estavam intactos.


Sendo inundada pelas lembranças de sua família,a “Faixa Branca” lentamente passou pelos corredores da residência.A sala,cozinha,quartos...cada cômodo desencadeava uma mistura de sensações em seu coração.Em cada um desses lugares,teve momentos de felicidade.Mas essas coisas estavam no passado.Era ciente disso.


Abrindo a porta traseira,chegou a um pátio simples.Uma cerca comum de madeira rodeava o espaço.Qualquer pessoa podia forçar facilmente a entrada nesse lugar.Todavia como era possível ver,não existia nada de valor.Uma única coisa permanecia ali.


Uma árvore grande e robusta.Era cheia de frutos e exalava vida.


Erza:“É uma bela árvore...mesmo sem ninguém para cuidar dela,ainda permaneceu viva por todos esses anos?”-Admirou-“Mas por que ela esta aqui?”


Kagura se aproximou da planta.Fechou os olhos e com delicadeza passou a ponta dos dedos pela superfície de madeira.Controlando a respiração,fungou de leve.


_Essa foi a árvore a onde eu pratiquei os meus primeiros 10 cortes de espada-Anunciou-Minha mãe se certificou que eu não desse nem um a mais,nem um a menos.Nunca entendi o motivo disso.


Agora que ela comentou,a Scarlet podia ver marcas rasas e tortas se alastrando por uma boa parte frontal da madeira.Evidentemente foram feitos por alguém sem experiência alguma e que estava aprendendo.


Erza:Entendo...agora que perdeu sua Espada,quis vir aqui para dar uma olhada?


Concordou com a cabeça de leve.


Kagura:Sei que não é algo que faz sentido.Apenas senti vontade de vê-los novamente-Explicou-Ver os cortes que eu fiz quando não estava pensando em nada.Nenhuma técnica extravagante ou arma especial...usei apenas uma espada de madeira aleatória para isso.


Deixando-a aproveitar o momento,se sentou de pernas cruzadas no chão e apenas esperou.Nunca esperava em um dia voltar para Rosemary.Ficou muito surpresa quando a própria Kagura a chamou.


Para falar a verdade estava passando por seus próprios problemas no momento,todavia não conseguir negar o pedido.Havia ficado muito confiante depois de dominar completamente a invocação de sua Armadura De Ouro De Libra.Com ela,tinha uma defensiva e uma ofensiva de extremo nível.Porém tudo isso foi arruinado facilmente por Fenrir.Além disso,descobriu que a cada dia ela era ultrapassada pelas outras pessoas ao redor de Natsu.Antes,ela e Mira eram as duas armas secretas do Vermilion.Entretanto agora surgiram pessoas como Taiga e Kurama,que são insanamente fortes.Seu papel começou a ficar cada vez menor.


Nesse momento em que Natsu precisava mais dela,era completamente inútil.

 

Nunca tinha prestado atenção em Juvia e agora até mesmo a Lockser a superou.Sua confiança em batalha sumiu completamente.Precisava urgentemente encontrar uma forma de ficar mais forte,ainda mais agora que os inimigos estavam ficando cada vez mais poderosos.


Nem que para isso precise conseguir armadura ainda mais fortes dos que as de Ouro.


Erza:Deve ter um motivo para sua mãe deixar você fazer somente dez golpes-Comentou chegando perto-Eu posso ver?


Dando um passo para o lado,ela confirmou com a cabeça.A ruiva olhou ao redor com atenção.Mesmo que seu forte sempre tenha sido a força bruta,ainda era bem inteligente.Tirou os tênis que usava e encarou com mais atenção a árvore.Lentamente começou a andar em círculos ao redor dela.Kagura observou isso meio confusa.


Erza:Entendo....


Kagura:O que foi?Encontrou algo estranho?


A resposta da Scarlet foi a puxar pelo pulso e levar a mão da Espadachim até o solo ao redor da planta.Um grande sorriso brincava no rosto dela.Sem entender de primeiro,a garota usou os dedos para sentir o lugar.

