História Never Be The Same - Capítulo 88


Escrita por:

Postado
Categorias Austin Mahone, Camila Cabello, Fifth Harmony, Harry Styles, Louis Tomlinson, Shawn Mendes
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Harry Styles, Lauren Jauregui
Visualizações 1.178
Palavras 2.846
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 88 - 88


Fanfic / Fanfiction Never Be The Same - Capítulo 88 - 88

 

{SEMANAS DEPOIS} 

POV’S CAMILA CABELLO

 

Já estava me arrumando a horas, Cheryl ainda tomava banho, com certeza chegaria atrasada no baile. Me olhei no espelho pela última vez apenas pra me certificar de que tinha feito tudo que era necessário, ao me analisar no espelho eu gostei do resultado. 

Terminei de colocar o meu brinco e então o meu celular apitou, peguei vendo que era uma mensagem do Shawn avisando que estava me esperando, coloquei o outro brinco apressadamente antes de sair do apartamento e descer até a garagem, quando as portas do elevador se abriram encontrei Shawn me esperando, ele usava uma calça social e um terno preto. 

 

- Nossa, você tá elegante com esse terno -elogiei sincera

- Você também tá até que bonitinha -zombou rindo e eu dei um leve tapa em seu braço 

 

Andamos até o carro do Shawn, ele abriu a porta pra mim e quando eu entrei ele a fechou, dando a volta e se sentando no banco do motorista. 

 

- Você contou pra Sabrina que vai me levar ao baile né? -perguntei preocupada 

- Contei sim, não precisa se preocupar -ele me tranquilizou 

- Ainda bem, porque imagina se você não tivesse contado, aí ela descobre e quando eu chego todas as minhas roupas estão jogadas na rua -falei imaginando a cena na minha cabeça 

- Não precisa se preocupar com isso -Shawn riu- A Sabrina me entende perfeitamente e respeita as minhas amizades -ele disse sorrindo 

 

Enquanto Shawn dirigia na direção do colégio eu ia em completo silêncio, só conseguia pensar na minha namorada. 

Estava tão chateada por Lauren não ir ao baile comigo... 

 

Shawn ergueu a música do rádio e ficou cantando em voz baixa, e assim foi o caminho até chegarmos no colégio. Como sempre, Shawn desceu rapidamente abrindo a porta pra mim sair do carro, ergui um pouco o meu vestido segurando o tecido entre os dedos para que não arrastasse no chão, segurei no braço dele e assim entramos no colégio. 

 

- No baile do meu colégio eu fui sozinho -ele contou

- Que triste... -murmurei  

- Eu convidei uma garota, ela aceitou o convite mas quando fui buscar ela na casa dela os pais dela me avisaram que ela já tinha ido, eu cheguei no colégio ainda com esperança mas logo vi que ela estava acompanhada do garoto mais idiota do colégio, ele desprezava as garotas que ficava, humilhava elas sempre que podia na frente de todo mundo, nunca entendi porque ela me deixou pra ir com ele -disse divagando com as lembranças

- Eu acho que você é romântico demais,  é fofo, é extremamente atencioso, você é um garoto raro no mundo e por isso eu te considero o meu melhor amigo, então a garota que te desprezou perdeu muita coisa -falei sincera

- Então você está assumindo que tem muita sorte por me ter como melhor amigo? -ele me encarou

- Eu não vou responder isso porque você já tá se achando muito -acusei e ele riu

 

Chegamos no ginásio, as portas estavam abertas, tinham luzes piscando e uma música não tão alta assim. 

 

- Vê se você acha os nossos amigos -pedi e ele assentiu

- Tá bom, eu vejo daqui de cima -Shawn respondeu me provocando

- Você tá me chamando de baixinha? Você que é grande demais -retruquei 

 

Senti um tapa forte na minha bunda que me fez virar rapidamente, preparada pra bater em quem fosse. 

 

- Você tá uma gostosa com esse vestido amiga -Harry falou

- Essa tapa doeu -briguei com ele

- Para que eu sei que você ama levar uns tapas na bunda -disse sugestivo 

 

Senti o meu rosto esquentar por Harry ter dito uma coisa daquelas em voz alta. 

