História Night Creatures - Capítulo 22


Postado
Categorias Barbara Palvin, Teen Wolf
Personagens Allison Argent, Chris Argent, Derek Hale, Jackson Whittemore, Lydia Martin, Personagens Originais, Peter Hale, Stiles Stilinski
Tags Alisson Argent, Barbara Palvin, Derek Hale, Lobisomens, Scott Mccall, Teen Wolf
Visualizações 74
Palavras 3.069
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu já estou melhor em relação a morte do meu tio e hoje resolvi postar capítulos eu também ha tinha este capítulo escrito a algum tempo então aqui está.

Capítulo 22 - "Kanima is looking for a friend"


A Allison estacionou o carro e nos ficamos alguns segundos em silêncio.
-Lydia por favor não contes nada do que aconteceu hoje a ninguém. -eu disse.
-Prometo não contar nada se vocês me disserem o que diabos aconteceu. -disse a Lydia 
-E complicado. -disse a Allison 
-Que tal começarem com... Por que Derek estava lá? Ou onde Jackson foi ou qual o problema da Erika? -nos as duas ficamos em silencio. -Querem tempo para inventarem algo plausível? Tu Nina que sempre foste ótima a mentir? Nunca guardamos segredos uma da outra e tu estas fazer isso agora. 
-Um dos motivos para nos pedirmos isso e porque Scott e eu não devíamos nos ver. -disse a Allison -Então,é melhor que guarde o que sabe para si mesma. 
-Tudo bem. -disse a Lydia -Guardarei o que sei sobre você e seu namorado mas,Nina estou muito brava contigo ate parece que esqueces-te a promessa. -ela ia sair mas a Allison a segurou.
-Não é só meu namorado. Você entende,não é? -perguntou a Allison 
-Eu prometo que eu vou te contar tudo só preciso de uns dias. -eu disse 
-Deixem-me ir. 
-Você não se lembra? -perguntou a Alli 
-Lembrar o quê? 
-Qual é a sensação. Todas as vezes na escola que o vê no final do corredor e não consegue respirar até estar com ele. Ou todas as vezes na aula,quando... Não consegue parar de olhar o relógio porque sabe que ele está lá fora esperando você. -disse a Allison.
 Eu sei como e a sensação estou a passar isso com o Derek,nem com o Dylan eu me sentia assim só início do namoro mas não e mesma coisa com no Derek e mais... forte.
 -Não se lembra como é? -perguntou a Allison 
 -Não. -respondeu a Lydia 
 -Como"não "? Você teve namorados. -disse a Allison
 -Não assim. -disse a Lydia e saiu do carro

(...)

-Ola inútil. -eu disse para o Stiles pelo vidro do Jeep dele.
-O que fazes aqui? 
-Vim ajudar com o Kanima. -eu respondi 
-Tu não estavas com a Allison? Como chegaste aqui tão rápido? 
-Eu sou uma lobisomem lembras-te? -eu disse e corri e encontrei o Scott -Acho que sou mais rápida que tu. -eu disse.

(...)

Nos chegamos no local onde eles estavam e o Chris estava sentado na chão com as costas na parede e o Kanima de frente ao Gerard e o Scott foi ate o Gerard e Kanima e empurrou o Kanima e eu corri ate o Chris.
-Estas bem? -eu perguntei e ele concordou com a cabeça. -Por auê o Kanima não o atacou? 
-Também não sei. -respondeu e eu vi o Scott a correr para ir embora.
-Tenho que ir. -eu disse e fui atrás do Scott.

(...)

