História Never Be The Same -2 Temporada - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Camila Cabello, Harry Styles, Lauren Jauregui, Louis Tomlinson
Personagens Camila Cabello, Lauren Jauregui
Visualizações 1.573
Palavras 3.505
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Famí­lia, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor



Capítulo 1 - 1


Fanfic / Fanfiction Never Be The Same -2 Temporada - Capítulo 1 - 1

 

{1 ANO DEPOIS}

POV'S LAUREN JAUREGUI

 

O som alto do despertador ecoava por todo o quarto, me estiquei desligando antes que o tacasse contra a parede. Me virei para o lado vendo que Camila ainda estava dormindo. O despertador não era o suficiente para acordar Camila, se não fosse por mim ela perderia as aulas da faculdade todos os dias. 

 

- Camila? -balancei o seu ombro- Camila!? -voltei a chamar um pouco mais alto mas não tive nenhuma resposta 

 

Me sentei na cama e me inclinei para que pudesse olhar para a minha namorada. 

 

- Camz? Acorda! -chamei mais uma vez

- Eu já estou acordada -ela respondeu ainda de olhos fechados

- Você precisa levantar amor -falei calmamente

- Só mais cinco minutos -Camila me pediu 

 

Como eu não conseguia negar aquele pedido então eu deixei que ela ficasse deitada mais cinco minutos.

Hoje era a volta as aulas na faculdade, era o primeiro dia do nosso segundo ano de faculdade, depois de um tempo de férias eu entendia porque da minha namorada estar com mais preguiça do que o normal, nas férias acordávamos tarde todos os dias, e agora precisávamos fazer nossos corpos voltar à rotina de acordar cedo. 

 

- Já se passaram os seus cinco minutos -avisei

- Tá bom -Camila murmurou como resposta

- Levanta se não vai perder a hora -pedi- E eu vou ir fazer o café pra você -avisei 

 

Deixei um beijo demorado na bochecha dela antes de me levantar da cama e sair do nosso quarto, na pequena cozinha do apartamento eu preparava o café da manhã da Camila. Comecei a fazer o café sem pressa, ainda tinha tempo, enquanto isso colocava algumas coisas encima da mesa 

 

- Eu estou morrendo de sono... -ouvi atrás de mim

 

Me virei encontrando Camila já arrumada e com cara de quem ainda estava dormindo. Nós nem tínhamos acordado tão cedo assim, a questão é que Camila fica totalmente manhosa de manhã, ela é a garota mais preguiçosa que eu conheço. 

 

- Senta aí, eu já estou terminando o café -avisei

- O que seria da minha vida sem você? -questionou

- Você seria uma garota que sai todos os dias de casa sem tomar café, aí ficaria doente e desnutrida -respondi 

 

Ao me virar dei de cara com Camila bem próxima a mim. 

 

- Por isso que eu digo que você é a mulher da minha vida -ela falou sorrindo

- Porque eu me importo com a sua alimentação? -brinquei rindo

- Porque você cuida de mim o tempo todo e sempre... -ela suspirou- Você é perfeita Lolo -falou acariciando o meu rosto

  

Tombei a cabeça pro lado sorrindo, abracei a cintura dela quebrando o pequeno espaço entre os nossos corpos. 

 

- Você é um anjo, eu seria muito idiota se não cuidasse de uma namorada igual a você... -falei sincera 

 

Camila aproximou ainda mais os nossos rostos, desci o olhar pra sua boca e voltei para os seus olhos vendo que ela olhava fixamente para os meus lábios.

  

- Você escovou os dentes? -Camila sussurrou de repente 

 

Eu não aguentei e ri afastando os nossos corpos. 

 

- Você quebrou todo o clima! -briguei com ela ainda rindo

 

Camila deu risada terminando com um sorriso que se instalou em meu rosto. O meu sorriso favorito no mundo todo. 

 

- Só pra você saber, eu vivo te beijando sem se importar com o seu bafo -retruquei cruzando os braços

- Eu só estava brincando amor -Camila disse rindo 

 

Antes que eu pudesse falar qualquer coisa ela segurou o meu rosto entre as mãos e me beijou. 

 

- Assim tá bom pra você? -questionou ao encerrar o beijo

- Tá ótimo... -respondi ainda perdida 

 

Terminei o café e então nós duas tomamos café da manhã juntas, entre conversas e planos para o novo ano que havia se iniciado, até que infelizmente deu o horário da Camila. 