Arregalou os olhos ao compreender algo.


Kagura:Isso...


Erza:O solo ao redor da árvore é mais fofo do que o resto.Além disso,as raízes não são tão profundas como deveriam ser-Anunciou-Isso quer dizer que essa árvore não cresceu aqui originalmente.Foi trazida depois de grande.


Criando uma face de pensativa,a Faixa Branca começou a refletir por algum tempo.


Kagura:Agora que você falou...a primeira memória que eu tenho dela,é de quando eu tinha três anos-Falou-E ela já era desse tamanho.


Como se já soubesse disso,Erza a puxou mais uma vez e deu a volta,chegando no lado oposto ao em que estavam as marcas de Kagura.Uma grande quantidade de sua energia foi solta no solo.Usou a magia de localização das Bruxas.


_En.


Sua consciência se espalhou através de cada pequeno detalhe da madeira,indo desde a raiz até a ponta de cada uma das folhas.


Erza:Tem algum tipo de selo de supressão e ilusão nessa árvore.Esta tão escondido que só é visível se você vir até ela,procurando algo-Murmurou seria-Acho que essa sua vontade de vir aqui não foi tão infundada assim.O que quer que esteja aqui,é algo bem profundo.O que quer fazer?


Sem saber o que falar,a jovem ficou em silêncio por muito tempo.Nunca esperaria que realmente existia algo de especial da árvore.Por estar escondido ali,tinha que ter alguma relação com sua família,tendo uma alta chance de uma relação com sua mãe.Sendo assim,somente ela tinha o direito de descobrir.Algo em seu interior lhe dizia para checar.A mesma coisa que lhe disse para vir aqui.Seu corpo ficou mais quente.Era como se seu próprio sangue borbulhasse de excitação.


Foi ai que se lembrou das palavras de sua mãe.


“Nossa família tem um talento especial em nosso sangue.”


Qual seria a melhor forma de provar para o selamento que ela era a pessoa certa?Sangue!


Kagura:Me empreste uma de suas espadas-Pediu seria-Por favor.


Criando uma lâmina simples com sua magia,entregou nas mãos brancas da garota.Não tinha captado bem a ideia,até ver a jovem criar um enorme corte em seu antebraço.Uma grande quantidade de sangue começou a sair do machucado aberto.Usando o braço como se fosse um limpa para-brisa,esfregou-o na superfície da árvore.Seu sangue escorreu como tinta pelas marcas desgastadas da madeira.Um grande brilho surgiu e o som de vidro se quebrando foi ouvido.


O corpo de Erza foi forçado para trás por um poder invisível.Ela não pode resistir nenhum pouco.Felizmente não era algo opressor que visava machuca-la.Apenas queria afasta-la da árvore.Por algum motivo essa força da barreira não queria a deixar ver o que foi revelado do outro lado da árvore.Entendo que era algo pessoal da família de Kagura,ela suspirou e apenas concordou.Cruzou os braços e voltou a se sentar.


Da posição que estava,o corpo da Faixa Branca estava totalmente escondido pelo tronco.Ainda assim conseguia dizer que nada muito grande saiu do selo.Totalmente focada no que via,Kagura nem mesmo notou a amiga ser jogada para longe.Toda sua atenção se focou no que estava escondido e esperando por ela.Por um momento esperou uma mensagem de sua mãe ou até mesmo uma espada extremamente forte,pelo qual poderia substituir a “Faixa Branca”.


 Não era porque a “Faixa Branca” não tinha podes escondido,que ela não poderia ganhar uma outra Espada que era mais forte.


O tronco da árvore era muito robusto,sendo que três homens precisariam ficar de mãos dadas para a circular completamente.No meio desse lado da superfície,existia somente uma coisa.Seu coração se moveu violentamente e grossas lágrimas escorreram por sua bochechas sem que pudesse controla-las.


Uma única marca de palma de mão estava cravada lá.Era tão pequena e delicada,que visivelmente  pertencia à uma mulher jovem.Provavelmente por volta dos 20 anos de idade.