Eu e o Scott estávamos a andar e vimos um monte de pessoas.
-Meu deus. -disse o Scott e eu olhei para ele e vi o Stiles inútil.
-Desculpa. -disse o Stiles -Viram aonde ele foi? 
-O Scott como inútil que e estava mais ocupado a olhar para o Gerard que perdeu o Kanima. -eu disse 
-O quê? Não podem seguir o cheiro? -perguntou o Stiles 
-Se nos podesemos seguir achas que estaríamos aqui? -perguntei 
-Acho que ele não tem um. -disse o Scott 
-Certo,alguma ideia de aonde ele está indo? -perguntou Stiles 
-Matar alguém. -eu e o respondemos ao mesmo tempo 
-E a única coisa que ele tem feito. -eu disse 
-Isso explica as garras,presas e tudo mais. Agora faz sentido. -disse o Stiles -Tenho 66kg de pele clara e ossos frágeis, está bem? Sarcasmo é minha única defesa. 
-OK,Sr. Esqueleto. -eu disse 
-Ajudemos a encontrar aquilo. -disse o Scott 
-"Aquilo " não. Jackson. -disse o Stiles -Eu sei... Eu sei. -disse o Scott 
-Tudo bem,mas ele sabe? -perguntou o Stiles -Alguém mais o viu na sua casa? 
-Acho que não, mas ele passou no teste do Derek. -eu respondi 
-Sim,mas é só um detalhe. Como ele passou no teste? -perguntou Stiles
-Não sei. -respondeu o Scott 
-Talvez seja tipo um "isso ou aquilo". -disse o Stiles- Derek disse que uma cobra e imune ao próprio veneno,certo? E quando o Kanima não é o Kanima? 
-Quando é o Jackson. -disse o Scott e olhou de novo para a porta da boate e eu olhei para o Stiles e o vi a olhar para cima e fiquei do lado dele.
-Cara. -disse o Stiles e o Scott olhou para nós e veio na nossa direção e olhou para cima. -Viram aquilo? 
-Ele está lá dentro. -eu disse 
-O que ele vai fazer lá dentro? -perguntou o Stiles 
-Sei atrás de quem ele está. -disse o Scott 
-Como? Sentiu cheiro de algo? -perguntou o Stiles e eu olhei para onde o Scott estava a olhar e vi o Danny.
-Armani. 

(...)

O Stiles tentou abrir a porta.
-Qual é. -disse o Stiles -Certo,talvez haja algo... Tipo uma janela que podemos escalar ou algum tipo de... -eu arraquei a maçaneta da porta e entreguei para o Stiles que estava de costas e eu e o Scott entramos -Maçaneta que podemos arrancar com força sobrenatural. Porque não pensei nisso? -ouvi o Stiles disser e logo entrar.
Nós entramos na boate.
-Está e a minha segunda casa. -eu disse e tentei ir até a pista mas o Scott me segurou e eu bufei.
-Cara,só tem homem aqui. -disse o Scott 
-Por isso e que e a minha segunda casa tirando o fato que esta e uma boate... -eu me calei quando vi o Stiles com uns homens vestidos de mulher em volta dele e segurei o riso.
-Acho que estamos em uma boate gay. -disse o Scott e olhou para o Stiles 
-Nada passa despercebido pelos sentidos lobisomem, não é? -perguntou o Stiles e eu comecei a rir mas ne calei quando o Scott olhou para mim me repreendendo com o olhar e logo em seguida olhou para o Danny que estava no bar e nós fomso até o bar.
-Três cervejas. -disse o Stiles 
-Identidades? -perguntou o cara -Sabes que isto e uma boate gay,certo? -ele perguntou para mim
-Sim... Eu estou a procura do meu namorado eu o vi a vir para aqui e estou a desconfiar a um tempo que ele gay então o segui. -eu disse e o Scott,Stiles entregaram as identidades e eu peguei a minha entreguei para ele.
-Que tal dois refrigerantes? -ele perguntou e pegou uma cerveja e me entregou e devolveu a identidade,ah esqueci de dizer aquela era ainha identidade falsa. 
-Com rum? Claro. -disse o Stiles enquanto o Scott olhava curioso para mim e eu me aproximei do ouvido dele. 
-Era a minha identidade falsa que dizia que eu tenho 19 anos. -eu disse 
-Refrigerante está ótimo. Estou dirigindo mesmo. -disse o Stiles e cara se afastou e eu peguei a cerveja e bebi.
-Onde vais? -perguntou o Scott 
-Vou dar uma de bêbada já que o meu "namorado" me traiu em uma boate gay. -eu disse e fui para a pista dançar e algum tempo depois um cara veio na minha direção.
-Sabes que isto e uma boate gay? -ele perguntei
-Sei só que hoje eu segui o meu namorado ate aqui e o apanhei a me trair. -eu disse 
-Sabes eu não sou totalmente gay eu tembm gosto de mulheres. -ele disse e eu o beijei.
Alguns segundos depois nos separamos e eu virei de costas para ele e nos começamos a dançar e eu senti um certo volume atrás de mim e sorri com isso,adoro quando deixo os homens assim. Eu olhei em volta da pista e vi o Danny e logo em seguida olhei para cima e vi Jackson/Kanima.

