História Ninguém é por acaso. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Personagens Originais
Tags Justin Bieber
Visualizações 5
Palavras 1.156
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olaaa... Bom não sei se lembram de mim pois minha antiga conta foi banida por uma pessoa infeliz que não tem a capacidade de soltar sua criativida pra fazer sua própria fanfic e tinha que ir lá e denunciar a minha conta, RIDÍCULO. Eu escrevia duas fanfic's pra quem não está lembrado era "Me apaixonei pelo meu ex-melhor amigo" e "Contos eróticos" eram essas duas, se alguém se lembrar de mim aqui estou eu fazendo outra fanfic porque perdi a outra e eu escrevia no App mesmo então perdi ela, mas irei fazer outra e espero que gostem.

* A fanfic é totalmente de MINHA autoria, lembrando que PLÁGIO É CRIME;
* Alguns fatos que serão colocados aqui, serão reais, ao contrário disso, são totalmente fictícios;
* Críticas sendo boas ou ruins, são sempre bem vindas.
Se quiserem interagir comigo, sem problemas, É só me chamar que passo o meu número e posso até pensar em fazer um grupo no Whatsapp para conversarmos sobre a fanfic;
* Boa leitura e espero que gostem da Fanfic.

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Ninguém é por acaso. - Capítulo 1 - Capítulo 1

                          P.v Allisson Blossom.

Olá meu nome é Allisson, Allisson Blossom e não, minha família não é como a série Riverdale, rs. 

Bom, sou uma garota de 17 anos que está cursando o 3 ano do Ensino Médio, amém. Minha vida não é um filme da Disney que a princesa se apaixona pelo príncipe e eles vivem felizes para sempre, ela não é assim mas bem que poderia ser. Moro com o meu pai, pois minha mãe morreu quando estava me colocando neste mundo então nunca a conheci, somente por fotos que papai me mostrava sempre que sentia saudades, mas isso mudou depois de um tempo que conheceu minha madrasta que a mesma transformou minha vida em uma maldito inferno vão por mim ela não flor que se cheire não sei o que papai viu nela, mas essa história não é sobre ela mas sim sobre mim.

Faz três anos que mudamos pra Los Angeles, uma cidade muito boa de se viver como pude ver ao passar desses anos. Vivemos em uma casa simples nada muito chamativo, meu pai trabalha em uma empresa de marketing dos Biebers que por acaso o filho do dono é meu melhor amigo, é ele que está sempre ao meu lado nas horas mais difíceis, ele sempre me coloca pro alto em horas assim e ele se chama Justin Drew Bieber, Bieber tem a mesma idade que eu, corpo malhado, olhos castanhos caramelados, cabelos castanho claro e é meu amorzinho. Ah esqueci de falar o quão mulherengo ele é, vivo dizendo isso a ele mas ele como um ótimo cafageste concorda ele não tem jeito mesmo, nunca muda. Podem estar pensando que tenho ciumes e sim eu tenho muito ciúmes dele, o que? Ele é meu melhor amigo o único que quis ficar comigo na hora do almoço na escola e principalmente em fazer os trabalhos em dupla.

Voltando para a realidade.

Hoje é sexta e agradeço por isso, meu despertador começou a gritar no pé do meu ouvido trato de desliga-lo o mais rápido possível que por incrível que pareça acordei com a cabeça latejando é não é de ressaca mas sim de uma noite mal dormida. Me levando da cama, não querendo levantar mas beleza, vou para o banheiro faço minha higiene matinal como todos os dias, tiro meu pijama ligo o registro do chuveiro e deixo a água morna cair em meu corpo tenso. Em dez minuto saio do banheiro e vou para o closet pegando um vestido justo na cor cinza e uma sapatilha preta. 

Em frente à penteadeira começo a me maquiar, nada muito escuro, passo corretivo, base, pó, um pouquinho de blush, um batom bem clarinho e por último mais importante "O rímel" e estava pronta peguei minha mochila e meu celular e sai do meu quarto descendo as escadas com calma chegando na cozinha já pude ouvir a voz irritando de Charlotte, odeio essa mulher. 

