1. Spirit Fanfics >
  2. NCT - Sobrenatural >
  3. Capítulo 1 - Começo do ano

História NCT - Sobrenatural - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Eae pessoal!! Então... Essa é a minha primeira fanfic, confeso que estou com medo de vocês não gostarem ;-; mas vou tentar dar o meu melhor...

Capítulo 1 - Capítulo 1 - Começo do ano


15 anos atrás

A agitação na casa simples de família era desesperadora, se ouvia gritos vindo do andar de baixo e no andar de cima três crianças choravam enquanto sua mãe arrumava alguma coisa no chão e folhear um livro desgastado um pouco incomum enquanto o desespero a consumia cada vez mais. 

- Mamãe oque você está fazendo?  Quem está lá em baixo com o papai? 

Perguntava com medo e soluçando a criança mais velha de aproximadamente 6 anos pela terceira vez á sua mãe

- Cheng apenas acalme os seus irmãos, me deixe terminar aqui meu amor! 

Tentou parecer calma, mas em seus olhos era visível o medo

A criança nada respondeu apenas abraçou seus irmãos tentando os acalmar um pouco e fazer todo aquele choro acabar, as três crianças chorava mas nem sequer sabiam o motivo direito, talvez tenha sido o desespero da mãe e os grito lá de baixo que os assustaram. 

- Achei! 

A mãe olhou para as crianças e as chamou para mais perto de si. 

- eu quero falar uma coisa a vocês, okay? - perguntou aos filhos que assenaram com a cabeça - A mamãe ama muito vocês, e o papai também... Estamos com um problema e não queremos que vocês se machuquem, são muito pequenos para entender isso... - suspirou triste deixando mais uma lágrima cair - decidimos que o melhor e mais seguro para vocês é estar longe daqui... - foi interrompida pelo filho do meio de 4 anos. 

- Nós vamos nos mudar mamãe? Que legal! - Disse enxugando as lagrimas com as costas das mãos o garoto era pequeno mas sempre bem esperto - Para onde vamos é um lugar bem bonito né? Vai ter flores para mim brincar? 

A mulher respirou fundo e continuou a falar 

- Meu amor, vocês vão se mudar... Apenas vocês, eu e o papai não vamos... Mas lá vai ter varias flores para você e seus irmãos brincarem. 

- Mas não somos muito novos para viajar-mos sozinhos mãe? 

Ela concordou pronta para falar mais alguma coisa. 

- Querida!! Ande logo com isso esta ficando difícil aqui em baixo!! - a voz do Homem da casa se fez presente. 

- Certo! Vocês escutaram o pai de vocês. Sem mais perguntas! Agora fiquem dentro desse circulo, vamos! 

Sem entender muito as crianças entraram no círculo. Observaram a mãe dizer palavras desconhecidas, enquanto o formato do círculo se formava uma luz branca.  Derrepente um barulho é escutado e alguém que pela visão das crianças era um desconhecido entrou no quarto as presas empurrando sua mãe para longe do círculo. 

- Você não vai conseguir esconder eles de mim! - o homem tentou chegar perto das crianças no círculo mas foi jogado para longe pelo pai dos garotos que entrou no quarto em desespero. 

A mulher jogada no chão ditou algumas últimas palavras e logo um clarão ocupou todo o cômodo onde se encontravam. 

Quando tudo se acalmou, a luz diminuiu e as três pessoas mais velhas olharam para o círculo que já não tinha mais nenhuma criança. 

¯\_(ツ)_/¯


Atualmente

- Jisung!!! Não acredito que você usou as minhas coisas, garoto idiota!! 

Jungwoo gritava o irmão mais novo enquanto descia as escadas. 

- Aaah! Meu irmão preferido! Você sabe que eu te amo né? Então não me maté ,  eu só queria ir bonito como o meu irmãozinho para a escola no primeiro dia de aula! - Jisung entrou na cozinha com um sorriso "falso" Enquanto Jungwoo entrava na mesma o fuzilado com os olhos por ter mexido nas suas coisas e nem ao menos ter se importado em arrumar de volta, deixando tudo uma bagunça. 

- Um dia eu ainda te mato!  - Jungwoo bufou jogando uma colher no irmão. 

- Tem como as "crianças" Pararem de brigar e comerem logo? - Si-Cheng sendo o mais velho sempre tinha que interromper as discussões dos irmãos, quando ele não estará no meio é Claro. 

- Jisung foi quem começou, indo mexer nas minhas coisas. 

- Já  disse que eu só queria ir bonito como você para a escola irmãozinho - Rio o adolescente. 

- Primeiro que eu não te dei permissão para mexer lá, Segundo você não é bonito como eu e Terceiro... Para que você quer ir bonito para a escola? 

- Simples... Primeiro: é o primeiro dia de aula então tenho que ir mais bonito do que o resto do ano, só pra falar que fico mais bonito a cada ano que passa ou melhor a cada dia... Segundo: claro que eu não sou bonito como você, porque eu sou muito mais bonito, quase perfeito um Deus grego... Terceiro: pessoas novas, vindas de outras escolas e cidades... Ou seja posso ter algum interesse então tenho que estar apresentável...

Os dois irmãos mais velhos riram

- No seu caso a "pessoas que te desperta interesse"  Seria algum garoto. 

- Oxi e porque eu não poderia gostar de uma garota?

- Aaah Jisung! Concordando com o Jungwoo, qualquer um sabe que você pode até ter interesse em garotas, mas tem medo delas... - Si-cheng resolveu argumentar na discussão

- Aish! Cheng, mais eu tenho motivos... Você já ouviu oque falam sobre as garotas? Que quando elas estão de "TPM" Parecem um dragão cuspindo fogo e é pior que o demônio, to fora... Faço parte da Comunidade LGBT desde quando eu nasci. 

- Ah mas... - Jungwoo começou a falar mas logo foi interrompido por seu irmão mais velho. 

- Chega, chega, chega!! Vocês dois falam demais... Nós vamos nos atrasar se não se apressarem, andem vamos! Jisung você tem que ir para a escola, você Jungwoo para a faculdade e eu para o meu trabalho, anda vamos! 

- Já estamos indo - Jisung diz  meio atrapalhado enquanto colocava na boca várias colheradas de seu cereal um pouco apressado. 

- Eu já estou indo! - Jungwoo parou em frente a um espelho na sala arrumando seu cabelo - Aaah meu Deus! Oque é isso no meu rosto? - Gritou - Ahaha é Beleza - riu e saiu andando para fora da casa logo o irmão mais novo saiu também, e cada um foi para o seu "destino".


Notas Finais


Parei por aqui mesmo pois tenho que fazer algumas coisas... Mas talvez eu poste o 2° capítulo ainda hoje ;-;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...