 

- Se cuida bebê -pedi ao levá-la até a porta

- Eu amo você -declarou pausadamente

- Eu também te amo -respondi sorrindo feito boba 

 

Trocamos um beijo demorado e cheio de carinho até que infelizmente ela foi pra faculdade me deixando sozinha no apartamento.

Eu não fazia faculdade de manhã igual Camioa, a minha era de tarde, porém mesmo assim eu acordava cedo, e aquela era a minha rotina matinal: acordar para acordar Camila já que a mesma não acorda com o despertador, e depois fazer o café da manhã dela se não Camila saía todos os dias sem comer nada, e após ela ir parar no médico por não se alimentar direito eu passei a preparar o café da manhã dela, para que ela não saísse pra faculdade sem comer nada. 

 

Sozinha no apartamento eu voltei para o quarto, faltavam horas da ir para a minha faculdade então eu resolvi dormir nesse espaço de tempo. 

 

{...}

 

Acordei e era quase uma hora da tarde. Eu tinha dormido mais do que esperava.

Escovei os dentes, fui para a cozinha onde preparei no microondas o primeiro congelado que encontrei na geladeira. Após comer eu fui para o banheiro onde tomei um banho demorado.

Ao sair entrei no quarto secando o meu corpo, vesti minhas peças íntimas colocando em seguida uma calça jeans escura e uma camisa preta, me sentei na cama para calçar o tênis, foi quando peguei o meu celular vendo as horas: Duas e meia da tarde, o horário que Camila costuma chegar da faculdade. 

Comecei a amarrar o cadarço do tênis preto que usava nos pés quando ouvi a porta do apartamento ser destrancada
 

- Lauren, cheguei! -Camila gritou da sala do apartamento 
 

Sorri pois já sabia que ela estava prestes a chegar, depois de um ano vivendo toda essa rotina era como se tudo já estivesse perfeitamente programado. 

 

- Oi -ela sorriu ao me ver- Já está se arrumando pra ir? -perguntou com o sorriso sumindo do seu rosto

- Sim, você sabe que eu não gosto de chegar atrasada -respondi me levantando 

 

Camila andou até mim me abraçando pelo pescoço

  

- Nessas horas eu sinto saudade das férias, de quando a gente podia ficar juntas o dia todinho, agora nós estamos de volta na rotina em que nos vemos agora por pouco tempo e depois só de noite quando você voltar da faculdade -ela falou triste

- Eu também não gosto nada disso, por mim eu ficaria com você o dia todo -acariciei o rosto dela- Mas assim que eu voltar nós podemos assistir um filme bem abraçadinhas no sofá -sugeri

- É uma ótima ideia -Camila concordou 

 

Segurei na cintura dela puxando o seu corpo e a beijando sem nenhum aviso prévio, Camila retribuiu o beijo no mesmo instante. Durante o beijo dei alguns passos pra trás me deitando no colchão fazendo Camila se deitar encima de mim.

Separamos nossas bocas apenas quando nos faltou ar, mas não perdi tempo, girei os nossos corpos invertendo nossas posições e ficando por cima dela, comecei a beijar seu pescoço enquanto minhas mãos subiam pela saia rodada qua Camila usava 

 

- Tão gostosa... -sussurrei arranhando a coxa dela devagar

- Tira essa roupa! -Camila mandou levantando minha blusa 

 

Deixei que ela tirasse a minha blusa jogando-a pra outro lado, Camila passou a arranhar o meu abdômen e a deixar beijos e chupões por toda extensão do meu pescoço 

 

- Camz... -sussurrei com um fio de voz 
 

Camila não respondeu nada, apenas inverteu nossas posições mais uma vez ficando encima de mim, ela se sentou sobre meu quadril rebolando lentamente. 

 

- Já está no meu horário -murmurei frustada

- Ah não! -Camila reclamou 
 

Ela se inclinou pegando o celular e vendo as horas. 
 

- Já tá no seu horário mesmo -Camila confessou também frustada 
 

Me sentei na cama com ela ainda em meu colo, abracei Camila pela cintura rodeando os braços por suas costas. 
 

- A gente pode terminar isso mais tarde... -sugeri

- Infelizmente não temos outra escolha né -ela revirou os olhos 
 

Trocamos outro beijo até que ela se levantou do meu colo, arrumei o meu cabelo enquanto Camila pegava a minha blusa no chão
 

- Toma -ela me entregou a blusa 
 

Peguei da mão da Camila vestindo-a outra vez, me levantei da cama pegando a minha mochila no chão e colocando nas costas, Camila me levou até a porta do apartamento, faltavam vinte para as três horas da tarde e a minha primeira aula na faculdade eram três horas. 

