História Necromancy (Mark Tuan) (HOT) - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens Mark, Personagens Originais
Visualizações 98
Palavras 874
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Volteiii :333 ❤ leiam as notinhas finais ^-^

Capítulo 9 - 9.9


Como assim? Do que ele estava falando? Fazendo sentindo ou não, Mark parecia saber mais coisas do que ele mesmo demostrava.

As batidas na porta começaram a ficar mais fracas, até o ponto de não ouvimos mais nada.

– Mark, o que estava acontecendo?

– Está tudo bem agora, Maddie. É melhor nós irmos dormir.

Estava tentanto compreender tudo que ele falava, desde que meu mudei para cá, nada mais fazia sentido. Mas logo depois da morte dos meus pais, tudo se clareou, ou pelo menos me fez entender que o que nos rondava, não era algo normal.

Enquanto eu recebia ligações do meu "pai" perguntando se eu estava bem, ou recebia mensagens da minha "mãe" falando que iria chegar mais tarde em casa, meus verdadeiros pais estavam mortos no meu porão.

Subi as escadas sem falar mais nada.

Cheguei no quarto e logo pus uma blusa de Mark, e me deitei, não demorando muito para pegar no sono.




– Vamos lá, Maddie! E só um esquilo. Faça isso por mim... – Lord Shadow me propora mais uma vez a sacrificar um animalzinho indefeso. Ele sempre me falaba que eles iriam a um lugar melhor se eu fizesse isso, por isso eu sempre concordava.

Desde que me mudei para minha nova casinha já floresta, Lord Shadow, meu amigo imaginário, sempre esteve comigo. No começo eu tinha medo dele, pois ele é uma sombra, sem rosto, mas ele logo me provou que era uma sombrinha muito legal

Nós sempre brincavamos no jardim e no quintal de casa, eu nunca deixei de estranhar o jeito que Lord Shadow olhava para meus pais, ele sempre dizia que eles eram maus e queriam me afastar dele. Eu não gostava de que Lord Shadow falasse assim dos meus pais, mas por algum motivo, eu tinha medo que contraria-lo.

 Com todas as coisas que Lord Shadoe me dizia, aquilo me fazia ficar contra meus pais algumas vezes, minha mãe sempre me via falando “sozinha” e me perguntava com quem eu tanto falava, mas Lord Shadow me dizia que era para que eu ficasse em silêncio, pois apenas eu podia vê-lo, confesso que ficava muito feliz, a ponto de me sentir especial.

– Tudo bem! Mas me prometa que é a ultima vez? – vi Lord Shadow assenti.

Peguei a faquinha que Lord Shadow me deu para fazer os bichinhos irem ao lugar melhor. Fui até o esquilinho e acariciei sua pelagem, para mim a pior parte era ouvir os gritinhos que os animais davam ao cortar suas cabeças, mas Lord Shadow dizia que eram gritinhos de alegria, pois eles sabiam o lugar para onde iriam. Como todas as vezes, cortei a cabecinha do animal, tentando pensar ao maximo que ele iria para um lugar melhor, e não me deixar levar pela pena que sentia.

Lord Shadow dizia que aquele lugar melhor se chamava Hell, e que um dia eu conheceria esse lugar. Eu ficava muito animada quando ele me falava sobre aquele lugar.


Naquele dia, eu chorava muito após receber a notícia que eu iria me mudar, Lord Shadow pareceu não gostar nada daquilo, e antes de eu ir embora, ele jurou que ficariamos juntos para sempre.

Para sempre.

Para sempre .

Para sempre.




– Lord Shadow... – acordei ofegante, tentei raciocinar que tipo de lembranças foram aquelas.

Oh! Não! Ele havia voltado, Lord Shadow. Depois de tanto tempo, ele volto, o dono de meus pesadelos mais terriveis, aquela sombra que me fez tornar um monstro quando criança, ele!

Eu sabia que todos aqueles pesadelos que eu tinha desde que me mudei para minha antiga casa e completei quinze anos, não eram em vão. Eu finalmente me lembrei. Agora finalmente tudo faz sentido.

– Maddie? Você está bem? – Mark entrou no quarto me fazendo ter um sobressalto. – Por que estava gritanto?

– Eu... Tive um pesadelo. – eu não iria falar sobre Lord Shadow, não agora. Mark entrou no quarto e se aproximou de mim.

– Está tudo bem mesmo?

– Sim. – quando ele ia sair eu o chamei. – Durma comigo, por favor.

Ele pareceu um pouco exitante mas logo se deitou ao meu lado.


...


No dia seguinte nós já estavamos na cozinha. Eu não conseguia esquecer aquelas lembranças tão dolorosas da minha infância, que por um tempo, eu esqueci. O que era aquilo? Meu subconsciente tentando me alertar? Me preparar? Eu realmente não sei.

– O que está te deixando tão distraida, Maddie? – Mark me perguntou. Ele não era burro, muito pelo ao contrário. Qualquer hora ele iria descobrir, então o melhor era contar para ele.

– Mark... Eu preciso te contar algo. É sobre meu passado.

– Sobre o Lord Shadow? Não precisa, Maddie. – me espantei com suas palavras, como? Eu havia falado dormindo?

– Como você- – ele me interrompeu.

– Como eu sei? Maddie, você não lembra? Eu disse que sabia mais coisas que você imaginava.

Derrepente, eu comecei a me sentir culpada, eu após saber do seu passado, o julguei, mas ele sabia de um passado meu que eu nem se quer me lembrava, e não me julgou em nenhum momento.

– Me desculpe. – eu abaixei a cabeça tentando controlar minha lágrimas. Por que eu tinha que ter um passado tão horrivel? Eu não poderia ser um criança normal?

– Só vou te desculpar com uma condição... – o olhei esperando ele continuar. – Me deixe te foder.


Notas Finais


Primeiramente, eu planejava colocar o hot nesse capitulo e já encerrar a história. Sim ;-; a história não ira ter mais de dez capitulos, mass vi que esse era o capitulo nove, então o hot vai ser o proximo. E com isso vou encerrar a história, massss no cap não vai ter apenas o hot, e simmm muitas coisas vão ser descobertas.

Gente, o Lord Shadow fez parte do passado sombrio que a Maddie teve, sim, Mark não foi o único.

Ela mesmo não lembrava do passado, mas, havia sempre sonhos de deixavam uma brestinha dizendo que o passado que ela teve não era como o imaginado. O Lord e como uma sombra sem rosto, e para quem está se perguntando se ele e do bem, não! Ele não é.

É sim, uma coisa que a atormenta desdos 5 anos, com pesadelos e visões do seu passado. Por que ele a mandava matar bichinhos? Aquilo era um tipo de ritual para o seu 'Deus. (Lucifer).

Bom eu espero que tenha explicado um pouco ne, ksksjs.
@Rabbit__

Bjss, amo vcs, até! ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...