História Ninfomaníaca ? - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Romance
Visualizações 57
Palavras 1.569
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura ♡

Capítulo 22 - I


Fanfic / Fanfiction Ninfomaníaca ? - Capítulo 22 - I

Alice on: 


Acordei cedo naquela manhã ,  fui para o banheiro , fiz minha higiene matinal e escolhi a roupa para a faculdade; Vesti uma calça jeans escura e uma blusa colada branca de botões, desci as escadas lentamente colocando os óculos e amarrando o cabelo em um rabo de cavalo. Abri a geladeira da cozinha pegando a maça e o suco me sentando sozinha na cadeira, aquela casa realmente ficou silenciosa depois de tudo. 


Comer sozinha em todas as refeiçoes já era normal, As vezes fico surpresa em como me adaptei rapido, coloquei a bolsa de lado apoiada no ombro quando ouvi a buzina, tranquei a porta e abri o portão olhando emily em seu porsche vermelho,a desgraçada ganhou um Porsche do padastro  acredita ? quem me dera um Padastro desses. 


-vadia , esta atrasada. - falei jogando a bolsa olhando a loira em seu vestido preto, encarei de cima em baixo e olhei as marcas- andou brincando muito ? As marcas estão cada vez piores.. 


-que jeito de falar alli - ela fez um biquinho fingindo estar triste- poxa eu te dou carona todo dia , em troca espero que nao cuide da minha vida, obrigada. 


-NOSSA ACHEI QUE ERA SUA MELHOR AMIGA - me fiz de indignada e a loira riu-  só me preocupo com voce .. poxa , com quem esta saindo ? 


-Alan ... - ela desviou o olhar por um momento. 


-serio ? voces voltaram a trepar? achei que tinha parado... 


-desculpa nao falar nada ...e que depois de tudo.... 


-relaxa - sorri de canto-  não sou apaixonada por ele .. foi só uma quedinha , e alias combinamos que tudo voltaria ao normal , e  tudo voltou .. 


Ela me olhou por um momento , por alguns segundos vi sua expressão ficar triste , mas sorriu disfarçando.  Ok .. talvez só eu tenha superado tudo que aconteceu, Emily ficava estranha as vezes ... Alan ficava estranho as vezes , parece que eles tinham medo de falar algo que me fizesse lembrar ..ou coisa  assim , mas fiquei feliz por eles estarem se esforçando.

  Meus pais ? nem os vejo mais para falar bem a verdade , papai me liga de vez enquando, paga minha faculdade e me manda dinheiro , alem de manter a casa , minha mãe nao conversa comigo a meses, nao aparece em casa fica a maioria do tempo na casa da minha avó ,  O pai me disse que ela está bem , so precisa de um tempo sozinha , talvez ela me culpe por tudo.. afinal eu tenho culpa nisso.. eu acho. 


Apos longos minutos chegamos aquele inferno , a fala serio acho que ninguem gosta de faculdade , é tipo um filme de terror , tem zumbi , tem gente em desespero , tem as pessoas drogadas que ficam numa boa , de vez enquando eu vejo um ou outro chorando .. e assim vai. Me despedi de emily e fui direto para a sala , sentei pegando o celular cruzando as pernas quando aquela voz irritante falou do meu lado. 


-ei ei alicizinha...


Revirei meus olhos por um momento suspirando e forçando um sorriso olhando a morena na minha frente.


-Olivia ... - juro que fiz uma voz normal , mas saiu uma voz de nojo.


Olivia Austin , 1,68 de altura ,corpo atlético,  a vadia gostosa da faculdade , essa menina implicou comigo , fica puxando assunto , me chamando pra andar com o grupo dela , sinceramente ...  nao sou de julgar ninguem mas .. porra é muita falsidade , porque uma pessoa dessas foi escolher logo historia como curso ? 


-Vai ter uma festa na sexta na minha casa , os veteranos tambem vão ir e vai ter bebida - ela sorriu pra mim entao larguei meu celular prestando atenção. 


ok , ser amiga dela tem lá suas vantagens. 


-claro , eu iria adorar... hn.. posso levar um pessoal comigo ? 


-eles estão na faculdade ?


-uma sim .. o outro nao .. mas ... -pensei por um momento a olhando .. " como convencer uma galinha ? , aprendam "-  é um amigo bem gostoso e ele é solteiro... 


-pode ser. - aquele maldito sorriso malicioso nao me engana... VADIA DETECTADA, OK OK   parei de julgar. 


Na hora do almoço segui ate o R.U ( Restaurante universitário ) , emily estava acenando para mim , entao me sentei com ela tentando me esconder de Olivia que parecia estar procurando alguem. 


-aquela menina esta atras de voce de novo ? 


-sim - revirei os olhos suspirando. 


-que saco. - falou friamente comendo um lanche.


-nem me fale .. mas ela nos convidou para uma festa na sexta - sorri apoiando o queixo na mão.