 

- Vocês tão namorando agora? Você não gosta de mulher Camila? O que eu perdi? -Harry franziu o cenho encarando Shawn e eu 

- Não, eu só vim acompanhar a Camila no baile -Shawn respondeu

- Lembra que eu disse que a Lauren não viria? Não estava afim de vir sozinha então chamei o Shawn -expliquei- E cadê o Louis? -perguntei confusa 

- Não chegou até agora -Harry respondeu- Se ele me der um bolo eu mato ele -ameaçou 

- Calma, ainda tá cedo, às vezes ele só se atrasou um pouco -tentei tranquilizar Harry- As meninas já chegaram? -quis saber 

- Sim, elas estão bem ali -Harry apontou com o dedo 

- Eu vou la com elas, você não vem? -perguntei

- Vou ficar aqui esperando o Louis -respondeu e eu assenti 

 

Shawn e eu andamos até Dinah, Normani e Ally, todas estavam com vestidos lindos, mas de longe o vestido da Normani era o que chamava mais atenção. 

 

- Você tá muito ousada com esse vestido Mani -falei olhando-a de cima a baixo 

- O diretor não gostou muito quando me viu assim, disse que eu não deveria usar roupas que expõem tanto o meu corpo e bla bla bla -ela contou rindo

- Eu imagino que ele não tenha gostado mesmo -respondi

- Ele vai ter um infarto essa noite então, porque as meninas com certeza vão aproveitar que é o baile pra extravasar nos decotes e roupas curtas -Ally disse 

- Amém por isso! -Dinah exclamou nos fazendo rir 

 

Ficamos conversando por um tempo tempo, a cada minuto o ginásio enchia ainda mais de alunos e seus acompanhantes que chegavam. 

 

- Oi meninas -uma voz atraiu nossas atenções

 

Era Cheryl, ela usava um vestido preto totalmente decotado, e com rasgos nas pernas que deixavam suas coxas expostas, Cheryl tinha feito suspense e não me deixou ver o vestido então era a primeira vez que eu estava vendo. 

 

- Você tá linda -elogiei

- É, eu sei -ela respondeu

 

Era apenas Cheryl sendo Cheryl, já tinha me acostumado. 

 

- Eu estou com um look perfeito pra quando eu receber a minha coroa de rainha do baile -falou sorrindo largamente 

 

Encarei Normani que não parecia nada abalada com a provocação da Cheryl. 

 

- Eu já volto -Cheryl avisou se afastando

 

Vimos ela sumir entre as pessoas e então voltamos a conversar 

 

- Ela tá mesmo confiante de que vai ganhar -Ally foi a primera a falar- Aliás, vocês já votaram? -questionou

- Ainda não -respondi

- Eu já, e a Cheryl que me perdoe mas é óbvio que eu votei na Mani -Dinah respondeu sorrindo pra Normani

- Obrigada -Normani agradeceu sorrindo de volta 

- Que saco! -Harry se juntou a nós 

 

Ele estava com a cara fechada, nada feliz e muito menos animado. 

 

- O que foi Hazza? -perguntei 

- O Louis não chegou até agora -respondeu ele 

- To achando que ele te deu um bolo -Dinah murmurou

- Dinah! -briguei com ela por ter dito aquilo 

- Eu não acho que o Louis daria um bolo nele, talvez tenha acontecido um imprevisto, só isso -Shawn se pronunciou pela primeira vez

- Você já tentou falar com ele? -Ally perguntou 

- Já, mas ele não atende -Harry suspirou

- Vem, vamos tentar de novo -Normani o chamou 

 

Então elas se afastaram junto com o Harry, me deixando sozinha com o Shawn, logo nós dois começamos a conversar. 

 

 

POV’S LAUREN JAUREGUI 

 

Deitada na minha cama, totalmente enrolada debaixo das cobertas eu encarava o teto do meu quarto, uma música tocava em meu celular e parecia deixar o clima ainda mais dramático e triste. 

 

- Lauren? -alguém me chamou

- Entra! -gritei

 

A porta do meu quarto foi aberta em seguida, virei a cabeça na direção da porta encontrando o meu melhor amigo usando um terno, rapidamente peguei o meu celular pra ver as horas. 

 

- Você não deveria estar indo pro baile? -perguntei confusa por ele estar ali 

- Deveria, mas eu realmente não vou conseguir curtir o último baile sem a minha melhor amiga -respondeu 

 

Louis se aproximou se sentando na ponta da minha cama. 