(...)

Eu peguei o meu celular no bolso.
-Eu preciso atender. -eu disse para o cara. Isso e só imã desculpa para ir ter com o Scott e o Stiles.
Eu corri ate eles e vi o Scott com as garras de fora e fiz o mesmo. E eu e o Scott olhamos um para o outro e começamos a andar. Eu e o Scott olhamos de novo para cima e vimos que o Kanima tinha sumido. O fumo foi liberado e eu e o Scott tentamos ver e vimos o Derek com face de Alpha e logo em seguida gritos e vimos pessoas no chão que estavam paralisadas do pescoço para baixo e eu e o Scott saímos a correr da boate e quando saímos encontramos sangue e de repente o meu celular tocou 
-Desliga! -disse o Scott e eu atendo
-Oi. 
-Oi,Nina,sou eu o Matt,eu queria te perguntar onde estás nós íamos sair hoje,lembras-te? 
-Desculpa, Matt,eu não posso ir estou ocupada. 
-Tudo bem fica para outro dia. -ele desligou e eu corri na direção do Scott que estava a seguir a direção do sangue e nós dos dois começamos a andar e encontramos o Jackson no chão e alguns minutos depois nos os dois estávamos agachados ao lado dele e o Stiles apareceu.
-O que faremos com ele agora? -perguntou o Scott 

(...)

Eu estava no Jeep do Stiles quando de repente o Jackson começou a fazer barulho enquanto dormia.
-Jackson, fique quieto. -eu e o Scott dizemos 
-O que está acontecendo? -perguntou o Jackson se levantando 
-Jackson, desculpa,mas.... -o Scott estava a falar mais eu dei um soco no Jackson e ele desmaiou 
-Tu estavas a demorar demais. -eu disse e de repente o Xerife olhou para dentro do carto e eu e o Scott fizemos sinal com mão
-E legal da parte de vocês,eu só não entendi a Nina aqui. -eu ouvi o Xerife dizer para o Stiles -Mas e normal todos sabem que a Nina e meio doida e que agora que está solteira e normal que ela venha para uma boate de gays se ela já era atirada quando namorava imagina agora solteira. -eu olhei para o Xerife indignado e o Scott riu e eu olhei para ele com os olhos azuis e ele se calou e de repente e alguns minutos depois o Stiles entrou no Jeep.
-Se o teu pai aparecer morto amanhã fui eu,Stiles. -eu disse 
-Tu Ouviste? -ele perguntou 
-Ouvi ele tem razão mas só quem eu deixo e que pode me chamar de vadia. -eu disse 
-Ele não te chamou de vadia. -ele disse 
-A frase dele teve duplo sentido que e,ela e uma vadia, e só quem eu deixo e que me pode chamar de vadia. -eu disse
-Porque os teus cabelos de repente ficaram vermelhos? -perguntou o Stiles
-O quê? -perguntei 
-Eles por um momento pareciam vermelhos e os teus olhos estavam azuis de novo. -ele respondeu 
-Tu estás louco. -eu disse 

(...)

