História New Dream - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), CNBlue
Personagens Jung Yong Hwa, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Lee Jong Hyun, Lee Jung Shin, Min Yoongi (Suga), Personagens Originais
Tags Jonghyun, Jungshin, Namjin, Romance, Suga, Yonghwa
Visualizações 5
Palavras 924
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Saga, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Sei, que mais que deixei no ar no capitulo anterior quem poderia ser esse vizinho ...
Mas pelo nomes dos meninos só existe duas possibilidades.
Tirando isso ainda tem mais coisas...
E pela primeira vez não coloquei nada tragico, ainda na fic ... ta que so foi um capitulo
Mas por enquanto nao tem nada nem nos planos ...
O que em si e um milagre para mim
Bom ... Boa leitura amores

Capítulo 2 - Capitulo 2


Yasmin

Se me senti alivia assim que consegui sair de perto de Luana e Minho, isso de longe quase me deixou deliberada. Chegar na casa onde eu iria ficar com as meninas era outra coisa que me deixou nervosa.

De tudo, não esperava aquilo, a casa ficava perto de um parque, e pelo visto falar para Ruby que comprar casas em áreas de luxo, ela iria fazer isso.

Quando entrei na casa, já era possível ver que ela tinha, mas que mandado reformar o lugar, a casa retratava e muito uma casa americana, além da cozinha luxuosa, E a televisão ligada enquanto a mais velha se encontrava em frete a tela, totalmente concentrada na mesma, alem dela se encontrar somente de toalha.

- Min – escuto ela falar – sente aqui.

- Por que achei que você estaria assim? – fala tirando uma risada da mesma

- Uma garotos rebolando em uma televisão- ela me olha com os olhos brilhando – por que mesmo eu não deveria estar aqui.

- Por que eles podem ser mais novos que você – falo

- Quem disse que eu iria querer algo com uma criança – ela fala – só estou admirando.

Não demora muito para eu escutar a porta se abrindo uma Soph entrar já com o que eu podia chamar de apreensão assim que olha para tela.

- Minha querida Soph – Ruby se pronuncia antes mesmo que eu possa pensar em algo. – senta aqui.

Soph direciona o olhar para mim e depois volta o mesmo para TV e depois para Ruby. Não sei por que mais se tem uma coisa que tenho medo e dela quando a mesma fica desse jeito.

- Serio Bu – escuto ela.

Assim que a mesma fala, vejo Ruby já voltar sua atenção para TV. Ignorando por completo ela.

- Depois eu coloco uma roupa – escuto a mais velha falar.

Soph se senta ao meu lado, olhando para TV, assim que o vislumbre de uma silhueta parecida com a dela olho para a mesma que não diz nada, as vezes simplesmente me esqueço que ela e a irmã mais velha são praticamente idênticas.

- Wow – escuto Ruby – agora entendi o motivo da confusão.

- Bu? – ela fala

- O que? Ate eu te confundiria com sua irmã – ela fala – mas ela já não deixou essa vida faz um tempo.

- Sim – escuto Soph falar – isso e uma reprise.

Depois que um grupo se apresenta, quem fica receosa dessa vez e Ruby o que de fato era estranho, obviamente não foi somente eu que peguei o deslize, e o suspiro que Ruby deixou no ar.

- Pelo visto achamos – escuto Sophia falar.

Nem tenho tempo para registrar, só vejo a almofada sendo jogada na pessoa ao meu lado.

- Minha irmã, conhece eles – ela continua falando mesmo sendo bombardeada.

- Perdi algo? – falo

- Digamos que a Bu foi para cama com alguém – ela fala, ta isso não era novidade, se tinha uma coisa sobre Ruby que de fato a mais velha não escondi era seus romances- só que ela, somente agora soube quem ele era.

Olho para televisão, que mostrava um grupo, melhor dizendo uma banda.

- O baixista amore – escuto Sophia falar.

- Yasmin agora falta você – escuto Ruby falar

- Falta o que? – pergunto ainda com dúvidas para ela.

Ela olha para Sophia, e depois volta para mim. Serio isso estava me assustando.

- Ir para cama com um deles- assim que ela termina, dizer que eu engasguei com ar, foi de longe um eufemismo. – E lembrando desse assunto, essa pessoa que nao deve ser dita e nosso vizinho.

Dessa vez a pessoa a ser bombardeada foi a própria Ruby, mas com perguntas.


Ruby


Não é preciso de muito para saber que certas coisas nunca devem sair da sua boca, digamos que eu devia passar por algum tipo de tratamento, para manter as coisas somente comigo.

- Esperai ele realmente e nosso vizinho? – escuto Soph perguntar pela sexta vez. – Só não diz que foi por isso que comprou a casa.

- Hey, eu não sabia – falo – fui descobrir algumas semanas atrás.

- Por que eu sempre fico perdida – Yasmin fala

- Por que isso e uma qualidade sua – escuto Soph falar

- Pelo menos agora não vai ser tão estranho – falo

O que deixa as duas com o rosto que já dizia a confusão que elas estavam pensando.

- O que? Nos decidimos que só seremos bons vizinhos- falo

- Vizinhos com benefícios cairia melhor nessa descrição – Sophia fala

- Pelo menos eu não tive nada com ex da minha irmã – solto, o que de inicio deixa a mesma vermelha de raiva.

- Obviamente ne Bu - ela fala – ate mesmo por que se você o fizesse Natasha a mataria, e segundamente pela mesma ser lesbica.

- Hey – falo formando um bico

- Hey nada foi você que começou – ela fala – além disso, agradeça que Mel não vai ficar vindo muito aqui.

Tanto eu quanto Yasmin olhamos para Sophia, serio? Porque motivo a irmã dela não iria muito ali? E também por que isso nos beneficiaria?

- Esta bem, respondendo a cara de vocês- ela fala – Lembram que minha irmã tem uma filha adotiva.

Eu e Yasmin fazemos que sim com a cabeça, se tinha uma história sobre a irmã da Soph que me deixava ver o tanto que a mesma era corajosa e leal aos amigos era sobre a filha adotiva da mesma.

- O pai da menina e do mesmo grupo da sua pessoa que não deve ser dita – ela fala me deixando com dúvidas – e pelo que eu escutei os membros do grupo dele amam a pequenina.

Aquilo explicava muita coisa, pelo menos isso me deixaria afastada de uma tentação, mesmo que eu quisesse essas tentações em minha vida, melhor dizendo de volta na minha cama.


Notas Finais


Acho que já dei uma outra dica...
Sobre dois assuntos.
Penso eu que tenho mais pena da Yasmin, ou nem tanto...
Logo Logo vocês irão descobrir as duas outras pessoas que formam esse grupo de amigas.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...