História New Game - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Denki Kaminari, Eijirou Kirishima, Hitoshi Shinsou, Izuku Midoriya (Deku), Katsuki Bakugou, Mina Ashido, Ochako Uraraka (Uravity), Personagens Originais, Shouto Todoroki
Tags Kiribaku, Ochamina, Shinkami, Tododeku
Visualizações 43
Palavras 891
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Ficção Científica, Fluffy, Mistério, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Casinha mal acabada


Fanfic / Fanfiction New Game - Capítulo 2 - Casinha mal acabada


 – EU VOU TE MATAR CABELO DE MERDA!- Gritava Bakugou fazendo a minha dor de cabeça aumentar.

 – Mano, nem eu sei oque aconteceu para nós pararmos aqui então me dá um desconto!- Falava Kirishima.- Pelo menos nós estamos com roupas fodas.

 – Tenho que concordar com ele dessa vez.- Falei- Aliás, nós estamos em um jogo. Se divirtam!- Falei tentando animar um pouco o pessoal.

 – Fácil falar. É um jogo de terror e vocês sabem que eu odeio esse tipo de jogo!- Dizia Izuku quase arrancando meu braço fora de tanto agarra-lo.

 – Calma Izuku!- Falou Shinsou- Nós vamos sair dessa, confie em mim.

 Percebi que Izuku havia soltado meu braço-mas não totalmente-. Ele havia se acalmado com as palavras de outra pessoa.. Argh! Que raiva quando isso acontece.

 – Parem de baboseira e vamos ver o que tem por aqui!- Gritou Bakugo enquanto ele olhava o local onde estávamos.- Pera! Pera! Que porra é essa aqui?

 Minha atenção se voltou a Bakugou que estava apontando para um rastro vermelho no chão.

 – Mas que merda? Alguém foi arrastado por aqui!?- Perguntava Kaminari. Ele estava assustado.

 – É um jogo de terror, claro que terá rastros de sangue. Além de sustos, monstros, cadáveres, e por aí vai.- Dizia Hitoshi enquanto contava com os dedos.

 A cada palavra dita por Shinsou fez o corpo de Izuku estremecer e se segurar mais no meu braço. 

Aquilo estava começando a doer.

  – Tá tudo bem, Izuku. Só não agarre muito meu braço, machuca.

 – Desculpe..

 – Pode parando os dois por que eu não sou pago para ser vela em jogo!- Gritou Bakugou, aí meus ouvidos- Agora, como as pessoas sempre fazem para não se foderem sozinhas, vamos nos dividir em duplas. Cada dupla vai procurar em algum canto daqui e se achar alguma coisa é só gritar!

 – Para você isso deve ser fácil.- Disse Kaminari.

 – Como é!?

 – Chega, gente. Vamos decidir as duplas para poupar tempo. Afinal, nós não sabemos quanto tempo vamos ficar por aqui!- Disse fazendo todos se calarem.

 – Todoroki.. Posso fazer dupla com você?- Perguntou Izuku.

 – Claro, Izuku.- Falei de um modo simples- Agora, quais serão as outras duplas?- Olhei para todos.

 – Vou ficar com o cabelo de merda.- Disse Bakugou fazendo com que todos ao redor arregalarem os olhos por ele não falar muito alto ou soltar um palavrão.

 – Ok..- Disse me recompondo- Então vai ser: Eu e Izuku, Bakugou e Kirishima e Shinsou e Kaminari!

 – Se você fizer piadinhas enquanto nós olhamos o local eu te mato, Kaminari.- Disse Shinsou olhando para Kaminari.

 – Fica de boa mano!- Disse Denki que parecia assustado.

 – Parem de enrolar e vamos.

***

 – Todoroki?- Chamou Izuku enquanto andávamos pela esquerda da mata.

 – Sim?

 – Você acha que..- sua voz falhou um pouco- ...nós vamos sair daqui vivos?

 Essa pergunta pegou Todoroki de surpresa. 

Ele achava que nós morreriamos aqui dentro e por isso ele estava com medo daquele jeito? Izuku..

 – Nós vamos sair daqui vivos! Todos nós, juntos. Mesmo que nós fiquemos machucados nós vamos sair daqui!- Disse em um tom meio alegre e gentil fazendo com que Izuku ficasse mais calmo perante a situação.

 Foram alguns minutos andando até que nós ouvimos um grito de Denki que parecia vir em nossa direção. 

 – Ouviu.. isso?- Perguntei enquanto olhava para o local que parecia que dali vinha o som.

 Não demorou muito até vermos o loiro correndo para onde estávamos com Shinsou do seu lado com um expressão traumatizada.

 Logo atrás, veio algo que parecia um "DemoGorgon" correndo para cá. 

 "Mas que merda!?"

 – CORRE CARALHO!- Gritou Shinsou fazendo com que eu e Izuku corrermos que nem loucos.

 Após um tempo, nós havíamos despistado o "animal" e nos escondemos em uma casinha mal acabada.

 – O-o que era aquilo??- Perguntou Izuku meio baixo enquanto estava recuperando o fôlego que havia perdido enquanto estava correndo.

 – Nem eu sei. Nós estávamos andando até que eu ouvi alguma coisa se quebrando, aí quando eu fui ver um bichão veio correndo atrás da gente!- Disse Denki sem fôlego.

 – Eu tô morrendo de cede! Corremos muito gente..- Disse Izuku com um olhar cansado.

 Dei minha garrafa d'água para ele, não queria ver o pequeno quase morrendo de cede ali.

 Decidimos descansar um pouco naquela casinha mal acabada. Afinal, quando nós poderíamos descansar novamente? 

 Cada um pegou um turno de uma hora, e o primeiro a ficar de guarda fui eu. Eu não estava tão cansado como os outros enquanto eu aguentaria primeiro.

 ***

 – Denki, acorda!- Eu chamava o loiro sem falar muito alto para não acordar os outros.

 – Só mais cinco minutinhos mãe..- Ele dizia com uma voz preguiçosa.

 – Que cinco minutinhos oque! Nem sei se a gente vai viver mais cinco minutos!!- Falei fazendo-o abrir os olhos e acordar para a realidade.

 – Tá tá.. Aliás, cadê o Bakugou e o Kirishima?- Perguntou ele enquanto esfregava os olhos.

 – Devem estar se pegando em algum lugar por ai- Disse com um tom de ironia que fez Denki rir baixinho.

 – Verdade, kk. Agora vai dormir, mas se eu ouvir alguma coisa eu vou acordar vocês com tapas!- Dizia ele baixo.

 – Certo, certo.- Disse antes de me deixar relaxar e dormir ao lado de Izuku.

***

 – Bakugou, acho que estamos perdidos- Falou Kirishima ficando do lado do mesmo.

 – Claro que não, os outros é que devem estar!- Disse Bakugou convencido.

 – Sei..




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...