Eu acordei com o Scott a chamar-me.
-Eu dormi? -perguntei 
-Sim. -respondeu o Stiles 
-O quê vocês estão a falar? -eu perguntei 
-Precisamos mantê-lo em algum lugar até pensarmos no que fazer. -respondeu o Scott 
-OK,Stiles para o Jeep. -eu disse 
-Porque? 
-Só para.
-O que vais fazer? -perguntou o Scott quando eu tirei as pernas do Jackson do meu colo e passei por cima do Scott e abri a porta.
-Vou para casa quando decidirem o que fazer me liguem. -eu disse e sai do carro.
-Como e que vais para casa? -perguntou o Stiles .
-Eu sou uma lobisomem esuqeceste sou mais rápida que mutoas pessoas. -eu disse 

Pov:Autora ON

Nina estava sentada atrás de Scott quando o treinador entra na sala e começa a dar a aula.
-McCall. -o professor chamou 
-O quê? 
-A leitura. 
-A leitura de ontem? 
-Não,a leitura do discurso do Presidente. 
-O quê? -todos riram 
-Isso é sarcasmo. Conhece o termo "sarcasmo",McCall? Fez a leitura ou não? 
-Acho que esqueci. 
-Bom trabalho,McCall. Você já estava com a média baixa. Se não melhorar não posso mantê-lo no time. E o resumo do dia anterior?
-Não. 
-E antes disso? 
-Pode resumir qualquer coisa que já leu? -Scott começou a ficar irritado e Nina e Stiles perceberam. 
-Não? Um blog? E quanto... O verso de uma caixa de cereal? Não? E quanto ao conteúdo adulto de um site que visita sempre? Nada? Obrigado,McCall. Obrigado. Obrigado,McCall! - Nina deitou a cabeça nos braços e colocou a mão em baixo da mesa -Obrigado por extinguir qualquer última esperança que eu tenho por sua geração. Estragou tudo para todos. Obrigado. No próximo treino você começa correndo. -Scott ficou calmo e Stiles estranhou e olhou para baixo da mesa de Nina e viu que ela estava de mão dada com Scott e Scott olhou para Nina que sorriu.

(...)

-Você devia terminar com a Allison. -disse Stiles .
-O quê? -perguntou Scott 
-Esta na cara que já não gostas mais da Allison como antes e que esta a rolar um clima entre ti e a Nina e não e de hoje que eu venho notando isso. -Stiles diz 
-Estas a imaginar coisas. -disse o Scott

Pov:Autora OFF

Pov:Nina ON

Eu estava no hospital com o Scott nos viemos ver o Danny.
-Tem certeza que está tudo bem entre você e Jackson? -perguntou o Scott 
-Tenho,está tudo bem. -respondeu o Danny e olhou a carteira -Os policiais pegaram minha identidade falsa? 
-Não fez nada para deixá-lo bravo? -perguntou o Scott .
-Bravo como? 
-Em uma escala de um a dez... Sendo um "meio irritado" e dez "querendo te matar...violentamente". 
-Jackson sempre foi meio nervosinho,mas nos damos bem. Na verdade estava fazendo um favor a ele. 
-Que favor? -eu pergunto 
-Recuperando um vídeo. Coloquei no meu tablet. Que está no porta-malas do meu carro, que deve estar na boate.
-O que tem no vídeo? 
-Eu não devo falar. 
-E se eu dissesse que pode ser questão de cida ou morte? -perguntou Scott 
-Não devo falar. 
-Certo. -Danny começou a mecher na carteira de novo.
-E se eu disser que pode recuperar a identidade falsa e se não recuperar ter uma nova? -eu perguntei 

(...)

Eu sai do carro e o Scott olhou para mim curioso.
-Desde quando tens um carro? -ele perguntou 
-Desde que o meu pai me ofereceu. -eu respondi e nos paramos em frente do carro do Danny e abrimos o porta-malas e vimos que não tinha nada e fechamos.

(...)