 

- Até de noite minha linda... -falei saindo do apartamento

 

Demos um último beijo de despedida até que eu sai dando de cara com Harry saindo do seu apartamento. 

 

- Quer uma carona hoje? -perguntei 

 

Harry e eu estudávamos na mesma faculdade de artes, nossos horários eram os mesmos então sempre nos encontrávamos. 

 

- Não, eu vou dirigindo -Harry respondeu erguendo as chaves do carro- Eu preciso praticar pra não ser um péssimo motorista -completou 
 

Era Louis que dirigia e na maioria das vezes Harry ia de carona comigo pra faculdade, então ele tinha pouca experiência dirigindo. 

 

Andamos até o elevador e entramos junto com outros universitários que estavam ali, não demorou para as portas do elevador se abrirem revelando o estacionamento do prédio. 

 

- Eu vou atrás de você, aí te ajudo caso sofra um acidente -falei provocando Harry

- Bem engraçadinha você -ele revirou os olhos 
 

Ri enquanto subia na minha moto, coloquei o capacete, girei a chave dando partida e dirigindo para a faculdade. 

 

 

POV'S CAMILA CABELLO

 

Me joguei no sofá completamente frustada, Lauren e eu estávamos de volta à rotina, infelizmente.

As coisas estavam perfeitas entre Lauren e eu, tudo estava finalmente dando certo, porém, o ruim era que os nossos horários não se batiam, minhas aulas eram no período da manhã, já as da Lauren eram no período da tarde, sendo assim, quando chegava em nosso apartamento nós duas tínhamos apenas menos de uma hora juntas até Lauren ter que ir pra faculdade dela e eu ficar sozinha até anoitecer, que é quando ela chega. 

 

Liguei a televisão vendo e comecei a trocar de canal procurando algo que me atraísse, estava mudando quando vi um rosto conhecido por mim, voltei para o canal vendo que estava passando uma matéria sobre a Demi:

 

Demi Lovato é a mais nova estrela do momento, a cantora que em pouco tempo já atingiu números incríveis em seus vídeos clipes e tem as musicas em primeiro lugar em todas as plataformas digitais... -a mulher da televisão falava 
 

 

Eu tinha que concordar com a apresentadora, as musicas da Demi estavam sendo ouvidas por todos, estava uma verdadeira febre, e eu também fazia parte das pessoas que estavam viciadas em suas musicas. As letras eram incríveis, assim como a voz dela, era impossível não gostar, e eu claro que não perdia a oportunidade, fazia questão de me gabar para as minhas amigas da faculdade que eu conhecia Demi Lovato e que minha sogra era ninguém menos que Megan Jauregui, a nova estrela do cinema que estava a um ano brilhando em diversos filmes.

 

E assim eu passei o resto da tarde, assistindo programas aleatório na televisão. 

 

{HORAS DEPOIS} 

 

Já estava escurecendo do lado de fora quando resolvi sair do sofá e ir tomar um banho trocando de roupa, estava animada ao ver as horas e perceber que Lauren estava prestes a chegar. Estava apenas de peças íntimas procurando por meu pijama quando o meu celular começou a tocar, corri até a cama o pegando e vendo que Shawn estava me ligando

 

- Oi Shawn -falei ao atender

- Oi, você tá livre? Eu queria sair -ele respondeu 

 

A voz dele estava triste e eu sabia bem o motivo. 

 

- Eu não estou fazendo nada, onde você quer se encontrar? -perguntei

- Você já jantou? A gente podia ir comer comida japonesa -ele sugeriu

- Por mim pode ser -dei de ombros

- Eu passo aí pra te pegar em quinze minutos -avisou

- Tá bom -respondi 

 

Nos despedimos antes de encerrar a ligação, deixei o meu celular de lado indo procurar uma roupa que desse pra mim sair, no final eu acabei vestindo coturnos, uma calça de cintura alta é uma blusinha qualquer que encontrei no meu guarda-roupa, sai do quarto com o celular nas mãos, estava pronta pra digitar uma mensagem pra Lauren quando de repente a porta do apartamento foi aberta por ela. 

