História Nem tudo que reluz é ouro - Capítulo 198


Escrita por:

Postado
Categorias Descendentes, Lendas Urbanas, Mitologia Grega, Mitologia Japonesa, Mitologia Romana
Personagens Carlos de Vil, Chad, Evie, Jay, Mal, Personagens Originais, Princesa Audrey, Príncipe Ben
Tags Amizade, Aventura, Família, Magia, Romance, Vida Escolar
Visualizações 3
Palavras 1.293
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 198 - Em um futuro próximo


 

O último sinal de período tocou aquele dia na escola do reino e com ele os alunos foram tomando seus rumos animados , eram sábado , véspera do dia de folga . 

- Oi! - Agatha abordou a amiga no corredor que carregava um par de enciclopédias - ocupada essa noite ?- foram andando - as meninas estão pensando em se reunir hoje no quarto da Leah pra conversar , topa ?

- Eu tenho que resolver as coisas do clube - segurou melhor os livros - posso te encontrar no refeitório e vamos pra lá depois do jantar .

- Feito . Nos vamos treinar também então o horário casa . 

- Nos quer dizer, você , Leah e Emília isso significa que a Estella vai . 

- As gêmeas também - completou Agatha - a nossa dupla exploradora tem uma grande ideia para as férias .

- Espero que essa grande ideia não signifique suicida - retrucou Kayla - porque aquelas duas junto com a Marie não vai prestar.

- Ainda é a mesma medrosa - debochou a amiga - dá uma chance pra elas vai .

Kayla parou na porta da sala de pesquisa e bateu na porta . Noah abriu uma greta e fez sinal para que aguardasse . Apareceu e pegou os livros dela , Agatha notou algo no bolso dele de relance. 

- Coisas do clube ? - Perguntou irônica - experimento interessante . 

- Tudo pela ciência - Kayla entrou na brincadeira e sorriu maliciosamente pra amiga - é pesquisa . 

Noah logo veio até ela com um casaco pra cada , cumprimentou a amiga com breve aceno e partiram os dois apressados . Da porta Oliver apareceu com expressão pensativa . 

- Ela corrompeu o meu irmão - se lamentou o gêmeo .

- Ele não merecia - devolveu Agatha ao se aproximar dele e roubar um beijo estalado . - Quer sair no domingo a tarde ? a gente podia ir naquela exposição . 

- No museu - olhou pra ela fingindo surpresa enquanto a acompanhava para a sala dela - dona bibliotecária está expandindo horizontes . Ela corou na hora .

- Mor - resmungou mais baixo - não é isso ! eu realmente quero ver a exposição … - respirou fundo - porque fui te falar do tal sonho . 

- Ah , eu gostei de saber - deu um malicioso sorriso - não digo aqui mas vou adaptar pra você um dia desses tá bom ?

- Bem - parou a uma porta de distância da sua - é logo ali - disse como quem pede pra encerrar o assunto - vai comigo amanhã ?

- Vou pensar no seu caso - rebateu ele . 

- Malvado - reclamou ela de brincadeira . 

- Seu Malvado - completou a dando outro beijo estalado  - até mais . Disse e partiu , ela foi para o treino.

- Kay vem - disse a Emília antes que perguntasse , ela deu um pulinho de alegria - vai me encontrar no refeitório. - Muito bem pessoal , hoje vamos dar um foco preparo físico - falou as outros membros que logo se alinharam - Leah , divide comigo ? 

- Claro - respondeu ela na hora . 

- Pessoal metade pra cada lado e vamos começar . 

Enquanto isso na ilha , Lilian tinha acabado de chegar no restaurante acompanhada do casal de amigos , eles a deixaram lá e partiram para realizar seus planos.Ela subiu as escadas e logo começou a estudar , com o resultado da prova tão bom quanto os anteriores sendo a matéria que menos gostava ficou confiante quanto as outras . 

Depois de algumas horas de revisão , deitou na cama em meio aos papéis e ficou pesando . lembrando de um diálogo em particular com a diretora na semana que retornou da expedição.

- Será que posso te pedir um favor ? - perguntou seu antigo eu a mulher de cabelos cacheados . 

- Vai em frente - retrucou ela na hora - dificilmente recusarei . 

- Pois bem , tem a ver com a perícia do barco que ao certo vão pedir . -  Falou séria - eu preciso que considere meu afastamento do cargo - disse e a mulher a encarou surpresa  - duvido que um deslize desse não vá ter impacto negativo , dependendo do que acontecer o posto ficará para o Rafael . 

- A quanto tempo previu isso ?

- No momento que comprei briga com ela eu soube que alguém perigoso assim estar a solta devia ter algum trunfo dos grandes - começou a olhando de volta  - então me esforcei para o preparar caso tivesse que se defender sozinho . Isso em um primeiro estágio . - fez uma pausa para respirar - depois ele se mostrou um sucessor em potencial e sendo um ano mais novo podia cuidar disso no seu último ano , eu fui clara sobre isso com ele e o mesmo concordou em assumir o posto quando fosse necessário .  

- Então porque agora ?

- Porque eu dei uma brecha que dependendo do quão bem relacionada ela for pode derrubar minha moral toda com o reino - respondeu séria - se o cargo estiver em minhas mãos na queda vai enfraquecer nossa influência e consequentemente as chances de conseguir novas melhorias. Assim que a requisição de perícia sair me afaste - pediu ela - deixe pronto um anúncio de desligamento com a data do resultado contigo . 

- Acha que vão  - a mulher estava inconformada pela suposição - depois de tudo repetir aquilo? 

- É uma das piores possibilidades mas existe sim . - Retrucou a menina - uma hora ou outra ia acontecer , por isso fiz quase tudo com intermédio, o livro , o caso da Audrey , a diplomacia e etc . 

- E me fala isso como se não fosse nada ? - rebateu a mulher - é por isso que teve tanta pressa em firmar a parceria de transferência e garantir o acordo para a faculdade ? - especulou  - eu sei que negociou isso pensando em todos, não me interprete mal - se explicou com irritação - só que , não acho isso justo contarem com a sua ajuda sempre que é conveniente e depois fazer isso . 

- Não os culpe por serem cautelosos e desconfiar até da sombra - retrucou ela - se eu tivesse feito isso não estaria nessa situação - falou sem animo - então , acha que pode fazer aquilo pra mim ?

- Posso . Respondeu com desgosto. 

Ela novamente sentou na cama e retomou o que lia , manter a cabeça ocupada era sua rota de escape para afastar as preocupações e assim seguir tentando . 

De volta ao reino , as meninas formavam um círculo no chão com um prato de doces no chão marcando o meio exato .

- Então , deixa eu ver entendi - falou Leah - os planos são passar a quinzena na ilha todo mundo, mas onde ? 

- Você pode ficar lá em casa - sugeriu Agatha - o dormitório da escola tem 4 vagas pra meninas e 3 pra meninos também - disse olhando para as demais .

- Oliver e Noah podem ficar com James - comentou Kayla - os quarteto tem casa lá.

- Posso falar com meus pais - disse Sophia - tenho certeza que vão deixar se a gente passar em todas as provas.

- Vamos ficar no barco com a Marie . está tudo combinado - explicou Estella - só tenho que enviar cartas regularmente .  Disse e fez sinal de vitória , as demais se entreolharam . 

- Que foi pessoal ? falou Emília confusa . 

- É que vocês três sem supervisão - comentou Penélope preocupada - me parece perigoso.

Estella olhou pra amiga e juntas ergueram as mãos a altura do rosto , nem se deram ao trabalho de negar. 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...