Mesmo sendo tão pequena,exalava uma sensação de poder tão grande que os joelhos de Kagura perderam a força por um momento.Parecia algo tão profundo quanto a própria noite e ainda mais misterioso!


Sua mente ficou em branco por alguns segundos.Ao mesmo tempo era absurdamente supressora e tão suave que nem mesmo emitia algum resquício de poder.Pela posição e o estado do local,podia dizer que a mão somente foi encostada ali,sem força alguma.


O fervor de seu sangue aumentou ainda mais,chegando ao ponto em que sentia que ele iria evaporar de suas veias.Chorando muito,sua consciência e cada pedaço de seu ser lhe gritava algo:


“Isso é o corte de uma espada!”


Seus olhos discordavam disso,já que claramente se tratava de uma palma.Todavia seus instintos gritavam desesperados.Seus olhos se focaram na pequena palma e todo o mundo ao seu redor desapareceu de sua atenção.Se encontrava tão focada que nem mesmo piscava.

Como se esclarecimento se espalhasse por sua cabeça,compreendeu o que era aquilo e o que sua mãe tinha deixado para trás.O último e profundo ensinamento.Algo que a mulher aprendeu quando era nova e teve que abandonar,ao selar seus poderes e fugir para lhe ter.


Fungando pesadamente,limpou as lágrimas com as mãos e fechou os olhos.Para ela tudo estava tão claro como o dia.Como pode ser tão cega por tantos anos?


Encarou os próprios dedos.


A iluminação fluiu em sua consciência como as águas serenas de uma lagoa.


O “Corte” é algo simplesmente indomável e imparável.

A “espada” era somente um corpo,um objeto.Ela era usada somente para facilitar para os leigos se focarem.

A essência do Corte está simplesmente impregnada em cada pedaço do Universo.

Tudo pode se tornar uma “Espada”.


A palma de sua mão direita encobriu a marca de palma de sua mão.Nenhum ruído foi produzido ou alguma flutuação de energia foi sentida.


Abismada,Erza viu todas as centenas de folhas verdes da árvore se soltarem e flutuarem calmamente até o chão.Cada uma delas se dividiu em quatro partes iguais e cobriu completamente o solo do pátio dos fundos.


Sua espinha gelou e mesmo sem entender o motivo,seus instintos lhe alarmaram de um perigo de morte intenso.


Kagura desencostou da superfície e percebeu que a marca de sua palma tinha substituído completamente a de sua mãe,que já tinha desaparecido sem deixar rastros.Sentindo uma força insana ao seu redor,a jovem deu um sorriso sereno e fez uma reverência para a árvore.


_Muito obrigada,mãe.Encontrei a resposta que procurava.


Se distanciou do local e caminhou até Erza.Descansou sua mão no ombro dela e sorriu de leve.Sem dizer nada,começou a deixar a casa.A Scarlet tentou controlar o medo em seu corpo e apenas a seguiu.Não entendia o que Kagura tinha acabado de fazer.Nem mesmo tinha uma ideia de por onde começar a analisar o que sentiu.Apenas sabia que era muito perigoso e profundo.Com a sensação de que estava sendo eixada para trás novamente,suspirou em desânino.


Chegou ao nível em que uma Espadachim sem espada conseguiu deixa-la completamente paralisada?


Claro que a Faixa Branca também não tinha a mínima ideia de como chamar o que tinha acabado de aprender. Não....era errado dizer “aprender”.Aquilo era algo que esteve ao seu redor o tempo inteiro.O mais certo era dizer:Aquilo que ela Contemplou.


Ela não sabia nesse momento,mas esse foi o seu primeiro passo no caminho  da “Vontade Da Lâmina”.



-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Notas Finais


E foi isso pessoal!

Nesse capítulo tivemos mais um termo sendo introduzido na fic.As "Vontades" vão ser algo muito importante daqui para frente.

Até a próxima.

Tamo junto! 0/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...