 

- Vai sair? -ela quis saber ao me analisar de cima a baixo

- Eu já ia te mandar uma mensagem avisando que vou ir jantar com o Shawn, quer ir junto? -a chamei- Você sabe como ele tá depois do que a Sabrina fez, acho que ele tá precisando conversar -expliquei

- Eu to cansada demais pra sair, mas pode ir -Lauren respondeu

- Tem certeza? -insisti e ela assentiu- Eu não vou demorar muito -prometi

- Tudo bem, só toma cuidado, já tá de noite -ela pediu segurando minha mão

- O Shawn vai vir me buscar e depois me trazer -avisei 
 

Lauren andou até o sofá se sentando nele, dei alguns passos me aproximando 

 

- Como foi o primeiro dia? -perguntei curiosa

- Normal, quer dizer, é o primeiro dia do segundo ano da faculdade então já to acostumada, a única coisa que mudou é que agora tem muitos novatos -Lauren respondeu simples

- Nem me fale, entraram varias pessoas novas e fizeram o trote com eles, foi tão engraçado -contei rindo

- Aconteceu isso lá também, eu só não ri porque me lembrei que ano passado era o meu primeiro ano e eu que sofria o trote -ela contou

- Eu me lembrei de quando tive que fazer o trote ano passado mas mesmo assim eu ri -confessei rindo ao me lembrar do que aconteceu mais cedo 

 

O meu celular despertou no bolso, peguei lendo a mensagem que Shawn tinha me enviado:

"Estou te esperando aqui fora" -era o que dizia na mensagem dele 
 

- O Shawn já chegou -avisei 

 

Me aproximei mais da Lauren e me abaixei selando os nossos lábios, o que começou com um selinho não demorou em virar um beijo intenso, Lauren não perdeu tempo e me puxou me fazendo eu me sentar em seu colo. 

 

- Eu tenho que ir, o Shawn tá me esperando -falei separando as nossas bocas

 

Ela não respondeu nada, apenas me beijou outra vez sem se importar com o que eu tinha acabado de falar, com muita dificuldade eu consegui encerrar o beijo me levantando do colo dela. Era tão difícil resistir aos beijos da Lauren.

 

- Tchau minha linda -Lauren falou sorrindo

 

Me virei mandando um beijo pra ela antes de sair do apartamento, desci de elevador e praticamente corri até o lado de fora onde Shawn estava me esperando, ao me aproximar do carro ele abriu a porta para que eu entrasse e assim o fiz, ele deu a volta se sentando no banco do motorista

 

- Oi -falamos ao mesmo tempo

 

Trocamos um beijo no rosto no rosto, então me sentei corretamente colocando o cinto de segurança

 

- Tá mal hoje? -perguntei quebrando o silêncio que havia se instalado

- Um pouco, eu encontrei uma blusa da Sabrina em casa, aí todas as lembranças vieram de uma vez pra me por pra baixo de novo -Shawn explicou

- Não fica assim... -pedi tocando o seu ombro

- Eu não posso controlar isso, queria, mas não posso -murmurou triste

 

Fiquei calada sem saber o que responder, ver Shawn daquele jeito me deixava triste também pois sabia que ele não merecia nada do que tinha acontecido.

 

Shawn estacionou o carro na frente do restaurante japonês, descemos e ele entregou as chaves para o manobrista, entramos no restaurante nos sentando em uma mesa qualquer, fomos atendidos rapidamente fazendo os nossos pedidos.

 

  - Foram tantos anos de namoro, tantos anos da minha vida amando ela, me dedicando totalmente a um namoro onde ela me traía pelas costas...tantos anos jogados no lixo -Shawn falou suspirando- Eu fico pensando o que será que eu fiz de errado...No que eu falhei pra Sabrina ter me traído, o que eu não tinha que ela precisou procurar em outra pessoa? -se questionou-

- Escuta Shawn... -comecei a falar- A Sabrina não te merecia, ela nunca te mereceu, e ela ter te traído foi só a prova que ela não é a garota certa pra você...

- Ou eu nunca fui o suficiente! -Shawn disse me cortando

- Não fala isso, você é mais do que o suficiente, é o sonho de toda garota, a Sabrina só não soube valorizar o que tinha e tenho total certeza de que ela vai se arrepender eternamente por isso, por ter tido coragem de trair e perder um garoto igual á você -parei para tomar folego- Você vai encontrar uma garota que vai te valorizar como você merece, você é bom demais pra ficar sofrendo por uma idiota igual a Sabrina -disse por fim

- Eu só espero que você tenha razão... -falou apoiando as mãos na mesa 

 

Eu soltei todo ar lentamente, eu odiava ver o meu melhor amigo daquele jeito. 

