História New Beginnings - Imagine Jungkook - Capítulo 13


Escrita por: e hanasx

Postado
Categorias 2NE1, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7, Red Velvet, TWICE
Personagens Cl, Jackson, JB, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinyoung, Jisoo, Joy, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Mina, Momo, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé, Sana, Seulgi, Wendy, Yeri, Youngjae, Yugyeom
Tags Blackpink, Got7, Red Velvet
Visualizações 10
Palavras 1.722
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


me perdoem
não foi proposital ficar três semanas sem postar nada
quase ngm percebeu mas desculpa
boa leitura

Capítulo 13 - Home - 013


Fanfic / Fanfiction New Beginnings - Imagine Jungkook - Capítulo 13 - Home - 013

Notas.

"Se eu tivesse a chance de tê-la novamente, ou ter minha inocência de volta, sem dúvida minha inocência está perdida para sempre."

Jimin – Ah, eu não pretendo – coçou a nuca e ficou levemente vermelho

Taehyung – Eu pretendo – Jimin o olhou chocado – Lisa, nós não estamos namorando, apenas... O que nós temos mesmo? – perguntou para Jimin e agora ambos pararam de andar e se entreolhavam. Parei de andar também, e os encarei, Lisa também parou.

Jimin – Eu não sei, nunca falamos sobre isso – eles pareciam confusos e meio desapontados, não estava entendendo nada, mas apenas fingi não prestar atenção.

Lisa – Então discutam sobre isso agora, finjam que eu e Jungkook não estamos aqui. Vamos Kook – encaixou seu braço no meu – Vamos lá para a avenida principal chamar um táxi.

Ela me puxou e foi andando até a avenida, como ela havia dito.

Lisa – Jungkook – a olhei – Você namora? – a olhei meio incrédulo, por que ela quer saber? – Desculpa ser tão direta, é só falta de assunto mesmo.

Jungkook – Tudo bem, não, eu não namoro. Não sinto a necessidade disso – não gosto de mentir, mas não quero dizer a ela assim de cara, que não namoro porque ninguém gosta de mim.      

Lisa – Por quê? – murmurei um “ Hm “ – Desculpa, tenho que me controlar.

Jungkook – Não incomoda – incomoda, e incomoda muito, mas gostei de estar tão perto dela – Ninguém me interessa ao ponto – mentir é horrível.

Lisa – Isso machuca – olhei para o seu rosto que estava inclinado para o chão – Mentir dói, pare, se não quiser responder apenas diga. Não minta para mim por favor, seja diferente – ela me olhou com um olhar tão... estranho, ela parecia estar quase chorando, por um reflexo eu parei de andar e segurei seus dois ombros, fazendo-a parar comigo, eu não sabia exatamente o que falar, então apenas a abracei.

Logo ela retribuiu e encaixou seu rosto em meu pescoço, sua respiração quente se chocava em minha nuca.

Jungkook – Desculpa, não quis mentir – sussurrei e ela como resposta apertou o abraço.

Taehyung – Estamos atrapalhando?

Jungkook – Não, de forma alguma.

Lisa – Chegaram a uma conclusão? – afirmaram – Sério? O que vocês tem? – se animou

Jimin – Calma Lisa, não é nada muito sério

Taehyung – Correção: Ainda não é nada sério.

Jimin – Aigoo! Não faça assim Tae – corou.

Taehyung – Não tem um nome definido, nós só estamos.. juntos.

Lisa – Certo, vamos para casa.

(..)

Finalmente havíamos chegado, assim que o carro parou eu, Lisa e Taehyung saímos, Jimin pagou e logo saiu.

Lisa – Vamos – me puxou pelo pulso – Eu te levo em casa.

Jungkook – V-você sabe que não precisa né? É só atr- ela tampou minha boca

Lisa – Silêncio, você não vai para casa agora – franzi o cenho – É que eu quero conversar com você, mas não sobre um assunto específico – ela foi me puxando até a pracinha perto de nossas casas, especificamente para o banco - Tem alguma pergunta para me fazer? – balancei a cabeça afirmando – Então faça

Jungkook – Por quê ficou interessada se eu tenho namorada ou não? – por que, diabos, eu fiz essa pergunta!?