 

- Eu sei que você acha bailes uma perda de tempo, mas você nunca foi em nenhum e esse é o último, você precisa ir -insistiu 

- Eu não quero ir Lou... -voltei a dizer

- Você diz isso mas tá escrito na sua cara que você quer ir -ele me analisou- Qual é, eu sou o seu melhor amigo desde sempre Lauren, e eu vejo claramente que você quer ir nesse baile -completou

 

Ele tinha toda razão, nunca liguei para bailes, sempre achei idiotice e perca de tempo, mas eu queria ir nesse, talvez por ser o último baile do colégio, mas o motivo maior pra me fazer querer ir era  Camila, sabia que não seria perca de tempo com ela, tudo com a Camila é perfeito pra mim. 

 

- Eu já estou a semanas aguentando você mentindo na minha cara falando que simplesmente não tá afim de ir, mas agora eu não vou sair daqui até saber do real motivo, porque sei que você tá escondendo algo -falou firme- E se vai te ajudar a falar, vou deixar bem claro que se eu não aparecer no baile o meu namorado vai terminar comigo e a culpa vai ser toda sua... 

- Isso é chantagem -arqueei a sobrancelha 

- Se eu fosse você começaria a falar porque o tempo tá passando e o Harry já deve estar querendo me matar a essas horas -Louis disse olhando no relógio 

 

Me sentei na cama suspirando pesadamente, sabia que meu melhor amigo falava sério quando disse que não sairia dali enquanto eu não contasse toda a verdade, e a última coisa que eu queria era fazer Louis perder o baile, Harry o mataria caso isso acontecesse. 

 

- E tem algum motivo muito sério, você simplesmente deixou sua namorada ir com um cara no baile, e eu sei que você não faria isso normalmente -ele disse me encarando

- Eu queria ir pro baile, no começo eu até estava pensando em ir, e em como seria ir acompanhada da Camila -confessei- Mas aí quando a Camila me falou que estava comprando o vestido pra ir ao baile eu me toquei de que eu não poderia ir -contei

- Porque não? Eu realmente não entendi Lo -Louis respondeu confuso

- Porque todas as meninas vão com vestidos longos, e os garotos de terno, e eu não poderia aparecer lá de calça jeans e jaqueta de couro, e com toda certeza não iria usar um terno nem fodendo -expliquei 

- E quem disse que você tem que usar terno? Você é uma garota Lauren, você poderia muito bem usar um vestido -Louis falou de forma simples

- Eu sei, mas as pessoas não veem desse jeito, quando pensei nisso eu comecei a imaginar os olhares de todo mundo do colégio ao me ver em um vestido e em como seria péssimo... -parei para respirar- Você cresceu do meu lado, você deve se lembrar de quando eu entrei na adolescência e como as pessoas me olhavam toda que eu usava um vestido ou uma saia, elas me olhavam como se eu estivesse fazendo algo errado em usar aquilo, e zombavam de mim, eu me sentia horrível e me lembrar disso só ajudou a piora ainda mais as coisas -terminei de explicar

- Eu lembro, mas também me lembro em como você ficava linda de vestido e em como você usando um vestido sempre foi perfeitamente normal, porque você é uma garota igual todas as outras -falou me encarando

- Isso é porque você é o meu melhor amigo, mas as pessoas sempre me julgaram por ser feminina, talvez porque elas pensem que por eu ter um órgão genital masculino eu seja um garoto, e elas estão sempre esperando que eu tome atitudes de garotos, que eu seja masculina e use roupas masculinas, e quando eu colocava um vestido elas me olhavam como se eu estivesse fazendo algo errado, e faziam piadinhas rindo de mim... -suspirei triste- Eu não vou ao baile porque eu sei que todo mundo do colégio vai me olhar com os mesmos olhares que já me olharam antes, e eles fazem eu me sentir horrível... 

- E desde quando Lauren Jauregui se importa com o que as pessoas pensam? -questionou 

 

Louis se levantou do seu lugar e de sentou do meu lado. 

 

- Você não deve se preocupar com olhares negativos, você é uma garota Lauren e ponto final! -terminou firme 

- Aonde você vai? -perguntei quando ele se levantou da cama 

- Vou arrumar um vestido pra você ir ao baile -respondeu 

 

Antes que eu pudesse dizer qualquer coisa Louis já tinha saído do meu quarto, não demorou pra ele voltar com a minha mãe que tinha um vestido em mãos. 

 

- É um vestido novo, então nada de manchar e sujar -minha mãe disse me entregando o vestido

 

Segurei o vestido vermelho pelas alças e o analisei. 

