1. Spirit Fanfics >
  2. NMB 2: Lost Soul (Beauany) >
  3. 05. Family... or almost it

História NMB 2: Lost Soul (Beauany) - Capítulo 5


Escrita por: minniedechernobyl

Notas do Autor


Gente, não me aguentei, tive que postar...
@miojoiludida123 aqui, amore.

Espero que gostem, porque esse é o meu capítulo favorito... e o mais emocionante.

Capítulo 5 - 05. Family... or almost it


Any Gabrielly



 

Josh não tirou os olhos dos meninos e de mim… era meio estranho, eu queria sumir naquele momento. Mas logo a minha vergonha se tornou algo que eu não sei dizer, Josh desabou, as lágrimas já não cabiam nos olhos dele e aquele homem alto e forte que eu costumava conhecer se despedaçou. Josh é sensível, e muito, até hoje eu tenho medo de dizer algo que toque em alguma ferida dele. 


 

Seu corpo inteiro tremia, acredito que suas pernas bambearam porque Noah teve que segurá-lo. Eu não escutei o que meu irmão sussurrou no ouvido dele, mas parece que algo no rosto dele se acendeu, Josh sorriu, meus meninos estavam focados no rosto dele e não sei como vai ser daqui pra frente. 


 

Matteo: Mami, quem é ele ? - Disse apontando para o loiro.

 

Any: Esse é o Josh, filho. - Os dois me olharam espantados, sim… o pai deles. - Vão lá falar com ele… - Incentivei, com a voz suave.

 

Vincent: Pode ? - Assenti.


 

Me levantei e coloquei os dois no chão, Josh se abaixou. Ele recebeu um abraço dos dois, eu não pedi, ele não pediu, foi espontâneo. Uma onda de orgulho nasceu em mim, dando um abraço apertado nos dois, o pai deles me analisou… meu rosto queimou de vergonha. 

Beauchamp sentou no chão, envolvendo nossos filhos em seus braços. 


 

Vincent: Oi, Joshy. 

 

Josh: Oi, meu amor… 

 

Matteo: Você… é o Joshy ? - Eles sorriram, não consegui conter uma lágrima, limpei rápido mas Noah foi rápido o suficiente para colocar os braços em volta do meu pescoço.

 

Josh: É… sou eu. Você é o Matteo, não é ?  

 

Matteo: Como você sabe ?

 

Josh: A sua mãe me contou… - Josh olha pra eles de uma forma tão bonita. 


 

Percebi que tia Úrsula, Sabina, Sina, Sofya e Joalin se emocionaram. Eu nunca mentiria sobre o Josh ser ou não o pai deles, e ele é, eu digo com toda a certeza. O homem agarrado aos meus bebês olhou para mim com uma linguagem muda, seus olhos me diziam muitas coisas, não sei como eu entendi, mas ele pedia permissão para falar pra eles. Eu só dei consentimento, por mais que ele não precise de permissão.


 

Vincent: Mamãe disse que a gente tem um papai, sabia ? - Um sorriso discreto surgiu nos meus lábios. 

 

Josh: É mesmo… vocês sabem quem é ele ? - Eles se desvencilharam do abraço, era a primeira vez que eles viam o pai deles, e a primeira vez que Josh os via. Um momento que eu vou lembrar pelo resto da minha vida.

 

Matteo: Você ? - Matt disse com o rostinho corado, seus olhinhos azuis percorriam o rosto de Josh com atenção. 

 

Josh: É… sou eu. - Os olhinhos deles brilharam de repente com a emoção do momento, imagina ver o seu pai pela primeira vez… 


 

Agora, oficialmente nossos filhos… realizamos o sonho dele, não do jeito que eu esperava, mas realmente tivemos filhos. Vincent e Matteo choraram, esconderam o rostinho no pescoço do Josh. Ele não sabia se sorria ou chorava, era o sonho dele, afinal. Isabela me encarava, ela não parecia feliz mas pouco me importava.


 

Foi realmente um momento incrível. 


 

Josh apresentou a mãe e as irmãs dele pros meninos, elas ficaram muito felizes, Isabela parece ter gostado. Uma pontada de ciúmes surgiu quando os meus babies abraçaram ela mas não é problema deles e sim meu. 


 

[...]


 

Josh: Muito obrigado por ter me dado essa oportunidade… - Ele sorriu radiantemente.

 

Any: Não precisa me agradecer… é um direito seu.

 

Josh: É… mas eu estou me referindo a você ter gerado as suas pessoinhas mais importantes da minha vida. 

 

Any: Eu fico feliz em ter tido a oportunidade.

 

Josh: Então… eu… eles são muito importantes pra mim… eu-

 

Any: Quanto a isso, não se preocupe, eu não vou fugir. Pode ficar com eles quando quiser…

 

Josh: Muito obrigado. Podemos adicionar Beauchamp ao nome deles ?

 

Any: Com certeza, mas acho que só podemos fazer isso no Canadá, já que eles nasceram lá… 

 

Josh: Entendi. Eu vou visitar vocês o mais rápido possível…

 

Any: Claro, a Isabela disse que queria ficar lá em casa. - Ele franziu o cenho.

 

Josh: Não precisa, não quero incomodar… eu-

 

Any: Relaxa, eu faço questão. Tem espaço para todos vocês.


 

O silêncio foi quebrado pelos braços dele, Josh acabou de me abraçar ? Seja lá o que ele fez, eu gostei. Foi um abraço apertado e demorado… mas logo terminou quando Isabela se juntou a nós.


 

Isabela: Não vejo a hora do Josh e eu nos casarmos e eu poder oficialmente chamá-los de filhos… eles são incríveis, Any. - Ela disse isso mesmo ? Josh olhou pra ela não com surpresa mas com um tom até arrogante, ele não gostou do comentário.

 

Josh: Eu não vou me casar com você, Isabela, nem ao menos noivamos. - A rispidez na sua voz parecia até intencional, para demonstrar que não é verdade…

 

Any: Eu vou indo… 



 


Notas Finais


Gostaram ? Me deixem saber nos comentários.

Até a próxima :)

- xoxo, Yasmim.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...