Lisa – Não foi proposital, foi uma pergunta aleatória que veio na minha cabeça – me disse enquanto me fitava – Enquanto tiver o que perguntar, não pare. Eu gosto de responde-las – sorriu reconfortante.

Jungkook – Ok – sorri e encarei o que estava a minha frente – Já conhece Seul por completo?

Lisa – Não, não tive tempo o bastante – fez um biquinho fofo e meio triste, quando o vi sorri largo arrancando risos dela. Aquele rosto combina com aquele sorriso, ali eu me prometi que sempre traria aquele sorriso a tona, pois eu sempre quero vê-lo.

Fiquei a observando até ela parar de rir, me ajeitei no banco.

Jungkook – Quer conhecer meu lugar preferido na cidade? – arrisquei

Lisa – Agora?

Jungkook – Não! Eu não a levaria em lugar nenhum uma hora dessas, amanhã, só amanhã. Quer ir?

Lisa – Quero – sorriu – A que horas nós vamos?

Jungkook – Eu gosto de ir cedo, e ficar até o pôr-do-sol. Lá é muito lindo, e eu passo o tempo todo entretido, é incrível – falava enquanto sorria – Eu acho que você vai gostar de lá – a encarei

Lisa – Nós vamos então – sorri largo – Jungkook – se encostou em meu ombro e segurou minha minha mão direita – Você me transmite paz, eu gosto muito da sua companhia, por isso te chamei para cá – entrelaçou seus dedos nos meus – Eu gosto muito de você, mas não pense em outro sentido, te vejo como um melhor amigo – apoiei minha cabeça na sua e ri fraco – Você me faz esquecer temporariamente dos problemas idiotas que eu tenho.

Jungkook – Que bom, eu também gosto de você e da sua companhia – falei, estava um pouco desapontado, mas feliz, pelo menos sou próximo dela.

Lisa – Desculpa - viu a tela iluminada do seu celular e soltou minha mão – Tenho que ir, já está realmente tarde – se levantou e rapidamente me levantei – Amanhã que horas nós vamos?

Jungkook – Esteja pronta às oito e meia, e recomendo que leve umas frutas para comer lá.

Lisa – Pegue meu número – deu seu celular para mim com a tela brilhando, peguei o celular dela e o meu e gravei seu número enquanto ela ainda falava.

Lisa – Certo, até amanhã então – deu um beijo em minha bochecha e foi indo até sua casa, vi ela acenar pouco antes de entrar, e eu fiquei lá por uns segundos antes de ir. Tentando assimilar o que havia acontecido.

Ela é incrivelmente fofa comigo, e linda.

Me levantei com a destra na bochecha e fui caminhando até em casa.

“Eu gosto muito da sua companhia (...)”

Eu estou fascinado por ela, talvez pelo fato de ser carinhosa comigo, ou por ser linda.

Mas não me importo pelo motivo, só...

Seokjin – Filho! – veio andando em minha direção – Que bom que chegou – pôs suas mãos em meu rosto.

Namjoon – Calma Jin, era óbvio que ele chegaria – falou sentado na poltrona virada para a televisão – E aí filho, como foi lá? Voltou com Lisa, certo?

Jungkook – Foi tudo bem lá, e sim, voltei com Lisa.

Seokjin – Sério? Cadê ela? – me empurrou levemente e a procurava com os olhos.

Jungkook – Na casa dela, onde mais estaria? – eles se entreolharam

Seokjin – Você não entendeu quando eu te disse que era para voltar com ela.

Namjoon – Jungkook, ele piscou três vezes para você perceber.

Jungkook - Não acredito que vocês querem controlar minha vida amorosa de novo. Então só vou me deitar, boa noite família – me virei e fui andando até meu quarto.

(...)

6:30 AM

Lisa ♡                                                              ...   Online

Bom dia, por quê tão cedo?

Bom dia

Não sei também, eu sempre acordo cedo.

Mas, o que é para levar?

Não muito, só uma mochilinha com algumas frutas, livros talvez

Seus passa- tempo favoritos

Bom

Vamos só nós dois?

Não, Roseanne, Youngjae e Mark também vão

Por quê Jisoo não vai também?

Ela e a família são católicos

Então todos os domingos ela tem que ir a igreja.

Ok

Lá é quente?