 

- Levanta logo dai filha e se troca rápido antes que se atrase mais pro baile -minha mãe me apressou

 

Eu não tinha como negar mais, eu queria tanto ir que simplesmente me levantei da cama em um pulo, me troquei coloquei o vestido vermelho e coturnos de salto alto nos pés, andei até o espelho parando na frente do mesmo. 

 

- O que você acha? -perguntei me virando pro meu melhor amigo

- Eu acho que você está linda demais nesse vestido, eu te pegaria fácil e olha que nem sou hétero -Louis respondeu me fazendo sorrir- Escuta, se qualquer idiota fizer piadinhas, ou te olhar feio eu bato nele -prometeu 

- Obrigada por ter vindo até aqui, se você não tivesse vindo eu teria me arrependido pra sempre por não ter ido ao baile -falei sincera

- É pra isso que servem os melhores amigos -respondeu sorrindo

- Vem aqui, vou fazer sua maquiagem -minha mãe me chamou 

 

Segui ela até o seu quarto e me sentei na cadeira permitindo que ela fizesse uma maquiagem simples e rápida em mim. 

 

 

POV’S CAMILA CABELLO 

 

Andei até a mesa onde tinham papéis e uma caneta, ali votaríamos nas pessoas para serem rei e rainha do baile. 

 

- Eu posso votar também? -Shawn quis saber

- Não, só os estudantes podem -respondi

 

Me inclinei pegando um papel e a caneta, entre as opções para rei do baile estava Troy, então eu votei em qualquer garoto que não fosse ele, na hora de votar pra rainha do baile eu fiquei alguns segundos pensando em quem votaria e no final já tinha uma conclusão dos meus pensamentos, peguei o papel e o dobrei colocando dentro da caixa fechada. 

 

- Você deixou o papel em branco... -Shawn observou me encarando sem entender porque fiz aquilo 

- É que eu não posso votar em nenhuma das duas, Normani e Cheryl são minhas amigas, não posso escolher uma -expliquei 

 

Eu simplesmente não consegui, escolher uma das duas seria como dizer que a escolhida era melhor que a outra ou que eu gostasse mais dela, mas não era assim, amava minhas duas amigas de forma igual e não podia escolher apenas uma. 

 

- Você poderia me conceder uma dança? -Shawn perguntou formalmente quando uma música calma se iniciou 

- E não foi pra isso que eu te peguei emprestado essa noite, pra você dançar comigo? -respondi 

- Então você está apenas me usando? -se fingiu de ofendido

- Me desculpa, mas é exatamente isso -respondi entrando na brincadeira dele

- É triste saber disso mas já que eu já estou aqui mesmo, vamos dançar -ele falou 

 

Nos juntamos as pessoas na pista de dança, Shawn tocou em minha cintura e eu segurei no ombro dele enquanto nossas outras mãos estavam unidas, e então nós começamos a dançar. Nossa dança não era nada romântica, de longe se via que não éramos um casal, e naquele momento eu me permiti pensar na Lauren e meu coração se apertou.

Dançar com a Lauren, com os nossos corpos juntos, igual os casais fazem em filmes românticos parecia perfeito em minha cabeça. 

Como eu queria que Lauren estivesse ali comigo...

 

A música logo acabou, o diretor pegou o microfone falando:

 

- Daqui a pouco nós vamos anunciar quem são o rei e a rainha o baile! -avisou e todos gritaram

 

Até eu estava ansiosa em saber quem tinha ganhado. 

 

- Eu vou buscar algo pra gente beber -Shawn avisou e eu assenti 

 

Uma música agitada começou e todos começaram a dançar, me afastei da pista de dança, andava segurando o meu vestido quando avistei de longe uma pessoa muito conhecida por mim entrando pelas portas do ginásio. 

 

Você está tendo alucinações Camila... -minha mente me acusou e talvez fosse até verdade. 

 

Assim que ela se aproximou de mim, abriu um sorriso largo na minha direção. 

 

- Oi Camz -ela falou

 

Naquele momento eu tive certeza de que não era uma alucinação da minha cabeça, era real, Lauren estava ali na minha frente. 

 

- Mas como? Quer dizer, você disse que não viria e... -disparei em falar confusa

- Mas eu vim -Lauren disse me cortando

 

Eu a olhei de cima á baixo com calma e simplesmente não consegui dizer nada. Ela tinha me deixado sem palavras. 

Meu Deus! Lauren estava perfeita! 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...