-Se ele não lembra de ser o Kanima, certamente não vai lembrar de roubar o tablet do Danny. -disse o Scott 
-Por que ele roubaria algo se nem sabe o que tem lá? -perguntou o Stiles 
-E se outra pessoa pegou? -perguntou a Allison 
-Então mais alguém sabe o que ele é. -disse o Stiles 
-Então alguém pode estar protegendo ele. -disse o Scott 
-Como dizia no bestiário... "O Kanima procura um amigo" -eu disse 
-Espera,então... Alguém viu Jacw filmar a transformação em Kanima e apagou essa parte para que ele não soubesse? -perguntou o Stiles -Quem faria isso? 
-Alguém que quer protegê-lo? -perguntou a Allison 
-Tem algo mais. Você disse que a única coisa que achou na internet foi que caçam assassinos. -disse o Scott -E se dort mesmo verdade? 
-Não pode ser. Tentou nos matar,lembra? Não sei sobre vocês, mas eu não matei ninguém ultimamente.  -disse o Stiles 
-Mas... Não acho que estivesse tentando nos matar. Lembram na casa do Isaac, passou direto por nós,não foi? -perguntou o Scott 
-É verdade, ele fugiu. -eu disse
-E não matou você no mecânico. -disse  o Scott para o Stiles 
-Mas tentou matar Derek e eu na piscina. -disse o Stiles 
-Tentou? 
-Iria matar. Estava nos esperando sair. 
-E se estivesse tentando manter vocês lá? 
-Por que me sinto violado tão de repente? -perguntou o Stiles 
-Tem algo mais acontecendo. Não sabemos o que é. Não sabemos o que está havendo com ele ou por que alguém o protegeria... 
-"Conheça o inimigo" -Allison interrompeu o Scott -Algo que meu avô falou. 
-Certo. Já sei. -disse o Stiles e nos olhamos para ele -Matamos Jackson. Problema resolvido. 
-Ele arriscou a vida por nós. Contra Peter,lembra? -perguntou o Scott 
-Mas o que descobrimos? Ele foi mordido por Derek. -disse o Stiles -É engraçado como ele consegue o que quer por supostamente arriscar a vida por nós. 
-Não significa que não mereça ser salvo. -disse o Scott 
-Tem sempre algo com ele. -disse o Stiles 
-Ele não sabe o que está fazendo. 
-E daí? Eu também não sabia! -disse o Scott 
-Lembra quando quase matei você e Jackson? -perguntou o Scott para a Allison e ela concordou com a cabeça -Tive alguém para me impedir. Ele não tem ninguém. 
-E culpa dele. Não importa. -disse o Scott 
-Se podemos salvá-lo,precisão tentar. 

(...)

-Eu não acredito que vocês estavam no carro a transar e enquanto isso o Jackson/Kanima fugiu. -eu disse 
-Ele vai matar alguém. -disse a Allison 
-Certo,contem ao vosso pai. -disse o Scott -Conte. tudo a ele. 
-Scott,tenho que contar ao meu também. -disse o Stiles 
-E tudo culpa minha. -disse o Scott 
-Não é. -eu disse 
-Mas temos de contar a eles. -disse a Allison -Somos apenas adolescentes. Não conseguimos cuidar disso. 
-Tem razão. -disse o Scott 
-Como fará seu pai acreditar em tudo isso? -eu perguntei 
-Não sei. -respondeu o Stiles e o Scott virou-se para nós com os olhos dourados 
-Ele acreditará em mim. -disse o Scott 

(...)

Eu estava a tentar dormir mas não estava a conseguir. Me levantei da cama e sai do quarto e desci as escadas e fui para a cozinha e peguei um copo enchi com a água e bebi e subi as escadas mas no corredor fui contra alguém.
-Desculpa,Scott. -eu disse 
-Tudo bem. -ele disse -Acordei com uns barulhos.
-Era eu estava lá em baixo. -eu disse 
-Tudo bem vou voltar para o meu quarto. -ele disse e entrou no quarto e eu entrei no meu.

(...)

Já era 5:34 e eu ainda não tinha dormido nada. Me levantei e tirei o pijama e vesti uma roupa normal e abri a janela do meu quarto e pulei.

(...)

-O que fazes aqui,Nina? -perguntou o Derek 
-Eu não estava a conseguir dormir. -eu respondi -E não estava a conseguir parar de pensar em ti. -eu disse e fui na direção dele e o beijei o pegando de surpresa -Eu quero ficar chateada contigo mas não consigo. -eu disse e desta vez foi ele que me beijou e eu tirei a camisa dele e a minha blusa e ele deu impulso e eu saltei para o colo dele e entrelacei as minhas pernas na cintura dele e ele me encostou na parede.
-Eu te amo. -disse o Derek 
-Eu também te amo. -eu disse 


Notas Finais


Eu quero conviver mais com vocês então vou fazer algumas perguntas para vocês:
Qual as vossas series preferidas?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...