Entrei na cozinha e com a educação que papai me deu saudei a mesma com um bom dia que logo em seguida recebi um sorriso mais falso que nota de três reais mas nem liguei, beijei papai na bochecha e me sentei pegando uma torrada e passando geleia de morango na mesma é ligo em seguida levando a até minha boca onde a mordi e acabei sujando o canto de minha boca, peguei o guardanapo e limpei. 

Após terminar o café da manhã Justin chega buzinando, sim nós vamos pra escola junto todos os dias. Entrei no carro batendo a porta de leve porque eu sei o quanto ele odeia que eu bata a porta de sua Ferrari com força.

- Iai Bieber. - digo dando um beijo em sua bochecha.

- Bom dia minha princesa! -falou beijando o topo de minha cabeça.

Bieber deu partida voando pelo asfalto daquela manhã ensolarada em Los Angeles.

- Como foi seu encontro ontem? -perguntei com deboche.

- Ah Alli você sabe que eu só queria comer ela né. -falou convencido.

- Já te falei que não tem como comer uma pessoa seu besta, você transou com ela não há comeu bobão. 

- Você entendeu Allisson. -disse entre dentes e estacionando no estacionamento de sempre.

Saímos do carro com nossas mochila nas costas, é andando por aquele imenso corredor repleto de alunos, na escola tinha cada grupinho, o grupinho dos nerds, do teatro, da equipe de dança, do concelho estudantil, dos não populares mas chamavam a atenção, e os foi grupo mais importantes o grupo das OMG ( Olivia, Mia e Gwyneth) são as garotas mais populares da escola e o time de basquetebol o gatos, gostosos mas galinhas e mulherengos nenhum presta.

O primeiro sinal tocou e a minha primeira aula era de Matemática ja de Justin é espanhol ele me deixou na minha sala e seguiu até a sua. As aulas passaram rapidamente logo já era a hora do almoço e eu estava faminta, fui até o refeitório comprei meu almoço e sentei na minha mesa de sempre, lembra lá em cima em que falei que quando cheguei na escola Justin foi o único a sentar comigo no almoço então, a uns meses atrás ele entrou para o time de basquetebol e então começou a andar com a galera do time e me esqueceu completamente mad nem reclamo não quero brigar com ele. Olhei para a mesa do time e o vi abraçado com Mia e alguma coisa que não sei explicar o que é me  incomodou de alguma forma que não gostei nenhum pouquinho, levantei rapidamente peguei a bandeja joguei os restos fora e coloquei a bandeja em cima da mesa de bandejas sujas, fui até o banheiro antes que o segundo sinal tocasse, entrei na cabine e urinei retirando todo o líquido da minha bexiga que foi um belo de um alívio total melho sensação do mundo, dando descarga detravei a porta e me deparei com as OMG's se arrumando de frente ao espelho, fugi que as nem vi simplesmente lavei minhas mãos e fazei para minha próxima aula que seria de comunicação.

Bom a aula de comunicação era para alunos que não se sentia bem com sua vida, então fazíamos essa aula para tirar toda a angústia eu não falava nada como sempre só escutava, eu não  gostava de compartilhar nada da minha vida para ninguém não queria ser um cúmulo é que ninguém sentisse dó de mim então eu ficava quieta, a professora sempre me perguntava se eu queria compartilhar algo mas eu só me encolhia na cadeira e dizia não, simples assim.

Já no estacionamento encontro Justin escorado em seu carro com uma loura de corpo escultural se jogando pra ele de todas as formas e na cara dura.

- An licença, Justin você pode me levar em casa?

- Claro, gata me manda uma mensagem depois para terminarmos nossa conversa. - ela assentiu é deu um selinho nele.

Como estava cansada por acordar cedo e passar a tarde toda na escola fiquei em silêncio o trajeto inteiro e ele já sabia disso.


Notas Finais


Oiiieee espero que gostem. Bjsss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...