-hnn isso pode ser bom - arqueou as sobrancelhas - ser amiga dela tem la suas vantagens 


-exatamente. -ri ao perceber que ela pensou como eu.- vou chamar o alan tambem , so toma cuidado que acho que ela vai querer ele.


-uhum.. pode deixar - falou sem muita importância


 

      Os dias passaram voando, nada demais aconteceu  ,na sexta-feira Alan e emily apareceram mais cedo em casa , A loira iria se arrumar comigo e bem , alan nao tinha nada demais para fazer , por isso foi  para lá. Sai do banheiro com a toalha enrolada no corpo, o moreno estava jogado na cama bocejando.


-que tedio .... 


-voce ja bebeu um monte , fique animado. - a loira chiou terminando o delineado. 


-Ve se nao faz nenhuma besteira - comentei jogando a roupa ao seu lado da cama , tirei a toalha pegando a calcinha e o sutiã , reparei nos dois olhando para mim- o que foi ? 


-nada. -emily  voltou a se concentrar na maquiagem. 


Revirei os olhos colocando o sutiã- nao é como se voces ja nao tivessem visto ... - falei baixo e Alan desviou o olhar mexendo no celular. 


   Apos uma hora suspirei. 


-ja acabou ? - falei impaciente e a loira saiu de cima de mim sorrindo. 


-voce é minha obra prima 


-pra que tanta maquiagem ? - o outro comentou. 


-por que a gente quer. - ela rebateu pegando a bolsa. 


-vamos  ? - sai na frente indo para o carro. 


Chegando na festa fui direito pegar as bebidas , Alan se inturmou mais rapido que a gente e olha que ele nem é da faculdade , encostei em um canto com a loira e observei ao redor puta merda , nunca vi tanto cara gostoso junto. cutuquei emily e ela sorriu de canto. 


-se quiser alguem avisa.. 


-claro. - ri virando o copo. 


serio, nao deu meia hora e Alan ja estava praticamente comendo a olivia no sofa da casa , emily tinha sumido , otimo , fiquei sozinha. Deixei o copo e fui para a sacada me encostando na grade puxando o cigarro , me encostei acendendo olhando as pessoas no jardim , soltei um longo suspiro fechando os olhos , traguei um pouco e percebi uma movimentação do meu lado, abri um pouco e me deparei com cara de mais ou menos 1,80 de altura , ele era loiro com os olhos castanhos. 


-desculpa , posso ficar aqui ? esta muito bagunçado la dentro.. - sorriu segurando o cigarro entre os dedos. 


-claro - falei baixo me virando para ele. 


-por que esta aqui sozinha ? 


-meus amigos sumiram...


-Normal - falou olhando para baixo com os ante-braços apoiados na grade. 


-e voce ? 


-Só ..queria ficar um pouco sozinho... 


-Dia dificil ?


-Ano dificil ... - me olhou por um breve instante - ... hn.. meu nome é Zack .. 


-Alice ..- sorri apagando o cigarro. 


-Caloura ? nunca te vi por aqui


Afirmei com a cabeça - historia 


-Hn.. Faço Fisica 


-Serio ? - fiz uma careta 


-serio ... - riu jogando o cigarro se aproximando um pouco. - namorado ? 


-nao tenho ... 


-chances ? 


Ri do jeito que ele falava - ..voce tem. 


-bom... isso é bom - se encostou me dando o celular. 


-Bem apressado... 


-voce acha ? so quero seu numero ... 


-Ok , não tao apressado assim.. - digitei entregando o celular de volta. 


-tenho que ir .. .- ele falou dando uma ultima olhada para baixo - te mando mensagem 


-nao garando que vou responder - sorri e ele sorriu de volta. 


-vai responder sim ... - saiu e me encostei mais na grade. 


Ja era de madrugada, metade do pessoal  tinha ido embora , meu estomago estava revirando , suspirei entrando em um quarto qualquer vendo que tinha banheiro ,corri me trancando ,após longos minutos colocando toda aquela bebida para fora , lavei a boca e fui destrancar , abri um pouco mas parei ouvindo uma respiração ofegante , a luz do banheiro ja estava apagada mas a do quarto estava ligada, estreitei os olhos observado duas pessoas na cama , não consegui ver quem era o cara mas a menina era ... 


-Olivia ? ... -sussurrei baixo tentando ver com mais atenção , ela não parecia reagir ... ela estava demaiada ? - merda... - minha cabeça estava girando e eu continuei a olhar aquela cena , ok ...eu nao gostava dela mas.. aquilo era claramente um estupro. 


Andei lentamente para trás e acabei esbarrando numa caixinha encima da pia deixando cair , com o barulho ouvi uma voz que se aproximava da porta , olhei ela se abrir e meu estômago revirar mais uma vez. 

-você?..  





Notas Finais


Obrigado ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...