Faz muito sol, mas é bem ventilado

Eu sempre levo moletom

Certo

Posso levar Taehyung e Jimin?

Claro! É sempre bom pessoas novas.

Uhu!

Vou me arrumar

Tchau Jeonggukie

Até mais tarde

Até..  

 Visualizado

Após a curta conversa, me levantei e fui ao banheiro tomar banho.

Me despi e entrei no box, liguei a água e deixei se espalhar em meu corpo.

“Jeonggukie”

Essa menina tomou conta de meus pensamentos em um curto espaço de tempo.

Após alguns minutos, saí e fui me vestir.

Fiquei relutando em frente ao guarda-roupa para encontrar uma roupa “apropriada”.

Acabou que pus uma camisa com um tom cinza azulado, uma calça preta e um tênis.

Não muito exagerado, nem muito simples. Saí do quarto com o relógio no pulso e o celular no bolso.

Jungkook – Bom dia omma! Appa!– abracei Seokjin por trás e beijei a testa de Namjoon – Dormiram bem? – abri a geladeira e peguei a garrafa d’água que sempre deixo lá.

Seokjin – Sim, mas parece que você dormiu melhor. O que aconteceu para estar tão animado? – falou reprimindo um sorriso

Jungkook – Vocês lembram que hoje eu vou ao Parque do tio Matthew , não lembram? – me sentei a mesa.

Namjoon – Sim, você vai lá todo inicio do ano com Mark. Mas o que tem isso?

Jungkook – Lisa também vai. Ontem a convidei para ir lá e ela aceitou.

Seokjin – Sério? – se juntou a mim e Namjoon

Jungkook – Sim, por que? Não acredita que seu filho possa chamar alguém para sair?

Namjoon – Sim, acreditamos em você, mas é a primeira vez que faz isso.

Seokjin – Ah, então é por isso que vai assim? – me apontou com o dedo indicador

Jungkook – Exato, appa, pode nos levar lá por favor?

Namjoon – Você e Lisa? – afirmo – Claro, a que horas?

Jungkook – Daqui a pouco.

Depois de tomar o desjejum, voltei ao quarto para arrumar minha mochila.

Não coloquei muita coisa, só o básico mesmo, celular, fones, moletom, e algumas outras coisas.

Namjoon – Pronto, filho? – deu dois toques na porta antes de entrar.

Jungkook – Sim, vamos? – ele afirma e saí, o sigo até a cozinha, vi meus pais se beijando rapidamente, e logo Seokjin me dirigiu a palavra.

Seokjin – Leve esse para o Parque, - me entregou um pote azul com tampa amarela – e este para a Maya – sorriu me dando um pote agora roxo com tampa rosa.

Jungkook – Ok, algo mais? – indaguei para ambos.

Seokjin – Garrafa – apontou para a geladeira e fui até lá pegar a mesma.

Namjoon – Estou indo para o carro.

Jungkook – Já vou appa. Tchau Seokjin – beijei sua bochecha – Até mais tarde – passei pela porta e fui até a casa de Lisa enquanto Namjoon ligava o carro.

Jungkook – Bom dia, Maya! – vi a mesma que estava regando as plantas de seu jardim.

Maya – Bom dia, Jungkook. Lisa está lá dentro – apontou afoita para a porta de sua casa.

Jungkook – Sim, mas meu pai mandou eu te entregar isto – dei o pote azul para Maya.

Maya – Muito obrigada – pegou o pote – Diga a ele que daqui a pouco irei lá.

Jungkook – Direi sim. Lisa está lá dentro? – ela afirmou e fui andando até lá e toquei a campainha.

Lisa – Oi Kook, já vamos? – pisquei freneticamente olhando para ela.

Jungkook – S-sim, Namjoon está nos esperando no carro. Vamos? – falei e abaixei a cabeça, podendo assim ficar vermelho o quanto meu corpo quiser, me virei de costas saindo do local e indo ao carro após a curta conversa


Notas Finais


galera deem view em LOONA,Bebe Rexha e Kendrick Lamar
pq as próximas histórias vão ser baseadas em suas músicas.

Menos LOONA, é só pra conhecerem elas mesmo pq uma delas vai ser a protagonista de uma das histórias.

bjo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...