Fiquei ouvindo Shawn desabafar por um bom tempo, ouvia atentamente as dores dele enquanto respondia calmamente com alguns conselhos, nós dois jantamos e ficamos no restaurante por mais um tempo até que Shawn me levou de volta pra casa.

 

- Obrigado por sair comigo, eu estava mesmo precisando disso, precisando sair...Tudo em casa me lembra a Sabrina -confessou cabisbaixo

- Se for te fazer sair dessa bad eu saio com você todos os dias -respondi

- É por isso que você é a minha melhor amiga... -Shawn abriu um sorriso triste

- Se precisar é só me ligar! -falei séria e ele assentiu

 

Tirei o cinto de segurança e Shawn e eu trocamos um beijo no rosto de despedida, em seguida sai do carro entrando no prédio, andei até o elevador que milagrosamente estava vazio, quando as portas se abriram no meu andar eu sai andando até a porta do meu apartamento, peguei as chaves e destranquei entrando no local que estava escuro e silencioso.

 

- Lauren? -chamei por ela mas não tive respostas

 

Peguei o meu celular no bolso vendo as horas, eram dez horas da noite. Andei até o quarto onde encontrei Lauren deitada na cama, ela mexia no celular e estava com fones no ouvido, por isso não estava ouvindo nada, dei alguns passos me aproximando da cama, quando toquei o braço da Lauren ela me olhou assustada.

 

- Aí meu Deus Camila! -ela exclamou 

 

Lauren tirou os fones do ouvido largando o celular de lado

 

- Como ele está? -Lauren quis saber

- Péssimo, igual antes -respondi tirando o coturno

- Eu nem consigo imaginar como ele deve estar se sentindo, eles namoravam por tantos anos, a Sabrina foi muito filha da puta mesmo -minha namorada falou irritada

 

Concordei com a cabeça, eu não teria dito com aquelas palavras mas Lauren tinha toda razão sobre a Sabrina. 

Terminei de tirar os coturnos e passei a tirar a calça e a blusa em seguida largando no chão do quarto, em seguida me deitei debaixo das cobertas.

 

- Acho que pior do que um término normal por desgasto no namoro é uma traição, não tem como perdoar e não existem desculpas -falei retomando o assunto

 

Me ajeitei deitando a cabeça encima do braço da Lauren, nossos corpos ficaram bem próximos

 

- Eu concordo, eu não sou nem louca de pensar em fazer isso tendo uma garota perfeita igual a você... -Lauren disse

- Até porque se fizesse eu seria obrigada a cortar o que você tem no meio das pernas -brinquei rindo

- É sério minha linda, você é o meu único amor, nem se eu quisesse eu conseguiria olhar para outras garotas porque nenhuma se compara a você -ela falou

- Ahh, assim eu fico toda manhosa... -disse sincera

 

Lauren acariciou o meu rosto com calma selando os nossos lábios, quando o beijo acabou foi inevitável não sorrir

 

- É por isso que eu sempre tento dar o melhor de mim pra você, pra ver esse seu sorriso...Esse sorriso que me deixa toda boba -Lauren completou

- Se alguém me pedisse pra citar todas as suas qualidades eu não conseguiria, não tem como porque são muitas, você é perfeita Lolo -respondi

 

Ela sorriu roubando outro beijo meu que eu fiz questão de retribuir na mesma intensidade.

 

- Você quer continuar o que nós começamos mais cedo? -Lauren quis saber 

- Pra falar a verdade eu estou morrendo de sono -respondi sincera

- Ufa, porque eu também estou super cansada -concordou me fazendo rir

 

Segurei no rosto dela lhe dando outro beijo antes de me deitar em seus braços que me receberam com amor e carinho. 

 

- Essa é a melhor parte do meu dia... -abracei Lauren pela cintura- Porque é o único momento em que nós podemos ficar assim, juntinhas... -completei em suspiro

 

Lauren me abraçou ainda mais forte deixando um beijo em meus cabelos me fazendo sorrir. O abraço da Lauren era o meu lugar favorito no mundo.

 


Notas Finais


Eu iria postar o primeiro capítulo dia 18/08, mas um comentário no capítulo anterior me fez vir antes. A @Camila313 disse que hoje era aniversário dela, e então esse é o meu presente pra ela ❤.

No próximo capítulo vocês vão conhecer os novos personagens dessa temporada, espero que estejam gostando.

Até o próximo...❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...